História My secret love - Capítulo 19


Escrita por: ~ e ~Brescia

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Daddykink, Jikook, Lohgiu, Namjin, Taegi, Taejin, Texting, Vkook, Vsuga, Yoonmin, Yoonseok
Visualizações 238
Palavras 1.718
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hello Galerinha linda sentiram nossa falta? Loh aqui, amo vocês, obrigada novamente pelos favoritos e comentários, vcs são demais.
Desculpem a demora mas é que estavamos planejando o especial e espero que gostem, fizemos com mto amor, eu e a Brescinha escrevemos juntas esse capítulo, espero que tenha ficado grande hahaha.

"Galera, eu sei que já falei nos comentários, mas eu queria agradecer pelos 100 favs. Amo vocês" - Brescia.

Boa leitura amores 😘

Capítulo 19 - First time.


Fanfic / Fanfiction My secret love - Capítulo 19 - First time.

P.o.v Jeon Jungkook

Saio do parque de cabeça baixa e  o porque que o tae me largou, eu sou lindo não mereço isso. Vou caminhando lentamente até as ruas já escuras pensando no que vou fazer agora. Olho pro céu e me sento na guia da calçada.

- Por que, Taehyung?

Fico lá me lamentando jogado na calçada. Lembrei do nosso primeio beijo, da vez que ganhei dele no video game ou da vez em que eu quase o joguei na janela, mas eu realmente o amava. Quer dizer, será que eu amava ele mesmo? Não sei, eu sentia ciúmes dele com o Yoongi, mas não foi tão doloroso quanto pensei que fosse. Deve ter pessoas que me querem ...ah, eu sei uma pessoa que realmente me quer.

Vou ir na casa do Jimin, meu melhor amigo que eu dou uns "pega" as vezes, bom eu acho que ele gosta de mim, eu posso tentar corresponder sei lá, assim eu esqueço o Taehyung, já perdi o mesmo pro Yoongi, não vou perder o Jimin também para o branquelo de cabelos negros, não mesmo, esse menino deu de se intrometer na minha vida, só pode, espero que o Jimin não esteja também apaixonado por ele, pois ai não irei suportar perder ele pro Yoongi, como perdi o Tae.Bufo.

Continuo andando calmamente em direção a sua casa.Como devo falar com ele?Talvez chegar e falar "oi Jimin, desculpe por ser um grosso. Bora se pegar? Ou devo chegar mais na calma com uma rosa que peguei de seu jardim e falar um poema bem lindinho inventado na hora? Bom, vou improvisar tudo na hora mesmo. Chego em frente à sua porta, respiro fundo e toco a campainha, ele atende a porta e quando me vê, me olha de baixo para cima com cara de poucos amigos.

- O que está fazendo aqui, Jungkook?

- Vim te ver, Hyung, não sentiu minha falta?

- Veio atoa. – fez bico.

- Não fale assim Jimin. – digo triste.

- Vai pedir consolo ao Taehyung.

- A gente terminou.

- Eu sabia que isso aconteceria. -Deu um sorriso de lado. -Mas estou com o Yoongi.

- Yoongi ama o Taehyung e você deve saber muito bem disso, agora que o caminho do Tae esta livre, o que impede deles dois ficarem juntos, me diz? - digo nervoso.

- E-eu não sei.

- Jimin, por favor me abraça? - sinto um nó na garganta e meus olhos marejarem.

- P-Por que eu faria isso?! -ele cruza os braços, parecendo não se importar.

- Por favor J-Jimin, P-por f-favor. - as lágrimas descem por todo meu rosto e começo a soluçar. - M-Me p-perdoa, por favor.

-Kookie, não chore. -ele me puxa para um abraço sincero. Coloca suas mãos pequenas nas minhas costas e puxa minha cabeça para o seu ombro.

- Jimin, eu q-quero t-tentar te amar. - coloco meus braços em volta de sua cintura e o aperto bem forte.

-Não adianta tentar se não vai conseguir, Jungkook.

- Como pode ter tanta certeza?

- Eu não tenho certeza. – ele me solta.

-Então me deixe tentar, sim?

- Ah... - ele hesita. – Vamos entrar para conversarmos melhor.

-'Ta bom. - passo as mãos sobre meu rosto, limpando as lágrimas, sorrio de leve entrando na casa dele.

- Estou me sentindo como segunda opção. – ele diz chateado.

- Não fale assim, Jimin, você não é, a verdade é que eu... - suspiro e olho fixamente pro Jimin.

- Você...? – ele ergue as sobrancelhas.

- Eu acho que nem sei como é amar alguém, agora percebo que eu nem amava o Tae, acho que eu só era caprichoso, o queria pois o achava lindo e queria provar para um amigo que eu podia ter o Taehyung. - desvio o olhar do Jimin e fico brincando com meus dedos, nervoso sobre o que o mesmo irá pensar de mim.

- Nossa Jungkook, mas o que quer dizer com tudo isso?

- Quero dizer que comecei a namorar com o Tae, pois havia sido desafiado pelo Minhyuk, ai quando começamos a namorar, eu até gostava de ficar com o Tae, ai cheguei a pensar que realmente gostava dele, pois havia passado a sentir ciúmes dele com o Suga, mas agora percebo, que era por capricho Jimin, eu só não queria dar o braço a torcer, não queria deixar o Tae pro Yoongi, digamos que havia virado uma competição pelo qual eu queria muito ganhar, mas eu só estava sendo o obstáculo que os separava, portanto não faça o mesmo que eu, não seja o muro enorme entre os dois, eles se amam, só eles que não veem que esse amor é correspondido. Espero poder amar dessa maneira e quero que essa pessoa seja você, que sempre cuidou de mim. – aproximo do Jimin e seguro em suas mãos.

- Kookie... Eu senti muito a sua falta...

- Eu também senti, Jiminnie. – o puxo para perto de mim.

-Eu estava bravo, mas foda-se. - Ele coloca minhas mãos em meu rosto e sela nossos lábios.

Sorrio e aprofundo o selinho, o tornando um beijo, peço passagem para minha língua e o mesmo cede, logo estávamos nos beijando intensamente e carinhosamente.

Jimin me derruba no sofá e senta em meu colo. -Kookie... -Ele me beija novamente.

Desço minhas mãos por sua cintura e o aperto, fazendo seu corpo colar-se ao meu, ele arfou com tal ato e o levanto fazendo suas pernas irem para minha cintura e o levo para o seu quarto.

O deito em sua cama, subo em cima de si, retirando sua camisa, mordo meu lábio inferior apressiando todo aquele abdômen bem definido. Suas bochechas coram e eu soltei um riso, dou-lhe mais um selinho e vou descendo os beijos até o seu pescoço, enquanto ele fazia carinho nos cabelos da minha nuca, chupo toda sua extensão lentamente, dando leves mordidas.

- J-Jungkook. -gemeu.

Continuei até chegar em seu abdômen e dei pequenas mordidas o fazendo arrepiar.

- Jimin você é tão gostoso. - desabotoei o botão de sua calça e abaixo o zíper, desço sua calça lentamente de maneira provocativa o olhando nos olhos, assim que retiro toda a calça, subo arranhando suas pernas e paro em sua coxa, começando a chupar a mesma.

- K-Kookie-ahh! – gemeu e como amei ouvir seu gemido.

Eu me aproximo de seu membro ainda coberto pela cueca e vi sua ereção, eu não estava diferente.

Aperto meu membro coberto pela calça e olho maliciosamente para Jimin que me olhava mordendo os lábios.

- Kookie-ah é muito injusto você ainda estar todo vestido. - fez bico e eu ri.

- Tem razão. -tirei minha blusa e minha calça, junto com a boxer. - E o que quer que eu faça agora, Jiminnie?

- Eu quero tocar em você, Kook. - ele se levanta me fazendo me sentar na cabeceira da cama.

Ele se aproxima de mim e da um chupão no meu pescoço. Sua mão desce toda a extensão de meu corpo até chegar na minha "área perigosa". Sigo cada movimento seu com o olhar e arfo, quando finalmente ele pega em meu sexo.

- O que quer que eu faça, Kookie? –

Ele me olha sorrindo maliciosamente, pego em seu membro e faço movimentos de vai e vem e Jimin geme gostoso, enquanto começa a fazer os movimentos em meu membro também, gemo baixo e solto seu membro e digo bem em seu ouvido.

- Quero que me chupe,Jiminnie. – mordo seu lóbulo e o vejo se arrepiar, enquanto escuto seu arfar.

Jimin primeiro lambe minha glande e desce sua língua por toda extensão de meu falo, suspiro pesadamente e começo a remexer meu quadril impaciente.

- Vai logo ... – ele finalmente coloca todo meu membro em sua boca gostosa e começa a fazer os movimentos. – Ah J-Jimin que d-delícia... N-Não p-para... – Gemo.

Ouvir os barulhinhos causados pelas sucções, estava me deixando cada vez mais excitado, nunca pensei que Jimin pudesse fazer um boquete tão gostoso, sinto meu ápice perto, entrelaço meus dedos em seus cabelos e começo a estocar a boca do Jimin. – J-Jimin-ah... – grito ao gozar, soltando os jatos de sêmen por toda a boca do mesmo que engole tudo, lambe a minha glande e em volta de seus lábios para não ficar nenhuma gota, o que me excitou novamente.

- Kookie-ah, seu líquido é gostoso ....

- Vou te foder tanto Jimin, que vai ficar sem andar, só por ser tão provocante. De quatro agora. – digo com autoridade e o mesmo sorri perverso, se ajoelha na cama e arrebita bem essa sua raba grande para mim e ainda rebola, dou um tapa forte em sua nádega direita e ele geme de dor, sinto meu sexo fisgar de excitação, sem mais delongas, chupo meus dedos para lubrifica-los e coloco um dos dedos dentro do Jimin que geme de dor, faço movimentos circulares para o alargar e com a minha mão livre começo a masturba-lo para esquecer da dor, quando ele começa a gemer de prazer, coloco mais um dedo em sua entrada fazendo movimentos de tesousa.

- Kookie me f-fode logo... – sorrio com o pedido do Jimin, retiro meus dedos e paro de masturba-lo, seguro em sua cintura e coloco minha glande em sua entrada, empurro meu membro para seu interior quente e apertado que me acolhe com um aperto enlouquecedor.

- J-Jimin tão a-apertado, tão g-gostoso... – gemo e espero o Jimin me dar sinal de que posso continuar, sinto o mesmo rebolar e começo a estocar fundo e forte.

- J-Jungkook vai m-mais rápido... – faço o que o mesmo pediu e aumento a velocidade das estocadas. - K-Kookie-ahh.... A-Aí... De n-novo... – entendo seu pedido e continuo a estocar precisamente no mesmo lugar, olho para Jimin que apertava seus dedos nos lençois e sua cabeça estava deitada sobre seu travesseiro, seus olhos fechados e sua boca aberta, gemendo manhosamente, bela cena de se ver, vejo seu rosto se contorcer de prazer e ouço o mesmo gritar, enquanto goza sujando todo o lençol de porra, fecho os meus olhos, enquanto sinto aquele aperto gostoso em meu membro, estoco mais algumas vezes e gozo em seu interior, retiro meu membro de dentro de si devagar. Jimin deita todo seu corpo na cama ofegante e eu deito do seu lado, respirando fundo pra levar o ar para meus pulmões mais rapidamente.

- Kookie isso foi... Maravilhoso...

- Sim foi... Incrível... Vou ter que te fuder mais vezes Jimin. – me viro para o mesmo sorrindo.

- E eu nem vou reclamar. – ele ri e eu rio também.

- Vamos dormir estou cansado. – digo e Jimin assente, puxo o mesmo para meu peito e logo durmo abraçado ao mesmo.


Notas Finais


Bom e ai pessoas, como foi? A metade do lemon fui eu A Loh que escreveu, espero que tenha ficado bom, eu só escrevia lemons em RPGs kkkk
Próximo cap, creio que será escrito por mim, não sei, veremos 😉
Beijinhos Taegi meus amores e até a próxima 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...