História Não se pode matar o que já está morto...?


Escrita por: ~


Sinopse:
Sallie é uma garota normal como qualquer outra, ou normal em partes. Uma garota totalmente problemática que vive reclamando da vida! No fundo está sempre chorando sentindo que depende de todos os seus amigos para respirar! Sal normalmente sente uma solidão e tristeza diariamente apesar da vida dela não ser tão ruim quanto aparenta. Costuma pensar que está entrando em depressão e constantemente tenta chamar a atenção das pessoas ao seu redor para o fato de que ela está "muito triste" é de que é insuportável esse sentimento. Pois é, bem-vindo a vida de uma garota dramática que tem as emoções expostas como nervos! Costuma viver mergulhada em sua imaginação fértil! Está sempre imaginando coisas bizarras e muitas vezes inúteis... Ela usa o recurso de ser uma boa escritora para expressar seus sentimentos de forma clara! Apesar de ter bons e verdadeiros amigos e está sempre sorrindo perto deles, ao estar sozinha, é dominada pela dor e angústia que nem mesmo ela sabe de onde vem... Mas quem sabe seja uma fase de adolescente sofrer de depressão falsa, certo? Na mente de Sal existe apenas "As vozes do além que sempre falam... Desista..."
O que há de diferente nessa história? Simples, o maior terror do ser humano está em sua cabeça, é Sal vive tudo versão 3D.
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Bia, Castiel, Charlotte, Dakota, Debrah, Iris, Jade, Kentin, Kim, Leigh, Li, Lysandre, Melody, Nathaniel, Nina, Peggy, Personagens Originais, Priya, Professor Faraize, Professora Delanay, Rosalya, Senhora Shermansky, Thomas, Viktor Chavalier, Violette
Tags Adolescente, Amor Doce, Depressão, Loucura
Exibições 49
Comentários 10
Palavras 7.034
Terminada Não

Fanfic / Fanfiction Não se pode matar o que já está morto...?
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1.
Mais um dia de cão...
5
24
2.525
 
2.
O retorno das alucinações...
5
17
3.009
 
3.
Nem todos os dias são de trevas...
0
8
1.500

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

O autor dessa História ainda não destacou nenhum comentário.