História NaruHina - Escrito nas Estrelas - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Akamaru, Chouji Akimichi, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hanabi Hyuuga, Hinata Hyuuga, Hiruzen Sarutobi, Hyuuga Hiashi, Ibiki Morino, Ino Yamanaka, Iruka Umino, Itachi Uchiha, Jiraiya, Kakashi Hatake, Kankuro, Kiba Inuzuka, Killer Bee, Konohamaru, Kurama (Kyuubi), Kurenai Yuuhi, Kushina Uzumaki, Maito Gai, Minato "Yondaime" Namikaze, Mirai Sarutobi, Naruto Uzumaki, Orochimaru, Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Shino Aburame, Shizune, Tamaki, Temari, TenTen Mitsashi, Tsunade Senju, Yamato
Tags Amor, Drama, Felicidade, Kakashi, Konohana, Morte, Naruhina, Naruto, Ninja, Romance, Sasusaku, Shikatem, Tragedia
Exibições 1.114
Palavras 1.401
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Festa, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Yo minna! Estou de volta! Não via a hora de escrever mais esse capítulo, espero que curtam! :D

Capítulo 2 - Hospitalizada


Fanfic / Fanfiction NaruHina - Escrito nas Estrelas - Capítulo 2 - Hospitalizada

//Hinata//

Abri os olhos lentamente, o som de uma cortina se abrindo e a luz do sol batendo na minha cara já tinha sido o suficiente para me acordar. Tentei me erguer mas uma dor aguda nos meus lados me fez cair na mesma posição que estava na cama. No mesmo instante girei a cabeça e fui analisando os meus arredores, definitivamente não estava em casa, e só depois fui notar a jovem moça de cabelos rosados que estava na minha frente, com uma simples roupa branca de médica e uma caderneta na mão, ela sorriu ao ver que eu tinha acordado e deu uns passos para perto de mim.

- Hinata! Que bom que acordou! - Demorei um pouco para entender o quê estava acontecendo, mas depois de reconhecer o rosto da moça consegui abrir um sorriso - Sakura-san! O-oque houve? - Sakura deu mais alguns passos em minha direção e botou sua mão em minha testa, estava um pouco gelada por causa dos tempos frios que passavam por Konoha, abriu mais um sorriso e balançou a cabeça pra frente como se agradecesse que estava tudo bem, logo após me respondeu - Você se feriu bem mal numa missão, Naruto te achou e te trouxe pra cá nas pressas, deveria ter visto a algazarra que ele fez quando chegou aqui carregando você.

Fiquei com uma expressão de surpresa no rosto. "Então não era um sonho...?", pensei para mim mesma e tentei falar o nome dele - Na-naruto-kun voltou?! - Mal pude demonstrar minha felicidade, fui surpreendida com uma série rápida de tosses que me deixou com uma dor na barriga que logo passou, Sakura já tinha virado preocupada mas depois tranquilizou sua expressão e respondeu - Sim! Ele retornou no mesmo dia que te achou, foi pura sorte! - Será que era mesmo sorte? Sempre pensei estar ligada com o Naruto-kun... Ele sempre está lá quando eu preciso. Que bom, Naruto-kun!

Meus pensamentos foram interrompidos com uma leve batida na porta, fiquei travada naquele mesmo instante

- Na-...

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O jovem Uzumaki caminhava pela vila com as mãos no bolso e um pouco cabisbaixo, tinha um monte de coisas na cabeça mas pelo menos estava mais tranquilo depois do que ocorreu ontem. Tinha conseguido salvar Hinata e levá-la ao hospital a tempo, e agora poderia tirar um tempo para rever sua vila e ver o quê tinha mudado, até porquê a médica só liberou as visitas à Hinata para a tarde do outro dia.

O primeiro lugar que o loiro passou foi a sua segunda casa, Ichiraku Ramen. Foi cumprimentado com um longo e apertado abraço de Teuchi, o dono do lugar, e um dos seus amigos mais velhos - Naruto! Que bom que você voltou! Chegou na hora de testar minhas novas receitas! - O rapaz abriu um grande sorriso ao ouvir aquelas palavras e já foi sentando e conversando com a filha do dono enquanto esperava que seu ramen saísse.

- Tome! Por conta da casa! Bem-vindo de volta! - Naruto abriu um pouco os braços para ver aquela perfeição a sua frente, acabando de se lembrar que tinha aguentado um longo ano sem ramen e já estava ficando depressivo sem a sua comida favorita. Juntou as mãos junto com o seu hachi e gritou - Itadakimasu, dattebayo! - Não demorou mais do quê 15 segundos para engolir toda aquela porção de ramen, assustando Teuchi e sua filha - Jii-san, o senhor não sabe como eu senti falta disso!

Ficou ali por quase uma hora comendo todas as refeições que Teuchi jogava para ele, até que a sua barriga já não aguentava mais, e saiu do estabelecimento com uma pose estranha, segurando a barriga como se fosse vomitar.

Já era de tardezinha e o sol já tinha começado a baixar, o que fez Naruto retornar a sua pose normal e olhar para cima, tinha se lembrado de uma coisa muito importante que tinha que fazer ainda naquele dia. Decidiu ir logo caminhando para o seu próximo objetivo -- a loja de flores da Ino!

- Com licença! - Naruto entrou com um sorriso na boca, já tinha visto Ino de fora da loja e já imaginava a reação dela. A loira com seus grandes cabelos saiu de trás do caixa e correu para dar um abraço em Naruto, o enchendo de perguntas sobre o ano passado. Eles ficaram conversando por alguns minutos até que Naruto cortou a conversa - Ino, preciso de ajuda com umas flores - na mesma hora, a loira mudou de expressão para surpresa mas depois retornou seu sorriso e foi até a parte de trás da loja. Voltou com alguns girassóis embrulhados num papel branco com pequenos tons de lilás - Você vai visitar ela, não é? - O loiro ficou surpreso em como Ino sabia daquilo, mas já devia saber por ser muito próxima de Hinata.

Após mais alguns minutos conversando e depois de ter pago, Naruto saiu da loja acenando para Ino que estava tirando seu avental para fechar a loja, até porquê já estava quase de noite. Saiu em direção do hospital em passos acelerados.

- Hyuuga Hinata, preciso visitá-la, por favor! - Naruto pedia para a enfermeira que passava pela entrada do hospital, ela olhou na sua caderneta e fez um sinal para que Naruto a acompanhasse. Após algum tempo chegou na porta do quarto e estranhou um sentimento de nervosismo que sentia, meio que um frio na barriga, já estava até apertando as flores que trouxe. Decidiu criar coragem e bater na porta.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

- Hinata? - Naruto se sentia fuzilado com os olhares surpresos de Hinata e Sakura ao entrar no quarto. No mesmo instante se sentiu quente, e seu rosto começava a ficar vermelho, só perdendo para o de Hinata que parecia que ia desmaiar. Sakura olhou para a amiga e deu um pequeno sorriso antes de caminhar para a porta. Piscou seu olho para Naruto enquanto saía no quarto, depois botaria as conversas em dia com ele.

Alguns segundos se passaram mas pareciam mais uma eternidade, até que Naruto finalmente criou coragem para ir caminhando até a cama aonde Hinata estava - Hinata! Trouxe essas flores pra você, espero que você goste... - O loiro botou as flores num vaso que estava numa mesinha ao lado da cama da morena que tinha ficado ainda mais vermelha do quê antes - Ei, você está bem? - Naruto perguntou abrindo um pequeno sorriso e se aproximando da Hyuuga que pareceu sair do seu transe.

- Na-naruto-kun! Gomenasai! Eu não sabia que você tinha voltado... Arigatou por ter me salvado! - Mesmo depois de tanto tempo, Hinata ainda tropeçava em suas próprias palavras, olhou para Naruto e ficou surpreso que ele não tirava os olhos dela. Depois que o rapaz viu que ele estava sendo encarado de volta, ficou cabisbaixo e falou com um tom de tristeza - Hinata... Gomen... Eu não fui rápido o suficiente... - Naruto falava enquanto olhava para as faixas nos braços de Hinata, não conseguiu evitar de fechar seu punho até que um toque leve e macio em sua mão o trouxe de volta para a realidade.

- Naruto-kun... você não sabe o quanto me deixa feliz por ter voltado, não precisa se desculpar! - Hinata ficou surpresa com o fato de ter sido tão firme ao falar aquelas palavras, Naruto engoliu seco e se pegou mais uma vez olhando para ela, dessa vez naqueles lindos olhos perolados. Ficou cabisbaixo de novo mas depois levantou seu rosto e olhou para Hinata mais uma vez.

- Hinata, não vou mais deixar que ninguém te machuque! É uma promessa, dattebayo! - O loiro sorriu sem querer, não tinha entendido ainda o porquê de ter dito aquelas coisas, mas não conseguia evitar esse lado carinhoso quando estava perto da herdeira dos Hyuuga. Hinata estava travada novamente com uma cara de surpresa, mas conseguiu abrir um sorriso que fez a tensão daquele momento passar, Naruto que já estava sorrindo pra ela há um bom tempo não resistiu e começou a gargalhar baixinho, ficaram um bom tempo conversando até que a enfermeira avisou Naruto sobre a hora de Hinata descansar. Ele saiu do quarto acenando para ela, seu coração cheio de um misto de várias emoções.

De um jeito que só ele sabia, ela o deixava tão... diferente. Alegre, calmo, tantas emoções boas... Como nunca tinha percebido isso antes?


Notas Finais


É isso, minna! Espero que tenham gostado!

Essa semana eu tenho um montão de provas mas vou tentar atualizar sempre que possível, não fiquem com raiva plz ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...