História Não ignorem por favor - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Demi Lovato, Justin Bieber, Zayn Malik
Personagens Justin Bieber
Tags Colegial, Romance
Exibições 8
Palavras 1.368
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Festa
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Por favor me digam, infelizmente ela não está betada porque ainda estou escrevendo ela, tentei ao máximo corrigir esse capítulo pra postar aqui, só quero saber oque vocês acham e se ainda vale apena continuar, pq eu sl, eu n sei se é a fanfic ou se é apenas algo da minha cabeça...

Capítulo 1 - Hey hey


              POV Tyler Williams Caniff
                     2 Semanas Atrás 

- Eu quero, claro! - Reafirmei convicto, afinal eu queria mesmo. 

- Olha, eu sei que você é irmão da Bárbara mas, pra você fazer parte da equipe a gente vai ter que dar uma geral em você. - O loiro falou me analisando. - Jogar bem você joga, mas a gente vai ter que dar uma mudada nessas suas cafonices. - Se referiu-se a minhas roupas.

- Por mim, tudo bem. - Disse meio sem jeito.

- Tá bom então, depois da escola, eu vou te esperar lá no meu carro, você sabe qual é né? 

- Sim, sim

- Então, depois da escola nós vemos - Falou e saiu andando. 

Por dentro eu estava gritando por tamanha felicidade mas ao mesmo tempo eu estava com uma enorme vontade de fugir por tamanha ansiedade. Tudo oque eu sempre quis era entrar pro time de futebol da escola e agora eu iria ter essa chance. Eu vou poder andar por aí sem me preocupar se alguém vai estar zombando de mim ou sem ninguém me olhar como se eu tivesse alguma doença contagiosa ou apenas por eu ser eu mesmo, eu vou fazer parte do time, eu vou fazer parte do grupo popular da escola, eu vou ser como eles, eu vou ser popular, eu vou ser importante...

- Hey, você está bem? - Blue me pegou desprevenido no corredor do colégio, apenas assenti rápido - Tem certeza? - Parecia interessada.

- Sim, sim. Tá fazendo o que aqui? - Perguntei na tentativa de mudar de assunto.

- Vou na blibioteca devolver uns e você ? 

- Ahm, nada. - Disse calmo.

- Olha eu estava pensando, vamos depois do colégio no cinema? eu deixo você escolher o filme. - Falou animada. - Tô precisando dar uma distraida.

- Ahm, hoje não vai dar - Cocei a nuca, eu nunca digo não á ela porque ela nunca diz não pra mim - Minha mãe disse que assim que eu fosse liberado era pra eu ir direto pra casa - A mesma apenas assentiu.

Blue é minha melhor amiga e a menina por quem eu sou apaixonado desde os meus 13 anos de idade, ela é bem nerd, na verdade ambos somos, só que ela consegue me superar na maioria das vezes. Blue não é o tipo de garota que gosta de usar vestido colados ou curtos, quase não usa saia e regata justa, só quando a mãe dela obriga ela e então ela passa o dia inteiro reclamando por isso, ela é diferente, e deve ser por isso que eu gosto tanto dela. 

Eu não sei explicar, eu sou apaixonado por ela, mas não sei se ela sente o mesmo por mim, e eu não sou idiota de ficar me humilhando por ninguém, deve ser por isso que nunca tivemos algo a mais.

[...] 

Quanto mais eu me olhava no espelho menos eu acreditava que era eu ali, sendo refletido, eu estava tão diferente, meu cabelo, meu rosto, parecia até que era outra pessoa. Fora as roupas e o cabelo comecei a malhar também pra pegar um pouco mais de corpo porque segundo os caras eu sou basicamente desnutrido. 

Eu faltei quase 2 semanas de aula pra me acostumar com esse novo Tyler, Bárbara me disse que Blue estava enchendo o saco perguntando do porque eu não estava mas indo a escola, e sempre que ela dizia que viria aqui em casa eu inventava uma desculpa diferente pra não ver ela. 

Ela sabe que eu sempre quis entrar pro time, mas ela nunca disse nada a respeito, ela sempre foi neutra quando esse era o assunto. No momento eu só quero focar em mim, finalmente eu estou começando a ter uma vida social, pessoas que me chama no chat, que curtem as bobagens que eu posto, eu estou deixando de ser invisível e estou começando a ser alguém de verdade.

Hoje é segunda e querendo ou não eu iria ter que ir pra escola, depois que minha mãe soube que eu faltei duas semanas seguintes ela disse que faria questão de me levar e buscar todos os dias, que eu não fazia esse tipo de coisa, que isso são as novas influências bla bla bla.

Já estava quinze minutos atrasado, quando cheguei em frente a minha sala respirei fundo e adentrei pedindo licença ao professor, e no mesmo instante todos os olhares foram voltados para mim, mas não de um jeito ruim, era como se todos ali estivessem surpreendidos por me verem diferente, mais bonito, popular. 

Quando desviei meu olhar pra blue ela me olhava sem feição alguma no rosto, ela não estava animada mas também não estava triste. Só não tinha um semblante decifrável. Quando eu ia em sua direção pra me sentar ao seu lado um dos caras me chamou pra sentar lá trás e eu fui, nem ao menos falei com ela. 

- Quem diria que eu estaria viva pra presenciar Tyler Williams Cannif abalando corações. - Ana disse.

Ana é uma das garotas mais bonitas do colégio, ela namora o Igor, capitão do time de futebol da escola, apenas dei um sorriso tímido, em resposta. Ana, Blair, Becky e minha irmã Bárbara são praticamente as garotas que dão as ordens nessa escola, minha irmã não vai com a cara da Blue, não sei porque, mas ela nem liga e só fala com ela por educação ou quando eu sumo ou fico doente. Já Bárbara evita qualquer tipo de contato com a Blue, mesmo que eu digo a ela o quão ela - Blue - é uma pessoa legal. 

- Hoje você vai ter seu primeiro treino campeão. - Igor disse e os meninos começaram a gritar animados bagunçando meu cabelo em seguida. 

Depois das horas que pareciam dias era hora do intervalo, finalmente. 

- Vamos? - Blair disse segurando em minha mão.

- Pra onde? 

- Refeitório ué, nossa mesa. - Falou como se fosse óbvio.

- Ah, eu já vou, preciso fazer um negócio rápido. - Falei me soltando da mesma.

E assim que a vi dei um sorriso de lado e andei em sua direção, ela estava em pé em seu armário provavelmente procurando um dos seus milhares de livros pra ficar lendo durando quarenta minutos até o intervalo acabar. 

- Hey. - Disse assim que me aproximei da mesma. - Sumida - Brinquei tentando tirar o clima ruim.

- Hey - Ela disse sem interesse algum e nem ao menos olhou no meu rosto. 

- Como você tá? - Perguntei meio sem jeito.

- Bem e você? - Assim que eu ia me pronunciar ela prosseguiu - Soube que você estava doente né? A sua doença era contagiosa ou era apenas anti-blue? - Perguntou olhando em meus olhos desapontada.

- Ahm... não é isso - Ela assentiu arqueando uma das sobrancelhas - Blue, você sempre soube o quanto eu sempre quis fazer parte do time... eu não pude dizer não, sempre foi meu sonho... você sabe

- Que bom, você ganhou um "time", uma reputação, amigas e perdeu sua capacha. - Respondeu grossa

- Eu não perdi nenhum capacho porque eu nunca tive um - Devolvi no mesmo tom. - Blue, eu não gosto de ficar nesse clima ruim contigo, você é minha melhor amiga...

- Tyler, aí está você, o que você tá fazendo aqui? - Blair disse ignorando completamente Blue em minha frente.

- Blair essa é a Blue - Disse e ela nem ao menos fingiu interesse. 

- Os meninos e as meninas estão esperando por você. - Disse rápida puxando-me de leve.

- Como eu disse, você ganhou um time e perdeu sua capacha - Blue disse batendo forte o armário e me deixando sozinho com blair.

Apenas respirei fundo e segui com blair até o refeitório. 

É tão difícil assim pra ela entender que eu só estou fazendo isso porque eu sempre quis muito? Ela sabe, ela sempre soube que eu faria qualquer coisa pra entrar no time da escola, poxa, ela é minha melhor amiga, ela deveria estar feliz por mim e não assim... com raiva de mim sem eu ao menos não ter feito nada de mais.


Notas Finais


Por favor digam oque acharam!!!! Agradeço desde já


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...