História My Sister's Boyfriend - Capítulo 9


Escrita por: ~

Exibições 89
Palavras 1.471
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Ficção
Avisos: Homossexualidade, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Olha só meu povo, to atualizando e não é de madrugada!!! Bjjs.

Capítulo 9 - Flagrados!


— Harry! Não acredido que fez isso! DE NOVO!! Eu gritei assim que Harry parou o beijo.

— Ahh, meu deus, foi coisa do momento, eu não queria, na verdade queria sim, mas... ARG! Harry dizia.

— O que quer dizer com isso? Eu perguntei mas antes que Harry pudesse responder ouvimos algo batendo na janela.

Rapidamente nos viramos para trás e me surpreendo quando vejo que era Zac quem estava ali.

— Quem é esse? Harry perguntou.

— Ele é um garoto da minha escola, ele não vai com a minha cara. Eu respondi.

— Então o que ele faz aqui?

— Provavelmente procurando um podre sobre mim, e graças a você e seus lábios agitadinhos ele conseguiu. Eu disse e logo fui até a porta abrindo a mesma e saindo para fora.

Zac me encarava com um olhar Irônico e tinha um grande sorriso em seu rosto.

— Você não viu nada. Eu falei.

— Claro que não, exceto pelo fato de que o pobre Louis anda dando uns beijos no namoradinho da própria irmã! Zac falou.

— Fale mais baixo!

— Por que? Ah é um segredo não é mesmo? Zac falava rindo.

— Cale a boca, e eu não beijei ele, foi ao contrário.

— Hm, claro que foi, então quer dizer que o coitadinho do Louis não é tão coitadinho assim.

— Vai se foder Zac.

— Mas cuidado com essa boca garoto! Eu quebro seus dentes e ainda conto tudo para sua irmãzinha. 

— Você não me assusta.

— Mas deveria! Zac falou indo embora.

Eu entrei correndo dentro de casa e logo tranquei a porta, eu estava completamente assustado, Harry veio até mim e disse.

— O que ele queria?

— Foder comigo, e ele conseguiu, ele viu nossa pequena cena e agora está me ameaçando. Eu respondi.

— Meu.... WoW, eu não sei o que dizer.

— É bom pensar em algo e rápido, por que se ele resolver abrir a boca nós dois estamos fodidos, estamos nessa juntos.

— Eu sei que estamos, bom vamos pensar em uma solução juntos, okay?

— Tá tudo bem, eu não, é.... Eu comecei a fala mas nada saía certo, estava nervoso demais para pensar.

— Lou, você está tremendo, venha, sente-se aqui. Harry disse me guiando até o sofá.

— Não me chame de Lou. Eu o repreendi me sentando no lugar.

— Louis, ele não pode te ameaçar para sempre, ele conseguiu algo seu então consiga algo dele. Harry explicou.

— Pra você é fácil falar.

— É fácil? Se isso vier à tona eu também me fodo afinal eu posso ter te beijado mas ainda amo sua irmã.

— Ama mesmo? Então para de ficar metendo a língua na boca do irmão dela!

— Não vai mentir agora.

— O que?!

— Vai dizer que não gostou? Pode até dizer mas eu vou saber que é mentira.

— Vai se foder Harold!

— O que?! Esse não é meu nome!

— Lottie já me contou que é esse seu verdadeiro nome.

— Perfeito! Não podemos confiar nas pessoas. 

— Olha quem fala!

— Para de jogar a culpa toda em mim, você não é a vítima nessa história.

— Não sou? CLARO QUE EU SOU! É VOCÊ QUEM FICA ME BEIJANDO TODA HORA! Eu gritei me levantando.

— Já chega, iremos resolver isso tudo quando você souber agir como uma pessoa racional. Harry disse saindo da sala.

— ARGH!! Eu gritei me levantando e sibindo para meu quarto.

Não acredito no que acabou de acontecer, estamos tão ferrados, é claro que Zac irá abrir sua boca para todos, ele já está irritado com Zayn e agora que ele tem motivos para acabar de vez com a minha estádia por aqui é claro que ele irá usar isso à seu favor, eu tenho que contar para Zayn antes que ele descubra através de Zac, se é que ele já não está sabendo à essas horas.

Peguei o celular e mandei uma mensagem para Zayn pedindo para que ele vinhesse até aqui, ele provavelmente estaria bêbado caindo em algum lugar por aí então resolvi ir tomar um banho, mas os acontecimentos recentes não paravam de rodear minha mente, preciso ser forte, não deveria fazer isso, tirei minhas roupas e então entre em baixo do chuveiro, a água estava extremamente quente e queimava minhas costas, lavei todas as partes possíveis de meu corpo tentando esquecer o que minha mente me mandava fazer, mas não deu muito certo pois não consegui me conter e acabei pegando minha velha lâmina, e quando eu pensei que estava tudo bem era mais uma vez uma farsa, e assim eu me despedi do meu longo banho, saindo dele com três corres novos no braço.

Eu me seco e então abri a porta do banheiro e logo solto um grito ao ver que Zayn estava sentado em minha cama da onde tinha uma vista plana de mim saindo NÚ do banheiro:

— Que porra Zayn!!! Eu disse puxando uma revista que estava ali perto e cobrindo minhas partes.

— Usar roupas faz bem sabia? Zayn disse rindo.

— Pensei que você não chegaria agora, as pessoas tem que parar de entrar aqui sem bater! Eu digo.

— Vou fechar os olhos e você pode se trocar. Zayn falou cobrindo seus olhos com as mãos enquanto eu rapidamente me arrumava

— Pode olhar agora. Eu falei.

— Okay, eu tenho duas confissões para fazer. Zayn disse quando me sentei aí seu lado na cama.

— Seriam?

— A primeira é que eu entrei pela sua janela e sem querer querei um dos vidros, desculpe, e a segunda é que eu te espiei enquanto você se trocava, você anda malhando essa bunda? Zayn falou e eu logo dei um soco em seu braço esquerdo.

— Cretino! Temos um problema. Eu disse.

— Você fez cirurgia para ter essa bunda enorme? 

— Filho da puta, para de brincar é sério, hoje mais cedo eu e Harry estávamos conversando e acabou que ele me beijou, e o pior é que Zac estava me espiando pela janela ou seja ele viu tudo e agora está me chantageando.

— Desculpa, eu parei de ouvir quando você disse que beijou o Harry, Louis ele é namorado da tua irmã!

— Ele que me beijou! E eu sei que ele é da minha irmã, mas eu não sei bem o que deu nele, resolvemos isso depois, o foco agora é encontrar um ponto fraco em Zac para que ele pare de me ameaçar.

— Louis, ele é o Zac, não podemos fazer nada.

— O que quer dizer com isso? Quando eu cheguei aqui você parecia ser o líder se tudo, ele era apenas o cara que seguia suas ordens.

— Isso era por que éramos amigos, mas agora que eu ando com você ele e eu já não nos falamos mais.

— Bom mais você deve ter um podre dele não é mesmo?

— Tenho vários, mas não acho uma boa ideia ameaçar-mos ele. Zayn falou.

— Você está falando que eu devo apenas aceitar tudo calado?

— Claro que não, devemos resolver isso mas pensando direito, Zac é perigoso.

— Por que você sempre diz isso?

— Louis você tem que me prometer que não irá contar para ninguém.

— Eu juro. Eu falei.

— Ano passado quando eu entrei para o time de basquete Zac e seus amigos me convidaram para a festa de iniciação, desde esse dia eu e ele já nos demos bem, ficamos juntos a festa toda bebendo e fumando, ele havia me contado que eles tinham planejado um trote para mim naquele dia mas eu era legal demais para ele fazer tal coisa comigo, depois subimos para o andar de cima e Zac me levou até um quarto e quando entramos sua irmã estava lá, ele pediu para que ela saísse mas ela estava irritada com o barulho da festa, aconteceu que Zac se irritou e deu um tapa no rosto da menina, ela saiu correndo de lá no mesmo instante.

— Ele dica descontrolado quando bebe, tudo bem podemos lidar com isso.

—  Louis tem mais, essa não foi a primeira vez que ele surtou, no começo desse ano antes de você chegar aqui ele teve uma briga feia com o treinador e o mesmo o suspendeu dos jogos por 1 mês, ele ficou tão irritado que disse uma história absurda para o diretor, ele falou que o treinador havia estuprado ele e o mesmo está respondendo um processo, e uam vez sua madrasta o pegou fumando maconha e contou para seu pai, nesse dia eu estava lá, Zac me levou até seu quarto e disse que aquela mulher iria se arrepender e logo em seguida ele tirou uma arma de debaixo de seu colchão.

— Meu Deus! Ele não a matou não é?

— Não, eu o acalmei, mas é disso wue eu falo Louis, ele está irritado com nós dois, é só questão de tempo para que ele faça algo parecido ou pior.

— Você não acaha que ele seria capaz de... Matar?

— Sinceramente, acho que seria sim. Zayn disse enquanto eu tentava absorver todo aquele choque, com quem eu estava lidando.


Notas Finais


Gente!!!!! Drama! Amo vocês.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...