História NaruHina Enfim... - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Akamaru, Chouji Akimichi, Chouza Akimichi, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hanabi Hyuuga, Hinata Hyuuga, Hyuuga Hiashi, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Juugo, Kabuto, Kakashi Hatake, Karin, Kiba Inuzuka, Kurama (Kyuubi), Kurenai Yuuhi, Matsuri, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Pain, Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Shino Aburame, Shizune, Suigetsu Hozuki, Temari, TenTen Mitsashi, Tsunade Senju
Exibições 254
Palavras 2.820
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Haiiii eu to Aki de novo kkkkkkkkkk... Logo vcs vão cansar de minha pessoa 😂😂😂😂😂😂... Mas ta Aki editadissimo e prontinho p vcs...
😘😘😘😘

Capítulo 19 - Treinamento


Fanfic / Fanfiction NaruHina Enfim... - Capítulo 19 - Treinamento

– Pensei que não viria me ver! 

— Desde quando eu abandono você Teme?– respondeu Naruto dando um abraço em Sasuke! Era bom ter seu amigo de volta.

— nunca! 

— espero que tenha criado algum juízo.

— hunf, como você está dobe?

—  estou bem — suspirou o loiro —  mas não queria que você estivesse preso aqui.

— rum, sabe que tenho que pagar pelos meus erros! Nada mais justo... Não posso reclamar, já estou em uma cela muito melhor do que a que deveria, graças a Sakura!

— a baachan ainda não disse quando você poderá sair?

— (gota) baachan?— perguntou Sasuke confuso.

— ah haha! Você não sabe — naruto riu coçando a nuca — é o jeito que eu chamo a senhora Tsunade! Ela só tem o rosto de nova mas, na boa, acho que ela deve ser mais velha que o ero-sennin era tebayo! —cochichou para ele como se contasse um segredo!

— (2 gotas) Ero-Sennin? — perguntou ainda mais confuso.

— É você sabe, o velho Jiraya que me treinou! Dei esse apelido pra ele por que ele era um tarado pervertido! – Respondeu com as duas mãos atrás da cabeça!

— você não muda nunca dobe. – disse rindo do amigo, tinha se esquecido de como naruto era hiperativo e cabeça oca, além de ser palhaço de vez em quando.

— mas e aí Sasuke já sabe quando vai sair?

— claro que não baka! Provavelmente vou ficar aqui por muitos anos ainda.

— então vou ter que apressar as coisas com a baachan.

— isso é uma decisão da hokage.

— Eu sei, mas é que... eu preciso da sua ajuda. – Respondeu mudando a expressão brincalhona para uma mais séria.

— minha ajuda? Com o quê?

— preciso aprender a controlar os poderes da Kyuubi.

— controlar a Kyuubi? Acha que isso é possível?

— haa, eu tenho a chave do selo. Preciso controla-la e rápido tebayo!

— nande?

— não quero correr o risco de perder o controle quando alguma coisa acontecer e acabar machucando as pessoas que eu amo. – respondeu naruto com a cabeça baixa.

— hunf Sei! – respondeu desconfiado.

— isso é sério, eu vou me casar Sasuke não posso arriscar machucá-la e também, não vou fic...

— você tá de brincadeira né? – interrompeu surpreso com a primeira frase. — como assim casar?

— não é brincadeira eu vou me casar com a Hina-chan tebayo.– respondeu com um sorriso largo vendo sasuke o olhar com os olhos arregalados.

— Por essa eu não esperava, hunf, finalmente percebeu que ela gosta de você?

— Nani? Até você Sasuke? — berrou.

— você é muito baka mesmo, antes mesmo de eu deixar a vila eu já sabia disso. Mas, mesmo assim, não se acha muito novo pra isso dobe? 

— não! Nós nos amamos e isso é o que importa, não precisamos esperar... Além do mais, hinata se tornou meu maior presente, e quero ela comigo.

— é até que você não e tão baka assim, a Hyuuga é muito linda até eu queria se ela me desse bola. – respondeu brincando malicioso.

— Ei teme, quer ficar sem seus dentes? Eu faço questão de quebrar todos tebayo. – berrou Naruto com a feição zangada mostrando o punho pro amigo.

— Calma, só estou brincando... Ela não faz meu tipo. – respondeu rindo do amigo que tinha ficado mal humorado.

— Hunf! 


— mas eu juro que não sei em que eu poderia ajudar você para controlar a Kyuubi.

— Lutando comigo.

— nani?

— você é o único que pode se igualar a minha força no momento aqui na aldeia.

— e como lutar com você ajudaria?

— Preciso me livrar de todo o meu chacra normal e permanecer apenas com o da Kyuubi, mas não vai funcionar se eu não estiver em uma situação de perigo real. Preciso que lute comigo como se quisesse me matar! Você é um especialista nisso! – brincou Naruto!

— Baka!

— Tentarei pedir a ajuda do Yamato-Taichou também, ele pode reprimir o chacra dela se eu sair de controle.

— Mas o que você tem que fazer realmente para controla-la?

— O ero-sennin me disse uma vez que eu devo usar a chave do selo pra libertar a Kyuubi, e preciso lutar internamente com ela ate conseguir puxar o chacra dela para mim! Só tenho que tomar cuidado para que ela não tente fazer o mesmo comigo ou ela será libertada por completo.

— não acha isso muito arriscado?

— Preciso tentar, eu não estava preocupado com isso antes mas o Kiba me disse umas coisas... E Isso me deixou com um pouco de medo.


—  Kiba aquele do clã Inuzuka?


—haa, ele mesmo! bem... Ele foi namorado da Hinata antes de mim foi um namoro de poucos dias mas ainda assim, não aceitou muito bem o término e muito menos o fato de eu estar com ela agora, ele ficou me dizendo umas coisas...que eu acabaria machucando a hinata se acontecesse de eu perder o controle. E ele não está totalmente errado, tenho medo que isso possa acontecer. – respondeu com certa tristeza.

— uhum entendi! eu ia adorar ajudar você dobe,  mas enquanto eu estiver preso isso será impossível.

— não se preocupe, vou ver o que consigo fazer! Vou conversar com a baachan.

— tudo bem! Hum...Naruto? 

— nani?

— pensei que... você fosse apaixonado pela Sakura.

— até pouco tempo atrás era o que eu pensava! — deitou-se na cama de Sasuke largado com as mãos atrás da cabeça — mas agora percebo que nunca a amei de verdade, era apenas um amor fraternal, eu não sabia distinguir a diferença mas agora eu sei, porque o que sinto pela Hina-chan é diferente é muito mais forte e intenso do que jamais senti antes. Sakura sempre foi como uma irmã pra mim! Além do mais ela  sempre amou você!

— hunf, ela não quer mais saber de mim e não a culpo, afinal quase a matei por duas vezes e só a fiz sofrer até hoje! Duvido que ainda sinta isso...

— você estava cego pela vingança e pelo ódio, é claro que a sakura percebeu que você está arrependido por tudo que fez. Só precisa dar um pouco de tempo a ela, mas ela te ama muito teme...Te amou quando você era um Nukenin, porque não amaria agora que mudou e esta tentando se redimir?

— é tem razão, sei que ainda é muito cedo pra ela voltar a confiar em mim! Mas como um amigo meu costuma dizer...Eu não vou desistir! – respondeu sorrindo pra Naruto, que sorriu de volta, ambos bateram os punhos em sinal de amizade.

*****★*****★*****★*****★**

Hinata usava habilmente seu taijutso e tentava enfocar o seu chacra para um controle mais preciso do Byakugan, tinha que admitir que tinha melhorado bastante. Fazia movimentos rápidos, e desviava perfeitamente de todos os obstáculos que havia colocado ali para seu treinamento. Tinha tirado o dia para treinar um pouco, já que não fazia isso a um tempo. Quando se cansou parou um pouco e escorou em um dos troncos que usava para dar golpes! Sorriu ao sentir o perfume dele e logo os braços a envolvendo em um abraço por trás.

— atrapalho? – sussurrou em seu ouvido, fazendo-a corar.

— Claro que não naruto-kun – respondeu se virando pra ele lhe dando um selinho carinhoso.

— porque está Sozinha aqui? Cadê o Neji e o Shino?

— estão por aí na vila eu acho, eu resolvi colocar em dia meu treinamento...pensei que você ia passar em casa mais cedo assim poderia ter vindo comigo. – respondeu fazendo seu típico gesto com os dedos indicadores.

— Desculpa meu amor, é que fui falar com Sasuke. Ainda não tinha ido visita-lo depois que saí do hospital. – Disse segurando as mãos dela.

— e como ele está?

— está bem, muito arrependido por tudo que fez...torço para que a baachan dê uma chance pra ele provar isso!

— você acha que pode confiar nele? Sasuke quase te matou – perguntou receosa lembrando do quanto sofreu pensando que o perderia.

— não se preocupe, eu conheço o Sasuke Hina, ele não tem mais desejo algum de destruir a aldeia, pelo contrário... Agora ele quer protegê-la assim como Itachi fez. Não possui mais aquela escuridão que existia em sua alma. Continuamos amigos a pesar de tudo!

— Se você diz eu acredito naruto-kun. – respondeu com um sorriso.

Naruto sorriu, se escorou no tronco e a puxou para mais perto tomando seus lábios em um beijo calmo e doce, sentindo no mesmo instante seus corações na mesma sintonia. Como ele se sentia louco por ela, por aqueles beijos, por seu toque, sua voz, seu perfume, seu sorriso...tudo em hinata era perfeito. Afastou-se lentamente, depositando ainda vários selinhos em seus lábios e a olhou com todo amor que emanava de si. Respirou profundamente e acariciou sua face.

— hina-chan, juro que não sei como, e nem sei quando comecei a te amar assim tebayo, Só sei que te amo!

— também te amo Naruto-kun eu sempre observei seus passos, e sempre quis andar ao seu lado — hinata respondeu olhando para seus olhos azuis intensos!

— me perdoa por ter sido tão baka durante todos esses anos... Você deve ter sofrido muito...

— não se preocupe com isso naruto-kun, agora tudo ficou no passado, e estamos juntos, é isso que importa. 

Naruto sorriu pra ela, e em seu pensamento veio tudo que Kiba lhe disse na noite anterior fazendo-o temer por perdê-la, a envolveu repentinamente em um forte abraço.

— Ninguém vai tirar você de mim hinata, não vou permitir, nunca... – Sussurrou em seu ouvido, fazendo-a sorrir.

Hinata separou-se de Naruto e o olhou com jeito sapeca e pidão.

— Naruto-kun eu sei que você não pode usar o chacra ainda, então treine seu taijutso comigo?

— Nani? Acho melhor não hina. – respondeu assustado, não queria treinar taijutso com sua noiva e se ele a machucasse?!.

— Qual o problema? Está com medo de perder pra uma garota Uzumaki Naruto? — sorriu ela brincando.

— Não é isso é só que... Eu não sou muito bom em taijutso! – mentiu coçando a nuca.

— não minta pra mim, você ate já derrotou o Lee uma vez. Me ajude a ficar mais forte, só poderei fazer isso lutando com os melhores.

— demo hina-chan, e se eu te machucar?!

— acha que sou tão fraca assim? – respondeu com uma tristeza no olhar.

— não, claro que não. Sei que você é muito forte! – disse sorrindo e lhe dando um beijo na ponta do nariz.

—  Então prove que acredita nisso. – Disse hinata se afastando dele, indo ate o centro do campo e ficando em posição de combate com o Byakugan ativado. 

Naruto suspirou fundo, decidiu aceitar o desafio e se aproximou ate um certo ponto.

— yosh! Vamos ver então do que a Hyuuga é capaz. – Disse com um sorriso, esperando o primeiro movimento que sua noiva faria.

Hinata avançou com tudo e moveu os punhos rapidamente para atingir Naruto em todos os locais que encontrava abertura, Naruto bloqueava todos os ataques habilmente, de repente ele desapareceu como um raio da frente de hinata e reapareceu por trás dela surpreendendo-a com a mão envolta de seu pescoço mas sem dar o golpe.

— até que você é rápida, mas eu sou mais!

não seja tão convencido naruto-kun! . – Disse hinata, dando uma cotovelada no estômago de Naruto que deu um salto se afastando, hinata avançou mais uma vez e direcionou outro golpe em Naruto acertando seu tórax e fechando um dos seus pontos de chacra não vital. Não deu tempo de Naruto revidar pois ainda sentia a dor do golpe no estômago ele então deu outro salto para se afastar.

— você é bem perigosa hina-chan! – Disse em uma careta de dor e sorrindo ao mesmo tempo.

— e você não está lutando direito, está evitando revidar meus golpes só está bloqueando com a guarda muito baixa! Mas agora é sua vez de me atacar! – respondeu séria ainda em posição de combate!

Naruto, avançou e tentou atingir hinata com uma série de socos e chutes mas que não tinham força alguma... Ela conseguia desviar e bloquear todos os golpes com muita facilidade, estava com movimentos muito lentos e isso a estava irritando. Deixou ser atingida por um golpe na barriga pra comprovar o que estava pensando. Assim que foi atingida Naruto correu em sua direção imediatamente preocupado.

— meu amor, você está bem? – perguntou olhando pra ela que não estava com a cara nada feliz. – o que foi?

— pedi pra você treinar a sério comigo Naruto-kun.

— mas estou treinando tebayo. – Disse com um sorriso disfarçado coçando a nuca.

— claro que não, você esta contendo sua força! Preciso que você dê tudo de si, se quiser realmente me ajudar. Precisa vir pra cima de mim como se eu fosse uma inimiga.

— nossa, nunca tive uma inimiga tão linda assim – respondeu sorrindo e brincando.

— naruto-kun!!! — repreendeu-o um pouco corada.

—  tudo bem,  gomen, prometo que farei como você quer dessa vez! É que eu não queria te machucar.

— não vai, confia em mim!

— yosh, vamos treinar! — disse o loiro.

Naruto avançou em hinata dessa vez com tudo, não estava medindo sua força e tentava dar os golpes habilmente. Estava surpreso pelo fato de Hinata conseguir desviar de todos daquela forma, ao mesmo tempo ela tentava atingi-lo também com o punho suave dos Hyuuga. Ele já estava começando a ter dificuldades para bloquear, esses ataques estavam muito rápidos, era impressionante o quanto Hinata era boa em Taijutso, ele bloqueou um dos golpes dela segurando em sua perna, e fazendo a cair em uma rasteira. Hinata se levantou rapidamente já avançando com golpes na direção do rosto de Naruto. Desviava dos ataques com dificuldade devido aos movimentos incrivelmente acelerados, Hinata conseguiu atingir seu queixo e com isso ela deu um outro golpe em seu estômago, os golpes que recebia fazia Naruto cambalear para trás então de forma rápida ele deu um salto pra sair da zona de ataque, chegou por trás dela novamente e lhe deu outra rasteira e antes que ela se levantasse se atirou por cima e segurando suas mãos acima da cabeça para que não escapasse, deitou-se por cima dela e a viu desativar o Byakugan assustada.

— nani? O...o que está fazendo Naruto-kun? – perguntou corada com a respiração ofegante, só não sabia se era pelo cansaço ou pelo fato de Naruto estar deitado em cima dela e a imobilizando daquela forma.

— acho que venci! – Respondeu com o rosto bem próximo ao dela com sorriso brincalhão e malicioso.

— a.. assim não vale!

— por quê não?

— é assim que você costuma derrotar uma inimiga? Deitando em cima dela desse jeito ? Bom saber... — Disse hinata zangada, virando o rosto com a carinha emburrada!

Naruto não se conteve e soltou uma gargalhada achando graça do ciúme aparente de sua noiva, era óbvio que ele só fez aquilo porque era ela e jamais faria algo assim com qualquer outra pessoa. Lembrou-se que o ero-sennin lhe disse uma vez que as garotas costumavam ter ciúmes até das sombras. Ele segurou no queixo dela e a fez virar o rosto novamente pra ele, Naruto ainda tinha um sorriso brincalhão nos lábios.

— não faço isso, mas é que eu acho que essa inimiga aqui vale muito a pena. É bonita demais pra eu não fazer nada, e seria um grande desperdício derrota-la com a força, sendo que posso derrota-la de outra maneira.— sussurrou logo em seguida tomando seus lábios lentamente de um jeito mais ousado e de forma mais desejosa do que antes, aquele beijo incendiava seu coração, seu corpo e sua alma de um jeito único, Como era possível sentir tudo que sentia com um único ato?!. Seus corpos se falavam internamente, Naruto virou-a no chão para que ela ficasse por cima dele e lentamente suas mãos percorreram as costas dela por baixo de sua jaqueta lilás, tocando em sua pele macia, tudo sem interromper o toque do beijo apaixonado que trocavam.

 O toque das mãos de naruto sob sua pele deixava um rastro de fogo e prazer, ela sentia-se já sem forças para resistir a ele , Naruto apertou sua cintura levemente e pressionou ainda mais o corpo dela ao seu, ele sabia o quanto a desejava, era quase impossível pra ele beijá-la profundamente sem que ficasse louco para tomá-la pra si. Mais uma vez escutou a linha de raciocínio que ainda lhe restava, e diminuiu o ritmo do beijo, parando aos poucos.

— hina-chan, O que acha de irmos ao Ichiraku? Está com fome? – Disse  ofegante e sorrindo.

— v..você sempre faz isso naruto-kun! – Respondeu corada mas olhando nas safiras azuis.

— O quê?

— f..faz isso.... Me beija assim e d..depois para de repente, mudando de assunto! – respondeu corada.

— eu quero que a nossa primeira vez seja especial hinata — respondeu Naruto colocando uma mecha do cabelo escuro da morena atras da orelha dela — não precisamos nos precipitar, logo estaremos casados. – Respondeu sorrindo – E você será toda minha hina-chan — sussurrou baixinho no ouvido dela fazendo-a corar ainda mais e sentir o corpo em brasas — acha que é fácil pra mim resistir a você? Não mesmo! Além disso, estamos em um campo de treinamento... Pode aparecer alguém aqui a qualquer instante!

— eh.. tem razão! – respondeu ela ainda tentando se recuperar da voz suave e gostosa dele perto de seu ouvido. 

— vamos?


— s..sim..


Continua...


Notas Finais


😍😍😍😍 gostaram do capítulo? Haha eu ameiii escrevê-lo.. Bjos gente até o próximo...😘😘😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...