História Não decidi me apaixonar por você - Capítulo 28


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony, Little Mix, Violetta
Personagens Camila Cabello, Diego, Francesca Cauviglia, Jade Thirlwall, Lara, Lauren Jauregui, León Vargas, Perrie Edwards, Tomás Heredia, Violetta Castillo
Tags Camren, Jortini, Leonetta
Visualizações 86
Palavras 2.027
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Famí­lia, Festa, Musical (Songfic), Romance e Novela, Violência, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hey lindos(as) VOLTEI \♥/
Espero não ter demorado tanto, desde já peço desculpas se houve algum erro e espero que tenham uma boa leitura♥

Capítulo 28 - Encontro perfeito....


Fanfic / Fanfiction Não decidi me apaixonar por você - Capítulo 28 - Encontro perfeito....

Pov Vila


--- Se aquieta Vilu! - ralhou Fran - Eu sei que é o seu primeiro encontro e tudo mais, mas não precisa fica andando para uma lado e para o outro esperado as horas passarem....

--- Eu sei Fran, eu só estou muito ansiosa, é o meu primeiro encontro e eu estou bastante nervosa.... - suspirei cansada - O que eu faço? Se continua assim acho que poço estraga o meu primeiro encontro.... - falei frustrada. 

--- A primeira coisa que você tem que fazer é se acalma, no encontro não queira fazer tudo certinho, deixe as coisas fluírem naturalmente como devem ser.... - aconselhou me calmamente e eu assenti respirando fundo até meu segurança avisar que León havia chegado. 

Me despedi de Fran e sai da mansão logo o encontrando encostado em seu carro com um lindo buquê de rosas brancas, sorri e caminhei até o mesmo que tinha um grande sorriso. 

--- Boa noite princesa, isto é para você - entrou me o buquê e eu sem demora cheirei o maravilhoso perfume natural das flores. 

--- Elas são lindas....

--- Não mais que você.. - sorriu doce e eu abaixei a cabeça um pouco envergonhada - Você fica ainda mais linda toda vermelhinha - acariciou minha bochecha e eu sorri sem graça. 

--- Vamos? - perguntou me e eu olhei e logo assenti. 

--- Só vou entrega as flores para o Diogo e já volto...

--- Ok, te espero aqui...

Fui até o portão e chamei Diogo que sem demora veio até me, o entreguei as rosas e pedi para que colocasse em um vaso e que elas fossem colocadas em meu quarto, ele assentiu e as pegou logo indo fazer o que lhes pedi, voltei novamente para onde León estava e sorri ao velo distraído, me aproximei e beijei sua bochecha e ele logo olhou me com um grande sorriso, de imediato o retribuo.

--- Vamos? - o pergunto.

--- Vamos sim.... 

Ele logo abriu a porta para mim e eu lhes sorri agradecida, deu a volta e entrou logo sentando ao meu lado no banco do motorista....

--- Para onde vamos? - o pergunto ansiosa e ele sorri doce. 

--- Ao lugar mais belo e romântico de Nova York, creio que irá gosta o escolhe pensando em você... 


                       [...]


--- León estamos perto de chegar? 

--- Já chegamos....

Parou o carro e rapidamente desceu do mesmo abrindo a porta para mim, lhes dei um selinho e ele sorriu e fechou a porta logo depois estendeu sua mãos que eu logo pequei entrelaçando nossos dedos. 

--- Boa noite senhor Jorge e senhorita Martina, por favor queiram me acompanhar até sua mesa....

O acompanhamos até a mesa reservada e nossa ela estava linda, as luzes o pequeno lago ao lado da mesa e pra compensar a nossa mesa era mais afastada das outras, e tudo ficou ainda mais lindo porque estamos ao ar livre....

--- Gostou? 

--- É lindo León, simplesmente amei - sorri olhando para tudo. 

--- Que bom que gostou, fico muito feliz... Vamos? 

--- Oh sim, claro - falei ao despertar do transe e então fomos até a mesa onde ele puxou a cadeira delicadamente para me e logo depois se sentou. 

--- O que desejam do menu? 

--- Vilu, o que quer? - perguntou León. 

--- Hum.... o número 26 e 27 e você? 

--- Irei pedir o mesmo, então serão dois Ratatouille e dois Filet Mignon de porc à la Moutarde....

O rapaz anotou os pedidos rapidamente e mais uma vez perguntou simpático. 

--- Iram escolher algo para beber? 

--- Sou horrível com bebidas então essa é sua vez de escolher....

--- Ok, hum.... um Costiéres de Nimes 2014....

O rapaz anotou o que León pediu e sorriu simpático mais uma vez...

--- Seus pedidos saíram em exatos 20 minutos, desejam mais alguma coisa? 

--- Não sei, Vilu, quer pedir a sobremesa agora ou irá pedir depois? 

--- Melhor depois....

--- Ok, licença.. - a rapaz saiu nos deixando a sós. 

--- O que está achando? Fiz uma boa escolha? - perguntou me preocupado e eu sorri o acalmando. 

--- Esta tudo maravilhoso, você fez a escolha certa, eu nunca havia vindo aqui, nem sabia da existência desse local e agora sempre que puder virei para cá.... é tudo tão simples e lindo, sem conta que é ao ar livre e tem uma ótima vista da natureza, estou fascinada por tudo, é tudo maravilhoso....

--- Nossa pensei que você não iria gosta desse lugar, e muito menos depôs de saber que é ao ar livre.... Você retirou um enorme peso da minha costas agora... - sorriu mais calmo.

--- Eu adoro seus sorriso sabiá? - falei sorrindo. 

--- Não mais do que eu amo os seus...

--- É sério, toda vez que você sorri eu paro e admiro você, poderia dizer que ficaria horas só olhando você sorri pra mim, me sinto infinitamente feliz por saber que seus mais lindos sorrisos são dados somente para mim....

--- Agora quem vai fica vermelho sou eu.... - sorriu sem graça e eu apertei sua bochecha.

--- Só falei a verdade Leh...

--- Amo quando me chama assim... - sorriu - É tão bom finalmente pode dizer o que sinto, é simplesmente maravilhoso saber que é recíproco, não sou eu apenas que sinto algo por você e sim ambos sentimos algo um pelo outro....

--- Confesso que tenho medo e penso que tudo isso é apenas um sonho e que a qualquer momento eu irei acorda e nada disso será real... - suspirei e ele acariciou minha bochecha. 

--- Meu amor, isso não é um sonho é real, você não está sonhado é tudo real - selou nosso lábios em um beijo calmo e cheio de amor.

Beija lo é tão bom, seus lábios parecem ter sido feitos para mim e aquilo era incrível, nos separamos com pequenos sorrisos e eu o olhei com ternura. 

--- Eu te amo....

--- Eu te amo mais pequena.... - deu me um selinho rápido e nossos pedidos chegaram....

Comemos entre uma conversa descontraída e animadora, estava tudo perfeito, ele é perfeito, tudo estava maravilhoso, a conversa o jantar, o cenário, a música calma que estava sendo tocanda perfeitamente, não conseguiria imagina algo tão espetacular como tudo isso....

--- Vilu... hey pequena - o olhei - Você ainda quer a sobremesa? 

--- Oh sim, tinha me esquecido, hum deixa eu ver.... trás um Profiterole

--- Traga apenas um....

--- Você não quer? 

--- Quero... - franze o cenho confusa. 

--- E porque não pediu dois? - perguntei confusa e ele sorriu. 

--- Irei provar do seu, com toda certeza estará mais gostoso de onde quero provar....

--- León será os mesmos pedido então ambos terão o mesmo gosto....

--- Aí Vilu, não falei nesse sentido meu bem, irei prova de outra forma - piscou um de seus olhos para mim e eu o olhei confusa pois não havia entendido. 

O meu pedido chegou e eu sorri para o garçom que sorriu e logo se foi, sem demora coloquei um pouco daquele delicioso Profiterole e fechei os olhos sentindo os sabores maravilhosos em minha boca, logo que engoli ouvir a voz de León....

--- Como esta? - perguntou me. 

--- Está simplesmente  maravilhoso,  magnífico.... - sorri para o mesmo. 

--- Deixa eu ver.... - sem tempo de pensar ele mim beijou, retribuo e ele logo pede passagem que logo é cedida por mim.

Ele buscava minha língua e quando a encontrou sugou a para ele, aquilo foi tão bom, tudo que ele faz é tão bom, mais aí o oxigênio resolver dá um já chega e logo nos separamos. 

--- Realmente está maravilhoso, só que eles nunca iram ter essa deliciosa sobremesa que acabei de experimentar.... - sorriu me e eu morde os lábios sorrindo. 

--- Ok, isso foi um pouco estranho,  mais foi um estanho bom..... - ri e ele me acompanhou. 

Terminamos de comer só que dessa vez normalmente, eu comi a metade e ele a outra metade da sobremesa, logo pagamos a conta, sim eu disse pagamos porque eu paguei a metade pois acho isso injusto se eu poço fazer isso, ele achou desnecessário mais aceitou depois de alguns minutos de insistência minha.

Saímos do restaurante e em alguns minutos chegamos a mansão Saramago/minha casa,  ele saiu e abriu a minha porta e eu sai logo ele fecho a mesma. 

--- EU realmente amei tudo León, você deixou tudo tão lindo e aconchegante, até havia me sentido em casa durante o jantar, você realmente sabe agradar uma garota....

--- A única garota que me importo de agradar é você, e estou muito feliz que consegui fazer com que você se sentisse confortável... - sorriu docemente e eu retribui. 

--- Nos vemos amanhã? - perguntou coçando a nunca. 

--- Sim, amanhã, depois de amanhã, todos os dias da sua vida, se você quiser.... - sorri e o sorriso em seu lábios aumentou. 

--- Então.... hum, tenha uma boa noite e até amanhã? - perguntou meio sem graça e eu me aproximei mais dele. 

--- Essa séria a hora que você me beija até nos faltar ar e depois desejaria uma ótima noite e logo em seguida daria um até amanhã.... - sussurrei bem mais próximas dele e ele sorriu e selou nossos lábios. 

É tão bom senti os lábios macios e gostosos dele, é tão bom beija lo, creio que nunca me cansaria de beija lo por toda vida, é algo tão único, a cada beijo e um sentimento novo, algo que surge e faz me mim apaixonar mais e mais por ele. Nossas línguas travaram uma guerra para obter o domínio até ele ceder e deixa que eu vencesse, suguei sua língua lentamente para dentro de minha boca e senti ele coloca uma de suas mãos em meu rosto, o beijo que estava lento até então foi ganhando velocidade e logo senti um leva aperto em minha cintura, não sei como mais eu me encontrava no capo de seu carro e ele estava no meio de minha pernas beijando meu pescoço gostosamente, por um minuto me esqueci que tinha câmeras onde estávamos e ao volta realidade levemente o empurrei o fazendo me olhar com o cenho franzido. 

--- As câmeras León - sussurrei e  ele pareceu se tocar e logo me ajudou a descer do capo de seu carro. 

--- Mim desculpa Vilu eu passei dos limite, eu não.... - o calei com o demorado selinho. 

--- Sem problemas, acontece - sorri  acalmando ele e ele sorriu assentindo - Tenho que entra agora....

--- É verdade, te vejo amanhã? - perguntou ainda sem graça. 

--- Sim amanhã e depois de amanhã até você se enjoa de mim.... reponde sorrindo e o dando um selinho a cada palavra. 

--- Nunca irei me enjoa de você, é mais fácil você se enjoa de mim...

--- Nunca irei enjoa de você pode ter certeza! - o afirmei e ele sorriu. 

O beijei mais uma e nos separamos apenas quando o ar nos faltou...

--- Tenham uma maravilhosa noite e até amanhã minha pequena - desejou me sorrindo após o beijo e eu lhe deu um selinho rápido. 

--- Até amanhã Leh - o desejei sorrindo e ele deu me um selinho e eu logo após entrei para dentro da mansão.

Ele entrou em seu carro e logo deu partida saindo com o mesmo,  o observei até o perder de vista e assim que não o avistei mais caminhei até minha casa, entrei sem fazer muito barulho e logo entrei no elevador indo para meu quarto, retirou meus saltos e fui até o banheiro onde escovei meus dentes e logo após sai retirei minhas roupas e as deixei em cima de meu sofá e logo veste meu pijama, me joguei na cama e apaguei as luzes.

Um enorme sorriso estava em meus rosto, ainda não acredito que tudo isso seja realidade, ainda me parece um sonho e eu tenho medo de acorda e não ter mais nada disso, ele realmente é um sonho a qual eu nunca mais quero acorda. 

Fechei meus olhos e as imagem dos olhos verdes mais lindos que eu já vi apareceram, sorri de olhos fechados e respirei fundo, em alguns minutos um gostoso sono pegou me e eu literalmente apaguei pensando no cara mais incrível, perfeito, vulgo meu namorado, Jorge León Vargas Blanco....



Notas Finais


Por hoje é só amores, espero que tenham gostado, tentei fazer um ótimo encontro apenas não sei se consegui fazer tal proeza, se não consegui me perdoem irei tenta mais da próxima vez.....
Sorry pelos erros e até o próximo capítulo mores♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...