História Não existem classes para o amor. - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Boruto Uzumaki, Fugaku Uchiha, Hanabi Hyuuga, Himawari Uzumaki, Hinata Hyuuga, Hyuuga Hiashi, Ino Yamanaka, Inojin Yamanaka, Itachi Uchiha, Kushina Uzumaki, Madara Uchiha, Mebuki Haruno, Mikoto Uchiha, Minato "Yondaime" Namikaze, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Sai, Sakura Haruno, Sarada Uchiha
Tags Naruhina, Sasusaku
Exibições 59
Palavras 1.326
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi galera, estou voltando com mais um capítulo, espero que gostem.
Fiquem a vontade para criticar, prometo tentar melhorar em todos os aspectos que não lhes agradam. A vontade também para comentarem o que voces acham que irá acontecer. Amo vocês.

Capítulo 2 - The first day is always the WORST!


Por Naruto:


Passei o resto do sábado no sofá assistindo filmes bem clichês, quando a noite bateu decidi que iria sair, queria tomar algo e quem sabe até encontra alguém para me fazer companhia. Minha rotina era corrida e por isso ainda não tive tempo de fazer amigos.

Tomei banho, vesti uma roupa confortável e fui ao barzinho que tinha próximo ao apartamento onde eu morava, cheguei lá e pedi uma bebida. Estava distraído, até que alguém começou a falar do meu lado.

?.: Você deve ser novo aqui, me engano?

Naruto: Não, realmente sou novo.- Falei assustado saindo de meus devaneios.

?.: Meu nome é Sasuke, Sasuke Uchila.

Naruto: Sasuke!? Meu nome é Naruto Uzumaki. É um prazer conhecê-lo. 

Sasuke: Por que se assustou ao ouvir meu nome?

Naruto: É porque eu vi seu nome, você conseguiu uma bolsa na Universidade de Tóquio para direito...

Sasuke: Então você viu, você fez a prova?

Naruto: Sim.

Sasuke: E conseguiu?

Naruto: Primeiro lugar na prova geral.- Falei envergonhado, mas no fundo eu estava orgulhoso de mim mesmo.

Sasuke: É Naruto... meus parabéns. Você não é daqui é?

Naruto: Não, eu venho do interior, de um vilarejo chamado Konoha, mas e você?

Sasuke: Eu sou aqui de Tóquio mesmo, mas antes que pense que eu sou um dos ricos dessa cidade, não sou. Minha mãe trabalha na casa da família Haruno.

Naruto: Entendo, também não sou um dos ricos. Eu te pago uma bebida, você quer?

Sasuke aceitou, ficaram conversando por horas, eles não eram de ficar bêbados, então logo iam despedir-se, quando Naruto falou em alugar um apartamento, e o Uchila propôs que eles podiam dividir as despesas. Para Sasuke, ja estava na hora de morar separado dos pais. Se despediram e cada qual foi para um lado. 

Cheguei em casa e logo ne deitei na cama, estava com muito tempo livre, ja que já havia arrumado um emprego. Demorou poucos minutos até eu conseguir dormir, e confesso que dormi muito, pois quando acordei ja tardavam às 9 horas. Preparei um café da manhã básico, hoje era domingo, quer dizer que não havia muita coisa para fazer.

Lembrei que trabalharia com alguém muito importante, então com o resto do dinheiro que tinha fui até o shopping comprar roupas para a convivência com pessoas tão importantes. Cheguei ao shopping relativamente cedo, e como eu nunca tinha ido àquele lugar quase que me perco ao procurar alguma roupa. Até que fim encontrei roupas que cabiam no meu orçamento, e no meu corpo escultural.

As mulheres da loja me olhavam admiradas, confesso que eu quase não era humilde, mas receber olhares de mulheres tão bonitas apreciando os meus músculos, ninguém normal conseguiria se controlar. Tirei a camisa que vestia e vesti outro que uma das atendentes me apontara. Depois de comprar algumas roupas fui para casa, todo o meu domingo ja havia passado, não habia nada para fazer a não ser esperar pela segunda feira.

[...]

Finalmente segunda, me acordei mais cedo do que o normal, tomei banho, fiz minha higiene matinal e logo me pus a me vestir para a faculdade. Coloquei uma calça jeans preta e vesti uma blusa branca, seguido de um casaco de cor laranja, calcei meu tênis preto e poucos minutos depois ja estava pronto.

Peguei o ônibus, a faculdade ficava a alguns minutos dali, mas eu preferia ir de ônibus, porque assim eu pensava nas minhas histórias. Estav perdido em meus pensamentos, quando lembrei que hoje eu começaria a trabalhar, um sorriso se formou no meu rosto e posso ter certeza que a senhora que estava ao meu lado achou que eu era doido.

Vi que nos aproximavamos da faculdade, desci na parada mais próxima da mesma, ainda era cedo e haviam poucos alunos la na frente vi Sasuke, ele acabava de descer de um ônibus também. Corri até ele é apertamos as mãos em sinal de cumprimento.

Naruto: E ai Uchila, como esta?

Sasuke: Estou bem, principalmente sabendo que eu não vou precisar mais com os meus pais.

Ouvir aquilo do Uchila me entristecia, ja que eu não via meus pais a dois meses. Entramos no prédio da Universidade. Conversamos sobre qualquer coisa, fomos para nossas salas depois da "cerimônia" de iniciação. Eu me sentia deslocado, as pessoas mesmo desconhecidas para elas mesmas, conversavam sobre qualquer assunto, mas eu não conseguia.

[...]

As primeiras aulas se passaram rapidamente, pois o dinamismo das mesmas era incrível, e já dizia o ditado, o que é bom dura pouco. Sai da sala animado, pois queria voltar logo para a mesma. Notei que algumas pessoas me olhavam estranho, mas os ignorei, vi Sasuke saindo da sala e corri para próximo dele.

Naruto: Eae ja achou o refeitório?

Sasuke: Não, que tal procurarmos, estou morto de fome.

Naruto: Sim vamos. Mas me conta o que achou das primeiras aulas?

Sasuke: Posso dizer que foram boas, finalmente estamos na faculdade, aqui não há espaço para brincadeiras infantis.

Naruto: Concordo com você. Ei Sasuke, sabe aquela história do apartamento? Eu queria saber se você vai mesmo querer dividir, porque eu pretendo construir uma casa para meus pais, e se nós fôssemos dividir as despesas ficaria mais barato e eu economizaria para a casa.

Sasuke: Claro que sim Naruto, eu sei que é estranho porque acabamos de nos conhecer, mas é uma boa oportunidade para que eu saía da casa de meus pais, eles já gastaram de mais comigo, está na hora de eu dar a eles um pouco de conforto.

Agora eu entendia o motivo do Sasuke querer sair de perto dos pais, não era porque ele era um ingrato sem coração, e sim porque pelo contrário, ele so estav pensando nos pais.

Naruto: Sasuke você trabalha?

Sasuke: Mais ou menos, não sei se isso é considerado um trabalho, mas eu começo hoje a trabalhar como uma espécie de guarda-costas de uma garota irritante.

Naruto: Esta falando da filha dos patrões de seus pais?

Sasuke: Sim é por falar nisso, olha quem aparece.


Por Hinata:


Acabei de sair de minhas primeiras aulas, aquilo tudo era entediante, encontrei Sakura, pelo menos minha melhor amiga estaria ali comigo, andávamos distraídas conversando.

Sakura: Eae Hinata, ja sabe quem vai ser o idiota que vai te seguir para todo lugar?

Hinata: Não meu pai me fez segredo, mas quem é o seu?

Sakura: O pobretão do Uchila. Sabe eu acho que a gente deveria aproveitar o dia de liberdade que temos hoje, amanhã com certeza esses idiotas que serão nossos guarda-costas dirão tudo o que fizermos aos nossos pais.

Hinata: Que tal pegarmos um suco e derramados na cara do Uchila?

Sakura: Melhor ainda, porque não pegar dois?

Saímos rindo chegamos a cantina e pegamos o suco, fomos pelos corredores, e quem nós vimos? Era o Uchila e acompanhado dele tinha um garoto loiro, que eu ousaria chamar de gato se eu não estivesse noiva.

Hinata: Mudança e planos, tá vendo aquele garoto que está com o Uchila, eu derramarei nele e você no Uchila, tudo bem?

Sakura: Claro que sim.

Fomos disfarçadamente olhando para os lados, enquanto nós aprocimavamos do Uchila e do loiro. Quando estávamos bem próximos, fingi que escorreguei, assim como a Sakura fez, vi o copo de suco ficar vazio mas para nossa surpresa, não havia molhado eles. 

O loiro, realmente pensou que eu iria cair e prontamente me ajudou e o suco caiu, enquanto o Uchila segurou os pulsos de Sakura, fazendo a mesma soltar o copo no chão.

Sakura: Uchilaaa. Solte-me agora, como ousa, esse suco era para ter lhe sujado todo.

Vi Sasuke revirar os olhos e soltar Sakura, enquanto o loiro me olhava preocupado, que tonto qu ele era.

Hinata: Pode me soltar por favor!!- Disse quase que ordenando, e assim ele o fez.

?.: Desculpe. Meu nome é Naruto Uzumaki, é um prazer.

Ele estendeu a mão para me cumprimentar, tudo o que fiz foi olhar com fúria para ele é revira os olhos, peguei o braço de Sakura e sai puxando-a, como aquele loiro estragou o nosso plano e ainda teve coragem de se desculpar, era muita cara de pau. Ouvi o sinal tocar e voltei para a sala, pelo menos depois de tudo havia ao menos conseguido evitar que eles comessem, e a hora estariam com fome.



Notas Finais


Para todos os que leram até aqui, muito obrigado, e ai? O que acharam? Cometem, favoritem, critiquem sintam-se livres, estarei lendo todos os comentários, e respondendo os mesmos, bem como vou tentar melhorar em tudo o que não satisfazer vocês.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...