História Nada na vida é planejado, simplesmente acontece- Jortini - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Jorge Blanco, Martina Stoessel, Mercedes Lambre, Ruggero Pasquarelli, Violetta
Personagens Jorge Blanco, Martina Stoessel, Mercedes Lambre, Ruggero Pasquarelli
Tags Jortini, Violetta
Exibições 158
Palavras 1.376
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


galera desculpem pela hora que esse cap ta saindo mas eu estava animada e sem sono então terminei de escrever e decidi postar na mesma hora
Espero que gostem

Capítulo 12 - Não estaríamos discutindo se morássemos juntos!!!


Fanfic / Fanfiction Nada na vida é planejado, simplesmente acontece- Jortini - Capítulo 12 - Não estaríamos discutindo se morássemos juntos!!!

Ainda por Lodo

**Mensagem ainda on**

 

Não tenho tempo de escrever só vem pra casa

Ta ja to saindo daqui

 

**Mensagem off**

 

Eu sai as presas do hospital, eu estava em pânico oque será que aconteceu com minha filha?

 

(…)

 

Eu estava na rua de casa quando vejo uma ambulância na porta, e vejo o Dih falando com a babá,  e depois entrando na ambulância antes de entrar ele olhou pra trás e reconheceu meu carro(P.S.: Falei MEU carro porque o Dih tem o dele e eu tenho o meu, mas eu uso o dele e ele o meu também). Eu estacionei o carro super rápido e desci com pressa. Eu falei com o enfermeiro que estava subindo pra acompanhar a minha filha que estava lá dentro(Era a Clarisse que estava la dentro). Um pequeno lembrete elas ainda não tem nem um ano de idade, o enfermeiro me deixou entrar e la dentro perguntei ao Dih

 

-Meu amor oque ouve?-eu disse olhando nossa filha

-Ela teve um crise de asma-ele disse me olhando triste

 

Bom eu esqueci de comentar, mais a Clarisse nasceu com asma

 

-E foi muito grave?-perguntei olhando pra ela que estava com uma mini bombinha de asma na boca

-Foi e os médicos tem medo de que-ele disse e eu pude ver pela TERCEIRA VEZ NA VIDA, o Dih Chorando e isso me cortou o coração 

-Bom eu tenho uma coisa pra te animar-eu disse, ele me olhou confuso e o enfermeiro me olhou maliciosamente-Uma musica, e vocês dois parem de só pensar besteira-eu disse e eles riram, então eu comecei a cantar

 

Lodo: Escucha e siente

Sube el volumen vas a enloquecer

Enloquecer, enloquecer oh

 

Entiende y siente

De corazones rotos soy el rey

Yo soy el rey

Yo soy el rey oh

Perdiendo el control

 

Y en mi ritmo ponte a bailar

Ven conmigo dejate besar

Yo sé te va a gustar, mi estilo te va a conquistar

Mis pies se mueven al compás

Sé que no lo puedes evitar

No intetes luchar, mi estilo te va a conquistar

 

Y es que yo soy así

Mi vida es alocada

Sin red y voy a mil

Mi ley es doble o nada

Y es que yo soy así

Con solo una mirada

Vas a quedar de mi

Por siempre enamorada

 

Escucha y siente

Ya tus amigas te pueden contar

Pueden contar

Que bien la pasarás

 

Entiende y siente

Estoy aquí la fiesta va empezar, va empezar

La fiesta va empezar

Perdiendo el control

 

Y en mi ritmo ponte a bailar

Ven conmigo dejate besar

Yo sé te va a gustar, mi estilo te va a conquistar

Mis pies se mueven al compás

Sé que no lo puedes evitar

No intetes luchar, mi estilo te va a conquistar

 

Y es que yo soy así

Mi vida es alocada

Sin red y voy a mil

Mi ley es doble o nada

Y es que yo soy así

Con solo una mirada

Vas a quedar de mi

Por siempre enamorada

 

Oye!

Yo soy así, pregunta por ahí

Pero contigo

 

Todo cambia

Cuándo te acercas a mi

Tus ojos me hacen sentir

Que estoy volando, volando

 

Tu presencia

Mi mundo completa

Te haré mi princesa

Hoy con un beso

Perdiendo el control

 

Mis pies se mueven al compás

Se que no lo puedes evitar

No intetes luchar

One, two, three, four

 

Y es que yo soy así

Mi vida es alocada

Sin red y voy a mil

Mi ley es doble o nada

Y es que yo soy así

Con solo una mirada

Vas a quedar de mi

Por siempre enamorada

 

Y es que yo soy así

Sin red y voy a mil

Mi ley es doble o nada

Y es que yo soy así

Con solo una mirada

Vas a quedar de mi

Por siempre enamorada

 

Oye, yo soy así

 

Eu cantei e finalmente consegui arrancar um sorriso dele, eu entendo a dor e a tristeza dele eu também estou assim,mas precisamos estar sorrindo quando nossa filha acordar. Assim que chegamos ao hospital ela foi para a sala de exame com os médicos e nos fomos obrigados a ficar na sala de espera 

 

Por Tini

Eu estava na sala da casa do Jorge, como já sabem eu fiquei muito triste por ele não ter me pedido em casamento lá em Roma, mas eu acho que ja superei isso, oque mais me incomoda e não morarmos juntos ainda bom nos temos um bebê a caminho e quando ele ou ela nascer aonde vai ficar? Quer dizer aonde eu sei foi ficar na casa de um dos pais, mas essa é a questão, na casa de quem o bebê vai ficar?

 

-Meu amor-disse o Jorge entrando no quarto e me tirando dos meus pensamentos 

-Oi, oque foi?-eu perguntei calma

-Nada, quer dizer eu que te pergunto, oque foi?-ele disse

-Nada, eu só tava aqui pensando Jorge, na casa de quem o bebê vai ficar?-eu perguntei e ele fez uma cara estranha

-Na minha é obvio-ele disse como se fosse realmente obvio 

-QUE?-eu perguntei chocada-Claro que não, eu sou a mãe ele vai comigo

-Tini vai da no mesmo-ele disse sentando na cama onde eu estava deitada- você não vai ficar aqui quando o bebe nascer?

-COMO DA NO MESMO?-Falei de novo sem acreditar no que eu estava ouvindo-NAO DA NO MESMO, VOCE POR ACOSO PRODUZ LEITE- ele fez não com a cabeça e me olhou novamente

-Tini olha só não é porque você produz leite que você é melhor que eu pra cuidar dessa criança-disse ele tentando não se alterar muito

-NAO FOI ISSO QUE EU DISSE, E OUTRA NAO ESTARÍAMOS DISCUTINDO A GENTE MORASSE JUNTO- eu gritei, bom admito que peguei pesado, isso é porque ele precisava de uma dose de realidade 

-QUE?TUDO ISSO É POR CAUSA DE ROMA?-ele diss…, pera ai como ele sabe sobre Roma-ME RESPONDE TINI, ISSO É POR EU NAO TER TE PEDIDO EM CASAMENTO NA VIAGEM?

-NÃO-menti-QUER SABER VOU FALAR A VERDADE, SIM É SOBRE ISSO MESMO, E TE DIGO MAIS SE NAO TOMAR UMA DECISÃO EU TOMO-eu gritei e quando ele ia fale eu o interrompi de novo-SE NAO QUER SE CASAR COMIGO É PORQUE TEM DUVIDAS SOBRE ISSO- eu disse e tentei segurar as lagrimas que saíram mesmo assim

-TENHO MESMO, TENHO DUVIDAS DE QUAL VAI SER A COR DO MEU TERNO, TENHO DUVIDAS DE QUAL SERA O TAMANHO DO BOLO-ele disse com um tom de voz ainda gritando só que não tao auto quanto eu tinha gritado antes-Tenho duvidas de muitas coisas sobre o noivado, que ainda nem aconteceu porque eu queria fazer uma surpresa mas saiba que quando menos esperar eu vou estar ajoelhado te pedindo em noivado-ele disse se aproximando de mim e com um sorriso nos lábios mostrando aquelas covinhas tao fofas-Mas Tini eu quero que saiba que a única coisa que eu tenho certeza absoluta em relação a esse casamento é- ele disse se aproximando mais de mim-É a mulher que quero que esteja ao meu lado me acompanhando, como minha noiva e essa mulher é -ele dizia e eu ja estava com um sorriso de orelha a orelha- A Stephie -ele disse serio

-QUE?-eu perguntei de boca aberta, eu não acreditava no que eu estava ouvindo

-Calma, calma, é brincadeira-ele disse e eu suspirei aliviada

E então ele me beijou, um beijo típico Blanco, começa leve com apenas um selinho demorado, mas depois vai esquentando ate que o ar de sinal de que esta faltando

 

Por Lodo

Não acredito nisso, minha filha estava correndo riscos de vida e eu não podia fazer nada. Bom desculpa nem falei nada do que esta acontecendo, resumindo um medico chegou pra mim e para o Diego que nossa filha(Que ainda é um bebê inofensivo), estava correndo sérios riscos de vida. Meu mundo estava desabando, e mais coitada da Liz não ta sabendo se nada(Até porque ela é um bebê, e não entenderia nada)

 

-Dih oque vamos fazer?- eu disse enquanto lagrimas escoriam dos meus olhos 

-Não sei minha linda, mas se acalma vai ficar tido bem-ele disse me abraçando de lado

-Vocês são os pais da Clarisse?-disse um medico apontando pra gente que prontamente levantou

-Somos-falamos juntos

-Então eu tenho uma boa e uma má noticia 

 

CONTINUA…


Notas Finais


Comentem oque acharam please


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...