História Não te abandonarei nem que a morte nos separe- Vhope - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Namjin, Vhope
Visualizações 60
Palavras 1.964
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hola Hola meus bolinhos...
Minha segunda Fic capítulo único
Espero que gostem

Capítulo 1 - Lembranças


Fanfic / Fanfiction Não te abandonarei nem que a morte nos separe- Vhope - Capítulo 1 - Lembranças

Eu te amei,

Eu cuidei de você,

Eu segui seus passos,

Eu fui um namorado bom,

Eu fui um noivo bom,

Eu fui um marido bom,

Eu fui o seu ômega,

Eu fui o seu híbrido,

Eu mais parecia Beta doque Ômega porque não podia ter filhos mas eu era ômega, um problema de nascença não me deixou ter filhos.

Nós fomos destinados a amar um ao outro.

Lembro do primeiro dia de aula, eu estava entediado, ainda estudava no primeiro ano do ensino médio e então demoraria dois anos para sair daquele inferno mas conhecido como escola, uma aula insuportável de matemática estávamos tendo, quando a diretora chegou com um menino forte, aparentava ser um Alfa e realmente era, um lindo garoto de cabelos alaranjados, do rosto claro, a pele lisa e a boca com um contorno de coração, você era muito tímido para um Alfa.

Então em um dia chuvoso estava eu passando por um beco escuro a noite, um lugar deserto, sombrio e frio, eu podia sentir a presença de alguém comigo mas não sabia quem era, quando mãos grandes e frias agarram minha cintura e minha boca assim me deixando cada vez mais desesperado, sou arrastado para um canto e sou espancado, não fui estrupado mas sim espancado, o porque que ele me batia eu não entendia. Quando estou quase desmaiado ele me pega e me joga no meio do nada assim sumindo e me deixando sozinho, fiquei tempo jogado tomando chuva, uma grossa voz eu escutava gritando meu nome, olho para você e desmaio.

Acordo em um quarto imenso, em uma cama imensa, e você ao meu lado, o susto que eu levei foi maior ainda, um ômega ao lado de um Alfa, tentei me levantar mas meu corpo todo estava doendo, meus machucados ardiam, eu cheguei a conclusão que tínhamos ficado, mas não era isso, você tinha me explicado oque realmente tinha acontecido, eu não tive forças para ir na escola e você ficou durante um mês comigo, você foi um Alfa tão carinhoso, você não parecia Alfa e sim um Beta, mas era Alfa kkkkkkkkk, eu não tinha família presente comigo, eu era apenas um menino de 15 anos que morava sozinho em um pequeno prédio nas ruas desertas de Busan, e você? Você morava em uma mansão no mais luxo condomínio de Busan, você morava sozinho, vivia sozinho naquela imensidão de casa, eu queria ir em bora mas você não me permitia, dizia que as ruas estavam perigosas e eu não quis acreditar, até que tive a idéia de fugir, eu pensava que você fazeria mal para mim. Ja era noite e eu e você estávamos dormindo na mesma cama, estávamos abraçados, não tinha acontecido nada demais, começo a me soltar de seus braços e finalmente consegui, minhas malas ja estavam arrumadas, deixo um pequeno selar em sua testa, não sei porque fiz isso, e saio, parece que tinha demorado dez anos para chegar até a porta, saio e fecho o portão, estou na esquina quando sinto braços fortes rodeando minha cintura, eu não assustei porque eu sabia que era você, você me falou para não ir, mas eu falei que queria ir, você me falou que me amava e se declarou para mim, naquele momento minha vontade de ir em bora sumiu, você me abraçou e disse que precisava de mim, que queria que eu estivesse ao seu lado e eu apenas sorri, você iniciou um beijo inesquecível, o nosso primeiro beijo, depois disso fomos para a casa e dormimos.

Um mês se passou, nossos amigos os casais Namjin, JiKook, e Yoongi praticamente me sequestraram, eles me levaram para um shopping e fui obrigado vestir a roupa que Jin separou, depois disso eles me levaram para uma linda floresta, mas era em Seul, quando fui ver eu estava sozinho, escutei uma voz de longe me dizendo para tirar a venda e foi oque fiz, você estava de frente para mim só que bem longe, você sorria feito um bobo alegre, eu logo corri para seus braços e o beijei, você se ajoelhou e uma linda homenagem me fez, lembro dela até hoje, era assim: " Desde o dia que pisei meu pé naquela sala de aula ja podia sentir seu maravilhoso cheiro de ômega, um cheiro de mel com morango vinha de você, suas encaradas para mim eram irresistíveis, seus sorrisos de lado, seu sorriso, naquele dia do beco Deus me enviou com a missão de salvar você, e um mês depois você tentou escapar de mim seu danadinho, mas eu te alcancei e me declarei, você ficou comigo, passou a morar comigo, e eu? Eu passei a te amar ainda mais e mais, e mais um mês se passou e estou aqui me declarando mais uma vez, só que agora é diferente, estou aqui para te dizer o quanto e que sem você eu não sou nada, eu preciso de você comigo, eu preciso dos seus cheiros, meu amor, você aceita namorar comigo? ",aquelas suas palavras me fez chorar, não foi de tristeza e sim de alegria, uma felicidade cresceu em mim, eu só sabia dizer sim, sim e sim, fomos em bora e tivemos nossa primeira vez, você foi cuidadoso, era minha primeira vez, você teve carinho por mim.

Dois anos se passaram e nossa formatura chegou, finalmente estávamos nos formandos, aquele  alívio de saber que tudo tinha acabado, que poderíamos ficar livres, fizemos uma promessa que só iríamos para faculdade depois de um ano, isso foi engraçado. Estávamos dançando e eu como sempre te provocando, você ja me tinha mostrado o seu lado Alfa e eu gostava hihi, quando do nada as músicas pararam e você estava no palco, uma luz branca te iluminava, você começou a cantar a música que nós dois tínhamos cantado por diversão, Hug Me, essa música ficara para a história, você termina e me chama no palco, e mais uma homenagem foi feita, nunca vou esquecer dela, foi assim: " Tivemos nossos destinos cruzados, eu nasci para cuidar de você e você de mim, você é destinado a me amar e eu a você, você será meu híbrido, meu ômega, meu namorado e meu eterno melhor amigo, eu sempre cuidarei de você, nunca deixarei de mimar você, sem você  sou como uma mãe sem seu filho, dois anos de pura alegria e amor, e estou aqui para te dizer o quanto te amo e que estou disposto a cuidar de você pelo o resto de minha vida, você quer se casar comigo? ", aquelas palavras, suas homenagens, seus carinhos, tudo me encantava e mais uma vez só sabia dizer sim, aplausos e aplauso recebemos, Jin chorava mais que eu kkkkk, Jimin estava quase quebrando o pescoço de JungKook de tanto que o abraçava, e eu? Eu estava o mesmo que os dois, ficamos a festa inteira, continuei te provocando, e você só olhando, naquela noite quando chegamos em casa você revelou seu lado Alfa lkkk.

Cinco anos se passaram e novamente estávamos nos formandos, mas dessa vez era a faculdade, fisioterapeutas nos formamos. Uma semana depois finalmente nosso casamento chegou, foi o dia mais lindo de toda minha vida, você me amou, me prometeu não me abandonar, antes do Padre falar que podíamos nos beijar você me falou: " Não te abandonarei nem que a morte nos separe ".

Meses depois você estava estranho, não estranho comigo, mas estava estranho, Jin e Namjoon me chamaram para sair, eles me tratavam como o filho deles, eu fiz de tudo para você ir mas tudo em vão foi, você quis ficar em casa, então eu fui.

Eu cheguei em casa, eu estava sozinho, tudo estava em um completo silêncio, quando vi um pouco de água escorrendo pela escada, me assustei e subi correndo, quando entro vejo a pior cena de toda minha vida, a banheira estava cheia de água e sangue, você estava la com a cabeça deitada na parede e com os olhos fechados, não me importei com o sangue e pulei na banheira, comecei a te sacudir mas tudo foi em vão, peguei seus braços e em seus pulsos estavam grandes cortes bem profundos, você abriu lentamente seus olhos e me disse: " Eu te amo, não te abandonarei nem que a morte nos separe ", você me deu um selinho demorado e faleceu, comecei te sacudir ainda mais, eu gritava e gritava, te abracei, fiquei um tempo assim e liguei para a ambulância.

O dia do seu enterro chegou, eu estava em estado de choque, fiquei o velório inteiro abraçado a ti, lembrei de tudo que aonteceu em nossa vida, seus beijos, seus toques, seus " Eu te amo ", nossas respirações juntas, o nosso amor, o nosso casamento, a hora de você ser enterrado havia chegado, e um filme passou em minha cabeça de nós dois, porque você fez isso?

Lembro que cheguei em casa, a banheira ainda estava cheia de sangue, esvaziei a mesma, eu estava sozinho, eu precisava ficar sozinho nesse momento, comecei a me perguntar porque você havia feito aquilo.

O Inverno havia chegado, o frio era constante, os espelhos estavam embasados, eu só chorava, quando olhei para vários espelhos e com sua letra estava escrito: " Eu te amo ", " Eu te deixei uma carta ", " Porque não leu ela ainda? ", " Ela está em uma das gavetinhas do criado mudo ", " Para sempre te amarei ", " Estou cuidando de você ", " Estou guiando seus passos ", " Eu quero que você seja feliz ", " Por favor saia dessa depressão ", " Cuidarei de você mesmo com a morte nos separando ", " Eu te amo ", depois disso as letras se apagaram sozinhas, eu então corri para o criado mudo e la estava escrito: " Meu amor, minha vida e meu tudo, não fica bravo comigo, eu vou partir dessa vida para uma melhor talvez, eu sempre tive depressão, mas nunca quis te contar porque tinha medo de você não me querer, eu não queria te machucar, mas a morte talvez seja uma solução? Eu te amarei até mesmo depois da morte e nunca te abandonarei, quero que seja feliz e obrigada por ter me feito feliz todos esses anos, adeus ". Oque aconteceu naquele momento? Eu só sabia chorar.

ANOS DEPOIS...

E hoje estou aqui, com meus 90 anos lembrando do amor que você me deu, eu desisti da minha vida profissional, eu não pude mais ser feliz, fiquei aqui sem sair dessa mansão, estou sozinho novamente, o casal Namjin morreram em um acidente de carro, o casal JiKook foram assassinados em sua casa quando estava tendo um assalto e Yoongi? Yoongi morreu com 50 anos vítima de um câncer na cabeça, e eu? Fiquei nessa casa sozinho, não quis me matar, meu amor não gostaria disso, eu sou apenas um senhor que estou em meu leito de morte agora, lembrando de meu amado, agora sim, agora vamos nos encontrar, vou encontrar o casal Namjin, o casal JiKook e Yoongi.

Eu finalmente vou te encontrar Jung Hoseok.

Se você realmente ama uma pessoa não esconda nada dela, ela não vai ficar brava com você.

Se você sofre de depressão não faça coisas trágicas, existem pessoas que te ama muito e elas seriam incompletas sem você.

Se você pensa em morte esqueça dessa ideia, não resolverá nada e as pessoas que te ama ficaram tristes e algumas poderão cometer o mesmo que você pois estará sentindo sua falta.

Não pense que ninguém te ama, muitos te ama e isso é oque importa.

Ame hoje, se confesse hoje, fale sobre seus problemas hoje, perca o medo hoje, abrace hoje, cante hoje, de risadas hoje, brinque hoje, seja feliz hoje e viva hoje, porque o amanhã só pertence a Deus.

Eu amo vocês sem conhecer o rostinho de cada um.


Notas Finais


Enton meu bolinhos...
Foi isso...
Não sei se as frases ficaram boas...
Mas está ai...
Espero que tenham gostado...
Amo vocês ❤❤❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...