História Nada Do Que Pensei - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Mentiras, Romance, Tragedia
Exibições 7
Palavras 2.193
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Genteeeeeeeeee
Chorei fazendo]
Desculpa a demora
@Boa Leitura

Capítulo 9 - "Eu não posso te amar" Pt.1


Fanfic / Fanfiction Nada Do Que Pensei - Capítulo 9 - "Eu não posso te amar" Pt.1

               (2 MESES DEPOIS)

Se passaram dois meses desde a situação do Outlet. E nesse intervalo de tempo eu não tive contato NENHUM com Rafael.Eu não sei o porque dele estar fazendo isso, só sei que eu estou sofrendo muito.Com ele eu me sentia segura e no pouco tempo que o conhecia eu o considerava um irmão.

Amanhã é meu aniversario e eu não estou com nenhuma vontade de comemorar.Sem ele não.São 15.00hrs,esta chovendo muito e mais uma vez estou chorando e olhando para a lamina que guardo na capa de meu celular.Sim eu me corto,é a unica maneira que acho de aliviar meu sofrimento. Desde que conheci Vanessa parei de fazer isso,ela me faz feliz e me ajuda a superar tudo.

          (Nessa)O QUE VOCÊ ESTA PENSANDO EM FAZER COM ISSO?-Ela grita ao entrar em meu quarto e me ver com aquilo na mão.-Eu achei que você tivesse parado. Nanda o que você esta fazendo com sua vida?

 Eu não conseguia responder somente guardei a lamina e a abraçei. Ela me lembrava minha mãe,mas o nosso momento "mãe e filha" foi interrompido por um trovão e um grito.

          (Bia)AAAAAAA SOCORRO-Ela chegou no quarto gritando e nós só sabiamos rir,todos sabem que ela tem medo de chuva.-Parem de rir-Disse se deitando na minha cama e se enrolando com o lençol-Vocês não vem?

Nos levantamos do chão e nos deitamos com a pequena na cama,colocamos um filme e dormimos ali assistindo.

                 (QUEBRA DE TEMPO)

Acordei ás 18.00hrs,ela ainda dormiam.Me levantei e tomei um banho,vesti um short jeans e uma camisa que Rafael esqueceu aqui,ela me fazia lembrar dele,seu cheiro.Amanhã sera mais um aniversario,mais um ano de vida fui para o sofá e me sentei olhando para o celular na mesa de centro.Eu tinha que fazer isso.Tenho que ter uma explicação.Preciso saber o que aconteceu.Impaciente pego o celular e disco seu número,olho para o celular ainda indecisa e ligo para ele.

O celular chama 3 vezes e é atendido.

          (???)Alô-Uma voz feminina diz,imagino que não seja sua mãe pois ele é emancipado.

          (Nanda)Alô-Digo insegura-Quem está falando?

       (???)"Amor,quem é?"-Uma voz parecida com a de Rafael pronuncia de longe.-Só um minuto-A moça diz mas eu desligo o telefone e corro para o banheiro.

Me sento na tampa do vaso sanitario e começo a chorar,não sei o que vai ser de mim amanhã.

          (Nessa)Fernanda!?Sai daí.Precisamos conversar-Ela diz e eu lavo meu rosto e abro a porta.

         (Nanda)Não temos nada pra conversar.-Digo e a abraço-Preciso sair,não me espere.-Digo pegando meu celular e saindo de casa rapido!Não dando tempo pra mesma responder.

Saio andando sem rumo pelas ruas.Hoje é sexta-feira então a rua esta movimentada.Paro em um parque de diversões que eu nunca tinha visto e me sento em um banco.Vejo as crianças brincarem me lembrando de Felipe de Rafael.Eu não vou chorar.Aqui não.

                    (POV'S RAFAEL ON)

Depois do que aconteceu no Outlet eu prefiro manter distancia da Nanda. Não atendo suas ligações,não respondo suas mensagens,não falo com ela na escola mas é o melhor a se fazer. Muitas coisas aconteceram,estou namorando.Sim eu estou namorando e não é com Fernanda,o que me deixa triste.Mas tem que ser assim.

Amanhã é aniversario de Fernanda,minha namorada(Gisele) esta aqui em casa.Não sei o que vou fazer amanhã.Vanessa esta me evitando,ela disse que Nanda anda muito mal com minha falta.Só falamos sobre trabalho e nada mais,parei de perguntar sobre Fernanda e ela continua fria comigo.

Eu e Gisele estamos deitados no sofá assistindo a um filme,ela é uma menina legal e não merece ser iludida.Ela realmente me ama mas eu só a uso para esquecer quem realmente amo.Não estou prestando atenção no filme, somente penso no dia de amanhã.De repente meu celular toca e Gisele se levanta para atender.Não temos problemas em relação a celular,eu uso o dela e ela usa o meu.

(Gisele)Alô-Ela diz ao telefone

            (Rafa)Amor,quem é?-Grito de longe

         (Gisele)Só um minuto-Ela diz para a pessoa na linha-Alô?Alguém?-Ela diz confusa ainda com o celular no ouvido-Não sei quem era.Desligou-Ela disse para mim colocando o celular na mesa.

            (Rafa)Estranho.-Digo e a mesma se deita novamente ao meu lado.

Volto novamente para meus pensamentos mas desperto quando o celular toca novamente.

          (Rafa)Deixa que eu atendo-Digo impaciente me levantando do sofá e vendo no visor "Nessa"

                   (LIGAÇÃO ON)

          (Rafa)Alô-Digo apreensivo-O que aconteceu?

          (Nessa)Rafael,Por favor.-Diz com a voz tremula-Ela saiu correndo não sei pra onde foi.

          (Rafa)Liga pra ela.-Digo já preocupado

          (Nessa)Já liguei.Não atende-Ela diz e me preocupo mais-Vá atras dela.AGORA.Você que causou tudo isso-Ela disse seria,não entendi mas prefiro ir atras dela.Não vou me perdoar se algo acontecer.

                    (LIGAÇÃO OFF)

Saio correndo de casa,pegando somente a chave do carro.Gisele me olha confusa da porta.Apenas digo sem voz "Não se preocupe" e entro no carro em disparada...

                    (POV'S NANDA ON)

Depois de aproximadamente 1 hora sentada no parque chega um rapaz...

          (???)O que uma moça bonita como você faz a essa hora sozinha na rua?-Perguntou me tirando dos meus pensamentos

           (Nanda)Pensar-Digo cabisbaixa-Somente pensar.-Digo segurando as lagrimas

          (???)Prazer Daniel.-Diz se abaixando e enxugando uma lagrima teimosa que insistiu em sair.-Pode confiar.Quer desabafar?-Diz se sentando ao meu lado e começo a lhe contar tudo.

Sei que é estranho desabafar com um desconhecido mas o fato dele não me conhecer só me assegura que ele não ficara me julgando.Depois de um bom tempo conversando,na verdade só eu falei ele permaneceu calado.Quando terminei de falar ele apenas me abraçou.

          (Daniel)Eu te levo em casa.-Disse e se levantou.

Fomos andando até minha casa.Onde ele me abraçou e me entregou um papel onde tinha escrito seu número e um "Parabéns".Ri e entrei em casa acenando com a mão.Pelo visto tenho um novo amigo,pelo menos isso.Entrei em casa e não passei no quarto de Vanessa fui direto para o meu onde Bia ainda dormia em minha cama.Ri com a situação e me deitei junto a ela.

Avisei a Vanessa que já havia chegado por mensagem.Eu não estava com cabeça pra discutir o quanto sou irresponsável e BLÁ,BLÁ,BLÁ.Cai em um sono profundo sem vontade nenhuma de acordar.O dia amanhã vai ser longo.

                     (QUEBRA DE TEMPO)

Acordei ás 08.00hrs não sei porque.Me levantei da cama e tomei um banho demorado vesti um short jeans cintura alta e um moletom preto com a frase "Moments are Moments" em branco,coloquei um tênis cano alto branco e dourado e passei um batom rosa choque.Prometi pra mim mesma que não iria sofrer.Quando ia sair do quarto meu celular vibrou.Era uma mensagem de Daniel

                    (WHATSSAP ON)

          (Daniel)Bom Dia Linda Parabéns.-Eu ri da situação

          (Nanda)Bom Dia<3Obrigada

          (Daniel)E ai partiu shopping hoje?

          (Nanda)Não sei se estou no clima.

          (Daniel)Deixa de ser chata.Passo ai que horas?

          (Nanda)Calma mais tarde te respondo se vou ou não.

          (Daniel)Ok.Beijos<3<3

                       (WHATSSAP OFF)

Fiquei rindo da situação quando meu celular vibra de novo.Dessa vez era uma notificação do Twitter,de Rafael,ele havia tuitado a frase "Por que você?Por que eu?Só preciso de um tempo pra esquecer".Quer dizer que ele está tentando me esquecer?Por que?O que eu fiz?

Não vou chorar.Hoje não é dia pra isso.Sai do quarto e fui direto para a cozinha.Bia estava na cozinha atacando um bolo de chocolate que Vanessa havia comprado.

          (Nanda)Bom Dia Ana Beatriz.Sabia que chocolate de manhã não faz bem?-Disse e ela bufou

         (Bia)Bom Dia Chata-Disse e se levantou para me abraçar-Parabéns.Ta ficando velha e mais rabugenta-Disse e lhe dei um tapa fraco no braço seguido de uma gargalhada dada pelas duas.

          (Nanda)Obrigada e a tendência é piorar mocinha-Ela sussurou um "aff"-Te amo-Disse lhe puxando e dando-lhe outro abraço mais apertado.

Sentei na mesa e começei a comer o bolo.Quando terminamos fomos assistir a um filme,"Frozen" pra ser mas especifica.Eu sei que é chato mas eu não posso colocar "50 Tons De Cinza" pra uma criança de 10 anos assistir né!?

Enquanto ela assistia fui fazer pipoca.Depois de 20 minutos voltei com 2 baldes de pipoca doce e salgada.Bia acabou dormindo no meio do filme.Quando  o filme estava perto de terminar recebi uma ligação de Flavia(mãe de uma amiga de Bia) perguntando se ela poderia ir a um clube.Eu deixei e acordei a criança.

Ela foi se arrumar e meu celular vibrou.Era uma mensagem de Daniel.

                        (WHATSSAP ON)

          (Daniel)Oie .Abri o portão pra mim.-Não respondi apenas abri o portão onde o mesmo me esperava.

Ele estava arrumado,bonito.Me abraçou e me entregou um presente.

          (Nanda)Não precisava.Obrigada

          (Daniel)Abre logo

Abri e dentro tinha um vestido tubinho cinza e uma toca da mesma cor.

          (Nanda)Obrigada.-Disse sorrindo.

         (Daniel)Venho te buscar às 16.30hrs.Não aceito "não" como resposta.Usa a roupa que te dei.Beijos.Tchau.-Ele simplesmente saiu de casa.

Não estou no clima pra sair.Mas realmente parece que ele é uma boa pessoa.Depois de mais ou menos 30min Bia saiu.

Passei o resto do tempo que sobrava arrumando a casa e assistindo filmes.Por volta das 15.30hrs eu fui tomar banho.Tomei um banho demorado,hidratei meu corpo ,deixei meu cabelo solto e coloquei a toca que ele me deu,fiz uma make básica,vesti meu vestido tubinho cinza(NotasFinais) e coloquei meu vans branco.

Dei uma ultima olhada no espelho e apenas pensei em ser forte.Acabei tudo eram 16.25hrs,ele não demoraria pra chegar.Abri o facebook e lá estava a foto de Rafael com a legenda "Aos poucos vou tentando,mas cada detalhe em mim lembra você".

Eu não vou chorar,ele está tentando me esquecer?Vou facilitar as coisas,vou fazer isso por ele.Já tenho tudo na minha mente,ele quer me esquecer?Eu também quero ME esquecer.

Fui ao espelho novamente,dessa vez com um sorriso. Vou aproveitar o pouco tempo que me resta.Ultimas palavras?

           SEJA FELIZ COM ELA.

Despertei dos meus pensamentos com a buzina do carro de Daniel.Peguei minha bolsa,celular e sai por aquela porta decidida.É HOJE.

Entrei no carro onde o mesmo me esperava e dei-lhe um beijo.Um beijo intenso do começo ao fim,sem aquelas baboseiras que o povo fala.Pode ser dizer que a terceira guerra mundial estava acontecendo dentro das nossas bocas.O ar faltou,nos separamos e o mesmo me olhou incrédulo enquanto eu ria da sua reação e limpava o batom em meu rosto.

           (Daniel)UAU-Disse olhando para o espelho e limpando o batom de seu rosto-O que deu em você?

          (Nanda)Não gostou?-Disse rindo alto

         (Daniel)Não-Ele disse e lhe dei um tapa no braço-Amei-Ele disse sorridente e lhe dei um selinho-Ficou linda a roupa.

         (Nanda)Obrigada.Como você sabia o tamanho?

         (Daniel)Palpite.-Ele disse ligando o carro-Vamos por que o filme vai começar.

Fomos o caminho todo escutando música e rindo muito.Por que os últimos momentos estão sendo os melhores?Minha vida sempre foi uma verdadeira MERDA.Por que agora esta tudo assim?Não poderia ser o Daniel no dia da praia?Por que?Resolvi me desligar um pouco das minhas neuroses e curtir as horas.AS ÚLTIMAS HORAS.

Chegamos no shopping 30min depois,ele foi comprar nossos ingressos,depois ficamos rodando o shopping de mãos dadas.Eu ria das pessoas que passavam achando que ele era meu namorado.Resolvemos entrar em uma loja de roupinhas de bebê.Eu olhava as roupas e passava a mão na barriga,simulando uma gravidez.Logo veio uma vendedora:

          (Vend.)Olá.Posso ajudar?-Ela disse e na mesma hora Daniel entrou na brincadeira e beijou minha barriga por cima do vestido.-Que lindo.Pra quando é o bebê?

Ela disse animada e nós saímos da loja rindo alto sem responde-la,ela ficou olhando pra a gente com cara de "O que eles tem?".Paramos em corredor que dava acesso ao elevador,minha barriga já doía de tanto rir.

          (Daniel)O que deu em você?-Ele disse rindo alto chamando o elevador-Você viu a cara dela?

          (Nanda)Você também entrou na brincadeira-Disse tentando parar de rir-Vamos que o elevador chegou.

Entramos no elevador e subimos até o terceiro andar.Logo chegamos lá,fomos para o cinema e compramos a pipoca e o refrigerante.Quando estávamos perto da sala resolvi perguntar:

          (Nanda)Vamos assistir o que?

          (Daniel)Invocação do Mal 2-Disse ele tranquilamente comendo pipoca.

          (Nanda)Oi?Repete.Eu não vou-Disse e ele começou a rir-Para de rir.Se você quer ver o capiroto você vai ver sozinho-Disse parando de andar.

          (Daniel)Por favor.Vamos,eu te protejo.-Ele disse e eu voltei a andar.

Chegamos na sala e nos trailers eu já estava morrendo.Ele me abraçou de lado me aninhando em seus braços.

Depois de um tempo o filme já estava na metade e todos os sustos que eu tomava eu abraçava ele.Não sei porquê mas acho que ele esta gostando disso?No meio do filme ele me levanta,me fazendo olhar em seus olhos.

De surpresa ele me beija,dessa vez não era nada parecido com o do carro.Era um beijo calmo,carregado de amor e carinho.Ele estava com uma das mãos em minha cintura e  me puxava cada vez para mais perto de seu corpo.Juro que nessa hora esqueci tudo o que estava prestes a fazer,até mesmo de tudo o que já havia vivido.

Eu poderia passar horas e horas ali mas oxigênio ainda é vital.Nos separamos e eu sorri,queria esquecer tudo.TUDO.

          (Daniel)Me deixa fazer isso.Me deixa te fazer esquecer ele.Me deixa te fazer feliz.-Ele sussurou e uma lágrima teimosa escorreu dos meus olhos,ele limpou a mesma e continuou-Deixa?Deixa eu enxugar suas lágrimas,fazer você chorar só de felicidade.Deixa eu fazer isso por você?Deixa eu fazer isso por nós?

Eu só fazia chorar.Minha maquiagem já havia ido embora.Eu o abraçei e enxarquei sua camisa.Eu não podia dizer sim a ele.Mas eu não queria dizer não.Eu não posso dizer a ele o que vou fazer.Eu não posso amar ele.Eu não posso amar NINGUÉM.

O que dizer a ele?

          (Nanda)Daniel....Eu...

                                                Continua...


Notas Finais


Genteeeeeeeee.
Vestido Cinema: https://www.dafiti.com.br/Vestido-Colcci-Tubinho-Cinza-1787544.html
Vai ter pt.2
Aguardem
Desculpem os erros.
Amos vcs
Tchau


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...