História Naruto: Road To Anbu - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Kakashi Hatake, Naruto Uzumaki, Sai, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara
Tags Ação, Anbu, Hinata, Naruhina, Naruto, Revolução Naruhina
Exibições 444
Palavras 1.887
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Drama (Tragédia), Ecchi, Hentai, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Já sabe o que vai ter nesse cap né..... ( ͡° ͜ʖ ͡°)( ͡° ͜ʖ ͡°)( ͡° ͜ʖ ͡°)( ͡° ͜ʖ ͡°)( ͡° ͜ʖ ͡°) e só.

Capítulo 15 - Outro Momento a Dois....


Fanfic / Fanfiction Naruto: Road To Anbu - Capítulo 15 - Outro Momento a Dois....


Naruto: Você... - Dou uma pausa e a deixa desesperada. Quer tomar banho comigo ? - Disse sorrindo com a mão atras da cabeça.
Hinata: B-Banho ? C-Com v-você ? - Disse ja bastante corada.
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Naruto ON

Um breve silencio tomou conta da sala logo após eu fazer aquela pergunta. Vejo que a Hinata ainda não perdeu seu jeitinho timido e corava mais do que outra coisa. Ela olhava para o chão com as suas mãos juntas ao peito enquanto procurava o que falar. Nesse momento fico pensando se não havia exagerado na pergunta, pois sabia como a Hinata é. Já ia me desculpar quando ela quebra o silencio:

Hinata: P-Pode ser. - Disse toda vermelha e de cabeça baixa.

Eu dou um largo sorriso e me levanto em encontro dela. Levo minha mão até seu queixo e trago seus olhos perolados de encontro aos meus. A fito por um breve momento e dou um singelo beijo em seus carnudos labios. Assim que nos separamos do beijo, falo em seu ouvido:

Naruto: Vamos ? -  Sussurro em seu ouvido que a faz tremer um pouco

Ela assente com a cabeça e logo fomos até o banheiro. Chegando nele eu ajudo Hinata a se despir. Começo pela sua blusa, depois tiro seu shorts, a deixando só de langerie. Aproveito para analisar cada parte daquele corpo perfeito sem nenhum pudor, que a faz corar mais um pouco. Seus peitos ficavam quase que expremidos dentro do sutian. Ela virou de costas e para eu poder soltar o feixo dele com mais facilidade. Assim que abri seu sutian, deixando seus peitos livres. 

Ela ainda estava de costas para mim, então a abracei pelas costas e começei a beijar seu pescoço, enquanto massageava seus peitos. Ela soltava alguns gemidinhos baixos, que me deixavam louco de tesão. Vou me abaixando, levando minhas mãos pelo seu corpo e fazendo um trilha de beijos até mais embaixo. Chegando na sua calcinha, a tiro com delicadeza e pude ver que já estava bem molhada.

Quando a deixo totalmente nua, ela se vira para mim ainda olhando para baixo e corada e fala:

Hinata: M-Minha vez.

Ela começa a tirar minha blusa e minha bermuda, me deixando só de cueca box, onde minha ereção já era bem visivel. Ela passa a mão pelo meu peitoral, explorando meu corpo com suas mãos pequenas e curiosas. Ela se aproxima e rouba um selinho, que vai descendo pelo meu pescoço e para no meu peitoral. Ela desce um pouco até a minha cueca e a tira. Ela fica ruborizada ao ver a meu membro já ereto.

Naruto: Gosta do que vê ? - Pergunto com uma voz rouca e com um pequeno sorriso malicioso.
Hinata: A-An.... é-é que.... - Ela trava na hora e fica parada sem ação. Dou uma pequna risada da sua reação e falo:
Naruto: Quer pegar ?
Hinata: P-Posso ? - Pergunta levantando sua mão
Naruto: Claro que pode, ele é todo seu. - Disse com aquela carinha estampada no rosto ( ͡° ͜ʖ ͡°)

Sem falar mais nada, ela timidamente leva a sua mão até o meu membro e começa a tatea-lo com os dedos, passando por toda a sua extenção. Sinto um enorme prazer subindo pelo meu corpo, somente pelo simples ato dela tocar meu penis. Acho que uma das habilidades dela, me deixar louco com tão pouca coisa.

Ela começa a subir sua mão e a acariciar a cabecinha. Dou um urro de prazer baixinho e jogo minha cabeça para tras. Ela continua acariciando a região enquanto leva sua outra mão até o resto do membro e começa a fazer movimentos de vai e vem, me masturbando. Minha respiração começa a subir junto com o ritmo cardiaco, minha boca fica entreaberta por conta do prazer. Ela se aproxima e abocanha meu membro com voracidade, fazendo movimentos de vai e vem com a boca, enquanto segurava o que não coube em sua boca com a mão.

Ela fica me chupando e logo sinto estar proximo a atingir meu apice. Minhas pernas começam a ficar bambas e sinto um enorme prazer em meu corpo, enquanto soltava uns gemidos baixos.

Naruto: Ah... Hina eu.... vou... - Disse em meio aos gemidos, proximo ao apice
Hinata: Pode deixar sair Naru... - Disse enquanto chupava meu membro

Não deu outra, me derramei dentro da boca dela. Foi uma ejaculada forte, tanto que ela não pode botar tudo na boca, e deixou cair um pouco em seu peito. Ela demora um pouco mais engole tudo o que estava na sua boca, e limpa o restante com o outro lado da mão. Ela sorri para mim, que logo retribuo com o mesmo sorriso. Ela se levanta, meio corada e começa a fitar em meus olhos. Eu a pego pela cintura e a puxo para um beijo quente enquanto ela dá alguns gemidinhos manhosos em meio a ele, por conta de nossos sexos estarem roçando um nos outros.

Assim que terminamos o beijo, ela se vira e vai em direção a banheira, seguida por mim. Não consigo me segura, e antes dela entrar na banheira dou um leve tapinha em sua bunda redondinha. Ela olha pra mim um pouco corada, enquanto eu a olho com um sorriso malicioso e nós entramos na banheira. Eu me sento em uma das bordas da banheira e Hinata se senta na minha frente, sentando entre as minhas pernas, fazendo com que o meu membro roçe nas suas costas.

Eu a rodeio com as minhas mãos por debaixo de seus peitos, a abraçando. Ela começa a se esfregar em mim, se aninhando cada vez mais no abraço e ficamos lá... curtindo o momento a dois. Eu malandramente vou subindo minha mão até um de seus peitos, que a deixa com a boca entreaberta, e começo a massagea-lo. Começo com leves apertoes e caricias, depois com a ponta dos dedos, começo a brincar com seus mamilos já enrijecidos. Ela deixa escapar alguns gemidos de prazer, enquanto levo minha boca até seu pescoço branquinho, com algumas marquinhas vermelhas.

Continuo massageando seu peito, enquanto beijava e dava algumas mordidas em seu pescoço. Em meio ao prazer, minha mão livre vai escorregando até sua intimidade. Começo brincando com ela, fazendo movimentos circulares com os dedos por cima de seu sexo. Ela brevemente abre seus olhos e me fita por um instante. Pude ver o prazer e a excitação em seu olhar... Notei o que aqueles olhos significavam... Estava na hora de parar de fica-la torturando e começar a agir um pouco.

Com o polegar, faço movimentos circulares em seu clitoris já enrijecido pela excitação. Ela arqueia um pouco pelo prazer e depois volta a colar seu corpo no meu. Enquanto acaricio seu clitoris, com dois dedos da mão a penetro, fazendo dar um gritinho de prazer e começo a entocar de leve em sua intimidade. Começo a aumentar a velocidade das entocadas ao perceber que ela precionava seu quadril contra meus dedos. Continuo com as entocadas velozes e ritmadas, a deixando-a louca de prazer. Sinto sua intimidade apertando meus dedos, indicando que ela estava proxima ao seu apice.

Forço mais com entocadas mais fortes e velozes até ela chegar em seu limite e se derramar em meus dedos ao meio de gemidos de prazer. Retiro meus dedos de dentro dela e levo até o seu queixo, fazendo-a me fitar bem nos olhos. Eu amava muito tudo isso... Poder saber que eu estava dando prazer a mulher da minha vida era muito gratificante. Com certeza aqueles olhos cheios de amor e luxuria valeriam cada esforço que precisa-se para faze-la sorrir.

Depois de nos encaram um pouco, só curtindo o momento. Eu a beijo e prontamente já peço passagem para a lingua, que é correspondida quase de imediato, deixando as duas linguas em uma dança armoniosa entre sí. Era um beijo carregado de todo prazer e luxuria que o casal sentira no momento. Um beijo digno para um momento magico como aquele.

Resolvemos terminar o banho e logo continuar na cama o que começamos no banheiro. Em meio a carinhos e mãos bobas, terminamos o banho e nos secamos bem mais ou menos. A peguei no colo e levei até a cama, enquanto ela ria de minha atitude. Eu a coloca na cama com o maior carinho e cuidado do mundo, como se fosse uma fina boneca de porcelana. Que pra mim não era muito diferente disso não.... ela era meu bem mais precioso, tinha que ter o maior cuidado com ela para sempre a deixar feliz, como forma de agradecer ao vazio que ela preencheu em mim.

Depois de coloca-la na cama, vou até o bide do lado da cama e puxo a gavetinha. Vasculho um pouco lá e puxo uma camisinha. Coloco sobre meu membro, enquanto ela observava tudo curiosa. Assim que termino de coloca-la, vou até a cama e fico por cima dela, sem jogar meu peso. Começo beijando seus labios e descendo até seu pescoço, dando varios beijinhos e leves chupões.

Começo a pincelar meu membro em sua intimidade, que a faz soltar um gritinho manhoso. Eu começo penetrando-a devagar mais profundo. Logo começo a entocar com mais força e velocidade, que a faz gemer incessantemente o meu nome. Eu começava a entocar mais rapido, até sentir novamente sua intimidade apertar meu membro, então eu rapidamente retirei ele de dentro dela e ela me lançou aquele olhar mortal.

Hinata: Porque parou logo na parte boa ? - Disse virando o rosto e fazendo biquinho, igual criança.
Naruto: Calma ai pequena, quero testar uma coisa... - Me deito ao seu lado e ela olha curiosa

Eu a pego pela cintura, a trazendo para cima de mim e ela logo já manja da referencia da possição. Ela toma a iniciativa e se afasta um pouco, pegando meu membro e colocando na mira do seu sexo. Eu a olho com um sorriso malicioso enquanto ela se encaixa meu membro em sua intimidade, começando a cavalgar.

Ela começa devagar, mais logo começa a pegar o jeito e ir mais rapido e ritmado. Seus peitos se balançavam nervosamente com os movimentos das entocadas. Mesmo para primeira cavalgada dela, ela tava se saindo muito bem.

Naruto: Ahh... isso Hina... rebola. - Dizia em meio aos gemidos enquanto sentia chegar proximo ao limite.
Hinata: Hum... Naru... eu v-vou... - Ela disse em meio ao prazer.
Naruto: Eu tambem... vamos juntos. - Disse enquanto senti meu apice estorando.

Ela cessou as cavalgadas e logo gozou em cima do meu membro. Tambem havia gozado, mais foi dentro da camisinha. Ela desaba sobre meu peito, com a sua respiração ofegante e muito suada. O cansaço era eminente em seu rosto. Eu tambem estava muito ofegante e cansado. Com um rapido movimento, tiro a camisinha, a amarro e jogo em um lixeiro ao lado da cama.

Quando me viro para ir de encontro com a minha amada, ela esta quase se rendendo aos sono, então em a puxo para meu peito e ela logo se aninha no meio dele, já havia se acostumado a dormir assim, e puxei o leve lençol que tinha aos pés da cama e nos cobri. Fiquei acariciando seus cabelos azulados, enquanto a via num sono gostoso e sossegado. Eu logo me rendendo ao cansaço, dou um beijo na testa dela e apago.



FIM
 

 

  


Notas Finais


Dicas ou sugestões?
Podem comentar, estou sempre aberto para sugestoes ;D
Falouu
Iae negada, se vocês curtem fanfics escolares eu to fazendo uma outra fic e vou abordar varios caisais... e tem tbm Naruhina :3

https://spiritfanfics.com/historia/voce-me-completa-6677795


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...