História My Sweet Hybrid-Kim Taehyung-V(2 temp.) - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook, Personagens Originais, Suga, V
Tags Bangatan Boys, Bts, Jeon Jungkook, Jimin, Kim Taehyung, Kook, Min Yoongi, Park Jimin, Romance, Suga
Visualizações 80
Palavras 973
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura!!!

Capítulo 3 - Surpresas


Anteriormente

Depois que Suga falou tudo aquilo, eu fiquei motivada. Eu iria tentar esquecer às coisas ruins, e deixaram às lembranças boas, e eu vou fazer isso com a ajuda deles, e dos meus filhos...

                         (....)

1 mês

Esse mês passou de um jeito muito bom, eu segui os conselhos dos meus amigos, e olha ajudou bem mais do que eu esperava...

-Yang-mi, o que vamos comer?- falei na frente do fogão, já pronta para fazer às coisas

-Hey, eu vou conzinhar, você só vai observar- me tirou do fogão

-Não, eu vou ajudar, por favor?- fiz aegyo, sabia que ia funcionar 

-Aish, tá, corta os legumes vai-se sorri vitoriosa, e fui fazer o que a mesma me pediu

-A Lydia tá aonde?

-Ela disse que ia passar no mercado junto com o Jimin- respondeu Yang-mi

-Aish, eu não devia ter comido o bolo que você fez

-Você até poderia comer, mas 4 pedaços é demais

-Continua sendo culpa do bolo- bufei

-Você quem sabe- nem ligou, e voltou a fazer seja lá o que fosse

Eu já estava terminando de cortar os legumes, mas eu senti uma forte dor em minha barriga

-Aii que dor- soltei às coisas na bancada, e me encostei no balcão

-S/a você tá bem?- Yang-mi, em dois tempo já estava do meu lado- o que você tem?

-Eu não sei, só tá doendo- comecei a sentir um incomodo nas minhas coxas, elas estavam sei lá.... molhadas? Aí Deus- Yang-mi a bolsa estourou- segurei sua mão

-AI DEUS, O QUE EU VOU FAZER?!!- se desesperou

-NÃO GRITA, MEU OUVIDO NÃO É PINICO!!!- Yang-mi, me puxou até a sala, e me fez sentar no sofá

Yang-mi começou a andar de um lado para o outro, já estava prevendo um buraco no chão

-Yang-mi, para de andar assim, está me dando náuseas, ter que ver você andando de um lado para o outro

-Desculpe eu estou nervosa- ouvimos a campainha tocar

-Vou atende, deve ser o Jimin com a Lydia- foi até a porta, e abriu, e era que nós esperamos

-Chegamos!!

-E já estamos saído- Yang-mi pegou sua bolsa, e outras coisas

-Eitah onde a gente vai?- perguntou Lydia

-A bolsa da S/a estourou, precisamos levar ela ao hospital agora- sem mas delongas, Jimin deixou às sacolas no chão e veio até mim, ele me pegou no colo

-Vamos logo- disse saíndo do apartamento, e sendo seguido por Yang-mi e Lydia. Fomos pelas escadas mesmo, já que o elevador iria demorar

                        (....)

-Eu já liguei pro Yoongi, ele já está vindo- Lydia disse

-Vamos levá-la agora- uma médica apareceu, me colocou em uma maçã- depois que acabar o parto, vocês poderiam entrar- eles assentiram rapidamente

Eu fui levada para uma sala, um pouco mais afastadas das outras

-S/n, não vai dar tempo de fazer a cesária, então será parto normal- me avisou- pode doer um pouco

Ela ficou entre mimhas pernas e colocou suas mãos perto de mimha intimidade, enquanto o outro médico, segurava minhas pernas para que elas não se fechassem

-Vai empurra!!- a medica falou, eu comecei a fazer força, Deus como isso dói!!- vai S/a força você consegue

-Ahh dói demais- forcei mais um pouco

-Só mais um pouco, vai, um, dois e três- fiz força, e na mesma hora pude ouvir um choro- isso S/a, um já foi, agora falta o outro- ah não qual é?!!

Por incrível que pareça, a do segundo não doeu tanto quando o primeiro

-É um caaal de gêmeos- a médica falou, com os dois em seu colo- nós vamos leva-los para tomar banho, já voltamos- assenti, não conseguia falar estava bem fraca

Só ficou eu na sala, eles disseram para eu não me mexer, isso poderia piorar a dor. Eu estava normalmente, brincando com os meus dedos, mas fui tirada, um médico entrou correndo no quarto e ele era acompanhado por outro, e atrás vinha uma maçã, tinha um garoto na mesma

-Desculpe me, as outras salas já estão cheias, vamos ter que cuidar dele aqui- me informou e não liguei muito, apenas balancei a cabeça positivamente

Fiquei os observando, o garoto não falava nada, parecia que estava imóvel. Não pude ver seu rosto, já que eles estavam praticamente em cima dele

-Ela vai ficar bem, só precisa de cuidados, melhor deixarmos ele se recuperar, vamos ver os outros- falaram entre si, mas eu consegui ouvir, eles saíram da sala, mas logo as médicas que estavam com os meus bebês entraram

-Prontinho, agora só amamentar- sorriram e colocaram eles no meu colo- vamos te deixar aqui, logo os seus amigos te poderiam ver, ok?

-Ok- sorri, elas retribuíram e saíram, comecei amamentar eles- vocês são muito fofos sabiá? Meus lindos- falei com um voz fofa, pude ouvir uma risada ao meu lado, era a do garoto- do que está rindo?

-É engraçado ver você falando desse jeito- falou sem me olhar, eu acho que conheço essa voz- são seus?

-Acha que isso é óbvio- sorri, e ele me acompanhou

-Eles são lindos, meu sonho era ter uma família com minha namorada

-"Era"? Não é mais?- perguntei confusa

-Sim, eu não há vejo faz  meses, sinto muita falta dela, mas eu acho que ela já tem outro- sua voz era de tristeza

-Sinto muito, mas por quê faz meses que a não vê?

- Houve alguns problemas, parecia que o destino não queria nós juntos- riu fraco

-Entendo, a sua história é bem parecida com a minha.

-Mas pelo menos você tem alguém

-Errado, eu não o vejo faz meses, ele teve que ir, e eu concordei com tudo, é apenas eu eles- me referi às crianças- e meus amigos, eles são a minha família

-Sinto muito, como se chama?- me perguntou curioso

-S/n, mas pode me chamar de S/a, e você?

-O seu nome é igual ao dela- sorriu- eu me chamo Kim Taehyung, mas pode me chamar de Tae, e eu sou um híbrido de gato- finalmente ele me olhou e eu pude o ver

Naquele momento meu coração disparou, já sentia às lágrimas em minhas bochechas. Era ele, eu o encontrei, finalmente!!!

Tae eu te achei, ou melhor você me achou, ou não!! Quantas surpresas


Notas Finais


Foi isso espero que gostem, obrigada por ler até aqui e me desculpem se tiver algum erro ortográfico bjs 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...