História Não Quero Te Amar - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Teen Wolf
Personagens Derek Hale, Stiles Stilinski
Tags Revelaçoes, Romance, Sterek
Exibições 134
Palavras 1.699
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


OiOi obrigado a todos os que comentaram e favoritaram a fanfic.
Vamos para mais um capitulo
Hoje Regresso ao Trabalho só quero chorar
Boa Leitura!!!!

Capítulo 2 - Ele Pertence A Outra


Fanfic / Fanfiction Não Quero Te Amar - Capítulo 2 - Ele Pertence A Outra


                   Dias Atuais

Stiles- Eu ouvi te Derek mas não é algo assim tão simples entendes?

Derek- Não! Não consigo entender, para mim não tem lógica.

  3 anos Antes

 Stiles- Temos mesmo que entrar eu odeio espaços fechados.

Derek- Vá lá Stiles vais ver que vai ser divertido.

Sem muito animo resolvi entrar e acreditar que realmente podia ser divertido.

As primeiras duas horas nem foram assim tão más, ele era realmente muito divertido e parecia ser muito objetivo com o seu trabalho na empresa Hale, parecia ser um homem incrível, ele assumiu os negócios da família quando tinha 20 anos e já triplicou a sua fortuna.

Para mim ele era um tanto misterioso, tanto sucesso, tudo para ser feliz e mesmo assim sentia se tão solitário.

Mas o que parecia estar a ser um momento divertido, passou para um momento secante e de raiva quando duas mulheres juntaram se a nós, passando a ignorar me por completo, pior mesmo foi quando ele saiu para dançar com uma das mulheres, eu educadamente sai da mesa e fui para minha casa, sem dizer lhe nada.

Só queria tomar um banho e dormir, esquecer que esse dia existiu e tendo fé que não iria voltar a ver ele nunca mais, mas a vida tinha outros planos para nós.

Acordei por volta das dez horas, com uma mensagem de um número desconhecido, mas não foi preciso muito tempo, para perceber quem seria a pessoa o problema era como ele tinha o meu número.

Mensagem Derek- Ontem foste embora sem dizer nada está tudo bem? Deixaste o contrato comigo.

Ofendi me mentalmente, por ter deixado o contrato com ele, não queria voltar a ver ele.

Pensei em pedir lhe para dar o contrato a Lydia.

Mas outra mensagem dele fez me tomar outra decisão, um convite para tomar o pequeno almoço e mais uma vez segui o meu coração e aceitei ver ele, mesmo sabendo que não seria boa ideia. Arranjei me e fui encontrar me com ele. Ele queria me vir buscar mas não achei boa ideia saber a minha morada, então resolvi apanhar um táxi e ir para lá.

Ao chegar, mais uma vez Derek já estava lá, sempre prefeito e educado. Tomamos o pequeno almoço e ele tentou puxar conversa sobre eu ter ido embora na noite anterior. Pediu me desculpas pelo facto de eu poder ter me ido embora por ter me deixado sozinho, mas eu apenas desconversei.

Ele quis fazer me então um convite para compensar a noite de ontem, ir ao Zoo, nesse mesmo dia, não sei como ele sabia mas zoo era aquele local que eu amava ir, então sem pensar resolvi aceitar.

Foi um dia bem agradável ele era realmente um fofo, uma excelente companhia. Sentia que quando estava comigo dava apenas atenção a mim, fazia me sentir especial. Quando saímos do zoo pedi a ele para me deixar na agência, ele quis me convidar para jantar mas preferi recusar eu não podia me iludir e passar tanto tempo com ele, acabaria por me apaixonar.

Assim que entrei na agência a única pessoa que estava lá era a Lydia. Que começou a gritar na minha direção a perguntar como tinha corrido o encontro.

Stiles- Encontro? Como assim?

Lydia- Não te faças de desentendido, o jantar de ontem com o Derek e hoje a vossa saída ao zoo.

Stiles- Como sabes isso tudo e porque haveria de ser um encontro eu não sou..

Lydia- Stiles nem ouses em mentir me, uma coisa é nunca me teres contado outra é mentires na minha cara. Eu sei que tu és gay.

Stiles- O que? Mas como não entendo.

Lydia- Stiles eu conheço te à mais de quinze anos, estive contigo sempre, não achas que eu saberia se tu gostasses de mulheres.

Nunca quiseste me contar e eu respeito isso. Mas vi como ficaste quando viste o Derek, ele mexeu contigo não foi? Por isso é que não fui ao jantar. E lhe dei o teu número hoje, deixando escapar como amas o zoo.

Stiles- Tu és louca, deste o meu numero a um completo desconhecido. Além disso ele é hetero.

Lydia- O que tens a certeza? Eu acho que não.

Stiles- Sim tenho. Porque achas isso?

Lydia- Vi a forma como ele olhou para ti, era algo diferente e ele pediu me o teu numero isso não é normal.

Stiles- Deves ter percebido mal ruiva, ele ontem foi dançar com um rapariga, ignorou me por completo.

Lydia- Já pensaste que podia ser para te fazer ciúmes.

Stiles- Achas mesmo?

Lydia- Gostas dele?

Stiles- Acho que sim, não sei.

Lydia- Então joga te. Agora vai para casa e descansa que amanhã temos mais duas empresas interessadas nas nossas modelos.

Despedi me da Lydia e fui para casa, pensando em descansar mas acabei por mandar mensagem a Derek perguntando o que ele estava fazendo.

Derek- Apenas por casa revendo uns contratos e tu?

Stiles- Indo para casa. Obrigado pelo passeio gostei bastante.

Derek- Eu também amigo. Nunca tinha ido a um zoo. Olha eu mais tarde vou naquela boate de ontem, não queres ir lá ter.

Pensei em recusar mas lembrei me das palavras de Lydia então disse que o encontraria lá.

Tratei me de arranjar me, usar um roupa que me deixasse sexy, se ele realmente fosse gay, não me iria resistir com certeza.

Ao chegar a boate procurei por Derek e acabei encontrando ele, aos beijos com uma mulher bastante bonita.

Portante sem pensar duas vezes vim embora antes que ele me visse. Resolvi passear na praia, a pensar no quanto eu tinha sido ingênuo, mandei apenas mensagem à Lydia a dizer que estava enganada que ele era hetero.

A Lydia tentou me ligar, mas eu não queria falar com ninguém, optei apenas por desligar o celular e ficar apenas escutando as ondas, pensando no quanto a minha vida mudou nos últimos anos, e que já estava na altura de eu me assumir como gay, não podia continuar engando as pessoas próximas a mim, pensei se o meu pai também saberia assim como Lydia que eu gosto de homens e não de mulheres.

 Comecei a caminhar na praia, quando vejo um homem a vir na minha direção, fiquei assustado pois podia ser um assaltante, estava demasiado escuro para ver alguma coisa. Tentei caminhar calmamente, não parecendo assustado, mas quando me aproximei mais reconheci Derek, este nem deu pela minha presença, só reparou em mim quando o chamei.

Derek- Stiles que fazes aqui eu liguei te.

Stiles- Desculpa, fiquei sem bateria e o mar estava tão calmo que nem dei pelas horas passarem.

Apercebi me que ele parecia querer chorar, fiquei logo preocupado.

Stiles- Derek o que se passa?

 Derek sentou se na areia e logo desabou num choro compulsivo, não sei se devia ter feito isso mas sem pensar envolvi ele, num abraço, este depressa me abraçou de volta e passou a chorar no meu ombro.

Eu nunca fui muito bom com palavras, nem nunca fui de chorar, confesso que era um tanto estranho ver um homem daquele tamanho chorando. Eu só pedia para ele ter calma e me dizer o que tinha acontecido.

Finalmente ele se acalmou e começou a falar comigo.

Derek- Desculpa, não devia ter reagido assim, mas é difícil ser forte o tempo todo.

Stiles- Eu compreendo te, bem mas o que se passou, para ficares assim?

 Derek- A minha namorada, quer dizer ex namorada, porque ela acabou ainda agora comigo, tem cancro de mama.

Eu parecia ter deixado, de pensar, de reagir, ele tinha realmente uma namorada e ela estava doente, mas agora o que é preciso é apoiá-lo.

Stiles- Lamento muito Derek, mas foi ela que terminou?

Derek- Sim foi, disse não querer ser um estorvo na minha vida, que não me queria ver preocupado com ela.

Stiles- Eu entendo ela, está a tentar proteger te Derek, ela gosta mesmo de ti. Mas ela precisa do teu apoio não pode ficar sozinha, nesta situação.

Estava a custar me dizer essas palavras, estava jogando ele nos braços dela, mas era o certo a ser feito, pois infelizmente sei o que é uma pessoa sofrer com cancro e sei o quanto foi fundamental o apoio do meu pai para a minha mãe, mesmo que me custasse lhe dizer isso, era o que ele precisava de ouvir e fazer.

Derek- Tens razão, mas como fazer ela entender isso Stiles.

Stiles- Mostra lhe que antes de seres namorado dela, és seu amigo e que vais apoiá-la de qualquer forma.

Derek- Obrigado Stiles.

Stiles- De nada os amigos são para isso.

Desta vez foi Derek quem me abraçou e senti me quebrar por dentro. Resolvi me despedir e ir para casa ele insistiu em levar me, mas eu recusei dizendo que ele devia procurar a sua namorada e mostrar lhe que iria sempre estar lá para ela.

Quando cheguei a casa, sentia me pesado, arrependido por me ter aproximado tanto de Derek, eu não queria apaixonar me por ele, mas foi o que aconteceu.

Assim que cheguei a casa dei pela ruiva deitada no meu sofá.

Lydia- Stiles só agora, estava super preocupada, o que se passou.

Stiles- Ele Pertence A Outra.

Lydia- Lamento muito Stiles era capaz de jurar que ele realmente gostava de ti, desculpa, mas o que aconteceu exatamente.

Passei a hora seguinte contando a ela tudo o que tinha acontecido, desde a boate até a cena da praia.

Lydia- Tu não devias ter dito isso Stiles, já pensaste se ele tiver ficando com ela apenas para dar apoio, se não existir já amor, seria a tua oportunidade para conquista-lo.

Stiles- Não podia fazer isso Lydia, sabes que não sou cruel.

3 Anos Depois

Enquanto pensava numa forma de fugir a conversa com Derek, percebi o quanto a Lydia tinha razão naquele dia, se não lhe tivesse dado força para ele ir atrás da namorada, talvez ele não tivesse sofrido tanto, e nós, não estaríamos aqui nesta situação ele meio bêbado, não dizendo nada de jeito.

Stiles- Não percebes, que não é assim tão simples.

Derek- Vais me dizer que não querias.

Stiles- Sim queria.

Derek- Então qual é o problema, diz de uma vez.
 


Notas Finais


Então o que acharam deste capitulo?
Quem será a namorada doente?
E porque o Stiles se arrepende de ter insistido com Derek para ele voltar com a namorada?
E que proposta é essa que está a deixar o Stiles meio que irritado?
Não deixem de comentar e favoritar.
Bjs e Abraços


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...