História Nascida da Insanidade (Arlequina, Coringa e Melanie ) - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Esquadrão Suicida, Melanie Martinez
Personagens Harleen Frances Quinzel / Harley Quinn (Arlequina), Melanie Martinez, Personagens Originais
Tags Casal Maluco
Exibições 244
Palavras 1.119
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Harem, Hentai, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Ola pessoas <3
sei que demorou muito, mas aqui estou, final de ano vcs sabem e uma correria, mas eu trabalhei nesse cap a semana toda, e tomara que vcs gostem, bjos.

BOA LEITURA

Capítulo 8 - Carrossel


Fanfic / Fanfiction Nascida da Insanidade (Arlequina, Coringa e Melanie ) - Capítulo 8 - Carrossel

“Povs Melanie”
Já se passou dois anos, eu realmente aprendi a amar o circo, Harley, Pher e eu apresentamos uma peça de teatro que e a história e de uma família de vilões muito engraçada, e eu fui escolhida como filha, quem dera se a realidade fosse assim, meus pais não são engraçados, eles são horríveis.
Diana tem sido minha melhor amiga aqui, ela até pensa em se apresentar comigo, mas eu não sei dançar balé, ela e bem mais velha que eu, mas age como se tivesse minha idade, ela me entende, os pais dela morreram e ela foi adotada pelo circo, assim como eu.
A hora do almoço e a mais divertida, sentamos em volta de uma mesa enorme, cheia de comida, uma mais gostosa que a outra, Vermos e o cozinheiro, ele fala que coloca duas gotas de amor em cada coisa que prepara, e quer saber, funciona.
Hoje a noite comemoramos a união, as apresentações vão ser todas sobre união, cada um com seu espetáculo, esse circo e bem mais colorido a noite.
******************
No trailer:
-Está ansiosa para apresentação de hoje?-Diana fala apertando as sapatilhas.
-Estou, eu não sabia oque era dia da união, mas a Harley me explico, parece que e o dia do ano que mais vem familias aqui.-Melanie diz arrumando suas coisas em uma gaveta.
-Sim é, adoro esse dia do ano, adoro ver as crianças rindo ao ver o palhaço cair, ou aquelas garotinhas entre 3 a 10 sonhando em ser uma bailarina como eu, eu adoro ver os olhos de cada criança brilhando ao ver que tudo que fazemos aqui e maravilhoso, e fico feliz pelo sorriso de cada pai dá quando ver seu filho alegre, sabe eu nunca fui ao circo com meus pais, eles brigavam, então eu fugi.-Diana fala tentando segurar a lágrima
-Pensei que eles tivessem morrido.-Melanie
-Isso e oque eu falo, eles eram e não eram meus pais, eles me adoraram, mas não me tratavam como filha, eu tive que ir embora, o circo tem sido minha família a tanto tempo, que nem me lembro quando cheguei.-Diana diz enchugando a lágrimas e começando a maquiagem.
-Meus pais morreram, duas pessoas horríveis os assassinaram, eu tinha so 8 anos, mas eu superei.-Melanie diz ajeitando a cama.
-Como assim superou, seus pais morreram.-Diana diz olhando para Melanie assustada.<br>
-Eu só precisava esquecer.-Melanie
-Tudo bem.-Diane volta a se maquiar


-Meninas, tudo bem.-Claric.-Estão empolgadas com a noite de hoje, a noite que a nossa família em geral se apresentará para outras, isso e tão empolgante.-Claric diz abraçando Melanie e Diana por trás.
-Não me leve a mal Claric, mas você está igual a Alice.-Diana diz rindo.
-Ha ha, qual e a graça, Alice e animada e também sou.-Claric
-A Alice e louca.-Diana
-Não fale da Alice, ela e importante aqui, e se ela escutar você falando dela dessa forma é capaz dela fugir.-Claric diz questionando Diana
-Meninas, acalmem-se, hoje e uma noite única, vamos apenas nos divertir.-Melanie
-Você tem razão Melanie, vou me divertir, e não irei da bola pra essa chata.-Claric sai de nariz em pé
-Afts, esse circo ja foi melhor frequentado.-Diana.
-Relaxa, você deveria ser a mais calma, afinal você e a bailarina.-Melanie
-Isso não quer dizer nada.-Claric cruza os braços
-Tudo bem.-Melanie
**************
Estava já escurecendo, Vermos preparava os animais para o show, Diana passava talco no solado de sua sapatilha, e Alice treinava malabarismo com tochas de fogo, os outros arrumavam a arquibancada e se preparavam para o espetáculo.

-Viu como está o povo la fora.-Alice diz empolgada.
-Vi, todos bem vestidos, alegres, querendo ver a atração principal, a bailarina.-Diana diz segurando os bambolês.
-Você e ridícula, acha mesmo que e a atração principal, me poupe.-Alice
-Está com inveja?-Diana
-Pare vocês duas, olha estas pessoas, eles querem ver o circo em geral, se quisessem do vocês, pagariam por show particular.-Melanie
-Eu falei.-Alice coloca as tochas ja apagadas em uma mesa.
-Isso e inveja.-Diana
-Elas estão brigando de novo.-Claric
-Sim.-Melanie diz rindo.
******************

Melanie estava levando as cordas para dentro do circo para as apresentações, quando esbarra em um garoto, lindo, um pouco maior que ela, com a cabelo castanho claro. Algumas cordas caíram no chão, e quando eles foram pegá-las seus olhos de encontraram, e Melanie se assustou quando o garoto falou:

-Melanie?
-Você me conhece?- Melanie diz assustada.
-Eu te procurei depois de tudo aquilo eu te procurei, porque você sumiu?
-Tumus?-Melanie diz assustada
-Melanie eu amava você, e você simplesmente some.-Tumus
-Tumus eu, eu, EU.-Melanie grita e desmaia.
*******************


“Povs Melanie”
Estava tonta, parecia que meu passado girava em minha cabeça, meus pais, Tumus, a minha vontade de ser uma garota normal. Eu simplesmente me afastei de Tumus, por medo, mas mesmo assim não devia, mas longe dele eu conheci todos do circo, e tive uma oportunidade de vida normal.
Acordei em meu trailer, todos estavam apresentando no momento, eu queria tanto me apresentar mas não iria conseguir, tive um êxtase, já estava prestes a explodir, eu vi Tumus e simplesmente cai, eu ainda sinto algo forte por ele, por isso fiquei assim.
Na escrivaninha do lado de minha cama havia uma tulipa vermelha, que pra mim e pra ele significa amor eterno, e embaixo da tulipa um bilhete que dizia:

*Me encontre em frente o carrossel a meia noite.*

Seria mentira se dissesse que não sorri, ele queria me ver, queria me encontrar, eu também quero, quero lhe esclarecer algumas coisas.
***********

Ja era meia noite quando Melanie sai correndo em direção ao carrossel, Melnaie o vê de longe sentado na beira do brinquedo, ela abre um sorriso e vai em sua direção:<br>

-Você está diferente.-Melanie
-Você também.-Tumus diz passando a mão no rosto de Melanie.-Porque você fugiu esse tempo todo.
-Eu precisava sair daquele tipo de vida que eu tomava, eu precisava ter uma oportunidade.-Melanie olha para Tumus
-Eu poderia ter ido com você.-Tumus
-Você so se machucaria.-Melanie desvia o olhar.
-Não, não Melanie, eu estaria com você, só de estar com você não iria me importar com o resto.-Tumus pega no queixo de Melanie e faz ela o olhar.
-Você achava que me amava, nós éramos crianças, você nunca me amou, isso tudo foi uma mentira, e quem saiu machucado foi você.-Melanie olha para Tumus chegando mais perto.
-Quem disse que não era amor? pra você ate não poderia ser, mas pra mim era, pra mim é, por isso eu andei te procurando, meu pai viajou desde aquele ocorrido, e eu também, tenho viajado há sua procura, eu estava te procurando, você acha que se não fosse amor eu não estaria aqui? eu te amo Melanie.-Tumus diz e chega mais perto.
-Eu também Tu....- Melanie e beijada por Tumus.


Notas Finais


OBRIGADOO POR LER :33

COMENTEM E FAVORITEM :33

EU FIZ A DIANA INSPIRADA NELA, SEI QUE NÃO TEM NADA A VER, MAS E ISSO AI:
https://www.youtube.com/watch?v=eC-F_VZ2T1c


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...