História Nervegear Adventures-interativa - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sword Art Online
Personagens Personagens Originais
Tags Espadas, Game, Jogo, Mundo Virtual, Nervegear, Nevergear, Realidade Virtual, Sao, Sword, Sword Art Online
Exibições 11
Palavras 747
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen, Survival
Avisos: Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


No ultimo minuto mas foi. Boa leitura

Capítulo 12 - Tarde de caça Solo


Pov Sora on

 

Caramba, eu não lembrava de como caçar sozinho podia ser chato, em equipe era bem divertido mesmo se fosse só eu e mais uma pessoa já era de boas porque nós ficaríamos conversando e zoando enquanto que sozinho o máximo que eu posso fazer é me utilizar das alterações no meu nervegear para chamar alguém pelo skype ou ouvir minhas musiquinhas de anime ou mesmo memes enquanto jogo. Enfim, é bem melhor pra caçar aqui no terceiro andar do que nos dois anteriores, primeiro porque ele todo é de bioma florestal e segundo porque agora eu estou com minhas habilidades mais aprimoradas. Falta mais ou menos uma semana e meia para o natal, deve ser a primeira vez que eu passo uma data festiva imerso em um nervegear (porque minha mãe não deixou os outros), mas eu imagino que eu receberei ao menos uma visita seja lá onde eu esteja. Passo tanto tempo mergulhado na minha mente que só volto a “realidade” tem um lobo cinzento tentando me atacar. Me levanto rapidamente e dou uma piruleta para trás, espero ele se aproximar um pouco enquanto ativo minha sword skill, conto até três, e parto para cima. Como os mobs daqui são mais fortes acho que não devo pegar leve, ataco direto nas costas e me preparo para cortá-lo de novo mas aí eu lembro que eu também estou bem mais forte e apenas o primeiro golpe foi o suficiente para reduzir seu HP totalmente, reflito enquanto o lobo desaparece. Após essa curta batalha desvio meu olhar para a parte mais densa da floresta e vejo dois lobos cinzentos que apesar de me avistarem continuaram parados como se tivessem aguardando algo ou alguém, e estavam, de repente vejo saindo do mesmo lugar um lobo com quase o dobro de tamanho dos outros dois e os pelos de cor branca. Seus olhos vermelhos brilham e surgem mais quatro lobos cinzentos que junto com os outros dois semelhantes vem me atacar. Eu já matei mais de dez lobos nessa floresta, mas um por vez, acho que lutar com sete ao mesmo tempo vai ser um pouco mais complicado, mas já que estou aqui, segura na mão de Deus e vai. Corro rapidamente pulo e desfiro um golpe descendente no lobo mais a frente e logo após giro e corto em diagonal de baixo para cima acertando dois lobos que por sua vez com o HP no amarelo correm e preparam para uma investida. Os três que ainda estavam com a vida cheia pularam em cima de mim, escapei por pouco da mordida de dois mas o outro me acertou com as garras no braço baixando minha barra de HP e quase amarelando-a e logo após isso o lobo branco se aproxima pronto para atacar também, me afasto para recuperar-me.

 

- Não acredito, vou ter que usar minha sword skill mais forte.

 

Corro para cima do primeiro lobo que ataquei terminando de matá-lo, depois ataco os lobos que ainda não haviam perdido vida, amarelando por pouco suas barras de HP. Lembram-se daqueles lobos que tomaram distância? Eles vem numa investida velos para matar a mim e eu me aproveito disso para estender minha espada para usar o próprio impacto da investida deles para finalizá-los de vez. Alguns lobos a menos só faltam quatro e todos com a vida no amarelo, e ferozes como nunca, o lobo branco prepara para me abocanhar mas desvio de raspão.

 

- Vocês perderam. RAJADA CIANO.

 

Assim que grito o nome da minha sword skill, minha espada começa a brilhar num azul tom ciano (afinal esse é o nome da habilidade não é seu gênio?) e uma aura de mesma cor me rodeia. Corto na vertical o corpo do lobo branco, viro me para os outros rapidamente e meus golpes são fulminantes, um por um, os lobos foram sucumbindo aos meus cortes. Volto minha atenção ao lobo branco, suas garras prontas a me acertar são interrompidas pela dor de sentir minha espada acertando seu peito, sua vida caiu ao vermelho, finalizo minha habilidade com um giro de corpo cortando horizontalmente três vezes sendo que na terceira teve um efeito knockback casando perfeitamente com o HP do canídeo albino zerando e o mesmo desaparecendo.

 

- Ufa, acho que chega por hoje.

 

Me dirijo à vila mais próxima para descansar e vejo algo inusitado e um tanto diferente. Um cartaz num poste anunciando uma espécie de evento.

 

- I Torneio de espadachins de Aincrad. Interessante.

 

 

 

Continua...


Notas Finais


aí está essa delicia


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...