História Namorada de Aluguel - Camren - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Personagens Originais
Tags Camren, Fifth Harmony, Romance
Exibições 247
Palavras 1.479
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Espero que gostem<3 E boa leitura!

Capítulo 6 - Capitulo 5


LAUREN POV.

Depois daquele teatro ridículo não tinha como ficar naquela sala aguentando aquelas aulas chatas, fui matar aula. Fui pro gramado que tinha atrás da escola e que quase ninguém ia, cheguei lá e estava o Brad e o Rick.
Ai daime paciência pra aturar esses dois. Resolvi ignorá-los e sentar na arquibancada ali mesmo, mas pra minha infelicidade eles não quiseram me ignorar também!


- Olha... se não é a heroína dos feios?! Hahahah. - Me virei pra ele com aquela cara de ãhm? Do que esse moleque está falando gente?! - Resolveu fazer boa ação e namorar aquela coisa, Laur? – Brad disse e olhei pra ele com cara de deboche
- Bem que você queria estar no lugar dela né, Brad Simpson! - Ri da cara que ele fez junto com o Rick.
- Toma papudo! – Rick.
- E você em vez de rir devia cuidar da sua namorada. - Acabei com a graça dele também rsrsr.
- Por que? - Rick.
- Porque devia! Tá cheio de garanhão lá em volta dela enquanto você está aqui de otário matando aula com ele. - Tive vontade de falar: seu corno otário, mas não falei Hahahah.
- Ih acordou azeda é? – Perguntou Brad. Apenas dei de ombros e deitei no banco.
- Boa noite pra vocês!

Pus o casaco sobre as minhas pernas já que o uniforme era saia, afinal estávamos no verão, meu óculos de sol no rosto e dormi tranquilamente. 
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Fui desperta por uma barulheira, abri os olhos e percebi que era hora do intervalo, me levantei até porque precisava comer alguma coisa. Fui andando na direção da lanchonete e no caminho ouvi várias gracinhas sobre o acontecido de manhã, ignorei! Cheguei lá e vi que estava maior fila, mas vi o Luke lá na frente e pedi pra ele comprar meu lanche enquanto eu sentava na mesa onde estavam as meninas. Demorou um pouquinho, mas ele chegou com nosso lanche, comemos conversando, eles não tocaram mais no assunto. Ainda bem! Finalmente devem ter entendido que eu não estava pra papo, pelo menos não sobre esse assunto.

Estava tudo correndo bem... até que eu ouço uma voz atrás de mim... era ela, não acredito nisso! Me virei devagar porque ela já chegou alterada quase gritando.

- Onde você estava Lauren? Por que não me atendeu? - Contei até dez trilhões pra não mandar ela pra quele lugar e usei minha voz mais cínica possível.
- É comigo isso Camila?
- Que que você acha? – Ela disse.
- Que você perdeu a noção pra estar falando comigo desse jeito! - Ninguém se atreveu a falar nada, só olhavam. E eu me virei de costas pra ela de novo que pareceu ter voltado a si porque respirou fundo antes de falar num tom bem mais calmo.
- Por que não me atendeu?
- Nem sabia que você tinha ligado, meu celular está desligado. - Menti, óbvio! Me virei pra frente voltando a comer, ela se abaixou pra ficar na minha altura e sua voz era baixa agora.
- E porque estava desligado? - Mais uma pergunta, ai sacooo!
- Você não acha que está fazendo perguntas demais não? - Tentando me segurar já.
- Quero saber onde você estava... - Eu suspirei, que garota chata! Levantei, não ia conseguir comer mesmo.
- Depois a gente conversa, Camila.
- Agora! - Vi que ela se segurava também.
- Quer dar mais show aqui pra todo mundo ver?? - Falei apontando pra todo mundo, tinha muita gente olhando. Ela abaixou a cabeça. - Depois a gente se fala! - Fui saindo, mas ela me puxou pelo braço.
- Depois você vai fugir também? - Suspirei. Aquela conversa estava me cansando e muito!
- Não, não vou Camila! Faz o seguinte no fim da aula a gente se fala, eu não vou pro treino hoje mesmo. - Falei me segurando e muito pra não me alterar ali.
- Okay, vou esperar. - Eu saí, já tinha perdido a fome.

 

CAMILA POV.

Ela saiu e continuou todo mundo olhando, saí rápido dali sem conseguir encarar mais ninguém, até que dei de cara com a Ally no corredor.

- Você enlouqueceu, Camila? - Não respondi, virando o rosto - Que que te deu, você não é disso!
- Sei lá...
- Acho bom começar a saber então... acha que é assim que vai fazer ela gostar de você? – Ally.
- Eu sei... – Suspirei - Mas ela me irrita! Aposto que desligou o celular pra não falar comigo.
- Olha, se acalma viu. Senão isso vai virar um inferno pra vocês e você vai surtar e surtar ela também.
- Eu sei... - Suspirei mais uma vez.
- Bom, vamos pra aula?
- Aham.
 

AUTORA POV.

* Mais três horas de aula e acabava o dia de aula, alguns arrumavam o material outros já saíam da sala.
Lauren e suas amigas, assim como Camila e Ally continuavam sentadas acabando de fechar seu caderno. Harry saiu quase correndo porque tinha um compromisso. 


- Vai ficar aí? – Perguntou Lucy.
- Vou. – Lauren.
- Mas mal começou e já vão ter um DR? Hahahah. – Keana.
- Por que vocês não vão encher o saco de outro? – Lauren.
- Ih tá estressadinha Laur... – Lucy disse e Lauren deu um sorriso amarelo pra elas.
- Vocês não tem um treino pra ir, não? – Perguntou.
- Por que, você não vai não? – Keana.
- Não. – Lauren.
- Por que? – Perguntou Lucy. Lauren apenas olhou sem respondê-la, elas entenderam que ela não queria mais esse papo, porque pararam.
- Anda! Vocês não tem treino? Vão se atrasar.
- Estamos indo, mas oh você não escapa não, ouviu?! – Keana disse e Lauren olhou pra ela levantando a sobrancelha... que audácia da menina, pensou.
- Vocês não vão parar de me encher com isso, não?
- Não, até você nos contar essa história toda! – Keana.
- Não tenho nada pra falar...
- Tem sim! E mais tarde vou lá na sua casa e você vai me contar essa história todinha. – Lucy.
- Exato, eu também! – Keana.
- Vocês não vão desistir mesmo, né? 
- Não! - As duas riram juntas sendo seguidas por Lauren.
- Bom, vamos lá Keana? – Lucy.
- Vamos. Vai mesmo não, Laur?
- Não. – Respondeu.
- Tá bom, então até mais tarde. – Lucy deu dois beijinhos nela, seguida de Keana.
- Tchau. – Lauren.

 

LAUREN POV.

Assim que elas saíram da sala, me virei pra pegar minha bolsa e guardar o material, quando me virei dei de cara com Camila parada na minha frente.

- Pensei que ia fugir de novo... - Bufei, essa garota é irritante!
- Tô aqui não estou, Camila? - Ela balançou a cabeça – Então, pode falar, mas logo porque não tenho muito tempo.
- Aqui na sala?
- Que que tem? Melhor lugar não vai ter agora, as aulas já acabaram está tudo vazio aqui já. - Ela deu de ombros e se sentou ao meu lado.
- Okay. Onde você estava? - Não obteve resposta - Por que não me atendeu? - Não respondi de novo, só me levantei irritada, ela parou atrás de mim - Não vai me responder? - Continuei quieta e ela se sentou parecendo cansada. Então, resolvi perguntar.
- Pra que isso? Por que você está fazendo isso? - Perguntei me aproximando e ficando da sua altura, mas sem me sentar.
- Isso o que? - Ela levantou o rosto e eu não aguentei, explodi.
- Isso Camila! Você sabe que nem eu, nem você estamos felizes com isso... - Me virei pra ela de novo - Você quer ser popular? Tudo bem, podemos dar um jeito nisso. Você anda comigo, sei lá, mas não precisamos ser namoradas, não precisa fazer esse inferno na minha vida que você tá fazendo!
- É isso que está sendo pra você... um inferno? - Dei uma gargalhada alta.
- Você só pode estar me zoando né? Você acha que eu estou gostando disso? Você está me forçando a ficar com você, que eu nem conheço... olha pra você garota, se enxerga! - Falei apontando pra ela - Você seria a última pessoa que eu ficaria na face da terra, você é horrível. Não tem espelho em casa não? - Ela me olhou antes de responder, seu olhar mudou, era raiva que tinha ali.
- Pois é... mas agora você depende de mim! E vai ser comigo que você vai ficar, você querendo ou não! - Eu estava com muita, muita raiva! Minha vontade era acertar a mão na cara dela, que garota petulante!
- Por que eu? - Ela ignorou meu momento de desespero, chegou bem perto de mim me segurando pela cintura, e me deu um selinho, fazendo eu arregalar os olhos. Mas que... Eu brigar com ela, sei lá, mas a filha da mãe saiu da sala praticamente correndo.


Notas Finais


Que vontade de bater na Lauren... E meu Deus Camila tem que parar de ser trouxa!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...