História My vampire. ( Imagine Kim Taehyung ) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Exibições 88
Palavras 718
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Universo Alternativo
Avisos: Adultério, Canibalismo, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem. Beijinhos ♡

Capítulo 1 - Noite estranha.


                  S/N on:

- Era mais uma noite normal. O céu estava nublado, fazia um pouco de frio, era a lua cheia, alguns pingos de chuva caiam do céu. 

Eu novamente estava voltando pra casa depois de um longo dia de trabalho, meus pés estavam doendo e meu cabelo estava sujo. Eu odeio meu trabalho, mas pelo menos pagam o suficiente para eu conseguir pagar minha faculdade. 

~ Quebra de tempo...

- Eu cheguei no beco em que eu sempre passava, era o único caminho que me levava mais rápido pra casa.

Eu avistei um homem agachado no chão, ele estava rasgando todas as roupas do corpo, parecia estar chorando. 

S/n: Senhor, está tudo bem? 

- Ele não respondeu, então resolvi me aproximar. Coloquei a mão em seu ombro, isso fez com que ele se vira se para mim. 

S/n: Aí meu Deus, o que aconteceu com você? 

- Seus olhos estavam vermelhos, havia vários pelos em seus braços, peitoral, pernas e mãos. Ao invés de unhas, haviam garras. 

S/n: Me desculpa, e-eu não quis incomodar. - Eu disse dando alguns passos para trás. 

S/n: Aí!  - Eu disse quando minha cabeça se chocou contra a parede do beco.

Aquela criatura não falava nada, apenas se aproximava cada vez mais de mim. Ele parou em minha frente e passou as garras em meu rosto, ficou com um pequeno corte, não tão grande quanto meu desespero. 

Eu apenas fechei meus olhos esperando o pior acontecer. Droga, não sabia que iria morrer tão cedo, eu devia acreditar mais nesses boatos. 

Eu senti a respiração daquela fera cada vez mais perto de meu rosto. 

Ouço um gemido de dor e abro meus olhos. Aquela fera agora se encontrava no chão, havia um buraco no lado direito do seu peito. Eu olhei para cima, e havia um homem com dentes afiados, sua pele era um pouco clara e em sua mão havia um coração ainda pulsando, mas que logo parou. 

Em seus dentes afiados haviam um pouco de sangue, seus lábios estavam avermelhados. Ele fitou meu pescoço por alguns segundos, mas logo depois fitou o chão. 

S/n: O-obrigada. Q-quem é você? - Dava pra perceber o medo em minha voz. 

XX: Isso realmente importa? Deveria me agradecer muito mais, e não fazer perguntas. 

S/n: Eu realmente estou muito agradecida. - Eu me curvei em sua frente. 

XX: Meu nome é Taehyung. Tem sorte, se não fosse bonita, eu já havia provado de seu sangue. 

S/n: Obrigada novamente, Taehyung. 

Taehyung: Você sabe que aqui é perigoso, saia logo daqui. 

S/n: Com licença. - Eu disse retomando meu caminho

Taehyung: Espera, eu vou lhe acompanhar, deve haver mais deles. - Ele me puxa pelo braço. 

S/n: Não precisa, não quero incomodar. 

Taehyung: Isso não foi uma opção. Me dê sua bolsa. - Ele estende a mão.

- Eu estava com medo, mas entreguei a bolsa com muito receio. 

Eu andei na frente, ele estava atrás de mim, ele olhava atentamente para os lados. Eu conseguia ouvir sua respiração ofegante em meu ouvido. 

~ Quebra de tempo...

- Minha casa era logo à frente, eu não queria que ele me acompanha se até a porta. Ele pode tentar algo se saber onde eu moro.

Taehyung: Está com medo de mim? Não é a primeira vez que eu sigo você. 

S/n: O que? Você já me seguiu outras vezes? 

Taehyung: Eu já sei de tudo sobre você. Seu nome é S/n, tem 17 anos, odeia seu trabalho e sofre por um cara chamado Jungkook. 

S/n: Você é algum tipo de Stalker? 


Taehyung: Você está deixando todos verem o que você está pensando, é fácil ler sua mente. 

S/n: Como assim? Como você consegue fazer isso, como eu faço pra você não ler meus pensamentos? 

Taehyung: Se você parar de ter medo ninguém vai conseguir ler.

S/n: Eu não estou com medo! 

Taehyung: Aish, você não sabe mentir. Enfim, pegue sua bolsa. - Ele disse me devolvendo.

S/n: Obrigada. - Eu segui o meu caminho, mas ele novamente me puxa. 

Taehyung: Eu não vou ganhar recompensa por te salvo sua vida? 

S/n: Eu não tenho nada para lhe dar.

Taehyung:  Você na minha cama seria uma boa recompensa. Sua casa já é ali na frente, não vai me convidar para entrar? 

- Um sorriso malicioso se formou em seus lábios. Aquela noite não poderia ficar mais estranha.


            Continua....





Notas Finais


Desculpas por qualquer erro.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...