História My Secret Love - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Yu-Gi-Oh!
Personagens Duke Devlin (Ryuji Otogi), Joey Wheeler (Katsuya Jonouchi), Mai Valentine (Mai Kujaku), Mokuba Kaiba, Personagens Originais, Rebecca Hawkins, Ryo Bakura, Seto Kaiba, Téa Gardner (Anzu Mazaki), Tristan Taylor (Hiroto Honda), Yami Yugi, Yugi Muto
Visualizações 13
Palavras 923
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Hentai, Luta, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Opaaa
Demorei não foi? DESCULPA
Eu tava sem ideias KAKSKSK Mas voltei

Capítulo 11 - Cap 11- Bem na mira.


Rebecca saiu apressada de la, sua cabeça girava e ela não entendia porque ele brincava assim com ela, foi para sala e teve as últimas aulas.

Já com Kaiba, ele ajudava sua esposa a descer as escadas,estava no 7 mês de gestação ,Ishizu sorriu ao ver que seu esposo se preocupava assim com ela, a mesma fez uma careta de dor,Kaiba a olhou preocupado, mas logo a esposa sorriu e comentou Alegre.

-Eu senti,o bebê chutou!-Seto deu um sorriso.

-Sério?! Eu..posso?-pede ele, a mulher sorri com os olhos brilhando de emoção ao poder ver aquela cena a sua frente.

-Mas é claro!-ela sorri ,Seto levanta levemente sua blusa e aproxima seu ouvido de sua barriga apoiando as mãos levemente em sua cintura, ele sente uma leve batida,e faz uma cara surpresa,a esposa apenas Ri de sua reação.-Pra um cara sério,  suas reações são tão engraçadas! Hahaha!-diz a mesma com um sorriso ,Seto deu uma pequena risada.

-Você me mudou Ishizu..desde a primeira vez que eu te vi.-comenta o mesmo , dando um abraço em sua esposa distribuindo vários beijinhos em seu rosto. Antes que Seto pudesse aproveitar mais, ouviu seu telefone tocar.-Com licença, querida.- diz o mesmo soltando levemente da mulher,  Que apenas fez um gesto indicando que não havia problemas, e ele pegou seu celular e atendeu, era Mai.

-Mai?-perguntou O mais velho, a garota suspirou do outro lado da linha.

-Mais um aluno desapareceu . Keiko Hatsune.-diz a mesma, Seto suspirou profundamente e colocou umas das mãos em sua testa em sinal de reprovação.

-Sem pista acredito eu ,certo?

-Não.Não dessa vez.-comenta a loira, o mais velho fez uma expressão surpresa e olhou para sua esposa de relance, a esposa vendo que ele teria que sair e fazer seu trabalho suspirou e deu um leve sorriso.

- Boa sorte.- diz a garota dando um beijo em seu marido, que apenas sussurrou um obrigado e trocou suas roupas, pediu para kisara,sua empregada,cuidar de sua esposa,assim que kisara chegou Seto se despediu e foi para o prédio.

Rebecca estava apertando botões aleatórios e mudando de canal o tempo todo,não tinha nada para fazer e seu senpai estava dormindo, então não iria precisar fazer mais nada, começou a pensar nas coisas que Yugi estava dizendo aqueles dias.

-oque ele quer dizer com,"oque eu vi nele"?Eu não preciso de motivos para amar ele..certo..?- perguntou ela conversando sozinha com insegurança,  ela balançou a cabeça afastando os pensamentos.-Aquele idiota está apenas me confundindo! Ele só quer mexer com minha cabeça! - por algum motivo evidente, a garota não tirava o pequeno líder de artes marciais da sua cabeça, estava quase dormindo quando seu telefone tocou, deu um pulo do sofá e acabou que caindo de cara no chão,  se levantou com um pouco de dificultade mas conseguiu pegar o celular e olhar a tela.-Numero desconhecido?- ela levou o telefone ao ouvido.-alô?

-4002-8922 é o som do japonês, que vai dar ps3! -cantarolou o garoto da linha ,Rebecca reconheceu o palhaço na hora.

-Marik.Oque foi? -Perguntou ela a seu irmão mais velho, Marik deu uma risada.

-Sempre de mau humor não? Pois bem,  vou me mudar pra aí! Você que me aguente viu?

-Oque? Eu não deixei! 

-e Eu não preciso da sua permissão amor - comenta o moreno com uma voz manhosa.-Cuidado que eu moído :3 

-Marik! -chamou a garota , tentando fazer ele interromper com a palhaçada,  Marik fez uma cara triste do outro lado da linha.

-Poxa :c você é má  viu? Não é atoa que mata um monte.-comenta Marik,  a loira suspira.

-Se era só isso,eu vou...- Antes que ela terminasse Marik a chamou.

-Espera! Não desliga me escuta.-diz ele mais sério agora.

-Que é?  -perguntou ela , ele demorou alguns minutos e respondeu depois.

-Sabe qual é a diferença, entre você e o cubo mágico?  - antes que ele terminasse ela desligou em sua cara, Rebecca não aguentava mais as palhaçadas dele, ouviu seu telefone tocar denovo, aquilo já estava dando dor de cabeça,  atendeu estressada.

-QUE FOI MARIK?!-gritou,  logo Yugi na ligação,  fez uma cara confusa.

-Quem é Marik? -perguntou ele com uma ponta de ciúmes e curiosidade, Rebecca percebeu que era Yugi,  e suspirou.

-ah,é  Você, é só o meu irmão.Mas espera ai, como você conseguiu meu número?!- pergunta Rebecca,Yugi riu.

-Eu tenho meus contatos. -ele comenta rindo, Rebecca arrepiou,  é bufou em seguida, não conseguia entender oque se passava na cabeça dele.

-Pois então.Oque foi? Não aguentou um minuto longe de mim?-perguntou ela irônica,Yugi deu um sorriso do outro lado da linha.

-Talvez.-diz ele, Rebecca sentiu um sorriso escapar dos seus lábios,  e estranhou aquela reação,  mas ignorou e voltou a falar.

-Ah, que bom Pra você.-diz ela,Yugi riu.

- aaah que fofa..Posso te morder?- pergunta ele, Rebecca sente suas bochechas arderem.

-como?! Tá brincando com fogo, garoto! 

-Calma,revoltadinha , eu só to brincando, você leva as coisas muito a sério haha-comenta o mesmo rindo, Rebecca apenas bufou  arrumando seu cabelo.-amanhã é sábado.

-edai?

-Edai,  que poderíamos sair pra algum lugar,eu combinei de eu,você ,e o Yami irmos no parque amanhã.-ela paralisou por um instante, Ela e yami, em um encontro?

-Espera,eu e yami-senpai..

-e eu também! 

-Voce não conta.

-aaafff, não se esqueça que eu que dei a ideia!

-Okay,Okay..Obrigada..-diz a loira em voz baixa, Yugi sorriu convencido.

-como? Não escutei?

-Obrigada,idiota!-diz ela um pouco mais alto, mas dessa vez levemente corada, Yugi deu uma risada.

-Que fofa! Adoro isso em você! Te pego amanhã as 4 então! -comenta o menino sorrindo.

-Tá,tanto faz.-diz a loira desligando,assim que ela desligou, Yugi sorriu e pulou de sua cama, ele se olhou no espelho .

-é agora que meu plano entra em ação,  Rebecca Hawkins,você está bem na Mira.-diz o menor com um sorriso e voltando a se deitar em sua cama.

Continua.



Notas Finais


Desculpem a demora messsmooo, falta de ideias da nisso :3
Quem manjou das referências nesse capítulo, tá de parabéns viu ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...