História Não tenha medo - Capítulo 30


Escrita por: ~

Postado
Categorias The Walking Dead
Personagens Aaron, Carl Grimes, Carol Peletier, Daryl Dixon, Enid, Eugene Porter, Gabriel Stokes, Maggie Greene, Michonne, Morgan Jones, Negan, Paul "Jesus" Monroe, Personagens Originais, Rick Grimes, Rosita Espinosa, Sasha, Tara Chambler
Tags Carl Grimes, Chandler Riggs, Hannah West, Lucy Hale, Negan, Romace, The Walking Dead
Visualizações 60
Palavras 1.227
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Saga, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Canibalismo, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Boa leitura fofuchas❤

Capítulo 30 - Confusão entre garotas


Carl P.O.V on

   -Hannah...eu queria...NÃO!eu quero pedir desculpas...-começei más a garota me interrompe levantando o dedo indicador,fazendo com que eu me calasse.

   -pelo o que exatamente está pedindo desculpas?por beijar aquela garota ou por me enganar esse tempo todo,me fazendo pensar que você gostava realmente de mim?-Hannah semicerrou os seus belos olhos verdes.

   -eu gosto de você Hannah! Eu sempre gostei. Naquele dia na frente da igreja,foi a Sarah que me beijou. Eu juro que eu não tenho nada com ela.-eu estava desesperado.

   -por que eu deveria acreditar em você?-ela me olhou de cima a baixo com desgosto.

   -apenas acredite!eu gosto de você e de mais ninguém! Por favor me perdoa.-eu estava pronto pra me ajoelhar pedindo desculpas se fosse preciso.

   -não é o suficiente.-Hannah me olhava com uma expressão fria.

A garota virou as costas e saiu,me deixando plantado alí com o meu ressentimento. Ela não parecia a garota que conheci a quase três meses atrás,parecia muito mais fria e infeliz. Voltei para casa e estranhei quando encontrei todo grupo reunido na sala.

   -o que está acontecendo?-perguntei desconfiado.

   -CARL!!!!!!-nem tive tempo de raciocinar de quem era a voz. Alguém pulou em mim me abraçando fortemente,olhei para a pessoa e vi que se tratava de Sarah.

   -os Salvadores não tinham te levado?-perguntei tentando afastar a garota más ela me agarrou forte.

Olhei por toda a sala e vi que Hannah me encarava num canto,com os braços cruzados e as costas encostadas na parede. Sua expressão ainda era a mesma de minutos atrás,dura. Como se fosse puxar a arma e atirar em alguém a qualquer momento. Quando finalmente consegui me soltar da Sarah,percebi que a mesma estava toda suja de lama e folhas,havia também alguns arranhões espalhados pelo rosto e corpo da garota.

   -eles me empurraram do caminhão no meio do caminho. Disseram que eu era irritante e então me soltaram.-ela sorria que nem boba.

   -ah...que bom que está bem.-falei sem ânimo.

Acabou a confusão e todos fomos para lugares diferentes. Eu me ofereci para ficar na vigia junto com Enid. Estávamos em um silêncio irritante por uns trinta minutos,até que resolvi quebrar o gelo.

   -o Brien vai ficar em Alexandria?-perguntei. A garota olhou pra mim e abriu o maior sorriso que já vi ela dar.

   -sim!ele disse que ficaria por mim.-ela voltou a prestar atenção na vigia más ainda sorria muito.-conseguiu falar com a Hannah?

   -mais ou menos.-suspirei-pedi perdão más ela não quis me ouvir.

   -eu conversei um pouco com ela ontem enquanto estávamos no telhado.-Enid falou,me fazendo olhar para ela com o cenho franzido.

   -no telhado? Por que estavam lá?-indaguei confuso.

   -eu sempre fico lá quando preciso pensar,já a Hannah eu não sei por que ela estava lá.-a garota deu de ombros.-enfim,nós conversamos um pouco,eu tentei convencer ela de que você não fez nada más,ela não quis me dar ouvidos. Hannah está magoada, Carl!você precisa dar um tempo para ela se acalmar. Os acontecimentos entre vocês ainda estão muito recentes,e eu tenho certeza que ela está confusa sobre várias coisas. Uma hora ela irá se acalmar,vocês irão conversar e ela vai te perdoar,agora você tem que deixe-la um pouco sozinha,más não desista dela,por nada nesse mundo!-Enid disse e eu a olhei agradecido pelos conselhos.

   -Valeu Enid. Você é uma ótima amiga.-sorri de lado.-más também tem aquele "amigo" dela,o tal Charlie. William,o irmão da Hannah,me falou que acha que o Charlie gosta dela. Não posso deixar ele roubar MINHA garota.-falei irritado e Enid soltou um risinho.

   -é tão fofo ver você chamando ela de SUA!-ela cessou o riso.-Carl,o Charlie pode ser gato pra caramba,más eu duvido muito de que Hannah iria quere-lo com algo a mais. Tenho certeza de que ela gosta dele apenas como AMIGO!-ela deu ênfase no "amigo".-faça o que lhe falei,dê um tempo a ela,vão acabar se acertando.-acenti agradecendo.

Ficamos na torre de vigia por um bom tempo,quando escureceu,trocamos de turno com Morgan e outro morador de Alexandria. Eu e Enid fomos para minha casa jantar,todos já estavam a mesa. Sarah se sentou ao meu lado e Hannah se sentou de frente para mim,com o seu irmão do lado direito e o Charlie do lado esquerdo. Não prestei muita atenção no que conversavam durante o jantar,eu estava muito oculpado adimirando a garota mais linda que eu já vi.

   -cuidado para não babar Sheriff!-Charlie debochou e Hannah lhe deu uma cotovelada.

Como estávamos num canto da mesa mais afastado dos outros,apenas eu,Hannah,Sarah e Will ouvimos o que Charlie falou. Lhe lancei o pior olhar possível e voltei a comer.

   -então você é a famosa Hannah?-Sarah perguntou.

   -sim.-Hannah respondeu seca sem olha-la.

   -ouvi falar muito sobre você.-Sarah deu um sorriso que me pareceu falso.-é uma salvadora,certo?

Sarah estava provocando a Hannah e eu sabia que isso não ia prestar. Hannah levantou o olhar para a garota,então pude ver seu olhos verdes que estavam escuros e transmitiam uma fúria desconhecida por mim naquela menina.

   -não sou mais uma salvadora.-Hannah encarou fixamente os olhos da Sarah.

   -dizem que nunca perdemos nossas origens não é mesmo?-Sarah provocou novamente.-e seu irmão?é um mini salvador?um assassino em formação?

   -William é apenas uma criança!-Hannah poderia explodir a qualquer momento.-ele terá uma infância normal se depender de mim.

   -ah,más eu aposto que daqui a uns anos ele já vai estar matando geral. Se bobear ele vai matar até você. A genética ruim vai passando,passando e nunca para! Seu irmão será tão ruim quanto você.-Sarah continuava com o sorrisinho debochado na cara.

Aquilo foi a última gota para Hannah. Ela pegou uma faca de açougueiro que estava perto dela,subiu em cima da mesa e foi para cima de Sarah!antes que Hannah pudesse cravar a faca no crânio da outra garota,Sarah se jogou pra trás,fazendo com que a cadeira caísse. Todos se levantaram assustados e tentaram separar a briga. Hannah pegou um copo de vidro que estava na mesa e o jogou no rosto da Sarah,o copo se quebrou e fez um corte grande na testa da garota. Daryl segurou Hannah por trás,tirou ela de cima da mesa e arrancou a faca das mãos da mesma.

   -EU VOU TE MATAR SUA VADIA!!!-Hannah se debatia,tentando sair dos braços do Daryl.

   -VOCÊ TÁ ASSIM PORQUE EU FALEI DO SEU IRMÃO,OU FOI PORQUE EU BEIJEI SEU NAMORADINHO EM?DUAS VEZES!!-Sarah gritava e ria enquanto escorria sangue de sua testa. A mesma se levantou e tentou atacar Hannah,más Enid a segurou firmemente pelos ombros e a jogou de volta no chão.

   -ME SOLTA!!! EU VOU ESQUARTEJAR ESSA VAGABUNDA E DAR OS MEMBROS DELA PARA OS WALKERS!!!!-Hannah deu uma forte cotovelada em Daryl e se soltou. Quando ela foi pra cima de Sarah,eu a segurei pela cintura,a fazendo parar.-ME SOLTA VOCÊ TAMBÉM,SEU TRAIDOR DE MERDA!-ela começou a dar socos em meu peito.

   -HANNAH SE ACALMA!-falei no mesmo tom que ela.

   -DEIXA ELA CARL!VEM FICAR COMIGO!EU SEI QUE VOCÊ NÃO QUER ESSA VADIA SEM GRAÇA!!-Sarah provocava e ria cada vez mais.

   -JÁ CHEGA!-meu pai gritou derrepente fazendo com que todos nós ficássemos calados.-chega de confusão! Sarah pare de provocar Hannah. Você sabe muito bem que o Carl não gosta de você.-a garota o olhou com a boca aberta,incrédula. Meu pai se virou para Hannah.-e você,se controle. Não pode sair por aí matando qualquer um.-parecia que meu pai tinha dado um sermão na Hannah,más quando ele terminou de falar,piscou pra ela e sorriu.-Vamos todos dormir agora!

   -adoro uma confusão entre garotas...-Tara murmurou enquanto passava por mim. Hannah sorriu para ela.


Notas Finais


FINALMENTE A SARAH APANHOU!!(mesmo eu achando que foi pouco)

Espero que tenham gostado! Comentem o que acharam.

Até próximo capítulo fofuchas❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...