História Nejiten Florescendo - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Neji Hyuuga, TenTen Mitsashi
Tags Nejiten Neji, Tenten Naruto
Visualizações 92
Palavras 1.720
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Comédia, Ecchi, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Canibalismo, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Desculpa, não aguento deixar eles brigados *--*

Capítulo 18 - Paixões e despaixões


Fanfic / Fanfiction Nejiten Florescendo - Capítulo 18 - Paixões e despaixões

Acordou ainda deitada na grama, o sol estava prestes a nascer  

Sentiu-se confusa nos primeiros momentos, tentando se recordar de como chegara ali, para logo em seguida a melancolia lhe cercar novamente  

Não queria ter que encarar Neji nunca mais, não queria ouvir suas explicações fajutas, afinal ele não poderia rebater o que ela viu com os próprios olhos  

Ele sempre amou a prima e isso era notável, sempre estava pronto para dar suporte para o que ela precisasse. Se tornava outro homem, cuidadoso com as palavras e expressões, como se a prima fosse quebrar a qualquer movimento errado do mesmo. Será que tudo isso era realmente puro arrependimento por tê-la ferido no passado?  

Se levantou e rumou de volta para casa, precisava de um banho e um bom café da manha para repor as energias que havia perdido  

Entrou silenciosamente, constatando que os novos hóspedes ainda dormiam sem notar sua ausência. Subiu as escadas e entrou no quarto, se despindo e espalhando as roupas pelo caminho até o banheiro, parou frente ao espelho e encarou seu reflexo 

Estava um caco, os coques estavam desalinhados e haviam folhas presas em meio a seus fios, o rosto inchado e vermelho, e seus continham olheiras arroxeadas que aparentavam ter um quilometro  

Se apressou em entrar no chuveiro, lavando o salgado das lágrimas secas de outrora. Parte de si sentia vontade de se derramar pelo ralo juntamente com a agua, desaparecer para não ter que encarar o que estava por vir 

Neji logo chegaria, e como olharia em seus olhos? Será que ele seria capaz de findar o relacionamento deles por estar noivo, mesmo depois de tudo que disse na noite passada?  

"A esta altura, a única forma de me afastar de você, seria ouvir da sua boca que não me quer mais, ou que eu te faço mal" Sabia que era verdade, conhecia o ninja há muito tempo, o suficiente para saber que não era de seu feitio mentir, mesmo que uma mentira doce. Ele era direto e falava exatamente o que precisava, doa a quem doer. Então por que? Será ele conseguiu esquecer de tudo em tão pouco tempo?  

Será que estava sendo precipitada? Tirando conclusões erradas com meias informações? Afinal, eles aparentavam estar conversando há um tempo quando a mesma chegou, ouvindo apenas uma pequena parte da conversa, já que logo correu de volta para casa para se preparar para uma tentativa de homicídio, mas se foi assim, então por que Neji abraçou a prima depois daquela quase declaração ao invés de negar seus sentimentos?  

E a pior dúvida de todas: O que ela faria? Como iria encara-lo? 

Pensou em confronta-lo assim que passasse pela porta, mas agora estava consideravelmente mais calma, e talvez a melhor solução seja esperar e ouvir o que ele tem a dizer, como se nada soubesse 

Neji não seria capaz de omitir tudo aquilo dela, seria?  

Desligou o chuveiro voltou ao quarto, recolhendo as roupas que largou pelo caminho e colocando no sexto. Enxugou o corpo e se vestiu, colocando uma calça de algodão preta justa que ia até sua panturrilha e uma camiseta amarela simples, prendendo os cabelos ainda molhados em um rabo de cavalo alto e deixando a franja solta, de lado  

Desceu as escadas e calçou suas sandálias, saindo de casa e respirando fundo o vento fresco que vinha de fora. As ruas já estavam movimentadas, mas dois borrões verdes que estavam próximos aos limites da vila lhe chamaram a atenção  

Começou a correr em direção a eles sorrindo como uma criança, se jogou no colo de Lee o abraçando assim que chegou perto o suficiente 

Sentiu muitas saudades daqueles dois malucos, e agora sentia que precisava deles, já que nunca a deixaram se abater por nada, o time 9 era sua base. 

-Tenten! Você finalmente chegou – disse Gai-sensei também recebendo um abraço  

-Senti saudades de vocês - Disse a ninja, com um sorriso colossal no rosto e os olhos brilhando como diamantes  

-Também sentimos muito, agora que retornaram precisamos comemorar – disse Lee com lágrimas jorrando de seus olhos – Ah, e onde está o Neji? - Perguntou  

-Em casa – respondeu tentando disfarçar o quanto ficou desconfortável com a citação do moreno na conversa – Preciso ir, nos vemos mais tarde – Disse beijando a bochecha dos dois e seguindo para o mercado  

Ao chegar, encheu o carrinho com tudo que julgava ser necessário na casa, desde artigos para limpeza a guloseimas, alugou alguns filmes e passou pelo caixa, saindo de lá com tantas sacolas que mal podia ser reconhecida  

-Ei, Tenten-chan? - Chamou uma voz reconhecida e a morena abaixou um pouco a sacola que cobria seu rosto para poder ver de quem se tratava – Me deixe te ajudar – pediu  

-Olá Naruto, e obrigada – disse entregando algumas sacolas para o loiro – Acho que exagerei em comprar tudo de uma vez... - Explicou  

Seguiram para a casa da moça lentamente, Tenten não queria chegar lá tão cedo e notar Neji a esperando, e a conversa com o loiro estava lhe agradando, Naruto sabia como divertir alguém  

-Por favor entre, se não estiver ocupado – pediu e o ninja concordou, entrando e deixando as sacolas na mesa cozinha  

Naomi desceu as escadas sonolenta com Hayato no colo, vestindo uma camisola verde amarrotada  

-Bom dia – Ela disse cumprimentando os dois que estavam na cozinha 

-Bom dia – respondeu Naruto  

-Você dormiu bem? - perguntou a morena e ela assentiu, colocando Hayato no chão e seguindo para ajudar a guardar as compras  

Naruto caminhou até o loiro menor e o pegou no colo começando a brincar com o mesmo que ria deliciosamente, contagiando Tenten e Naomi  

O pequeno usava um pijama laranja simples, e olhando assim perto de Naruto, eram poucas características que os diferenciava, além das marquinhas na bochecha. Os olhos eram do mesmo tom de azul, assim como os cabelos loiro claro, e até mesmo o corte espetado do ninja se assemelhava ao cabelo bagunçado pelo sono do menor  

-Ei, Naruto – Chamou a morena ainda rindo – Andou plantando por aí? - Brincou fazendo o ninja rir alto, preenchendo a casa com o riso de todos, de modo que somente Naruto notou a chegada de Neji, que adentrou a cozinha olhando a cena desconfiado  

-Yo Neji, como vai? - Perguntou o loiro despreocupadamente  

-Olá Naruto – Cumprimentou pegando Hayato do colo do loiro e aconchegando o pequeno em seu peito – Que bom que te encontrei, Sakura está te procurando – Disse  

O loiro agradeceu e se despediu de todos, saindo a procura de Sakura também  

Neji caminhou até a morena na esperança de ganhar um beijo, mas a mesma nem o olhou, e já não parecia estar tão alegre quanto estava na presença de Naruto 

-Esta tudo bem? - perguntou e ela assentiu, ainda sem o olhar – Preciso conversar com você - Sussurrou e finalmente atraindo o olhar dela para si 

Não obteve nenhuma resposta imediata, a morena terminou de guardar as compras e entregou alguns filmes para Naomi, que logo foi para sala junto com o irmão menor  

-Pode falar – Ela disse se sentando á mesa quando teve certeza de que estavam sozinhos, ouvindo um suspiro pesado vindo do moreno 

-Conversei com meu tio ontem – Ele disse se sentando de frente para a moça - Ele logo irá se aposentar, e nenhuma de suas filhas tem capacidade de assumir seu cargo – continuou – Ele quer que eu lidere o clã - falou e a morena se espantou, não esperava que ele quisesse lhe contar isso, mas não pode deixar de se alegrar, sabia que Neji devia estar lisonjeado – Mas como você sabe, não é permitido dar este prestígio á um membro da família secundária, nosso papel é proteger os líderes - Continuou – Então eu precisaria me tornar um membro da família principal para poder assumir este cargo... 

-E o único jeito de se tornar um membro da família principal é se casando com Hinata! - Exclamou o interrompendo 

Bingo! Então era isso, Neji não a traiu e nem mentiu para ela, de repente tudo fez sentido. A morena ria e chorava alegremente, aliviada e ignorando o ninja que a olhava como se fosse maluca, claro que ele não estava entendo sua reação 

Depois da emoção passar, ela começou a raciocinar, apesar de Neji a amar verdadeiramente, ainda estava noivo de outra, e isso era um problema  

-O que você vai fazer? - Perguntou e o ninja suspirou pesado novamente  

-Sinceramente, não sei, conversei com a Hinata e ela me disse que me apoiará em qualquer decisão, mas não acredito que Hiashi-sama simplesmente aceitara minha renúncia - Ele fechou os olhos e permaneceu assim – Afinal, ele não me perguntou se era meu desejo, apenas me comunicou do noivado – suspirou novamente e fez uma expressão de dor contida – E o pior é que eu sei que o clã precisa de mim, precisa de um bom líder, e esse sempre foi meu desejo. Mas não posso simplesmente ignorar meus sentimentos os seus e até mesmo os de Hinata para levar isso em frente...  

O moreno abriu novamente os olhos e encontrou uma Tenten chorosa, ela caminhou até ele e se sentou em seu colo, o abraçando e lhe beijando pela primeira vez no dia  

-Me perdoe – ela pediu confundindo o ninja – Eu duvidei de você, da sinceridade de seu amor, cheguei a acreditar que me trocaria – Ela completou, escondendo o rosto no vão do pescoço alvo no ninja enquanto falava 

-O que quer dizer? - Perguntou perdido, não estava entendo a morena aquela manhã  

Ela secou as lágrimas e o encarou 

-Eu estava no lago, e ouvi parte de sua conversa com sua prima, acabei tirando conclusões erradas.... Me perdoe... - pediu  

O ninja acariciou seus cabelos sereno e limpou suas lágrimas antes de voltar a falar  

-Tenten – Chamou tentando esconder a derrota na voz, a ver chorar por ele era bem pior do que lutar com uma aldeia inteira de ninjas sozinho - Você me trocaria por alguém? - perguntou  

-Eu não poderia, ninguém nesse mundo conseguiria superar o que você é para mim – Respondeu  

Neji acariciou sua bochecha carinhosamente, e logo tomou seus lábios num beijo longo e terno  

-Então você pode entender como eu me sinto – disse selando seus lábios novamente e se levantando, juntamente com a morena, a levando no colo até a sala para fazer companhia para os pequenos 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...