História My Two Lovers. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Jikook, Namjin, Yoontaeseok
Visualizações 47
Palavras 739
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura!

Capítulo 1 - Prólogo.


"Oh, meu Deus, o que eu fiz? Eu estraguei minha vida por diversão. Eu poderia fazer tudo de novo, eu não me importo, não me importo..."  — Sex, Drugs & Rock n' Roll — Sleaze Vice.

 

música alta inibia os gritos e os gemidos do jovens que se pegavam pelos corredores, os vizinhos haviam ligado diversas vezes para reclamar do som extremamente alto que os impedia de dormir. Havia garrafas vazias jogadas pelos corredores do apartamento, a decoração caía devido a precariedade das paredes, pílulas, camisinhas e ervas espalhadas por todo o loft. Não era a primeira vez que Jung Hoseok fazia uma festa em seu apartamento. Para si, uma das regras da vida de morar sozinho era fazer festas e badalações, enquanto alguém estivesse de pé, a festa não acabaria. "Uma festa não é uma festa se ninguém acordar pelado no metrô." Esse era seu lema de vida.

— Marijuanas! - O rapaz de fios alaranjados gritou, passando por entre os jovens com um saquinho em mãos. — Para você e você. - Depositava um pouco da erva junto com um papelzinho na mão de cada jovem, distribuindo por todos os presentes. 

— Ei! O que você está fazendo? - Taehyung, um de seus melhores amigos, perguntou. — Você precisa parar de embebedar os outros, divirta-se! - O moreno aconselhou, claramente alterado e desnorteado. 

Hoseok colocou o indicador sob os lábios carnudos do amigo, fazendo-o calar a boca. Riu, afastando-se do rapaz e caminhando até o banheiro. Seu apartamento era quente, e fazia ainda mais calor com todos aqueles jovens e hormônios. Abriu a porta ouvindo gritinhos femininos assustados, duas garotas estavam... Divertindo-se dentro do banheiro. 

— Podem continuar, só vim molhar meu rosto! - Hoseok riu descontrolado, abriu a torneira com um pouco de dificuldade, jogando a água gelada no rosto. Ergueu a cabeça, abrindo o armário do banheiro e pegando alguns comprimidos, não sabia o que era, mas esperava um efeito rápido. Colocou três pílulas na boca, aproximando o rosto da torneira e engolindo-as com a água que saia. — Oh shit! 

Seus olhos desviaram em direção as duas meninas, a morena acariciava os seios fartos da amiga com as duas mãos, passando a língua pelos bicos enrijecidos. Hoseok gemeu ao ver a loira abrir as pernas, dando-lhe total visão de sua boceta. O ruivo fechou a porta atrás de si, sorrindo maliciosamente. O garoto aproximou-se da loira sentada sob o vaso com as pernas abertas e erguidas, suspirou baixo ao sentir as mãos da mulher abrir o zíper da sua calça. Desviou o olhar para a morena que lambia a boceta de sua amiga com prazer, a língua esfregava nas partes sensíveis, fazendo a mulher gemer. Fechou os olhos sentindo os lábios da mulher em torno de seu pênis, engolindo-o por completo. 

— Oh, quem diria que ao dar uma festa acabaria sendo chupado dentro do meu banheiro. - Murmurou consigo mesmo, não que estivesse reclamando é claro. — Se Yoongi estivesse aqui. - Riu baixinho, lembrando-se do amigo encrenqueiro que adorava surubas lésbicas. 

 

 

[...] 

 

 

Yoongi não tinha ideia de quantos drinks já havia tomado, mas tinha certeza de que não era somente o álcool que estava fazendo efeito em seu corpo e mente. Em sua mão esquerda havia uma taça de Chardonnay cheia, tinha quase certeza que alguém havia a enchido em sua ausência. Suspirou, sorvendo o líquido de uma vez. 

— Ei, Yoongi! - Ouviu uma voz rouca chamá-lo ao longe, sorriu ao encarar a figura alcoolizada. — Só pra constar, não estou bêbado. Ainda sei onde eu moro! - Taehyung riu, abraçando o rapaz de fios descoloridos. — Vem dançar comigo, seu gostoso! - O moreno, levemente alterado, puxou o amigo pelas mãos, conduzindo-o até a pista de dança improvisada no meio da sala. 

 

 

[...] 

 

 

pior coisa após uma noite de bebedeira é a ressaca na manhã seguinte. Havia homens e mulheres jogados por todos os cantos do apartamento, alguns dormiam nos corredores do prédio e até dentro do elevador. 

Hoseok suspirou, sentindo dois pesos sob seu corpo. Sorriu, ainda de olhos fechados, passando a mão pelo rosto. Não lembrava de nada que havia acontecido na noite anterior, a última coisa que vinha a sua mente era as duas mulheres no banheiro. Abriu os olhos aos poucos devido a forte claridade que entrava pela janela, assustou-se ao encontrar seus dois amigos. 

O ruivo passou a mão pelo rosto, assustado. Ergueu levemente o lençol, constatando que havia feito mais coisas do que sequer lembrava. 


Notas Finais


Chardonnay - Uma marca de vinho branco.

Espero que gostem c: Críticas? Elogios? Amor? Ódio? Carinho?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...