História Nalu: Eu sou forte! - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Aquarius, Aries, Azuma, Bickslow, Bisca Connell, Briar, Cana Alberona, Câncer, Capricórnio, Carla (Charle), Charlie, Chelia Blendy, Coco, Crux (Kurukkusu), Dan Straight, Doranbolt, Droy, Elfman Strauss, Erik (Cobra), Erza Scarlet, Eve Tearm, Evergreen, Flare Corona, Freed Justine, Frosch, Gajeel Redfox, Gemini, Gildartz, Grandeeney, Grandine, Gray Fullbuster, Happy, Hibiki Lates, Horologium, Hughes, Ichiya Vandalay Kotobuki, Igneel, Ivan Dreyar, Jackal, Jellal Fernandes, Jenny Realight, Jet, Jude Heartfilia, Jura Neekis, Juvia Lockser, Kagura Mikazuchi, Karen Lilica, Kinana, Kyouka, Laki Olietta, Laxus Dreyar, Layla Heartfilia, Lector, Leon, Levy McGarden, Libra, Lisanna Strauss, Loki, Lucy Heartfilia, Lyon Vastia, Lyra, Macao Conbolt, Makarov Dreyar, Mary Hughes, Mavis Vermilion, Meredy, Mest, Michelle Lobster, Mickey Chickentiger, Midnight, Mikuni Shin, Millianna, Minerva Orland, Mirajane Strauss, Mystogan, Nashi Dragneel, Natsu Dragneel, Nikora "Plue", Ophiuchus, Orga Nanagear, Pantherlily, Personagens Originais, Pisces, Ren Akatsuki, Risley Law, Rogue Cheney, Romeo Conbolt, Ruby Strum, Rufus Lore, Sayla, Scorpio, Sherry Blendy, Silver Fullbuster, Skiadrum, Sting Eucliffe, Tauros, Taurus, Ultear Milkovich, Ur, Virgo, Wanaba, Warren (Edolas), Warren Rocko, Wendy Marvell, Yukino Aguria, Zeref
Tags Gruvia, Jerza, Nalu
Visualizações 137
Palavras 526
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Hentai, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Sinto cheiro de romance...

Capítulo 9 - Nada bom(parte 2)


-Eu vim... porque...-ela parecia procurar algum motivo. Acho que eu não sou o único que esquece essas coisas.-Eu vim para ver como a Lucy estava, é isso!-

-Aye...-disse o Happy pulando na Lisanna para abraça-la.-Foi assustador!-

-Não!-gritou a Lisanna da forma mais enojada possível, o que é estranho -...Quer dizer... você quase me derrubou...-

-Ah... desculpe...?-murmurou o Happy se afastando dela.

-Bem, eu vou indo. Tchauzinho.-disse ela correndo ainda na forma de pantera.

Ela deixou um cheiro estranho no ar, e. esse cheiro parece estar na Lucy também. Bem, as duas devem ter comido muita gordura ontem.

Me virei pra voltar dormir, já que ainda eram 6:00 da manhã, e percebi que havia colocado a Lucy na minha cama. Ela praticamente estava ocupando todo o espaço enquanto se esticava.

Ela roubou a minha cama.

-Natsu...-murmurou ela e logo depois espirrou.

-Ah, na guilda têm alguns remédios para gripe. Acho melhor ir pegar um pouco, Natsu. Volto logo!-disse o Happy voando rapidamente para fora pela janela.

Faz um tempo desde a última vez que eu vi a Lucy dormindo assim, tão perto. Nossa última missão, nossa última conversa... nem lembro porque nos distanciamos. Poderia isso tudo ser culpa minha? Será que até mesmo o fato de ela não conseguir ver, ser culpa minha?

Não. Foi culpa do cara que fez isso com ela, e eu vou esfregar a cara dele no chão quando encontra-lo, mas por enquanto, acho que vou ter que cuidar da Lucy.

Cobri ela com o lençol e me sentei na cama dando um longo suspiro.

-Fique boa logo, Lucy.-falei dando um beijo em sua testa. Ela esrava quente. Será que está com febre?

Eu encostei a minha testa na dela para ter certeza, e parecia que havia sido só imaginação. Ela parece diferente de perto... talvez seja porque está sem maquiagem, ou talvez porque ficou mais bonita de repente.

-Natsu...-disse ela me assustando e me fazendo me afastar.-... eu sou um fardo para você?-

-O quê? Por que está perguntando isso?-

-É porque... é o que parece... eu sempre estou atrapalhando você, fazendo com que precise me proteger e me salvar. Eu deveria fazer algo sobre isso?-disse ela com os olhos fechados.-Mesmo agora, quando eu havia decidido que iria me dar mais uma chance, e falhei, por que será que eu continuo querendo me dar outra chance? Talvez seja porque eu quero deixar de ser um fardo para você, mas... o que você acha? Eu sou realmente um fardo?-

-Não!-falei sem nem pensar.-Você não é. Sem você, eu já teria morrido milhares de vezes porque você sempre foi essencial. Eu tive sorte de não ter ido em uma missão realmente difícil sem você.-

Ela abriu um sorriso enorme.

-É a primeira vez que ouço você falar como um adulto.-falou ela rindo.

Isso deve ser porquê...

- Sério? Bem, você quer comer? Trouxe um pedaço de carne com muita gordura para você, está até pingando de gordura, toca!-

...Eu...

-Eca! Que nojo! Quando foi que eu disse que gostava de gordura?-

-Mas tá uma delícia!-falei mordendo metade da carne.

...Quero proteger você de verdade.

-Retiro o que eu disse. Você é uma criança mesmo.-


Notas Finais


XD


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...