História Nada acontece por acaso - Capítulo 8


Escrita por: ~ e ~Didi1201

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Hopemim, Namjin, Taekook, Vkook, Yoonmin
Visualizações 30
Palavras 1.629
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oie
Segundo capítulo hoje só porque eu quis mesmo kkk
Espero que gostem!

Capítulo 8 - Trupe


Fanfic / Fanfiction Nada acontece por acaso - Capítulo 8 - Trupe

«POV Taehyung»

Hoje é quinta-feira e já se passaram duas semanas desde que eu fui promovido. O evento será amanhã à tarde e se arrastará noite dentro. Será em um grande hotel aqui de Seul e só vão estar presentes grandes empresários e pessoas famosas. Segundo o que percebi, a empresa do filho do meu quase ex-chefe também vai fazer uma apresentação de uns modelos novos de publicidade e etc, mas nada de muito exagerado.

Devido a isso, eu hoje ganhei o dia de folga para me prepara e agora eu estou indo em direção ao cabeleireiro mais próximo da minha casa fazer uma mudança de visual, bastante aconselhada pelo Senhor… Ahn, você acredita que eu não sei o nome dele até hoje? Bom, não interessa, só sei que ele recomendou porque diz que nós vamos estar em meio a pessoa muito importantes e eu não posso ter uma aparência desleixada, e que por daí em diante eu teria que andar assim sempre e blá blá blá.

A ideia não me agradou muito, mas fazer o quê?

Olá cabeleireiro, adeus castanho…

 

-------------- Quebra de Tempo---------------

2 Horas depois…

 

- Opa, eu estou muito gato com esse cabelo alaranjado, sim ou claro? - Falei me vendo no espelho e piscando para mim mesmo.

- Pra quem não queria pintar o cabelo… - Riu Woozie parando atrás de mim e vendo o meu reflexo no espelho.

- Mas eu me enganei profundamente! Ficou maravilhoso, assim como eu! – Ri, me gabando, enquanto o outro observava e ria das caretas que eu fazia no espelho.

- Não vai se achando não, daqui a umas lavagens isso já está saindo e você vai voltar pro seu tom de castanho natural… - disse a mais nova, vulgo Minzy, uma das cabeleireiras do salão, tirando a bata de mim e revirando os olhos.

Oxi, menina azeda.

- É, pena que é temporária. Talvez eu pinte definitivamente quando essa aqui sair… O que você acha Woozie? Pinta para mim de novo?

- Eu acho é que você me dá muito trabalho Tae! – Respondeu ele fingindo uma cara cansada.

- Não reclama não, eu estou pagando não estou? Então pronto. E você Min, acha o quê? – Disse, agora mirando a outra através do espelho, que ainda se encontrava presente.

- Acho que não me interessa… - disse a mesma saindo do espaço e indo em direção à sala dos funcionários.

- Nossa, TPM? – Virei a cadeira indignado.

- TPM, de certeza! – Respondeu o Woozie caindo na gargalhada comigo logo a seguir.

 

Eu e Woozie nos conhecemos desde muito pequenos. Eu o conheci quando vim morar na casa do Yoongi hyung já que ele e a sua família haviam se mudado por volta dessa altura também. Nós ficámos muito amigos e ele seguiu a carreira que sempre quis: Estética e Cabeleireiros, e bom, hoje em dia tem o seu próprio local de trabalho.

Ele tem uma estatura não muito alta e normalmente tem sempre os cabelos tingidos em tons pasteis. A pele é muito clarinha e ele costuma usar roupas claras, soltas e leves, para combinar com ele. Ele é também super fofo e não aparenta ter 22 anos na cara. Eu dava uns 15 e ele já ia com muita sorte, isso sim!

 

- Eu agora tenho que ir, até uma próxima pequeno. – Disse atrapalhando os seus cabelos e me retirando do local.

- Até mais hyung! – Gritou o mais novo da porta do cabeleireiro acenando enquanto eu me direcionava ao meu carro, adentrando a loja novamente em seguida.

- Estou exausto, finalmente vou poder ir para casa.

BRUMMMM PUM PUM PUM RRRRRRR

BOOM

- Opa, ou talvez não. Mas era só o que me faltava.

Havia uma fumaça muito escura saindo do, suponho eu, motor do carro, juntamente com um cheirinho a queimado.

Obviamente que eu saí rapidamente alí de dentro não é, vai que explode! Ia arruinar todo o meu cabelo acabado de fazer!

- Droga! O que é que eu vou fazer agora?!?! – Gritei no meio da rua, fazendo um homem que se encontrava à porta do salão há pouco deixado por mim, parar e vir na minha direção, seguido de Woozie que saia do salão às pressas por ter, provavelmente, ouvido os meus berros lá de dentro.

- Está tudo bem moço? Posso ajudar? – Falou o homem desconhecido por mim até então.

- Hyung, você está bem? O que aconteceu Taetae? – Perguntou o mais novo ainda ofegante da mini corrida, me afastando do carro que ainda deitava fumo e me puxando para a calçada.

- Woozie, o meu carro estragou! – Disse fazendo uma voz manhosa e formando um enorme bico nos lábios como uma criança, arrancando uma gargalhada gostosa do outro que ali se encontrava até então.

- Hobi hyung, não se ria do TaeTae! – disse desferindo um tapa no braço do outro que fez uma careta de dor e cobriu a zona agredida com a mão.

- AU WOOZIE! Sempre agredindo o seu irmão seu desnaturado! – Essa foi a vez do outro formar um bico nos lábios.

- Hobi hyung? – Pergunto depois de observar a cena.

- Ahn? – Diz o outro desviando o olhar pra mim ainda com a mão no braço.

- Seu irmão? – Pergunto dessa vez me virando para o mais novo.

- É Taetae, o meu irmão lembra, o Hob…

- HOBI HYUNG!!! – Digo pulando em cima do outro e o abraçando. – Nossa como você está? O que tem feito? Não via você há tanto tempo! – Continuava as perguntas apertando o abraço, mas logo me afasto. – Não se lembra de mim hyung?

O outro faz uma cara de interrogação e olha para o irmão logo caindo na gargalhada com o mesmo, me deixando com cara de bunda.

- Mas é lógico que eu lembro Taetae! Vem aqui me dar um abraço sua peste! –Falou abrindo os braços e me dando um abraço bem apertado como só ele sabia dar. – Que saudade que eu estava de você! Nem te reconheci de primeira com esse cabelo e essa cara de adulto! – Completou se afastando e me olhando de cima a baixo.

- Eu estou muito gato, eu sei! – Disse dando uma voltinha.

- E muito convencido também! – Respondeu Woozie de braços cruzados, me lembrando que o mais novo também estava ali e fazendo o irmão gargalhar mais uma vez.

- Você me ama que eu sei. – Me virei mostrando a língua.

- O pior é que eu amo mesmo. – Falou se aproximando e nos abraçando em conjunto. – Parece que a trupe está novamente reunida hã?

- Bom, quase. Falta o Yoongi. Onde é que ele anda? – Perguntou o Hobi, separando o abraço.

- Isso é meio complicado, outra hora eu te explico. E você, o que faz por aqui? – Desconversei, me separando do abraço também.

- Eu te conto no caminho para a sua casa. - Falou já apontando para o próprio carro e tirando as chaves do bolso.

- Oi?

- Ah nem vem Taehyung! Com esse carro você não vai a lugar nenhum, para de ser orgulhoso. A gente aproveita e bota a conversa em dia.

- E você Woozie? - Me viro agora para o mais novo.

- Taetae são três da tarde, eu não posso fechar o salão a essa hora né! Vai com o meu irmão, mas se ele abusar de você me liga tá? - Respondeu piscando para mim.

- Magoou agora. – Respondeu o mais velho com a mão no peito fingindo uma cara indignada.

- Ah Hoseok, não enche! – Falou o outro revirando os olhos. - Vão lá vão, até mais hyungs, se cuidem! – Terminou o mais novo se virando e acenando enquanto adentrava novamente o salão.

- Vamos hyung?

- Vamos!

 

-------------- Quebra de Tempo ---------------

 

- Então, onde é que você quer ir almoçar? – Perguntou ele no meio da nossa conversa.

- Mas você não ia só me levar em casa? – Respondi olhando o mesmo.

- Eu ia, mas eu aposto que você passou um bom tempo no salão e ainda não comeu nada hoje. – Se pronunciou novamente enquanto ainda mantinha os olhos na estrada, focado na direção.

- É, você tem razão. Eu acabei por acordar tarde e então vim direto pro salão. – Falei levando a mão à nuca meio envergonhado.

- Você continua igualzinho não é mesmo? Está tão magro que daqui a pouco desaparece! Criatura, você não come não? – Falou, dessa vez mais sério, aproveitando que o sinal estava vermelho e olhando para mim.

- Eu não sinto fome hyung! Só como quando sinto que preciso, não tenho culpa! – Respondi com as mão levantadas em sinal de rendição.

- Ah mas hoje você vai comer. Eu até já sei onde te levar. - Respondeu determinado, voltando a olhar para a frente e acelerando o carro assim que o sinal verde abriu.

- Mas hyun…

- E nem adianta reclamar. ´

- Tá tá, eu desisto! – Concordei, me encostando no banco e bufando enquanto o outro sorria vitorioso.

 

------------- Quebra de Tempo --------------

 

- Bom, está entregue. Tem certeza que fica bem e que não vai se matar de fome? – Perguntou o mais velho, arqueando uma sobrancelha.

- Tenho sim Hobi, o Jin hyung sempre cozinha o jantar para mim e está sempre tentando me fazer engordar. De fome eu não vou morrer! – Disse enquanto ria e retirava o cinto, fazendo o outro rir também.

- Jin hyung hã? – Falou o mais velho fazendo uma cara pensativa, como se estivesse tentando se lembrar de alguém com esse nome. – Mas se você diz, por mim tudo bem. Qualquer coisa me liga, aqui está o meu número. – Completou, me entregando um papelinho.

- Obrigada! Agora eu vou indo. – Agradeci saindo do carro. – Ah e Jung Hoseok….

- Hm?

 

 

 

 

Eu não sou uma peste…


Notas Finais


É, foi isso! Novas personagens nesse capítulo e a mudança de visual do Taetae.
E o Woozie é muito fofo gente, acho que eu estou apaixonada! Kkkk

Bom, se gostou, comente e favorite, isso vai me ajudar muito!
Até ao próximo capítulo,
Byee ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...