História Não Existe Amor Verdadeiro - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Romance, Sexo, Violencia
Visualizações 38
Palavras 1.173
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Luta, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oii gente, desculpa a demora é que eu estava meio sem tempo para escrever, mas prometo postar mais dois capítulos hoje pra vocês ❤

Capítulo 22 - Quem é ela...?


Camille- oii papai

Tomás - anda, explique se

Eu- estamos fazendo nada - disse como se fosse óbvio

Tomás - e esses dois?- aponta para o Guilherme e a Emily

Eu- são nossos

Camille- namorados- ela fala me interrompendo beijando a boca do Guilherme

Tomas- é só ficar fora por um tempo que vocês fazem merda, mas quer saber? Fazem o que vocês quiserem eu vou descansar - assim ele sobe as escadas 

Eu- ta bom

Emily- você é louca por acaso?- diz rindo

Camille- eu não resisti, foi mais forte que eu

Guilherme- você me pegou de surpresa

Eu- eu ganhei foi um susto isso sim - digo levantando - agora só umas vodkas

Pego as vodkas no meu esconderijo, limão e coca cola para Emily e volto para sala sentando

Emily- eu não posso beber

Eu- eu sei meu amor por isso eu trouxe essa coca

Emily- aii como eu te amo- diz me dando um beijo

Camille- tive uma ideia

Eu- já vem merda

Camille- xiu me deixa falar, que tal brincamos de eu já e eu nunca?

Emily- boa ideia

Guilherme- quem começa?

Emily-eu

Eu- quem já tem que bebe

Todos - ta bom

Emily- Eu nunca me apaixonei à primeira vista- Guilherme bebe - quem?

Guilherme- uma loira ai - fala olhando para minha irmã (esses dois...)

Camille- hum.... quem?

Guilherme- você né meu anjo- fala dando um selinho na mesma

Eu -ta voltando, eu já fiz alguém parar no hospital - bebo eu e minha irmã

Emily- dois estourados

Camille- o que eu posso fazer? O homem me chamou de gostosa no metro

Eu-por que você nao me contou isso?

Camille- devo te esquecido- ela fala dando ombros

Guilherme- e você foi naquele dia na boate

Eu- xiu

Camille-Eu nunca fiquei com alguém da minha família

Só eu bebo ( olá priminha ) todos me olham

Camille- quem? - ela pergunta assustada

Eu- aquela nossa prima de terceiro grau

Camille- quem a Gisele?

Eu- ela mesma

Camille- eu to chocada

Guilherme- dessa eu não sabia

Emily- amor...

Eu- vamos logo  para próxima

E assim foi....

《 horas depois 》

Camille- acho que eu vou subir para dormir

Emily- já?

Camille- já são 4 horas da madrugada

Guilherme- posso ir com você

Camille-pode

Eu- olha lá em... Guilherme eu confio em você não me faça pensar ao contrário

Emily- deixa eles meu bem

Camille  -e da licença que eu não sou criança - ela se levanta pegando a mão do Guilherme - e boa noite

Guilherme- boa noite

* Camille on *

Odeio quando meu irmão ficar dando um de "protetor" coisa chata

Eu- eu vou só escovar os dentes e já me deito

Guilherme- ta bom - ele fala deitando na cama

De banho tomado visto uma calça de moletom e uma blusa larga

{Minutos depois}

Estamos conversando coisas aleatórias e do nada paramos para ficar nos encarando ( pode parecer idiotice mas está tão bom esses olhos azuis se torna hipnotizante para mim ) aquele menino que eu jamais pensaria que eu iria me apaixonar...

Eu- eu te amo - deixo escapar

Guilherme- eu também te amo muito minha loira

Ele me beija e vai ficando intensificando, ele começa a beijar o meu pescoço e por as mãos por baixo da minha blusa já sinto um arrepio...

Eu- ah...eu...para - ele para na hora

Guilherme- o que foi?

Eu-eu... é ... eu sou virgem...

Guilherme- ah... desculpa

Eu-Não... tudo bem

Guilherme- Não vou te forçar a nada, no seu tempo ta?

Eu- ta - do um selinho no mesmo- boa noite

Guilherme- boa noite meu anjo

[ no dia seguinte ]

Acordo e noto que estou agarrada no Guilherme ( reviro os olhos rindo baixo ) me levanto devagar e faço minhas higienes, resolvo ir acordar esse ser que parece que está desmaiado aqui

Eu-eii - cutuco e o mesmo nem move um musculo - oh seu arrombado - do um beijo e mordo o seu lábio

Guilherme- ai amor - oi? Foi isso mesmo? Ele me chamou de amor? - só mais um pouquinho

Eu- não amor vem logo- digo cheia de manha

Guilherme- ta bom

Eu- vamos logo

《 minutos depois 》

Desço com o Guilherme e apenas encontro o casal e a Beatriz sentados na mesa

Eu- bom dia

Todos-bom dia

Eu- cadê  a mamãe?

Beatriz- ela foi para Grécia disse que vai comandar um desfile

Emily- que legal, né?

Eu- e o papai?

Arthur- ele já saiu

Beatriz- novidade

Guilherme- que tal saímos hoje?

Emily- boa ideia

Beatriz - mas para mim não ficar de vela eu posso chamar um amigo?

Eu- por mim pode

Emily - vamos nos arrumar meninas

Lá vai eu me arrumar...

*Beatriz on *

Pego um macacão jeans escuro e uns sapatinhos e mando uma mensagem para Edward que logo responde.

Eu- ele vai poder ir

Emily-que bom

Camille- que menino é esse?

Eu- um amigo

Camille- hummmm

Eu- para sua palhaça- digo rindo

Emily- eu vou de vestido - ela fala mostrando um vestido rosa

Eu- eu vou de calça

《Minutos depois 》

Já pronta descemos encontrando os meninos sentados ( até o Edward )

Guilherme- vamos

Arthur- vocês estam lindas

Todas- obrigada

Edward- aonde vamos?

Arthur- sei lá, vamos em uma praça ?

Camille- por mim... por tanto que eu saia de casa - todo mundo rir

《 minutos depois 》

Estamos realmente em casais ( mas o Edward é só meu amigo talvez melhor amigo )

Edward- eu acho que seu irmão não gostou muito de mim

Eu- ele gostou sim, só está de cu doce

Edward- sei lá

Quando do nada

Camille- eu to com fome, vamos comer?

Eu-estava demorando...

Arthur- Guilherme boa sorte para bancar a fome dela

Camille - não preciso que ninguém me banque maninho - todo mundo menos o Arthur fala " olé " - desculpa irmãozinho não resistir

Emily- mas voltando me deu fome também

Eu- vamos comer logo merda

Edward- por acaso você está nessa tal de tpm?

Eu - não

* Camille on *

Seguimos para uma barraquinha de cachorro quente

{ já na mesa }

Sentamos em duplas por causa das mesas

Guilherme- aquele é namorado da sua irmão?- ele aponta para o tal do Edward

Eu- não sei

Quando se aproxima uma loira qualquer, chega por trás e coloca o braço em volta do pescoço do meu namorado

Xxx- oii Guilherme - respira Camille é só umas dessas putas oferecidas

Guilherme- oi - o arrombado ainda responde isso foi o suficiente para mim fechar a cara

Xxx- quem é a sua amiga? - ela fala se referindo a mim

Guilherme- ela é a minha namorada

Eu- tudo bem querida perdeu algo aqui? O seu cú? Ou a sua dignidade?  

Xxx- oi linda, prazer eu me chamo Diane 

Eu- eu nao perguntei o seu nome, eu perguntei se você perdeu alguma coisa aqui....

Diane- Então o Gui sabe o que eu quero né Gui? - Essa puta ta pedindo pra morrer só pode

Guilherme- ihhh Diane eu não sei de nada! - disse se defendendo e tentando salvar a sua vida

Eu- aliás o que você é dele?

Diane- eu sou a ex namorada dele não é guizinho?

Guilherme- infelizmente sim

Nesse momento eu perdi a minha paciência e só vi a hora em que eu estava em cima dela estapiando aquela  vagabunda 


Notas Finais


Até mais!!❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...