História My Sexy Boy (imagine Hot Jungkook) - Capítulo 37


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Hentai, Romance
Visualizações 1.361
Palavras 1.194
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 37 - Ciúme Excessivo


Fanfic / Fanfiction My Sexy Boy (imagine Hot Jungkook) - Capítulo 37 - Ciúme Excessivo

Eu acordo e abro meus olhos lentamente, e vejo Jungkook já acordado se arrumando pra ir trabalhar.

Jungkook: Bom dia anjo.- ele vem até mim e me dá um selinho.

Eu: Bom dia.. que horas você vai voltar?

Jungkook: Eu não sei, mas eu vou tentar não demorar.

Eu: E o que eu vou fazer enquanto você não chega?

Jungkook: Fica em casa me esperando.

Meu celular toca e eu atendo.

             **Ligação on**

Eu: Alô?

Xxx: Oi S/n, é o Luizinho.

Eu: Ah, oi Luizinho.- Vejo Jungkook me olhar desconfiado.

Luizinho: Então, eu tava pensando da gente se encontrar, pra fazer alguma coisa divertida.

Eu: Tá bom, pode ser. 

Luizinho: Me passa seu endereço que eu vou aí te buscar.

Eu: Não precisa vir aqui, a gente se encontra naquela pracinha.- olho pro Jungkook que está com uma cara nada boa.

Luizinho: Então tá, a gente se encontra às 14:00.

Eu: Tá, então tchau.

Luizinho: Tchau.- eu desligo o telefone.

            **Ligação off**

Eu: Já arranjei uma coisa pra fazer.

Jungkook: Você não vai a lugar algum com esse tal de Luizinho!

Eu: Deixa disso!- digo tentando me levantar, minhas pernas ainda doem mas já dá pra andar.

Jungkook: Você não vai sair e ponto. 

Eu: Eu vou sim, não preciso da sua permissão e se insistir nesse assunto, vai ficar sem sexo por 1 semana.

Jungkook: Nem que você quisesse, não aguentaria ficar 2 dias sem meu corpo.

Eu: Experimenta.

Jungkook: (suspira)  Tá bom, mas quando você menos esperar eu vou estar lá ( achou que eu tava brincando? Kkkkk).

Eu: Você não é doido o suficiente pra fazer isso.

Jungkook: Se você acha.. só não se esqueça que eu já fiz isso uma vez.- realmente, mas ele não sairia do trabalho dele só pra ficar de olho em mim e no Luizinho.

Eu: Que seja.- eu vou pro banheiro e faço minhas higienes matinais. 

Eu saiu do banheiro e Jungkook não está mais presente, talvez ele tenha ficado chateado mas ele vai ter que aprender a se controlar. Eu visto uma camisa preta com mangas compridas, uma calça e um tênis.

Eu desço as escadas e Jungkook estava falando no telefone, ele parecia estressado.

Jungkook: Mas.. Eu já falei que não consegui nenhuma informação!- ele grita.- Eu sei disso! Tá eu já tô chegando.- ele desliga o celular.

Eu: O que foi que aconteceu?- eu me aproximo dele.

Jungkook: Nada não anjo.- ele bufa.

Eu: Tudo bem.- eu sei que ele tá mentindo, mas não vou forçá-lo a me dizer.

Jungkook: Eu tenho que ir anjo.- ele me abraça forte e eu retribuo.- Não volta muito tarde, senão você já sabe..

Eu: Sei muito bem.- ele se separa e vai embora.

Agora o que me resta é esperar dá o horário do encontro.

            **Jungkook on**

Eu chego na empresa e vou pra sala de reuniões onde encontro meu pai e os agentes. Eu me sento à mesa junto a eles.

Pai: Agora que o Jeon chegou podemos começar. Como vocês sabem, ainda estamos individados e o número de compras por mulheres baixou, graças aquele maldito!

Agente: Já encontaram o filho dele?

Pai: Ainda não, deixei Jeon responsável pela procura da identidade do moleque e ele não achou nada!- ele bate na mesa.

Eu: Simplesmente não há informações sobre ele na internet!

Pai: Tem que ter! Como vou proteger meus negócios se não sei quem esse garoto é?!

Agente 2: E se ele for estrangeiro?

Pai: As possibilidades são mínimas já que o pai dele é coreano.

Eu: Então o que quer que eu faça?

Pai: Quero que encontre esse garoto e acabe com ele antes que ele faça o contrário! 

...

Finalmente a porcaria daquela reunião acabou! Meu pai sempre põe a responsabilidade dos erros dele nas minhas costas. Nada disso teria acontecido se ele não tivesse nos falido e minha mãe ainda estaria viva. Eu odeio ele com todas as minhas forças!

Preciso tomar bastante cuidado, o que mais me preocupa é o fato de estar sendo vigiado, botando a vida da S/n em risco. 

            **Jungkook off**

Eu tô assistindo qualquer coisa na Tv quando olho no relógio e são quase 14:00, eu preciso me arrumar correndo!

Eu vou pro banheiro do quarto do Jungkook, e tomo um banho. Eu saiu do banheiro e fico olhando o guarda-roupas, confesso que estou empolgada pra usar as roupas que o Jungkook comprou pra mim.

Eu visto um vestido não muito curto e um tênis branco ("Tênis de novo?" Sim). Eu deixo meu cabelo solto e passo apenas um rímel e um blush. Eu olho no relógio e vejo que já são 14:00.

Eu saiu de casa e vou andando a procura de um táxi... eu encontro um e  rapidamente chego lá, pago o taxista.

De longe consigo ver o Luizinho, ele me vê e vem em minha direção. Ele está tão fofo como sempre, com aquele sorriso lindo estampado em seu rosto.

Luizinho: Nossa.. você tá linda.- eu coro um pouco.

Eu: Obrigada, você também tá muito bonito.

Luizinho: Eu pensei da gente ir no cinema talvez..-ele parece nervoso.

Eu: Tá ótimo.- Sei que o Jungkook não ia gostar de saber que eu tô indo no cinema com o Luizinho. Até porque já saí mais com o Luizinho nesse pouco tempo que nos conhecemos do que com o Jungkook, mas também com que tempo.. a gente tá sempre transando.

Nós nos aproximamos de uma mercedes ( é uma marca de carros muito conhecida).

Eu: Você tem uma mercedes?

Luizinho: Você conhece?- ele diz surpreendido.

Eu: Claro! É a minha marca preferida depois da ferrari.

Luizinho: Sério? Eu também.- ele abre a porta do carro pra mim como um cavalheiro e depois ele entra no carro. Ele começa a dirigir em direção ao shopping. E no meio do caminho conversamos sobre coisas aleatôrias. 

Nós chegamos, ele estaciona o carro e entramos no shopping. Estávamos decidindo qual filme iríamos assistir.. depois de muito pensar, acabamos escolhendo um filme de terror ( eu amoo). Compramos a pipoca e obviamente os ingressos.

Chegamos na sala um pouquinho atrasados, mas não fez diferença já que apenas perdemos os trailers. Nos sentamos nas cadeira e o filme começou.

...

O filme acabou e no meio do caminho pro estacionamento, ficamos discutindo nossas partes preferidas do filme. Quando chegamos na saída do shopping, dou de cara com o Jungkook de braços cruzados com uma cara nada agradável.

Eu: Jungkook.. o que você tá fazendo aqui?

Jungkook: Já olhou que horas são?!- eu puxo ele pra conversar num canto.

Eu: Agora eu preciso de horário pra chegar em casa?! 

Jungkook: Só quando estiver acompanhada de alguém que não sou eu.

Eu: Você é inacreditável!

Jungkook: Eu só quero te proteger.

Eu: Me proteger de que? Ou melhor de quem?

Jungkook: Quando chegarmos em casa conversamos.-ele me puxa pelo braço em direção a saída mas eu me solto.- O que você tá fazendo?

Eu: Vou me despedir do Luizinho.- eu chego perto do mesmo que estava meio cabisbaixo.

Luizinho: Desculpa, eu não sabia que tinha namorado.- ele diz de cabeça baixa.

Eu: Não se preocupa, não vou deixar de sair com você só por causa daa crises de ciúmes totalmente desnecessárias dele.

Luizinho: Desde que não vá causar problemas pra você.

Eu: Com ele eu me viro. Então... eu me diverti muito hoje.

Luizinho: Eu também.

Eu: Então a gente se vê.- eu abraço ele e o mesmo retribui.

Eu e Jungkook saímos do shopping no carro dele, o caminho todo pra casa foi silencioso, e eu nem olhava pro Jungkook, o que ele fez não tem explicação!... eu acho.





Notas Finais


Obrigada por lerem.
Tchauu♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...