História Namorando meu professor - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Personagens Originais, Zayn Malik
Tags Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinsom, Niall Horan, One Direction, Romance, Zayn Malik
Exibições 77
Palavras 1.084
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Festa
Avisos: Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá, olá!! Eu disse que ia postar ontem, mas minha irmã tá viciada num joguinho da Barbie e passou horas jogando no computador e também me deu uma dor aguda no mesmo lugar onde eu levei a pancada na escola, resumindo, de um jeito ou de outro ñ daria pra postar. Mas tá aí e eu espero que vcs gostem. Já ia me esquecendo, tem uma leitora que é um amorzinho e tá sempre comentando nos capítulos (diferente de outras, mas deixa pra lá) eu eu quero dizer do fundo do meu heart que... EU TE AMO PRA CARALHO!!
Boa leitura!

Capítulo 25 - Confissões


Harry P.O.V´s

 

 

Me sentei no sofá e senti meu celular vibrar, sinal de que haviam me enviado uma mensagem de texto, então eu desbloqueei a tela do celular e realmente tinha chegado uma mensagem e tinha sido do meu amigo Zayn que me convidou para ir a um pub novo com ele. Até que não seria má ideia, talvez eu até conseguisse me distrair de todos os meus problemas nem que seja por algumas meras horas, então respondi que sim. Havíamos combinado de sair de casa as 22:00 em ponto, e como ainda são 20:00, resolvi fazer aluma coisa para comer e depois escolheria uma roupa e em seguida tomaria um banho e voalá!

 

 

Katherine P.O.V´s

 

 

Eu fiquei rolando e rolando na cama, resumindo, não consegui dormir, só tirei um breve cochilo. Já que não tem coisa melhor para fazer vou ver se tem algo que me interesse na geladeira. Saí do quarto e fui até a cozinha para ver se acho algo que me agrade, ou melhor, agrade os ursinhos. Ainda não estou naquela fase de ter desejos, mas creio que não falta muito para ela chegar. Passei pela sala de estar e tia Rose estava assistindo alguma série e Louis provavelmente estaria no quarto. Se eu não me engano ele vai embora no mês que vem. Cheguei na cozinha e avistei em cima da mesa um bolo de brigadeiro e não pensei duas vezes antes de pegar um prato, garfo, faca e me servir.

 

 

- vai com calma barrigudinha! - como é? Você me chamou de que? olhei para trás e quem estava lá? Louis! Ele afastou uma cadeira e se sentou de frente para mim, só que do outro lado da mesa, claro -

 

- barrigudinha é a p... - ele me interrompeu colocando a mão na minha boca antes de eu completar a frase -

 

- minha mãe não é isso que você ia dizer, ela é uma mulher de muito respeito! - fez cara de U.U -

 

- como você tem a ousadia de me chamar de barrigudinha e ainda por cima me interromper quando eu estou alimentando os meus ursinhos? Fique sabendo que essa barriga é temporária e que meus filhos não gostam que interrompam a mãe deles numa hora tão sagrada. - falei e logo após colocando um pedaço de bolo na boca enquanto Louis ria discretamente -

 

- não está mais aqui quem falou! - levantou as mãos em sinal de rendição e confesso que até foi engraçadinho - Katherine, posso te fazer uma pergunta? - falou timidamente enquanto brincava com os dedos -

 

- você já fez! - brinquei e ele deu um sorriso de lado - brincadeira, pode fazer sim. - pus outra garfada de bolo na boca -

 

- se um certo cara te chamasse para sair, o que é que você diria? - ah, já estou sacando, ele quer me chamar para sair. Talvez não seja má ideia, talvez saindo e me descontraindo um pouco eu esqueceria um pouquinho dos problemas -

 

- e esse cara é você, certo? - perguntei sorrindo e ele levantou a cabeça e afirmou que sim - eu aceito! - vi um sorriso enorme se formar em seus lábios e aquilo meio que me deixou encantada. O modo que ele sorri é tão bonito, as ruguinhas que se formam em baixo dos seus olhos são tão fofas -

 

- achei que ia recusar, mas fico feliz que aceitou! 

 

- é, vai ser legal para me distrair e até para nos conhecermos melhor! - terminei de comer o bolo e coloquei o prato vazio ao centro da mesa -

 

- Katherine, tenho alumas confissões a te fazer, me desculpe por ficar te olhando durante todo o jantar, mas é que tem algo em você que me atrai. É como se você fosse o imã. É tão estranho, eu nunca me senti assim em relação a nenhuma outra garota, logo quando eu te vi pela primeira vez, foi como se tudo parasse e só tivesse você lá. Meus olhos se fixaram em você e desde então eu comecei a sentir algo diferente por você. - eu escutava tudo atentamente e tipo, eu fiquei um pouco assutada com o que ele estava me contando, porque fazia tão pouco tempo que nos conhecemos e ele já vem com esse papo. Mas se bem que eu fiquei com Harry em menos de um mês, então quem sou eu para julgar. O negócio é que agora eu não quero nenhum relacionamento amoroso com seu ninguém - e eu vou tentar fazer você ver que aquele cara não merece que você fique pensando nele, vou fazer valer a pena termos nos conhecido.

 

- Louis, por enquanto eu não quero mais ninguém. Estou bem sozinha, mas quem sabe mais para frente possa existir algo entre nós, mas de verdade, estou bem sozinha! E tenho certeza de que vai valer a pena a gente ter se conhecido, mas agora eu preciso de um tempo só. - ele assentiu cabisbaixo e deu um sorriso triste - poxa cara, não fica assim, eu sei que não é legal você estar apaixonado por uma pessoa sem poder tê-la, mas quero que você saiba que desde o dia que você chegou aqui eu já gostei da sua pessoa. Então me desculpe se eu te deixei triste, mas é isso que eu quero agora! - levantei da cadeira e o abracei -

 

- tudo bem, eu sou paciente. - falou brincalhão e nós rimos - aliás, amanhã as oito em ponto esteja pronta! - separamos o abraço ainda sorrindo -

 

- humm, mas olha como é exigente! - dei um soquinho em seu braço -

 

- tem que ser, não é? 

 

 

Sinto que esse jantar vai me render muitas risadas e sorrisos.

 

 

Harry P.O.V´s

 

 

Já são 21:34, acho que está na hora de me aprontar. Tomei um banho e coloquei uma calça jeans preta um pouco rasgada e uma camiseta da Kalvin Klein branca, um sapato massa, pus o meu melhor perfume e quando dava 21:50 eu já estava saindo de casa. Dirigi até o local e tinha uma fila do caralho. Logo vejo Zayn chegar e aceno para o mesmo que vem até mim.

 

-fala viado! - cumprimentei Zayn com um abraço e recebi um tapa na nuca - ai, seu idiota!

 

- eaí idiota! Vem, vamos entrar pelos fundos. - trambiqueiro safado -

 

 

Essa noite eu não quero ficar com ninguém, quero apenas encher a cara e me divertir!

 

 

 


Notas Finais


Segundo capítulo eu posto amanhã de manhã.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...