História My Zoldyck - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hunter x Hunter
Personagens Alluka Zoldyck, Chrollo Lucilfer, Hisoka, Illumi Zoldyck, Kalluto Zoldyck, Killua Zoldyck, Personagens Originais
Visualizações 16
Palavras 1.153
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Luta, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


OI fiquei inspiradx pra postar agr
Boa leitura<3

Capítulo 2 - Capítulo 2:Red Eyes


                   *Algumas semanas depois*

O dia amanheceu chuvoso,estava um tanto frio também,Fiora abriu seus olhos,revelando as orbes vermelhas escuras,seu cabelo estava bagunçado,mas a menina sequer ligou,levantou-se da cama e pegou um moletom,apenas pondo por cima da blusa do pijama e colocando uma calça jeans preta,permanecendo descalça,saindo cuidadosamente do quarto e indo para a cozinha,não havia ninguém lá... aparentemente todos ainda dormiam,Fiora pegou uma maçã no balcão,e a mordeu...logo sua sensação de solidão sumiu,sentindo uma presença forte,que já tinha sentido antes,no exame Hunter de alguns anos atrás....seus olhos deram de encontro com os olhos negros do homem de estatura alta e cabelos longos igualmente negros...ele não expressou surpresa alguma ao vê-la ali,mas na cabeça da garota se passavam várias coisas... inclusive como desde que ele fora seu alvo no exame Hunter,algo surgiu no fundo de seu coração...ela tentou tirar ele de seus pensamentos,o que foi possível por alguns meses,mas algumas semanas depois seus trabalhos diminuiram e ficando desocupada seus pensamentos novamente se voltaram a ele...por mais estranho que isso parecesse e que somente aos vinte anos de idade ter se apaixonado logo por ele...okay sabemos que isso é clichê,mas não sabia como expressar nada, então apenas permanecia calada comendo a maçã,enquanto o outro,que estava apenas com uma calça de moletom,haviam cicatrizes por todas as costas dele...acabava de comer a maçã e jogava o caroço fora,dando as costas a ele e indo para a sala,onde Killua já se encontrava...antes de passar pela porta a mão do outro pousou sobre o ombro dela,que virou-se e olhou dentro dos olhos negros.

Illumi POV'S On

Os olhos da garota me chamaram atenção e de certa forma me causaram desconforto...logo lembrei o que iria dizer,esquecendo de qualquer outra coisa

-Meus pêsames...-a voz em tom monótono saiu como de costume,e logo retirei a mão de dedos finos do ombro da garota,vendo ela se afastar sem me dirigir sequer uma palavra e se sentando no sofá junto a Killua,ele ainda estava sonolento, é difícil vê-lo acordado tão cedo... voltei ao quarto,indo até o banheiro e ligando o chuveiro,me enfiando debaixo da água quente...permanecendo ali alinhando alguns pensamentos perdidos... especialmente perdidos nos olhos daquela garota...

POV'S ANNIE ON

A tarde permaneceu monótona,vi algumas vezes Kalluto passar por mim e por Killua,que passamos boa parte do dia vendo filmes,lhe disse que,ainda manteria os negócios de minha família e a reergueria,todos os Morian já tinham sido vingados,assim como traídos,por um deles,hoje teria de sair...meus trajes estavam limpos e secos sobre minha cama,a roupa toda preta não mostrava nenhum traço feminino a mais que os meus próprios,o vesti, colocando partes de armadura nos ombros,dos lados das coxas,nas canelas e nos antebraços...as garras haviam sido polidas,mas não as usaria hoje,apenas peguei duas das oito adagas que tinha logo pegando tambem uma pequena bolsa de cintura e colocando um pedaço de pergaminhos dentro,levando as duas adagas em uma das mãos e indo em direção a sala...Killua me olhou um pouco confuso,nunca havia me visto me arrumando para o "trabalho".

-Vai sair não é? Quem é hoje?-Killua perguntou um pouco preocupado,eu ainda tinha restos de queimaduras nos braços,mas sequer incomodavam mais-

-Aron Musticfier-O nome francês saiu de meus lábios quase como um sussurro,ele era conhecido como caçador de demônios anos atrás,mas...com os demônios selados,ele passou a caçar pessoas com muito dinheiro-

-Pos...-o cortei-

-Não.-A frieza sempre me tomava nesse meio tempo entre sair e ficar...não queria por Killua em risco, claro,ele é eficiente,mas prefiro manter as coisas no meu jeito-

-ok...-uma expressão triste surgiu em seu rosto...e então me aproximei e o fiz olhar em meus olhos-

-Nao quero lhe deixar em risco,e sabe como gosto de fazer as coisas do meu jeito não é Kill? -sorri levemente ao sentir o garoto me abraçar,logo o abraçando de volta,meus cabelos longos e avermelhados contrastavam com os brancos do garoto-

-Boa sorte! -ele me soltou e sorriu-

Assim,sai da casa...o céu estava limpo...podendo se ver as estrelas e a lua que iluminava tudo....me mantinha sempre em cima dos prédios,logo achando o homem,que estava espancando uma garota...assim que ele parou de soca-la e chuta-la desci do prédio para o chão silenciosamente,sem que ele sequer me percebesse,mas o barulho das adagas batendo uma nas outras me entregou...e logo ele virou para mim,ainda cego de ódio e tentou desferir socos contra mim...que escapava facilmente, aparentemente além de cheio de ódio também estava bêbado...sendo assim tudo ficaria mais fácil,não estava com cabeça para brincadeiras,então em um movimento único das mãos,pegando uma das adagas e a lançando contra o pescoço dele,a lâmina atravessou facilmente...e logo ele caiu no chão,pequei o pergaminho me aproximando e pegando o dedo indicador dele,levando ao sangue da garganta e marcando o pergaminho com a digital dele,e em seguida gaurdando novamente...me afastei do local calmamente,mas logo senti uma presença um tanto familiar,assim olhando para trás e vendo Illumi...

-Deseja algo?-falei baixo esperando alguma resposta-

-Apenas gostaria de lhe acompanhar...algo de errado nisso?

-Vindo de você é estranho...-suspirei ouvindo minha música favorita ao longe, provavelmente vindo de algum rádio em algum prédio-

-Gosta dessa música?

-Sim,minha favorita-sorri levemente...em alguns minutos estávamos de volta a casa...fui diretamente ao meu quarto retirando as partes de armadura e as guardando,as roupas negras e as guardando também...sequer havia as sujado...peguei um short preto folgado e uma blusa muito maior que meu número também preta...permanecendo descalça,abrindo a porta e novamente dando de cara com Illumi,que estava novamente como de manhã,mas se mantinha de camiseta juntamente a calça de moletom e os cabelos meio amarrados...era estranha aquela visão do mais velho...mas dê certo modo era agradável..

Killua dormia no sofá da sala despreocupado,um sorriso malefíco surgiu em meus lábios,chegando silenciosamente perto de Killua e o atacando,fazendo cossegas nele,era uma das poucas coisas que o fazia rir descontroladamente...e não foi diferente dessa vez,os risos dele ecoaram por toda a casa,logo parei ao ver as orbes negras do mais velho encostado na batente da porta da sala nos olhando com um mínimo sorriso nos lábios finos,que me atraiam a tantos anos...

Ele se aproximou de nós e olhou pra mim depois para Killua como se o informasse que iria fazer algo,o menor entendeu o recado e pulou em mim me derrubando no sofá e fazendo cossegas em mim,o mais velho fez o mesmo sorrindo minimamente,enquanto eu ria descontroladamente...

-EU ME RENDO-falei entre risos vendo os dois se afastarem- parece que alguém não é tão frio assim -sorri olhando para o mais velho-

-Ele só faz essa pose toda pra conquistar os corações-Killua falou de lado e baixinho-

-É uma boa estratégia-o respondi igualmente baixinho, logo que percebeu uma expressão surpresa surgiu no rosto dele-

-SÉRIO?- Ele ficou em pé no sofá ainda com sua expressão surpresa-

-Faz tempo já Killua,desde o exame Hunter-o mais velho parecia perdido,e não havia notado o assunto-

-Entao você ama o Illu-O cortei de novo o derrubando no sofá e voltando a fazer cossegas até ele desistir de falar aquilo-

A noite a partir desse momento ficou alegre...e Illumi se mostrou atencioso com Killua, diferente do que era no exame Hunter...


Notas Finais


Comente se goxtou e se devo continuar
Até mais <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...