História Naruto - Aimi - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Tags Aimi, Naruto
Visualizações 17
Palavras 1.730
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Luta, Romance e Novela, Shounen
Avisos: Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Primeiramente eu queria me desculpar pela demora, me foquei um pouco mais em ACQSN e deixei essa um pouco de lado, mas nunca que eu deixaria de postar aqui, então, não se preocupem <3
Pretendo acabar essa saga do exame Chuunin nos próximos dois ou três capítulos, então pararei de enrolar kkk
Bom, é isso. Boa Leitura :)

Capítulo 13 - Ainda Te Verei Novamente


Todos então a olharam, e Shikamaru abriu um pequeno sorriso de canto.

- Nossa, que rápida, nem vi você chegando – Disse Ino.

- Essa é a Aimi – Disse Sakura com um sorriso em seu rosto.

Aimi apenas sorriu sem olhar para trás, ela sabia que Sakura estava começando a considera-la como amiga, e isso a deixava feliz, e com os sentimentos a flor da pele ela viu que já estava pronta para lutar.

- Pode vir com tudo – tentarei vence-los apenas com os poderes do Clã de minha...mãe – seus desgraçados.

Dosu então deu um passo à frente e encarou Aimi dos pés à cabeça dando um sorriso malicioso depois de olha-la.

- Você é tão bonitinha, uma pena que seja tão atrevida – Disse Dosu – Vocês – olhou para seus companheiros – podem cuidar dos outros, porque essa aqui é minha!

Aimi então assentiu, e todos saíram de perto dos dois. Dosu então não perdeu tempo e correu para onde Aimi estava a atacando-a com uma kunai que cortou o braço da mesma que ao perceber que seu braço estava sangrando se irritou ainda mais.

- Desgraçado – disse se afastando de Dosu que ao vê-la indo para trás sorriu amargamente.

- Agora você verá como sou desgraçado – Disse sorrindo e se preparou para ataca-la

Eco da Broca Ressoante.

Aimi apenas repetiu seu esforço sem nenhum esforço.

- É só isso? – riu debochadamente fazendo com que todos arregalassem os olhos.

- Ela é louca, só pode – Pensou Ino.

- Acho que ela só precisa comer – Pensou Chouji.

- É só isso? – voltou a repetir – entenda, eu posso repelir ou parar quase todos os ataques que que entram em contato com o ar, e isso não seria diferente desse seu ataque que usa o ar para transmitir as ondas sonoras – riu – Agora, eu acho que posso brincar um pouco também – sorriu gentilmente.

Aimi então olhou diretamente para os olhos de Dosu, fazendo com que os olhos da mesma ficassem mais claros, bem mais claros. Dosu então passou a levitar, o mesmo tinha uma expressão de medo em seu rosto, enquanto isso Aimi continuava parada olhando para o mesmo, até que quando ele já estava um pouco alto, ela subiu e foi até onde ele estava partindo para cima do mesmo, dando socos e chutes no mesmo que tentava se proteger dos golpes, mas não conseguia, Aimi tinha total vantagem do local, e além de golpe alo com força bruta, ela também usava o vento para causar ventanias no mesmo, que apenas ficava parado porque Aimi estava controlando-o.

Depois de uns minutos batendo-o, Aimi parou, e viu que o mesmo já estava inconsciente, então ela o levitou para baixo, dessa vez ela tinha erguido o seu braço, e fazia um pouco de força em sua mão para controlar a descida de Dosu, quando o mesmo chegou no solo, os olhos da mesma voltaram para a cor normal e ela caiu.

- Ei, Chouji, não deixe ela cair assim, faça alguma coisa – Disse Shikamaru fazendo o mesmo assentir.

Chouji então correu para onde Aimi iria cair e se preparou para ativar seu jutsu.

Baika no Jutsu

Ele então se deitou, e Aimi caiu bem em cima de sua barriga confortavelmente, a mesma então agradeceu e desceu da barriga de Chouji que desfez o Jutsu. Shikamaru e Ino então se aproximaram de Aimi que estava de cabeça abaixada.

- Aimi, você está bem? – Perguntou Ino um pouco preocupada.

- Ah, sim – Respondeu levantando a cabeça e assustando um pouco os amigos – O que foi?

- Tem sangue escorrendo pelo seus ouvidos e olhos – Respondeu Ino.

- Ahn? – Passou a mão pelos olhos e ouvidos e olhou para o sangue – Kyaa – gritou – Faz tempo que isso não acontece.

- Você está bem? – Perguntou Shikamaru.

- Ah, sim, quando me forço muito minha cabeça dói e meus ouvidos e olhos sangram, mas é normal – Porém, isso nunca mais havia acontecido, também, eu nunca mais havia me esforçado tanto, e ainda mais em combate – Pensou – Acho que agora os meus dias começaram a ser mais agitados – Sorriu.

Aimi então viu eles retribuir o sorriso.

- Que bonitinho, amizade – Disse debochadamente – Vocês e sua vila não passam de desgraçados de segunda classe.

- Isso pareceu um pouco ofensivo, não acha? – Perguntou Neji aparecendo no local em cima de uma árvore – E se a nossa vila é de segunda classe, a sua então é de terceira. Eu me pergunto se algum de vocês AMADORES irão levar isso a sério.

- A equipe do Lee... – sussurrou Sakura.

- Vocês dançaram – olhou para Lee – Parece que vocês fizeram o meu companheiro de saco de pancadas – olhou fixamente para Zaku – Ninguém irá sair impune – Gritou e ativou seu Byakugan.

- Byakugan...ein? – Sussurou Aimi.

- Tenten, vamos com tudo – Disse observando tudo, até que ele pareceu se assustar com algo.

- Algum problema, Neji? – Perguntou Tenten.

- Esse chakra... – Pensou Neji e Aimi leu sua mente.

- Também percebi, eu não sou uma ninja sensorial, mas posso sentir os sentimentos em tudo, e esse...está cheio de ódio – Pensou Aimi.

- E então... vão ficar parados o dia todo ou vão descer e fazer algo a respeito? – Perguntou Zaku.

- Na verdade, parece que poderiam tirar isso das minhas mãos – sorriu debochadamente e todos olharam para onde Sasuke se encontrava deitado.

Zaku então despertou e se espantou ao ver como Sasuke estava, o mesmo olhou direto para Aimi que sorriu debochadamente.

- E aí, quer ficar nas “nuvens” de novo? – Perguntou Aimi.

- Acho que eu não deveria ter subestimado uma pessoa do Clã Shikimochi – Disse Zaku e Aimi apenas sorriu.

A atenção de todos ainda era tomada por Sasuke que estava cobertos por marcas em quase todo o seu corpo, o mesmo caminhou até Sakura e a olhou nos olhos.

- Sakura, quem fez isso com você? – Perguntou.

- Sasuke, eu – foi interrompida.

- Me diga, Sakura – Ordenou.

- Fui eu, algum problema? – Disse Zaku debochadamente.

Sasuke apenas o encarou em silêncio e se aproximou dele deixando todos surpresos.

- Zaku, não podemos enfrenta-los, não com ele dessa forma – Disse Dosu tentando parar o companheiro.

- O que foi, Dosu? Vai amarelar? – Disse Zaku.

- Não, não é isso, você não entende – Respondeu rapidamente.

- Está bem, mas eu acabarei com isso agora mesmo – Disse Zaku rindo maleficamente.

Zaku então se posicionou e ativou seu Jutsu.

Extremas Ondas Sonoras Decapitadoras

O Jutsu de Zaku fez com que uma ventania muito forte invadisse o local, todos precisaram se segurar em algo ou então sair do local, pois se não eles seriam levados junto com o vendo, já Aimi apenas continuou sentada ali repelindo o Jutsu, a mesma ainda sentia sua cabeça doer um pouco, isso era um problema, sempre que ela se esforçava muito sem sentir nenhum sentimento forte isso acontecia, e ela acabou se esforçando até demais ali, fazer alguém levitar e ainda levitar junto e dar golpes na mesma, além disso ainda se manter no ar, era algo difícil para Aimi, mas a mesma até que estava em um nível avançado para sua idade.

Após Zaku terminar seu Jutsu, o mesmo sorriu vitorioso.

- Parece que todos foram levados pela ventania – olhou para Aimi que no momento se encontrava sentada no ar – Quer dizer, quase todos.

- Sim, quase todos – Disse Sasuke bem próximo a Zaku o que fez com que o mesmo se surpreendesse.

Sasuke em questão de segundos passou para a frente de Zaku o dando golpes muito bem feitos com sua kunai, o mesmo então se distanciou e fez os selos para um Jutsu.

Katon Housenka no Jutsu

O Jutsu então atingiu Zaku, fazendo com que ele se distraísse um pouco e Sasuke se aproximasse dele dando chutes, fazendo com o mesmo caísse e ficasse de joelhos, Sasuke então pegou os braços do mesmo e o colocou para trás erguendo-os, e colocou um pé nas costas do mesmo, fazendo um pouco de força.

- Parece que você tem muito orgulho desses seus braços – Disse ironicamente com um sorriso em seu rosto – Que tal se eu arruma-los para você? – Sorriu e fez mais força com o pé.

- Não – Disse Zaku enquanto o olhava desesperado – O que você está fazen – foi interrompido ao sentir um enorme dor, Sasuke tinha posto mais força em seu pé e puxado ainda mais os seus braços para trás e quebrando os mesmos.

Sasuke soltou Zaku que já se contorcia de dor no chão, o mesmo olhou para Dosu que arregalou os olhos.

- Então só sobrou você? Espero que você deixe as coisas bem mais interessantes que o seu amigo – Sorriu friamente.

Sasuke andou até Dosu que dava uns passos para trás, Sakura cada vez mais arregalava os olhos incrédula, quando o mesmo já estava quase chegando a Dosu, Sakura correu e abraçou Sasuke por trás, fazendo com que o mesmo parasse e as marcas em seu corpo desaparecesse.

- Para, por favor, parar – Disse enquanto chorava, fazendo com que o mesmo parasse.

Sakura então soltou Sasuke e desabou no chão em lágrimas.

- Afinal, quem é Orochimaru? E o que ele quer com o Sasuke? – Gritou enquanto chorava fazendo com que Aimi arregalasse os olhos e voltasse ao chão depois de ouvir tais palavras.

- O-Oro-Orochimaru? – Perguntou Aimi demonstrando raiva e medo em sua voz.

- Não sei, apenas fizemos o que ele nos pediu – Disse Dosu enquanto pegava seus companheiros do chão, Kin havia desmaiado após Ino ter entrado em seu corpo – Mas eu ainda não entendi o porquê de ele ter nos mandado vir assassinar ele se ele deu a marca da maldição para o mesmo – Bom, não posso te enfrentar agora, não agora, parece que eu te subestimei, então eu irei deixar o seu pergaminho aqui e irei embora – Disse colocando o pergaminho no chão e indo embora.

- Orochimaru... – sussurrou apertando os pulsos com raiva.

Sakura se aproximou de Aimi e a agradeceu, a mesma sorriu, e olhou em volta.

- Acho que não precisam mais de minha ajuda – Sussurrou e saiu andando do local – Mas o que diabos ele está fazendo aqui – cerrou os punhos – De qualquer forma, depois eu descubro, agora eu preciso ir para o ponto de encontro, afinal, eu já tenho os dois pergaminhos.

Aimi então seguiu seu caminho, ela agora corria, e a única coisa que ela tinha certeza, era de que ela ainda veria o Orochimaru novamente.

 


Notas Finais


Obrigada por ler, até o próximo. <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...