História Coroa de neve - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~SakuraNagisa

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Assassinato, Drama, Gay, Lemon, Lobisomem, Lua, Mistério, Policial, Romance, Suspense, Yaoi
Exibições 49
Palavras 470
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, FemmeSlash, Ficção, Lemon, Magia, Mistério, Misticismo, Policial, Romance e Novela, Saga, Sci-Fi, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência, Visual Novel, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Aqui vai o prólogo, se alguém que já leu achar diferente é porque foi modificado. Boa leitura.

Capítulo 1 - Prólogo - Nascido da noite infinita


Fanfic / Fanfiction Coroa de neve - Capítulo 1 - Prólogo - Nascido da noite infinita

 

  Shadowhills - 22 de dezembro de 1999. 

Era uma noite fria de inverno, a lua cheia se escondia atrás das nuvens que denunciavam que logo uma nevasca cairia sobre a região. No meio da floresta que cobria aquela região da Pensilvânia havia uma pequena cabana escondida entre as árvores, e nesta humilde construção havia um casal refugiado, Andrew e sua esposa Helen que havia acabado de dar a luz a seu primogênito cujo ganhou o nome de Willian ou simplesmente Will. 

Minutos antes naquela mesma noite, ambos estavam felizes com a chegada do pequeno, mas essa felicidade se encurtava a cada segundo, pois Andrew estava sendo caçado por ter cometido o que foi julgado um ato de traição para o resto dos membros do clã de lobisomens do qual Andrew era o líder no passado. 

 Andrew sabia que quando os achassem seria seu fim e o de sua família, porém antes que fosse tarde demais,  ele entrou em contato com seu meu melhor amigo e braço direito Michael para que o ajudasse a salvar seu filho e leva-lo para longe. 

O relógio corria e meia noite se aproximava quando Michael finalmente chegou a casa de Andrew.

Com o coração na mão e a confiança dada a Michael, Andrew entregou seu pequeno tesouro pra que o mesmo pudesse viver, mas antes de deixar eles partirem, Andrew deu uma ordem a Michael, onde ficava explícito que William jamais poderia saber sobre o mundo sobrenatural e sobre quem eram seus pais de verdade, ele deveria ser criado entre os humanos onde estaria seguro e longe do perigo que o clã representava. Após Michael assentir brevemente, eles se despediram, Michael partiu com Will em seus braços deixando Andrew para trás com a certeza de que seu filho ficaria a salvo. 

[...} Fugindo por entre as árvores da densa floresta que os cercava , Michael estava já alguns metros da cabana quando ouviu um potente uivo cortando o silêncio da noite, era o enviado para acabar com Andrew ele sabia. Logo Michael se escondeu em uma caverna ali perto e ficou ouvindo, ele ouviu o rosnado Andrew, ouviu o som da batalha pela sobrevivência que seu amigo havia começado a travar e ouviu por fim o som do grito de dor dele seguido pelo choro de sua esposa, Michael sentia o cheiro do sangue no ar e a dor em seu peito pela recente perda já havia começado a latejar. Ele segurou com ainda mais firmeza seu pequeno protegido nos braços e correu, correu o mais rápido que suas pernas permitiam, até os limites da Floresta onde sua esposa Lydia esperava com o carro. Ao chegar lá ele entregou a ela o bebê,  e ambos partiram para bem longe daquela cidade, onde poderiam manter Will em segurança ou pelo menos era isso que eles pensavam. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...