História Na próxima, acerto o coração - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~7decopas

Postado
Categorias EXO
Personagens Chanyeol, Kai
Tags Chankai, Kaiyeol, Projeto 365, Slice Of Life
Visualizações 247
Palavras 677
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Fluffy, Slash
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


essa fanfic era pra ser postado ontem, sexta-feira, no projeto 365, mas ontem estava cansada e achei melhor agora, além do mais ela é baseada no video fofinho que vou botar nas notas finais

de qualquer forma, agradeço a qualquer @ que vier ler ou favoritar, brigada de coração ♡

Capítulo 1 - Único


Chanyeol e Jongin tinham começado com uma melhor de três no pedra, papel e tesoura depois da janta. Quem perdesse, lavava a louça. E era bastante ainda com aquela ideia que tiveram de fazer pizza caseira, um bolo com cobertura de chocolate e beber uns goles de cerveja em seguida, rindo que nem bobos de nadica de nada e deixando as bochechas meio ardidas. Jongin perdeu e fez bico para Chanyeol pedindo uma melhor de cinco e de mais não sei mais quantas melhores desse para pedir. O mais alto concordou, porque não tinha jeito de negar algo para um Jongin com beicinho vermelho e a voz manhosa.

– Só com uma condição – falou.

– Qual? – perguntou todo animadinho, louco para começar o jogo.

– A cada vez que você perder, quero um beijo.

Jongin cresceu os olhos e fez careta de pensativo, as goladas que deu na cerveja fazendo efeito justo naquele momento a esquentar seu rosto e todo o resto do corpo com a ideia de beijar o melhor amigo. Deveria aceitar? Tinha tanta louça para lavar e...bom...hm... não devia ser ruim beijar Chanyeol, não é? Kyungsoo hyung parecia gostar quando eles estavam juntos por causa da danada da carência.

– Só se eu puder te dar um tapa toda vez que eu ganhar.

– Feito.

Começaram.

Jongin foi de pedra e Chanyeol de tesoura. O moreninho riu quando levou a mão espalmada na bochecha do Park e plau! na cara dele. Gentil, é claro. Foram de novo e Jongin estava confiante quando botou um papel na jogada. Chanyeol arriscou na boa e velha tesoura, sorrindo faceiro para o Kim que resmungou e escondeu o rosto nas mãos.

– Quero um beijinho, Jongin-ah – o mais velho cantarolou se aproximando do rapaz, assistindo de pertinho a carinha dele escondida com os dedos e achando tudo tão adorável (e aqui lê-se em letras garrafais e gigantescas o recado de que “Jongin era tão lindo, porra!!!).

Chamou o nome de Jongin baixinho, vendo ele tirar as mãos bem devagar do rosto e fitá-lo em vergonha. Chanyeol mordeu o lábio e sussurrou rouco “lindo” antes de puxar o rosto de Jongin para mais perto com ambas as mãos, grudando os lábios em seguida.

Foi algo simples, um beijinho doce com gosto de álcool e chocolate, todo morno, que pareceu terminar tão rápido e deixar para trás o gostinho de quero bis. Em defesa de Jongin, se ele errou na jogada seguinte e na depois dessa, talvez nas outras também, era porque Chanyeol jogava como ninguém pedra, papel e tesoura, não porque estava querendo beijar o mais velho de novo, longe disso em nome do senhor.

E Chanyeol nem ligava quando recebia um tapinha fraco na cara. Até fazia um auê de drama, um beiço nos lábios e resmungos de ter doído muito, ganhando de Jongin como pedido de desculpas sincero um beijo na boca bem gostoso. Talvez dois ou três, Jongin não estava contando os abusos carinhosos de Chanyeol.

Teve um momento que o pedra, papel e tesoura foi deixado de lado, os dois ficando só nos beijinhos estalados na boca que se tornaram beijaços de língua, saliva, mão na bunda, reboladas vagarosas no colo do outro e muitos chupões.

– Acho que eu venci – Chanyeol sussurrou contra a boca de Jongin, acarinhando os quadris dele.

– Acho nada – ele respondeu num gemidinho manhoso, sentindo os lábios de Chanyeol bem em seu pescoço a encher de beijos.

Mas a verdade mesmo era que Chanyeol tinha vencido. Ou melhor, acertado em cheio – a boca de Jongin. Sempre tivera uma vontade louquinha de fazer um estrago naquele lugar quente e gostoso do amigo, tirando dele o ar dos pulmões. E nada melhor do que num pedra, papel e tesoura. Faltava só uma coisa: o coração. Queria bem o coração de Jongin.

A coisa é que pelo jeito como continuaram nos beijos não apenas naquele dia, acrescentando mãos dadas e apelidos carinhosos, encontros apaixonados e louça para ser decidida no pedra, papel e tesoura de tapas e beijocas, parecia que Chanyeol já tinha acertado o coração de Jongin fazia tempo.


Notas Finais


o vídeo fofo: https://twitter.com/koreansofties/status/840819741438676992
(tão fofo, né? adoro esse vídeo)

obrigada por ler ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...