História My Teddy - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Namjin, Taemark, Yoonseok
Visualizações 91
Palavras 1.068
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Científica, Lemon, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa Leitura, avisos no final ♡

Capítulo 15 - {Noite selvagem}


Fanfic / Fanfiction My Teddy - Capítulo 15 - {Noite selvagem}

 《Narrado por Mim Yoongi (Suga)》

Aqui estou eu isolado, deitado no sofá e assistindo um filme extremamente chato na TV, na verdade nem assistindo eu estou por quê se eu olhar apenas um minuto para TV minha cabeça explode, a luz que a TV faz me dá dores de cabeça, e o por que eu não desligo?! porque já vai começar meu programa favorito, mesmo que eu fique com dor de cabeça quero assisti-lo, a casa do Jimin é bem grande e me sinto um pouco desconfortável ficar aqui sozinho. Estava quase começando meu programa e ouço o som da campainha, apenas ignoro, se for realmente urgente a pessoa irá bater mais vezes, começou meu programa e alguém bate na porta umas quatro vezes seguidas, vou até a porta extremamente puto, abro a porta e digo:

-que, que se quer? -digo vendo Hoseok quase caindo.

-Oi amor da minha vida. -ele diz com um bafo de álcool e bêbado.

-Hoseok você andou bebendo?

-só um pinguinho, apenas um pouquinzinho... -ele diz e quase cai no chão.

Eu o seguro e digo:

-você precisa de um banho... está fedendo álcool, se você voltar assim para sua casa você não voltará vivo.

-hahaha você é tão engraçado mozaum.

-vem logo.

Pego seu braço e enrolo no meu ombro, subimos as escadas e Hoseok quase caio umas cinco vezes, chegamos no banheiro e ligo o chuveiro, ele tira suas roupas e eu o ajudo, ele entra no banho quente segurando em um ferro, fico o esperando enquanto ele se lava, abro a porta de vidro e Hoseok me puxa, molho toda a minha roupa e digo bravo:

-Hoseok você ficou maluco é? olha as minhas roupas!

-desculpa não resisti...

-pois trate de resistir, sei que sou extremamente maravilhoso mas não exagera, desde quando você é gay?

-desde que te vi pela primeira vez, você é diferente, tentei sair com outras mulheres mas elas nunca passaram de uma noite, quem realmente queria que passasse de uma noite era apenas você...

-você diz isso porque está bêbado.

-também, quando estamos bêbados dizemos apenas a pura verdade... -ele diz com uma voz firme, que fez meu corpo arrepiar.

O ajudo a sair do chuveiro e fecho o registro, ele foi até o quarto enrolado na toalha, ele se senta na cama enquanto eu pego roupas para ele, "os meninos quando vêm para casa do Jimin, algumas vezes eles passam a noite aqui, assim deixando algumas de suas roupas por aqui mesmo", enquanto eu pegava uma calça para ele, ele me abraça por traz, e diz com uma voz doce:

-limão, deixa de ser azedo e me passa o seu açúcar...

Viro de frente para ele e digo:

-você tentou pelo menos.

Sem eu evitar ele me beija, eu apenas deixo, não sei, acho que foi no calor do momento.

                        《•••》

Hoseok me joga na cama e começa a beijar todo meu pescoço, ele passa suas mãos em minha virilha me fazendo tirar a blusa, jogo a blusa no chão e tiro a toalha da cintura de Hoseok e começo a passar a mão levemente em seu pênis, ele tira minha calça e cueca e diz com uma voz doce:

-esperei tanto por esse dia.

-então sua espera acabou.

Começo a mastuba-lo e ele começa a gemer sem parar, ele me vira de costas e começa a beijar meu pescoço e arranhar minhas costas, ele coloca seu pênis em mim e eu solto um gemido alto, ele começa a ir mais rápido enquanto eu gemia, eu digo com falta de ar:

-que experimentar?

Ele se vira de costas e eu coloco meu pênis dentro dele, ele geme enquanto eu vou indo mais rápido, ele diz para eu parar e começa a me masturbar, eu solto todo o sêmen na boca dele, e o deito e começo a masturba-lo, ele começa a gemer e goza na minha perna, caio na cama com falta de ar e acabo adormecendo.

                         《•••》

Já era de manhã, eu acordo e Hoseok estava do meu lado, quando vi as roupas jogadas no chão e ele nu ao meu lado me lembro da noite passada, me levanto da cama e vou direto para o chuveiro, ligo o registro e fico em baixo d'água, até que ouço o barulho do portão elétrico, "que por sinal é bem barulhento, eu até acho que está enferrujado", logo um pensamento vem em mente, "é o Jimin, se ele me ver aqui com Hoseok na cama dele, 1000% de chances de eu morrer hoje", saio do chuveiro correndo, enrolo a toalha na cintura, pego as roupas espalhadas pelo quarto e jogo dentro do banheiro, acordo Hoseok e ele diz gritando:

-que foi caraí!

-fica quieto, vem no banheiro rápido, e faça silêncio.

Seguro sua mão e eu entro no banheiro e tranco a porta, coloco a mão na boca de Hoseok e Jimim entra no quarto e eu ouço:

-Kookie como você perdeu seus poderes? você não pode...

-eu também não sei, será que a morte tirou eles e mim?

-eu não sei, sem seus poderes o que acontece realmente?

-se eu voltar para o outro mundo, há muitas chances de eu não poder voltar nesse mundo, os poderes que me dá as possibilidades de eu voltar para você.

-Kookie, é melhor dormimos, estou cansado, fiquei a noite toda acordado com você no hospital.

-também estou cansado...

Ouço os dois deitando na cama, respiro fundo, pego as roupas jogadas no banheiro e coloco em uma sacola, Hoseok olha para mim e diz sussurrando:

-que poderes?

-eu não sei... mas vamos sair daqui.

-ok.

Saímos do banheiro e Hoseok estava nu, apenas eu estava de toalha, descemos as escadas e meus pés faziam marcas na escada por conta de estarem molhados, quase escorrego e Hoseok me segura, fiquei extremamente constrangido por conta de ele estar nu me segurando, fomos até a sala e ele diz colocando suas mãos nas suas partes íntimas:

-e agora? estou com muito frio.

Olho no relógio e marcava 9:33 da manhã, coloco as sacolas no sofá e digo:

-Hoseok fique aqui, vou pegar roupas limpas para nós dois.

-cuidado Suga, não caía das escadas.

-ok.

Subo as escadas e abro as gavetas o mais devagar possível, pego as mesmas roupas que peguei para Hoseok e roupas novas para mim, desço as escadas devagar e entrego as roupas a Hoseok, me viro de costas para ele e coloco minha cueca, calça, blusa e o casaco de frio, pego meus tênis que estavam jogados no chão da sala e os calço, Hoseok pega uma sandália do Jimin que estava na cozinha, e as meias estavam dentro da sandálias, assim como os meus tênis.





Notas Finais


Povinho, não consegui postar capítulo ontem por que tive que fazer trabalho de escola, espero que não fiquem chateados comigo... beijos >3>


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...