História My Teddy - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Namjin, Taemark, Yoonseok
Visualizações 94
Palavras 765
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Científica, Lemon, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa Leitura! *-* ♡

Capítulo 13 - {Parque Das Cerejeiras}


Fanfic / Fanfiction My Teddy - Capítulo 13 - {Parque Das Cerejeiras}

Me deitei na cama e fiquei chorando, mesmo eu não pensando em nada eu chorava, por um momento eu estava tão triste que até me esqueci porque eu estava chorando, eu não conseguia imaginar minha vida sem Kook, ele ficou pouco tempo ao meu lado mas mudou algo que na minha vida inteira não mudava, "meu coração" depois do meu término com minha ex funcionária não me apaixonei por mais ninguém, Hoseok e Jin fizeram muitos encontros as cageas (encontro com parceiro desconhecido), mas em nenhum deles consegui me dar tão bem com nenhuma, e apenas um homem que estava nu encostado na parede mudou isso, ele não era apenas meu ursinho, era meu amigo, namorado e amante, eu poderia contar tudo a ele, eu sabia que um dia ele iria em bora, mas não sabia que esse dia chegaria tão rápido.

            《3 meses depois》

Era de manhã e eu acordei com um pouco de gripe, meu nariz começava a escorrer e eu começo a tossir sem parar, levanto da cama e parece que pisei em um gelo, peguei minha coberta e enrolei no meu corpo, coloquei minha pantufa de coelho e fui até o banheiro, fiquei na frente do espelho da pia por alguns segundo me olhando e pensando, "onde está Kookie, e o que ele deve estar fazendo, onde ele está?", Kookie realmente desapareceu com o ar, todos esses meses tentei encontrá-lo mas não valeu de nada, só de pensar meu coração apertava e eu começava a chorar, então parei de pensar sobe isso. Lavo meu rosto com a água da pia e grito:

-olá Siri, ligue para Jinyoung.

-ligando para Jinyoung. -Siri responde. (Siri é um aplicativo de celular comandado pela voz, como um robô de celular, ele é apenas disponível para iPhone).

             (Chamadando...)

Jy(Jinyoung): oi Park Jimin, o que aconteceu a reunião já vai começar e você ainda não chegou.

Eu: estou doente então não vou poder ir, cuide de tudo para mim.

Jy: tudo bem.

            (Desligo a chamada)

Saiodo banheiro e sinto o cheiro de ovos fritos, desço as escadas e me deparo com Kookie fritando os ovos, "Andy pediu demissão, e não me disse o motivo, mas fiquei muito abalado", começo a tremer sem parar a caio ajoelhado no chão, Kookie vem em minha direção correndo e se abaixa perguntando:

-Jiminie você está bem?

-co-como você voltou. -eu digo chorando, as lágrimas que escorriam do meu olho eram como facadas, estava sentindo uma dor de saudade, lágrimas de saudade.

- Andy pedio demissão... -ele diz olhando para mim.

-eu sei...

-senti sua falta.

-eu também, te procurei tanto.

Kook se aproxima e me dá um longo beijo, senti suas lágrimas caindo do seu olho para o meu rosto, ele para de me beijar e me abraçando diz com a voz rouca e chorando:

-foi tudo tão horrível, todos os dias eu acordava e ver que você não estava do meu lado me matava um pouco, parecia que eu estava morrendo aos poucos.

-agora você está aqui, mas antes -eu digo pegando seus braços e olhando para seu rosto- onde você estava todo esses três meses?

-... eu estava em um mundo como esse, mas lá há apenas espíritos que foram esquecidos.

-por que você estava lá, eu não te esqueci.

-sou o guardião de lá.

-e agora que você saio de lá, vio o homem de preto?

-não.

-também não o vi mais, o que é um alívio.

-agora Jiminie quero aproveitar todo o tempo que temos, não sei quando eu vou voltar para aquele mundo de novo.

-não sei se iremos sair, estou tão mau.

Ele coloca a mão na minha cabeça e meu nariz que estava trancado, destranca, e minha cabeça que doía não dói mais:

-como?

-tenho poderes Jimin. -ele diz e dá um sorriso inocente e sincero. Senti tanta saudade de ver seu sorriso.

-okay, vou me trocar e vou te levar para um lugar especial.

-tudo bem, estou ancioso vá rápido. 

Subo as escadas correndo, coloco um calça e uma blusa, coloquei minhas meias e meus tênis, enquanto amarrava o cadarço do meu tênis pensei, "se aquilo for apenas ilusão por causa da gripe, e talvez quando eu voltar lá em baixo ele ter sumido, estou com medo de descer de novo".

Desço as escadas lentamente e não vejo mais Kookie e nem a panela que estava no fogão, meu coração aperta e eu me sento no sofá, e fico chorando sem parar, ouço uma porta abrindo e vejo Kookie saindo do banheiro, ele se aproxima e diz:

-porque está chorando, vamos sair, você estava tão animado.

-pensei que você tinha ido em bora...

-se eu for, vou te avisar, na onde vamos?

-vamos para um parque muito bonito.

-hum... gosto muito de parques, qual o nome?

-parque das cerejeiras.







Notas Finais


Gente foi cutinho porque não tive tempo de escrever, mas o próximo prometo que será de 1000 palavras ^-^☆


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...