História Never be alone - Capítulo 16


Escrita por: ~

Exibições 34
Palavras 821
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Romance e Novela
Avisos: Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 16 - "Quero voltar, quero ter uma maquina do tempo"


Fanfic / Fanfiction Never be alone - Capítulo 16 - "Quero voltar, quero ter uma maquina do tempo"

 

Já faz 1 semana que eu e Shawn estamos ficando, sem contar pra ninguém. Vou admitir, não sei se estou gostando, Shawn sempre foi como um irmão pra mim, sempre contei tudo pra ele e depois que começamos a ficar juntos meio que não posso mais fazer isso. Desde sempre falava com ele sobre meninos e ele falava comigo sobre meninas, sempre falávamos coisas grosseiras um pro outro sem medo de ofender e agora nos privamos disso, em outras palavras: o "namoro" nos afastou. Talvez nos dois não sejamos tão bons juntos...

Era sábado e eu acordei sozinha, mal dormida porque fiquei pensando nesse assunto a noite inteira, talvez eu devesse falar com ele, mas isso poderia nos afastar ainda mais, e eu não queria isso de jeito nenhum. Será que ele também pensa assim?

SHAWN::::

1 semana ficando com a Alex e foram os melhores, e os piores dias da minha vida. Os melhores porque beijei a menina que sempre gostei, ou sempre pensei que gostei, e os piores porque nos distanciamos muito, não falamos sobre coisas que falávamos antes, e isso é horrível! Eu acho que me iludi um pouco, talvez eu seja só um menino apaixonado que vomitou as palavras naquela noite sem pensar duas vezes... Eu acho que seria bom eu falar com ela, até porque prefiro mil vezes ficar sem seus beijos do que sem sua amizade, mas talvez isso só foda mais ainda com nos dois, será que ela também pensa assim?

ALEX:::::

Fico no computador até meio dia ate que meu pai me chama para o almoço, desço e sento a mesa com ele, pego uma colher de arroz, um bife e batatas fritas. Meu pai percebe que estou estranha, já que estou pensando se falo ou não com Shawn, pergunta:

- Esta tudo bem? Ta tão quieta

- Eu to bem pai – respondo baixinho

- Tem certeza? – ele de novo

Não, não tenho

- Tenho – respondo

Termino de comer e subo para meu quarto, deito na cama e coloco meus fones de ouvido, e eu fico olhando pro meu mural de fotos, tantas, mais tantas fotos minha e do Shawn, nos dois com 2 anos de idade brincando com bichos de pelúcia a nos com 16 mostrando o dedo do meio... eu não podia perder aquilo, e sei que se continuasse com ele era aquilo que ia acontecer! Então na hora que vou pegar meu celular pra mandar a mensagem pra ele me encontrar aqui, uma mensagem DELE entra:

"Preciso falar com você, me encontre aqui em casa"

Coração acelerado, nó na garganta, estomago revirado. O que ele queria falar? Será que ele ia falar que nunca vai me deixar e me ama mais do que ele ama musica? Ou ia falar que realmente não está dando certo e concordar comigo? Então respondo:

"Também preciso, estou indo"

Então eu atravesso a rua e vou na casa dele, bato na porta e o pai dele abre dizendo que ele está me esperando lá em cima. Entro no quarto dele e ele está deitado na cama com um moletom e calça jeans, então ele diz:

- Oi, preciso falar com você

- Também preciso – digo meio suspirando

- Posso falar primeiro? – diz ele com as mãos no bolso e franzindo a testa

- Claro

- Exatamente – ele diz me deixando completamente confusa

- O que? – pergunto fazendo uma careta

- Se não estivéssemos juntos, estivéssemos como antes,  você me mandaria calar a boca e você iria falar por primeiro, mas já que não estamos, você falou educada e sem ser você, eu não quero isso! Quero voltar como era antes, nós nos gostamos? Sim, mas tenho certeza que podemos superar isso, ao contrario do termino da nossa amizade.

Fico sem palavras, era exatamente aquilo que eu ia falar, como ele conseguia me entender até nisso? Eu abro um sorriso e ele fica meio sem reação

- Eu ia falar exatamente isso... quero voltar a te xingar sem ter medo de te magoar HAHAHAHA, quero voltar, quero dar reset, quero ter uma maquina do tempo sei la. Foi bom? Foi ótimo, mas não posso arriscar te perder, posso estar tomando a atitude mais burra da minha vida, mas tenho 99% de certeza que não...

Ele abre um sorriso e fala:

- Então voltamos no tempo, nada disso aconteceu... – e abre os braços para um abraço

Vou até ele e dou um abraço apertado, assim que nos soltamos, dou um sorrisinho e pego uma almofada que estava no chão e bato nele... que saudades disso

- SUA FILHA DA P... – ele para e me olha meio *opa*

- XINGAAAAAA

- PUTAAAA AHAHAHAHHHAHAHHAHAHA – ele corre e me pega no colo, ai brincamos de lutinha e ficamos juntos jogando video game o resto da tarde.

Nosso negocio é amizade mesmo, tenho certeza que vou superar esse crush supremo que tenho desde sempre nele!

-------------------

Certeza Alex? Hm, vamos ver...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...