História Nejiten Florescendo - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Neji Hyuuga, TenTen Mitsashi
Tags Nejiten Neji, Tenten Naruto
Visualizações 250
Palavras 1.862
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Ecchi, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Canibalismo, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 9 - Reencontro


Fanfic / Fanfiction Nejiten Florescendo - Capítulo 9 - Reencontro

Fazia um mês que haviam deixado Konoha  

Até o momento não havia descoberto nada preocupante sobre o País, o hokage estava contente com os relatórios e, em breve, poderiam retornar  

Neji ingressou na força policial da vila, e passava o dia fora de casa, deixando a kunoichi sozinha  

Aquela paz estava enlouquecendo Tenten, só queria poder realizar alguma missão e sentir a adrenalina correndo em suas veias outra vez 

Estava sentada na grama da praça próxima a sua casa observando as crianças brincando 

O outono havia chegado, acompanhado de um frio agradável, as folhas das arvores mudaram de cor e dançavam pelo ar 

Era uma estação muito bela 

-Oi, você se lembra de mim? - disse uma garotinha sorridente se sentando ao lado de Tenten  

Era a garota que encontrou no restaurante no inicio da missão 

-Claro que me lembro, Naomi, como vai? - sorriu  

-Eu estou bem, e você? - perguntou  

-Estou ótima, e o seu irmão? - a garota arregalou os olhos e colocou a mão na testa como se estivesse se assustado com a pergunto  

-Kami-sama, eu queria brincar um pouco e o deixei dormindo, mas acabei me esquecendo dele – disse preocupada e Tenten riu  

Ela era uma garota adorável, simpática, mas o que mais agradou Tenten foi a sua espontaneidade  

-Como pode esquecer de seu irmãozinho? -  perguntou Tenten fingindo estar incrédula 

Foi difícil segurar o riso com a expressão que a garota fez, ela parecia realmente arrependida 

-Ei, é brincadeira - sorriu terna e a garotinha pareceu se acalmar – Venha, eu te acompanho até sua casa – disse se levantando e estendendo a mão para a menina  

Naomi parecia um pouco insegura, mas não conseguiu dizer não, ou esconder a alegria pela simpatia  

Elas caminharam conversando sobre vários assuntos, e Tenten notou que a garota era extremamente madura para sua idade, apesar de ainda ser brincalhona 

Naomi morava três ruas acima da de Tenten, então não demoraram a chegar, todas as casas da rua eram parecidas, mas essa era menor, tendo um jardim mais espaçoso a frente, apesar de estar vazio, apenas com uma grama um pouco irregular 

-Seus pais não gostam de flores? - Perguntou a kunoichi inocente  

A menina se limitou a sorrir  

-Por favor entre, se não estiver ocupada...- pediu a menina visivelmente empolgada 

Ela era muito enérgica, até a lembrava de seu colega Naruto, mas ela era uma criança, ele era um idiota... 

-Certo, também quero ver a fofura do seu irmão - disse 

Tenten adentrou a casa timidamente, tirando as botas e deixando na entrada, a casa era pequena, e tinha um cheiro forte de poeira, percebeu que estava bem desarrumada, com brinquedos e roupas espalhados pelo chão, mas não comentou nada  

-Onde estão os anfitriões? - Perguntou – gostaria de cumprimentar seus pais, e me apresentar... 

-Ah, eu estou sozinha, meus pais estão no trabalho – disse a loira de costas, caminhando até o sofá para observar o pequeno, que ainda dormia  

A kunoichi estranhou, a garota era madura para idade, sim. Mas deixar uma criança sozinha em casa, e ainda a responsabilizando pelo irmão mais novo, ia muito além... 

A loira se virou sorrindo e apertando os olhinhos de uma forma fofa  

-Sabe, você não me disse seu nome...- disse a garota  

E só então que Tenten se deu contado fato, a menina estava certa, ela não havia se apresentado... 

-Oh, me desculpe...- disse corando – Sou Mitsashi Tenten  

Ao que parece, estava fazendo sua primeira amizade na vila 

-Ei, posso te perguntar uma coisa Tenten-san? - disse corando e a morena acenou um "sim" - Aquele menino é seu namorado, não é? - acusou e Tenten riu  

Pode ver a imagem da amiga Yamanaka lhe acusando da mesma forma sempre que a via perto de Neji "Vocês estavam se pegando, não é?" 

Se aproximou a garota como se fosse lhe contar um segredo, e viu a mesma ficar extasiada  

-Na verdade, ele é o meu marido – disse 

Naomi arregalou tanto os olhos que pareciam que iriam se desprender e cair, Tenten ria deliciosamente com a expressão espantada da garota, a ponto de seus olhos lacrimejarem 

-Quantos anos você tem? - ela disse finalmente depois de sair do estado de choque que Tenten a deixou 

-Eu tenho dezoito, e você? 

-Sete, mas... Você não é muito nova para casar? - ela parecia confusa  

-Sou sim – ela sorriu – mas Neji e namoramos desde pequenos, já estava na hora de casar...- mentiu  

A menina sorriu extasiada, murmurando coisas como "incrível" e se virou para encarar Tenten  

A kunoichi reparou que os olhos da garota haviam mudado, assumindo um tom vermelho sangue e as pupilas formavam uma linha reta  

A garota pareceu não sentir mudança nenhuma, continuando a sorrir, e aquilo intrigou Tenten 

Seria um Kekkei Genkai?  

Notou algo se movimentando a sua esquerda e instintivamente dirigiu o olhar até o local, vendo que o pequeno havia finalmente acordado  

Caminhou até o mesmo que sorria para ela e o pegou no colo, os dois eram crianças tão simpáticas  

Tenten constatou que não era hora para questionar a garota sobre seus olhos, e o melhor seria descobrir sem recorrer a isso  

O sol já estava se pondo e Neji voltaria para casa daqui a poucas horas  

-Ei, o que acham de jantar na minha casa hoje? - perguntou  

Tentou esconder suas intenções, mas o que realmente queria saber era sobre os pais daqueles jovens 

Ainda estava intrigada com a responsabilidade que colocavam nas costas da menina  

Seriam de um dos poucos clãs ninjas da vila? Não parecia ser o caso...  

-Ah, eu adoraria, obrigado – disse sorrindo – pode esperar um segundo para eu me trocar e arrumar o Hayato? 

-Claro, eu espero aqui – sorriu terna  

A garota nem hesitou em aceitar, não era a resposta que Tenten esperava 

Ela nem mencionou que pediria permissão para a mãe, o que era estranho para sua idade, fora que Tenten ainda era uma desconhecida para seus pais, e até mesmo para ela... 

Naomi subiu as escadas deixando a morena sozinha no andar debaixo 

Tenten caminhou até a cozinha, atenta aos detalhes 

As paredes eram brancas assim como os armários embutidos com vidro nas portas, a mesa de madeira ficava no meio do comodo, coberta com uma toalha de mesa lilás e somente uma lata de leite em pó encima, a pia ficava em baixo de uma janela espaçosa com vista para a rua 

Tirando a lata de leite em pó na mesa, estava tudo vazio, não havia nada dentro dos armários, na pia ou no balcão 

Abriu a geladeira e tapou o rosto com as mãos, exalava um odor forte e estava vazia, com exceção de uma embalagem de manteiga e algumas embalagens de restaurante, com varias comidas misturadas 

Eram restos... 

Ouviu passos na escada e retornou rapidamente para a sala, tirando um elástico de cabelo do bolso e fingindo brincar com o mesmo  

Naomi desceu segurando a mão de Hayato que tentava correr, ela havia colocado uma calça jeans e um casaco cor de creme, e ele estava com um conjunto de moletom preto e azul 

Eles estavam uma graça, sorrindo ternamente para ela 

Sentiu sua garganta se apertar, como poderiam viver naquela situação, que tipo de família era aquela?  

-Vamos, ainda preciso cozinhar – ela disse com a voz rouca  

Pegou Hayato no colo e segurou a mão de Naomi, os conduzindo em direção a sua casa 

Percorreram o curto trajeto em silêncio, enquanto Hayato estava aconchegado no peito de Tenten brincando com algumas mechas de seu cabelo  

Entraram na casa e Naomi olhava para todos os lados curiosa 

-Sua casa é bonita – disse  

-Obrigada querida, fique á vontade  

Tenten trancou a porta e passou o trinco que tinha do lado de dentro, obrigando Neji a bater para entrar  

Voltou para a sala e ligou a TV para os dois  

-Oque querem comer? - perguntou Tenten, mesmo sabendo que só a mais velha responderia  

-Hm, alguma coisa quentinha – dise a loira se encolhendo no sofá  

A morena sorriu e se levantou para pegar um cobertor para a garota  

-Vou fazer um guisado de frango – decidiu e a pequena aprovou  

Caminhou até a cozinha e reuniu os ingredientes que queria sobre a mesa, começando a preparar o ensopado  

A menor a seguiu, sentando-se a mesa e observando a morena em silêncio, tentando não atrapalhar  

-Você gosta de cozinhar? - perguntou depois de um tempo  

-Eu gosto de comida caseira, não é muito legal cozinhar, mas já me acostumei...- respondeu  

Desligou o fogo, e na mesma hora ouviu batidas na porta  

Caminhou até a entrada e rapidamente destrancou a porta, se atirando no moreno com os braços em volta de seu pescoço, surpreendendo-o  

-Não se assuste, eu te explico mais tarde, mas agora tente ser gentil – sussurrou perto de seu ouvido para que só ele escutasse  

Ela se afastou dele selando seus lábios  

-Okaeri, meu amor – disse no tom de voz habitual  

-Tadaima – Respondeu apreensivo 

Afinal, o que ela quis dizer?  

Tirou os sapatos caminhou para dentro da casa, se deparando com duas crianças no sofá  

-Boa noite – disse fingindo não estar surpreso  

-Boa noite – respondeu sorrindo 

Ele a reconheceu pela voz, eram as crianças que encontraram no restaurante no inicio da missão, mas o que elas faziam ali?  

-Encontrei a Naomi no parque mais cedo e passamos o dia juntas, eu a convidei para o jantar, espero que não se importe – disse acariciando a bochecha de Neji em um gesto carinhoso  

-Não se preocupe, não me incomodo, fico feliz que tenha arranjado companhia – disse e notou a loira sorrir aliviada no sofá - Vou tomar um banho e desço para comer – falou depositando um beijo na testa da morena e seguindo para a escada  

Enquanto esperavam, Naomi e Tenten colocaram a mesa  

-Não vejo a hora de crescer e ficar bonita, encontrar meu príncipe e me casar, assim como você - ela dizia dançando na cozinha com a expressão sonhadora 

Tenten se curvava de rir com os comentários da menina  

-Na verdade, o Neji não é um príncipe - explicou limpando as lágrimas e tentando se acalmar  

-Mas ele te trata como uma princesa – aquilo surpreendeu a morena, aquela garotinha... 

-Ele é o meu anjo – disse sorrindo agora também sonhadora  

-Hm, vejo que sou o assunto – diz o moreno entrando na cozinha com a expressão divertida  

As duas coraram e Tenten começou a arrumar as panelas envergonhada, enquanto Naomi correu para a sala para pegar o irmão  

Neji se aproximou da morena abraçando-a por trás  

-Anjo é? - Sussurrou sentindo o pequeno corpo tremer em seus braços 

Sorriu 

Não importava quanta intimidade eles haviam adquirido, o corpo dela sempre reagia da mesma forma ao toque dele  

Se afastou dela e sentou-se a mesa, sendo seguido pelas crianças, e por ultimo Tenten  

-Neji-san, você é policial, não é? - perguntou a pequena e ele afirmou – Que incrível! - exclamou  

-E você, o que quer ser quando crescer? - ele perguntou tentando ser simpático como Tenten pediu  

-Ah, eu quero ser uma médica para salvar a vida das pessoas, e ajudar meus amigos – disse sorrindo extasiada – eu quero ser bonita, e acima de tudo, eu quero ser forte! - concluiu com o olhar avermelhado  



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...