História Namorada de Aluguel - Camren - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Personagens Originais
Tags Camren, Fifth Harmony, Romance
Exibições 219
Palavras 1.701
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Espero que gostem<3 E boa leitura!

Capítulo 12 - Capitulo 11


LAUREN POV.

- Laur... Laur, Lauren! - Ouvi Keana me chamando, mas nem dei bola, continuei andando, fui parar lá perto da entrada do Club, longe da piscina. Logo depois vi Keana chegando. - Que que houve? Tá louca?
- Me deixa, Keana! - Eu estava sentada em um banco que tinha ali.
- Por que? O que houve que você está assim? - Ela também sentou.
- Ah Keana, até parece que você não viu! 
- Vi, aliás ela te pegou de jeito ali hein, Hahahah. – Keana.
- Num ferra, Keana! - Tentei levantar, mas ela me puxou, caí quase sentada no colo dela.
- Calma, cara, você está muito irritadinha. Parece até que gostou... - Ela ria da minha cara, eu estava muito puta, minha vontade era esganar ela e a Camila junto. Eu devia estar até vermelha tamanha era minha raiva.
- Vai a merda, Keana! E me solta! - Ela ainda me segurava pelo braço.
- Não. - Ela me deu um puxão forte no braço e ficamos a centímetros de nos beijar.
- O que você está fazendo? - Não conseguia parar de olhar pra boca dela.
- Um favor pra você... tirando o gosto dela da sua boca. – Disse e me beijou.

Ela me puxou pra mais perto e aprofundamos o beijo, mas logo parei.


- Keana, para com isso. - Falei olhando pros lados pra ver se tinha alguém ali. Imagina se alguém vê? - O que que deu na sua cabeça?
- Ai Laur, relaxa, não tem ninguém aqui. - Me puxou e nos beijamos de novo, mas logo cortei novamente.
- Não, Ka. Tá todo mundo aí... imagina se alguém aparece aqui? - Ela bufou revirando os olhos e se separou de mim.
- Tá, né. Vai ficar aí? 
- Não, vamos entrar. - Nos levantamos.
- Tá mais calminha? - Rindo.
- Pode tirando esse sorrisinho do rosto. - Fomos andando na direção que viemos.
- Hahahah, não disse nada. – Keana.
- Aham, sei. Mas não fique pensando que você tem alguma coisa haver com isso. – Falei.
- Com você estar mais calminha? - Ela continuava rindo com ironia de mim, só que agora se aproximando de mim.
- Pode parando aí tá. - Falei impedindo que ela chegasse mais perto. - E vamos entrar logo.
- Hahahah, vamos. – Disse, mas chegou sussurrando no meu ouvido - Mas sabe que quando precisar... - Falou, antes de sair correndo lá pra dentro na minha frente.

Voltei pra lá e a vaca já estava numa parede se agarrando com o Rick, a Lucy não faço nem ideia onde estava. Olhei pra piscina e vi a Camila lá dentro com aqueles amiguinhos dela, rindo. Provavelmente da minha cara, ai que ódio, mas isso não vai ficar assim, não mesmo!

Fui no bar, peguei uma bebida e resolvi entrar na piscina, percebi os garotos todos que estavam ali me olhando, menos o Harry e um carinha que devia ser o namorado dele, porque foram os únicos que não me olharam, por que será né? Hahahah. Até ela me olhava, me secando. Dei meu olhar mais frio e seco pra ela e entrei na água, mergulhando. Quando emergi ouvi o Brad gritando e chamando os garotos pra jogarem algum tipo de jogo lá na piscina, me encostei na borda e fechei os olhos, mas não durou muito tempo porque senti alguém tocando meu braço.

 

CAMILA POV.

Depois da pilha do Harry e da Ally, me levantei e fui lá atrás dela. Mesmo não estando certa ainda do que devia fazer continuei andando, afinal já estava no meio do caminho e eu não ia voltar. Quando eu cheguei lá vi uma roda em volta dela, que dançava com a Keana, agarrada demais pro meu gosto. A chamei e ela largou a keana e ficou perto de mim parando de dançar.

- Que? 
- Quero falar com você. – A música era muito alta e eu mal a ouvia falar.
- Fala. 

Poderia falar um monte de coisas ali pra ela, mas acho que nada faria tanto efeito ou seria mais eficiente do que eu fiz. Aproximei mais meu corpo, a puxei pela nuca e nos beijamos. Sendo assim nosso primeiro beijo, porque aqueles outros eram puros selinhos. A segurava com força porque tinha medo dela sair dali, suguei o lábio inferior dela, mas quando ia pôr a língua acho que ela se tocou de alguma coisa, sei lá, só sei que foi quando ela me empurrou.

- Tá maluca?? - Puxei ela de novo e falei perto da boca dela.
- Isso é só pra você lembrar quem tem namorada! – Falei e ri.
- Idiota! - Ela saiu bufando e me empurrando.

Nem liguei, fiquei rindo e percebi alguém a chamando, era a Keana que passou por mim quase me derrubando e foi atrás dela. Elas saíram ali da área da piscina onde estava todo mundo. Não gostei muito, não gosto dessas duas juntas, sei que elas já ficaram e eu não confio nem um pouco na Lauren e nem nessa Keana, se bem que o namorado dela está ali, será que ela seria louca de fazer alguma coisa ali e ele ver? E a Lauren faria isso? Eu já deixei bem claro pra ela parar com essas coisas agora que estamos juntas, mas vai saber né!? Pensei em ir atrás delas, mas desisti iria dar muito na cara.

Voltei pra onde estava, mas os meninos não estavam mais ali, só o Louis que estava deitado numa espreguiçadeira, então entrei na água. Fiquei ali pensando na vida, no beijo. Não conseguia tirar o sorriso do rosto, afinal eu tinha conseguido o que sempre quis, tá que não foi aquele beijão, mas mesmo assim. E sinceramente, pra mim naquele momento não importava se ela me xingou ou ficou mais puta comigo, dane-se, eu tinha conseguido beijá-la e foi a melhor coisa que me aconteceu. O beijo dela era perfeito, o gosto, o cheirinho dela, a boca maravilhosa, tudo!


- Não dá pra tirar esse sorriso de besta aí do rosto não? – Harry.
- Ai que susto, garoto! - Eu estava encostada na borda, de olhos fechados, nem percebi ninguém chegar ali.
- Hahahah. Tá em que mundo viajando aí? - Eu sorri. - Ah espera, não precisa nem responder... aposto que é no de uma Morena de olhos verdes. Hahahah, acertei? – Harry.
- Ai Harry ela é maravilhosa, que beijo! Você nem imagina!
- Hahahah. E nem quero, Deus me livre! Prefiro o meu ali... - Apontou pro Louis deitado na cadeira só de sunga. Eu fiz uma careta e ele riu. - E cadê ela? – Perguntou.
- Sei lá, deve estar por aí irritada comigo. – Suspirei. - Mas oh eu nem ligo, porque eu estou feliz demais pra isso.
- Tá né... – Harry.
- E cadê a Ally? - Perguntei.
- Falou que ia ao banheiro, deve estar vindo aí. – Harry.
- Hum.

Ficamos ali conversando e ele começou a encher o saco do Louis pra ele entrar na água também, tanto que o menino não teve outra opção a não ser entrar. Logo depois a Ally chegou também, ficando sentada ali perto da gente. Eu conversava com eles, mas volta e meia olhava ao redor pra ver se Lauren voltava.

Um tempo depois eu olhei pra perto do bar e vi a Keana se agarrando com o namorado e logo depois vi Lauren entrando aqui na área da piscina, indo direto pro bar e depois vindo pra piscina. Ela parou um pouco depois da gente e começou a tirar a roupa bem devagar, ela parecia que fazia de propósito, só pode, pra todo mundo olhar e babar, assim como eu que nem piscava a olhando, não consegui nem disfarçar, eu sei. Dá onde vem tamanha perfeição? Não tem um defeito não, meu Deus?

- Limpa a baba aí. – Ally disse rindo, mas a ignorei.

Lauren apenas me olhou completamente seca e fria e entrou na piscina, mergulhando. Não deu nem um minuto e Brad começou a gritar chamando o pessoal pra jogar alguma coisa ali na piscina, foi quando vi ela se encostando ali na borda e fechando os olhos. Então resolvi chegar perto. Andei pela a água até ela, e a toquei no braço pra ela perceber que era eu ali.

- Tá mais calminha? – Perguntei.
- É muito abuso mesmo você ter coragem de vir falar comigo! – Lauren.
- Ué... por que? – Perguntei cínica. Estávamos uma de frente pra outra.
- Você não deveria ter feito aquilo! – Lauren.
- O que? te beijar? – Perguntei sorrindo.
- Não pense que vai ficar assim ouviu, vai ter volta! – Disse e eu ri.
- Está tão irritadinha assim por que? – Perguntei chegando mais perto dela. - Vou começar achar que é porque você gostou e quer mais...
- Hahahah... vai sonhando vai... eu tenho nojo de você! – Lauren.
- Para! Que nojo o que Lauren! E pra que eu vou sonhar, se eu tenho a realidade bem aqui na minha frente? – Eu a imprensava na borda.
- Se você não desencostar de mim, a única realidade que você vai ver, vai ser da minha mão na sua cara! – Lauren.
- Vai me bater é? – Perguntei rindo dela, sem me mexer nem um centímetro.
- Duvida? – Perguntou.
- Vou pagar pra ver... – Falei.
- Me solta, Camila! - Além deu não soltar, colei nossos corpos ainda mais.
- Não.

A segurei pela cintura, empresei ela na borda e a beijei. Outra vez ela foi pega de surpresa, e tentava sair, mas viu que estava em desvantagem porque eu, a empresava na borda impedindo dela se afastar. Meu deus era muito bom beija-la, vocês não tem noção! Ela começou a tentar me bater e foi aí que levei minhas mãos ao seus pulsos, pra isso não acontecer, mas continuei empresando ela na piscina. Vendo que ela não conseguiria sair dali, ela pareceu desistir, e começou a retribuir o beijo, o que me fez ficar totalmente mole, e eu acabei a frouxando ela da borda e das minhas mãos no pulso dela, o que a fez rapidamente se soltar e me empurrar, nadando pra longe de mim logo em seguida. Merda!


Notas Finais


Eita, mais um beijo delas. Será que as coisas estão já mudando?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...