História My Refuge - Imagine Yoongi ( Hiatus ) - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais
Tags Fluffy, Imagine Yoongi, Romance
Exibições 129
Palavras 1.148
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Fluffy, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


HELLO SOOKINHOS

Era para o cap sai amanhã mais eu estou com um fire e vou postar hoje mesmo

Novamente COLOQUEM SEUS COLETES A PROVA DE BALAS

Desculpe qualquer erro Amores
Boa Leitura <3

Capítulo 18 - Acidentes


---Yang POV's ON:---

Ane e sua "mãe" estavam brigando, quase no meio da rua, sobre a Ane ter sido "adotada". Admito que eu ja sabia disso porém, sua "mãe" me disse que se eu contasse a Ane, ela me mataria, não importava a onde eu esteje, ela viria atrás de mim. Fiquei com medo dela então nem falei nada a ela, mas uma vez eu quase a contei e depois disso Ane vive desconfiada de mim, mas sempre escondi esse "segredo".

Tentei me acalmar no meio de tanta gritaria que as duas estavam fazendo, chamando atenção de várias pessoas no parque mas elas não estavam dando a minima para isso, e sim para o assunto mais importante: Se era verdade que Ane foi adotada.

-Você já deveria saber Yoongi, esse e teu nome, não e mesmo? - diz a "mae" de Ane, me tirando de meus pensamentos - Ela está assim porque Taehyung recusou ser seu namorado...

-O QUE? - falo em coro com Tae, Ane e Yoongi.

-Você não deveria ter caido nos encantos do Kim Taeyang, Ane minha querida. Sinto pena de vocês também, Yang e Yoongi, por acreditarem nele. Ele não passa de um psicopata... - termina a "mae" de Ane

Como assim psicopata? Ela está falando do mesmo Taehyung que nós? De todos esse tempo que conheço o Tae, ele nunca fez nada de errado, pelo menos não na minha frente.

Vejo uma forte luz vindo em nossa direção, achei que era algo simples ou sem importancia até perceber que era um carro desgovernado e estava em alta velocidade, e que estava vindo em direção a Ane. Eu não sabia o que fazer, puxar ela ou ficar parada e presenciar tudo.

-ANE - grita Yoongi.

O carro atropela Ane, antes de Yoongi a puxar, fazendo ela rolar pelo para-brisa do carro e ficar ali parada. O pior foi que o carro não parou por ai, ainda com Ane em cima dele, ele bateu em um poste de luz que havia ali, fazendo Ane "voar" até o poste, batendo sua cabeça ali e cair no chão, feito uma boneca de porcelana...

-ANEE - gritei indo até ela.

O carro estava todo acabado. Ane estava sangrando em todas partes possíveis do corpo, ela estava fria demais, comecei a me desesperar com o ocorrido. Coloquei a cabeça dela em meu colo e chorei desesperadamente.

-LIGA PRA UMA AMBULÂNCIA TAE - gritou Yoongi, já perto de mim e com uma voz abafada, como se estivesse chorando.

Taehyung pegou o celular e começou a digitar o número da ambulância, saiu de perto e foi até um lugar que eu não me interessei em saber, mas que me deixou um pouco curiosa. Toda aquela cena de Ane sendo atropelada, passava em minha mente em câmera lenta, me senti muito culpada por ter levado ela ali... Eu poderia não ter a tirado de perto do Yoongi, mas tenho uma impressão que iria ser pior.

-Por que? - falei para mim mesma - Isso tudo e culpa minha, MINHA. Quem deveria ter sido atropelada tinha que ser EU, não a Ane...

-Não diga isso, Yang el.. - começa a "mãe" de Ane, mas eu logo a cortei.

-ISSO E CULPA SUA TAMBÉM - grito - VOCÊ DEVERIA MORRER, SUA MENTIROSA.

-Pare Yang, você só ira piorar as coisas - diz Yoongi tentando me consolar.

Chorei mais ainda. Eu não estava acreditando no que havia acontecido, e era tudo culpa minha...

---Alguns Meses Depois---

---Yoongi POV's ON:---

Yang não parava de chorar em meu colo, ela não saia de casa a dias, não foi a faculdade e nem queria ver Taehyung. Tae tinha vontade de ve-la, mas para ela, ele era um psicopata e que poderia matar ela. As ideias de Yang vão além de sua cabeça.

Ane acabou tendo uma hemorragia e precisou de uma círurgia, que era de grande risco. Ela até reagiu durante uns minutos, mas não aguentou e entrou em um coma. Quando soube disso, meu mundo desabou, eu não acreditava no que aconteceu com ela. Ao lembrar que ela estava tão alegre no dia do acidente, eu me desabo em lágrimas junto a Yang. Já havia exatos 2 meses em que ela entrou em coma, e os médicos já estavam com poucas esperanças de ela devoltar. Mas eu sei que ela e forte, e que conseguira quebrar barreiras mesmo se elas parecerem impossiveis...

-Vamos ver como ela esta hoje? - digo limpando minhas lágrimas.

-Não quero ir hoje, quero um tempo para ficar sozinha e pensar...

-Está bem, vou ir comprar algumas coisas no mercado para você e já volto. Tente relaxar um pouco Yang. - falo me levantando.

Ela se levanta também e sobe as escadas de sua casa, estou na casa dela durante esses dias para dar apoio a ela, pois ela se sente muito culpada. Me preparei para sair de casa, pegando meu casaco, carteira e meu celular, para se algum a caso me ligarem para avisar que Ane está bem, eu acredito que isso será em breve

---Yang POV's ON:---

Subo até meu quarto e me jogo na cama. Quero Ane aqui do meu lado, se divertindo comigo, me zuando por gostar do Taehyung, contando nossos segredos uma pra outra... Sinto muito a falta dela.

Olho a porta do banheiro e penso em algo louco. Me levanto e me dirijo ao mesmo, me paro na frente do espelho e me observo. Eu estava com o rosto totalmente inchado. Abro um gaveta e reriro de lá um potinho com varias pilulas no mesmo. Olho ao redor do potinho e lá esta escrito "anti-depressivos", abro o mesmo e retiro, exatas 5 pilulas. "Estou no fundo do poço. Se eu afundar mais não terá diferença" pensei e coloquei todas as pilulas em minha boca, as engolindos sem a ajuda de água ou qualquer outra coisa.

Ligo o chuveiro e deixo cair água na banheira, espero encher e entro na mesma, de roupa mesmo. Me sento na banheira e tento relaxar, mas mesmo assim, lagrimas caem em meu rosto. Fico ali durante uns 20 minutos, pensando na besteira que eu havia feito com Ane. Gritei, me arranhei, me xinguei... Mas nada me fez parar de me sentir um monstro, só me senti mais inútil ainda. Sinto meus olhos ficarem pesados e meu corpo mole, até sentir a água da banheira chegar a meu náriz. O efeito dos remedios vieram mais rápidos que eu imaginei...

Fechei meus olhos e me afundei mais ainda na banheira... Ouço a porta do banheiro ser aberta, mas acabo não ligando para isso.

-YANG - ouço a voz de Taehyung.

Não consegui me levantar, parecia que algo me puxava para me afundar mais e mais. Me debato dentro da banheira, até que não consigo segurar mais a respiração e abro a boca, deixando muita água entra na mesma e eu começar a me afogar...


Notas Finais


AAAH MORRIDA COM O CAP QUE EU MESMA FIZ

Usaram o colete? Espero que sim. Pq no ultimo cap eu avisei mais ninguém usou

Ate o proximo cap
Beijus da Tia Sook :*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...