História Não toque - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Drama, Romance Bts
Exibições 107
Palavras 589
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Bom eu pensei que ficaria um capitulo bem maior, mas mesmo assim espero que gostem ^^

Capítulo 2 - Não me importa mais


Fanfic / Fanfiction Não toque - Capítulo 2 - Não me importa mais

Você ri a vai para a cozinha preparar o café da manhã. De repente você se sente tonta e se senta um pouco, ouve a porta do banheiro abrindo e o vapor saindo de lá. Tenta levantar e chamar Suga, mas sua cabeça começa a doer, você se levanta e tenta ir até o quarto mas cai no caminho. Suga ouve o barulho, se enrola em uma toalha e vai ver o que estava acontecendo

- (S/N) você está bem? – Ele fala se abaixando

- Sim eu só... – você sente uma fraqueza e seus olhos se fecham lentamente.

- Ai meu deus (S/N) fala comigo! – Ele te segura em seus braços e tenta te acordar, mas você não abre os olhos

Suga se desespera e chama uma ambulância. Sua melhor amiga e alguns outros amigos de vocês também vão para o hospital onde você estava. Os médicos pedem para Suga ficar na sala de espera, ele fica ansioso para saber o resultado dos exames. Começa a andar de um lado para o outro da sala e nada o que seus amigos dissessem o acalmava. Depois de uma hora de espera Suga vê o médico chegando, ele se levanta rápido

- E Então como ela está?

- Ela está bem, pelos exames descobrimos que ela tem labirintite, mas isso pode ser tratado com o auxílio de remédios. Ela está com uma pequena inchação na cabeça por conta da queda e está tomando soro agora para sua pressão voltar ao normal.

- Eu posso vê-la?

- Eu sinto muito... – o doutor pensa mais um pouco quando percebe que os olhos de Suga estavam mareados – Está bem, mas só você.

- Obrigado

Suga entra rápido na sala e se senta ao lado da cama onde você estava descansando. Ele segura sua mão e passa a mão de leve no seu rosto. Ele olha na porta e como os médicos não estava passando ele se deita ao seu lado. Começa a mexer no seu cabelo até que ele adormece.

Você acorda com dor de cabeça, olha para o lado e vê Suga deitado com você, segurando a sua mão. Você nunca tinha visto ele assim tão preocupado. Ele começa a abrir os olhos devagar, ele olha para você e sorri

- Nunca mais me dá um susto desses – ele fala passando a mão em seu rosto

- Ficou preocupado?

- Claro! Não faça uma pergunta tão boba!

- Yoongi... Você me tocou

- Eu sei, não me importo mais com as consequências, se a gente namorar ou não o meu amor por você continuará sendo o mesmo. Não é o título de namorada que faz eu te amar.

Ele te abraça e depois vai falar ao médico que você acordou. O médico te da alta e vocês saem do hospital. Todos ao seu redor comemoram, eles te levam para uma pizzaria onde tinha karaokê. Seus amigos começam a comer e a cantar. Suga estava mais calmo, mas com um aspecto triste. Você se aproxima dele

- Yoongi

- Hum?

- Tem alguma coisa no anto da sua boca

- O que?

Você o beija acariciando seu cabelo, ele responde o beijo e te puxa para o colo dele

- Então... isso quer dizer que...

- Sim Yoongi ainda somos namorados –quando você fala isso se abre um enorme sorriso no rosto de Suga  - Já esta tarde, vamos para casa dormir?

- Quem disse que vamos dormir? – ele fala com um sorriso malicioso – quero compensar todo esse tempo que fiquei sem te tocar

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...