História Não vou abandonar você - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Daniel Rocha, Totalmente Demais, Vivianne Pasmanter
Tags Viviel
Exibições 32
Palavras 1.456
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - Capítulo 3


Fanfic / Fanfiction Não vou abandonar você - Capítulo 3 - Capítulo 3


Vivianne: Da-daniel pa-para! (Ela disse afastando ele de seus lábios)
 Daniel: Vivianne me perdoa por favor. Não faz isso comigo, não tenta resistir. Me deixa tentar concertar a burrada que eu fiz? Mostrar que estou arrependido. (Diz Daniel se aproximando novamente dela, mas dessa vez abaixando a mão lentamente para a cintura dela).
Vivianne: porr fa-voor... (dizia tentando resistir, mesmo sabendo que não iria conseguir).
Então Dani prensou Vivi na parede e começou a distribuir beijos no pescoço dela, enquanto ela passava a mão no cabelo de Daniel e ia descendo as mãos até a blusa dele, passando à mão por baixo de sua camisa e arranhando as costas de leve.
Daniel distribua beijos em todo o arredor da parte de cima do corpo de sua amada, da boca até os seus seios. 
Ambos param o beijo e ficam se olhando profundamente dentro do olho um do outro. Então Daniel tira a blusa de Vivianne, à deixando apenas com seu sutiã preto rendado. Daniel se permite admirar a bela mulher a sua frente apenas de sutiã... Quando menos deram conta ambos já estavam completamente nus e deitados na cama. 
Pensamentos de Vivi
Eu fiquei completamente magoada com o que Daniel fez comigo, com a minha filha que gosta e admira tanto ele, com o meu filho, enfim... Mas quando o vi na recepção do hotel meus olhos brilharam e um sorriso surgiu, assim que ele pediu desculpa para tentar concertar o erro dele, eu confesso que me apaixonei mais ainda, porém ele me machucou bastante para que eu aceitasse fácil o pedido de perdão dele, por isso decidi torturá-lo um pouquinho só sabe?! Ele não precisava encostar em mim pra conversar, mas ele sabe que  eu fico doida quando ele encosta em mim, parece que eu perco o controle. Eu tentei resistir, mas não deu muito certo. Tanto não deu certo, que estamos na cama de um hotel e ele me proporcionando um prazer maravilhoso e eu como sempre, adorando. Eu me sinto segura com ele, como se ninguém pudesse fazer qualquer mal a mim e aos meus filhos. E se querem saber não me arrependo de ter me deixado levar.
Pensamentos de Daniel
Eu estou aqui com essa mulher maravilhosa e também a que eu disse que era a melhor, isso é tão bom... Sentir o corpo dela encostando ao meu... Eu não sei o que vai acontecer depois de tudo isso, afinal é a Vivi, sei bem como ela é em tomar decisões... Mas isso agora não importa... Eu só quero sentir cada parte do corpo dela, o calor do corpo dela em uma conexão ao meu, poder sentir cada parte do corpo dela! Ahhh... Como ela é deliciosa, tão boa de tocar.
A Vivi não contia os gemidos a cada penetrada... 
Daniel: Vivi minha linda, seus filhos estão aqui do lado, esqueceu?!
Vivianne nada respondeu, pois nem conseguia falar. 
POV VIVI
Ahhhh, o Dani ta certo será que meus filhos escutaram alguma coisa? Acho que não, afinal já é madrugada e eles estão dormindo(eu espero), porque minha filha adora dormir tarde fim de semana. Ahh mas não estou conseguindo me aguentar esse rapaz lindo que me deixa louca, e eu também nem to gemendo alto(acho). 
Então assim eles tiveram uma linda noite de amor e prazer para ambos. 
Quando eles finalmente se cansaram, eles dormiram agarrados, Vivianne com a cabeça no peito de Dani e ele com a mão em cima de sua cintura. E assim se foi a noite.
No dia seguinte Dani acorda primeiro que Vivi e fica admirando a bela mulher deitada em seu peito, admirando o quanto ela é perfeita. 
Logo depois Vivi acorda e repara que Daniel estava a olhando, ela esfrega as mãos nos olhos, parecendo uma criança de tão fofa que ficou. Então ela diz:
Vivianne: Faz tempo que está acordado me olhando?
Daniel: O bastante pra ver o quão você é linda e que fica ainda mais linda quando acaba de acordar e o quanto eu te amo. (Diz ele, que logo em seguida recebe um longo selinho de Vivianne).
E assim seguiram longos minutos deitados e agarradinhos, até Vivi cortar o clima e dizer:
Vivianne: Dani, a gente precisa levantar, meus filhos ja devem estar acordados.
Dani faz carinha de dengo, não querendo levantar.
Daniel: ahh, vamos ficar só mais um pouquinho.
Vivianne: Não! Não mesmo, a Lara e o Dudu já devem estar com fome, preciso levar eles pra ir tomar café.
Daniel: Ok então senhorita.
Vivianne: Eu vou tomar banho e você fica aí (diz se levantando da cama)
Daniel: Deixa eu tomar banho contigo?
Vivianne: Nem pensar...
Daniel: Ah Vivi, qual é em?! Não é nada que eu não tenha visto, conheço cada centímetro desse corpo (Diz todo assanhado já)
Vivianne: Não é isso, não me importo de você tomar banho comigo e eu até adoraria, mas é que se nós tomarmos banho juntos, não vamos tomar banho e você sabe muito bem disso.
Daniel: Juro que não vou fazer nada, vou até te ajudar a se ensaboar.
Vivianne: Não! (Diz rindo dele)
Então ela sai correndo para o banheiro e tranca a porta, caso o Dani tentasse entrar, depois de uns 5 a 10 minutos, ela sai e ele entra. Depois que os dois já estavam arrumados, eles saem do quarto 
e Vivi vai no quarto que os filhos estão.
Lara: Finalmente mãe. Eu e o Dudu já estamos com fome.
Vivianne: aí que filha brava logo cedo em...
Lara: Não é isso, mas você sabe que quando eu fico com fome eu fico brava.
Dudu nada falava pois estava vidrado no celular jogando joguinho.
Vivianne: E você filho, não ta com fome?
Eduardo nada responde. E se tem uma coisa que Vivianne não gosta é que as pessoas a ignorem por causa de celular, principalmente se essas pessoas forem os seus filhos.
Como Vivi tava de bom humor naquela manhã o chamou mais uma vez
Vivi: Dudu, filho?
Ele nada respondeu, Vivi tinha paciência (quase nada) e não gostava de ter que ficar repetindo as coisas, então ela disse brava
Vivi: Eduardo larga agora esse celular, e me escuta que eu estou falando com você.
Naquela mesma hora ele sentiu a maldade da mãe, então largou o celular e prestou atenção na mãe.
Dudu: Falaa mãe
Vivi: Eduardo eu estou de muito bom humor hoje, então nem vou te falar nada, afinal você já sabe né?!
(Eduardo revirou os olhos.)
Lara: Poxa Dudu, tu só viaja, larga um pouco esses seus joguinho de nerd. (Lara sabia que o Eduardo odiava quando ela falava que os jogos dele era de nerd, então ela falava só pra irritar.)
Dudu: vai te foder Lara.
Vivianne: Ei! Que isso? Vocês estão com a boca bem suja, não estou gostando disso. Vocês estão me magoando com a atitude de vocês, mas agora vamos de uma vez ir tomar café?

Quando Vivianne sai do quarto com as crianças, Dani estava sentado no banco esperando eles.
Lara e Dudu ficaram com uma cara nada amigável, e Vivi percebe tudo, mas não dá bola.
Daniel: Oie crianças! (Diz todo sorridente)
Dudu e Lara nada respondem, então Vivianne os repreende 
Vivi: LARA, EDUARDO
 Lara/Dudu: oiee. (Dizem em coro)
Logo depois Thiago chega e seu amigo, Thiago fica com uma cara não muito boa quando percebe que Daniel voltou, mas nada fala, apenas o cumprimenta 
Thiago: ehh, decidiu voltar negão?!(Diz apertando a mão dele, o outro amigo faz o mesmo)
Daniel: Sim, percebi a burrada que estava fazendo. (Diz e logo em seguida olha pra Vivi que fica corada)
Lara e Dudu veem tudo.
Lara: Mãe! Dudu e eu estamos com fome.
Vivi assenti e então eles saem e vão tomar café.
Após tomarem o café, voltam para o  hotel, se arrumam e vão direto ao lugar mais mágico do mundo.
Eles estavam se divertindo bastante, Vivi e Dani pareciam dois adolescentes quando arruma o primeiro namorado, Dani pra agradar a amada, comprou um ursinho da Minie pra ela, Dani fazia de tudo pra conquistar as crianças, Lara e Dudu ainda estavam um pouco bravos com ele, principalmente a Lara, mas ela viu que sua mãe estava feliz e que o Dani nunca iria machucar ela, então decidiu entender o lado do Dani e voltou á conversar com ele, normalmente. Lara e Dani pareciam pai e filha, ele corria, brincava com a Lara, enquanto Vivi observava a cena de seus filhos se divertindo com ele, ela pensava o quanto seria lindo se Dani fosse, realmente, o pai de seus filhos ou o quanto ele seria o melhor pai do mundo, se caso, eles tivessem um filho. E assim eles passaram o ultimo dia no lugar mais magico do mundo.
 


Notas Finais


Gente, terminei... comentem para eu saber se vocês gostaram 😏😉


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...