História My sister's friend - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias The Vampire Diaries
Personagens Alaric Saltzman, Bonnie Bennett, Caroline Forbes, Damon Salvatore, Elena Gilbert, Enzo, Klaus Mikaelson, Personagens Originais, Rebekah Mikaelson, Stefan Salvatore
Tags Amizade, Delena, Drama, Klaroline, Romance, Tvd
Visualizações 138
Palavras 1.262
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá meus docinhos 🍬🌼

Não revisado, desculpe qualquer erro

Espero que gostem 💜

Capítulo 24 - Acompanhante "Elena Gilbert"


       

 

          Caroline Forbes

 

 

 

    O coração começa a bater mais rápido, mais forte. Era o que eu sentia antes mesmo de chegar. Mesmo eu acreditando que não era nada muito grave que aconteceu com ele, eu tinha muita preocupação e ansiedade para vê-lo logo

 

 

    Saí do meu carro e corri para a entrada do hospital que Rebekah me falou

 

 

    Caroline: Eu queria ver Klaus Mikaelson, ele sofreu um acidente de carro e.. – Me faltou voz já que estava um pouco ofegante

 

    Recepcionista: Desculpe mas a senhora é? – Deixou o computador de lado e olhou pra mim – Algum familiar?

 

    Caroline: Caroline Salvatore Forbes, eu sou..

 

    Rebekah: Ela é uma amiga nossa – Completou e sorriu fraco pra mim, fiz o necessário com a recepcionista

 

 

    Caroline: Ela escreveu meu nome errado – Falei um pouco irritada ao ver o crachá de visitante – Então.. como ele está? – Perguntei sobre Klaus – Como vocês estão, você deve estar bastante assustada – Estávamos andando pelo corredor do hospital

 

    Rebekah: Bom, eu só suturei o braço e.. – Mostrou os pontos no braço e também na perna, ela parecia bem, poucos machucados apenas – Ele parece estar melhor e teve que tirar o baço – Suspirou – Estou mais calma. Você demorou

 

    Caroline: Trânsito – Bufei – Ele acordou? – Entramos no quarto dele e uma enfermeira saiu de lá em seguida

 

    Rebekah: Ainda não – Suspirou e eu o olhei naquela cama, recebendo soro em com o rosto um pouco machucado

 

 

    Sentei na poltrona ao lado dele e segurei sua mão, sorrindo de leve

 

   

    Caroline: E seu outro irmão? Ele veem?

 

    Rebekah: Sim, acredito que daqui a pouco ele esteja aqui

 

 

   

 

    ....Dois dias depois...

 

 

 

         Elena Gilbert

 

 

 

   

    Feliz, era o que me resumia nesses últimos dias. A felicidade de ter pessoas especiais do lado e pelo fato de Enzo também alegrar nossos dias sendo palhaço e as vezes até irritante. A mente livre de problemas, mesmo com tantas dores passadas, essas pessoas mantinham essa dor ali, num canto escondido de mim e que não se espalha

 

 

    Elena: Onde estava? – Perguntei para Caroline quando chegou em casa. A mesma estava com os olhos um pouco cansados e nesses últimos dois dias, não ficava um sem sair de casa

 

    Caroline: Resolvendo umas coisas – Colocou sua sacola na mesa e sua chave, subindo as escadas. Com curiosidade, fui ver o que tinha na sacola, e nela, tinham três caixinhas, acho que de doces – Onde coloquei meu celular? – Desceu as escadas e me viu olhando as sacolas – Perdeu algo ai Lena? – Pegou a sacola e colocou dentro do carro dela

 

    Elena: Pra que três caixas de doces?

 

    Caroline: É, para eu comer? – Riu como se fosse óbvio e atendeu seu celular que estava tocando – Eu já estou indo – Falou baixo pelo telefone, mas eu conseguia escutar – Sim, ele acordou, então que seja bem recebido de volta, não? – Desligou e sorriu pra mim quando percebeu que eu a observava

 

    Elena: Ele acordou? Quem acordou?

 

   Caroline: É.. minha vontade de pegar o Klaus, voltou – Riu, ela engana quem? – Vou receber ele bem, né? Tenho que ir

 

    Elena: Você acabou de chegar

 

    Caroline: Olha, o relógio não vai me esperar Lena, tchau – Fechou a porta e Bonnie desceu as escadas

 

    Elena: Ela tá estranha – Bonnie concordou

 

    Bonnie: Você não ia.. Sair daqui a pouco pra jantar com Damon? – Olhei no relógio

 

    Elena: Oh meu Deus, eu tinha esquecido – Subi as escadas correndo e rindo, entrando no quarto do Damon para tomar banho

 

 

   

     ....

 

 

 

    Elena: Veio pegar minha toalha mesmo né sua cretina? Achou mesmo que eu ia cair nessa armadilha de Satanás? – Olhei a porta e vi Bonnie rindo, soltando minha toalha de novo

 

 

    Saí do box e coloquei minha toalha, indo até o quarto e pegando a roupa que eu trouxe de casa pra cá

 

 

    Elena: Não vai me dizer que você pegou minha lingerie? – Olhei para Bonnie

 

    Bonnie: Não toquei nas suas roupas intimas não – Colocou as mãos para cima e eu ri – Então quer dizer que separou lingerie especial? – Veio até mim com um sorriso malicioso de orelha a orelha

 

    Elena: Eu separei tudo especial – Sorri e coloquei minha cabeça no ombro dela, pensando – Eu estou feliz, muito feliz – Sorrimos enquanto eu mesma me observava encostada no ombro da minha amiga pelo espelho – Sabia que junto desse jantar, vamos fazer mais ou menos um mês juntos?

 

    Ela apenas sorriu e balançou a cabeça negativamente. Levantei dali e Bonnie saiu para eu me vestir

 

 

 

    ....

 

 

 

    Bonnie: Eu te falei que vou sair com Enzo de novo? – suspirou

 

    Elena: Se anima, parece que se arrependeu de ter aceitado – Deixava minha bochecha rosada com maquiagem

 

    Bonnie: Eu não me arrependi.. É que eu tinha falado á mim mesma que não iria cair nessa conversa dele – riu – Ele perguntou se a gente podia marcar um encontro e..

 

    Elena: Onde? – Coloquei meu brinco

 

    Bonnie: Na cama dele – Olhei para ela – Palavras dele

 

    Elena: Vai ué – Ri – Bate gilete no box amiga, abra as portas do jardim botânico

 

    Bonnie: Pra que transar se a vida já me fode – Gargalhei – Vou colocar isso numa camiseta

 

    Elena: O tempo tá frio mas – Coloquei um casaquinho por cima do vestido - ..Minha buceta tá em chamas

 

    Bonnie: Como é? – Gargalhou

 

 

    Desci as escadas e Damon já estava lá em baixo

 

 

    Bonnie: É podem contuar, estou acostumada a ficar de vela – Deu de ombros e eu me separei dele rindo – Minha vida tá tão triste que se eu cortar cebola, quem chora é ela

 

    Damon: Você tem Enzo facinho, facinho, deixa de choro – Abracei ela e saímos – Está linda

 

    Elena: Obrigada – Sorri

 

    Damon: Era só o que me faltava – Olhou Enzo vindo na nossa direção

 

    Enzo: Vão sair e nem me chamaram?

 

    Damon: Vai querer segurar vela? É um emprego muito bom

 

    Enzo: Quem vai segurar vela é a Caroline, Bonnie está na sua casa, não está? – Ri do jeito dele sem vergonha nenhuma na cara

 

    Damon: Está, ela deve adorar uma posição da bruxaria – Olhei para ele na hora, franzindo o cenho e Enzo o olhou meio confuso – Você é a vassoura, ela é a bruxa, vai lá campeão, seja orgulho do batalhão – Empurrou Enzo e continuamos a andar até o carro

 

    Elena: “Você é a vassoura e ela a bruxa”? – Ele riu

 

 

 

         Caroline Forbes

 

 

 

    Caroline: Não é bacana ficar me apressando –Entrei no quarto do hospital, falando com Rebekah e Klaus estava rindo, ele já havia acordado – Como está

 

    Klaus: Com dor – Peguei as caixinhas e Rebekah me olhou um pouco reprovadora

 

    Caroline: É só uns docinhos – Entreguei as caixas e a mesma que me reprovou, foi a primeira a comer – Hum, quando ele ganha alta? – Os dois deram de ombros

 

     Rebekah: Acho que não demora muito

 

    Klaus: Sabia que é errado mimar um doente que está internado Caroline? – Rimos

 

 

 

    (...)

 

 

 

        Elena Gilbert

 

 

 

    Entramos naquele restaurante e era tudo calmo, uma música ambiente e com vários casais pelas mesas e até uma família e amigos

 

 

    Damon: Reserva de Damon Salvatore

 

    Recepcionista: Oh sim, sua acompanhante Elena Gilbert já chegou e pediu para avisa-lo que está na mesa 12 – Damon e eu estranhamos fortemente e nos olhamos, afinal eu estava obviamente do lado dele, era acompanhante dele mesmo, só que estava aqui com ele, cheguei com ele, e não numa mesa á espera dele

 

    Elena: Mas eu sou Elena Gilbert – O olhei estranhando

 

    Recepcionista – Elena Gilbert chegou faz 15 minutos, dizendo claramente ser acompanhante de Damon Salvatore – O homem confirmou, e mesmo com isso seguimos até a tal mesa 12, vendo uma mulher morena e de cabelo encaracolado sentada lá, me fazendo olhar confusa para Damon e não conseguir decifrar sua expressão

 

 

    Damon: Katherine?

 

 

 

    ....

 

 

 


Notas Finais


Uuh, Delena estava tão bem, será que vai continuar assim? KK

"O mito, a lenda, a pior vadia de todas"

E ai? Gostaram? Até o próximo 💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...