História Never Forget - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Jakebugg, Kaya, Original, Seen
Exibições 9
Palavras 905
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Espero que gostem..Bjs

Capítulo 2 - Happy Birthday


Minha cabeça doía. Eu não devia ter bebido tanto ontem à noite, tudo girava e me lembrava de poucas coisas. Felizmente, Nicole era uma delas.

Quando estava prestes a levantar, recebi uma mensagem de Charlie:

"HEEEEEEY! Acorda, estamos no parque!!!"

Excêntrico como sempre...

Coloquei os pés no chão confortavelmente frio e fui em direção ao meu armário. Acabei pegando a mesma blusa preta de sempre e fui para a cozinha. Minha mãe não estava, então apenas sai em direção ao parque.

  O sol incomodava meus olhos e já estava com calor. Maldito verão.

  Passei em um mercado no caminho e comprei uma garrafa de bebida, infelizmente já estava quente quando cheguei.

Charlie, Freddie, Jake, Lara e ....Nicole.

Estavam todos sentados na grama com a mesma roupa de ontem, tirando Lara que teve que ir embora mais cedo ontem.

Cheguei perto deles jogando a garrafa para Charlie, que teve seus olhos brilhando no momento em que viu a bebida. Sentei do lado de Freddie e Lara, e Nicole se encontrava na minha frente. Quando olhei, ela sorriu.

Abrimos a garrafa e Freddie me ofereceu um cigarro amassado.

-Todos aqui tem preguiça de abrir o guarda-roupa? -perguntei.

-A vida é muito curta para isso, cara..Muito curta -Charlie já beberá metade da garrafa, o que me fez rir e revirar os olhos.

-A vida pode ser curta, mas as pessoas não sabem aproveita-la ao máximo -Nicole disse.

-E você sabe? Você também não trocou de roupa -Charlie retrucou

-E quem disse que eu quero aproveita-la? Você bebe pra se divertir, Charlie. Eu bebo pra morrer.

Ela levantou e foi para o rio, onde mergulhou seus pés na água. Tinha certeza que isso era proibido, mas ela não ligava. Eu também levantei e fui em sua direção. Ela parecia tão leve, como preferia morrer do que aproveitar toda a vida que ela poderia ter?Talvez Nicole fosse um poço mais fundo do que o esperado.

-Hey, Nic..-me senti um completo idiota mas ela riu -tudo bem eu te chamar assim?

-Com toda certeza. Você será o primeiro..

Ficamos em silêncio por um tempo mas ela falou em seguida:

-Sabia que hoje é meu aniversário? Não, espera. Que dia é hoje?

Ficou raciocinando por um tempo  enquanto esperava alguma resposta, e então concluiu;

-Sim, é hoje mesmo! -ela riu escondendo as mãos na cara -e meu único presente foi ver meu namorado me traindo com minha melhor amiga.

Era mais como uma risada triste e forçada, odiava ver ela assim.

-Wow! Bom, parabéns...eu acho. E sinto muito.

-Obrigada, você foi o primeiro nisso também -ela me olhou, riu e perguntou:

-Quando é seu aniversário, Steve?

-Daqui a duas semanas...Nunca faço deles algo de grande importância.

-Você deveria ,aniversários são importantes..Te ajuda a lembrar quem está sempre com você.

-É.. talvez.

-Eu estou com fome ...Quer um cachorro quente?

-Claro, eu pago.

Sorrimos e fomos comprar nosso cachorro quente.

Ela comia devagar, como se estivesse saboreando cada pedaço do simples lanche. Seus olhos sempre focados na água.

-Você gosta de nadar? -ela perguntou.

-Ahn...claro.

-A vida é uma natação, sabe? Você precisa nadar e nadar para se manter no topo, onde não tem nenhuma tristeza, nenhum desapontamento ou nenhuma dor.cVocê tenta e tenta, mas no final sempre acaba voltando pro fundo.

-Talvez seja apenas uma maneira de ver as coisas... -ela me olhou como se eu estivesse prestes a dizer uma teoria maravilhosa sobre física.

-Talvez seja apenas o jeito de a vida fazer você evoluir. Quando mais você nada, mais você muda. Pra melhor ou pra pior, depende. É como se ela fizesse as coisas acontecer.

-Eu não gosto de mudanças. Eu não quero mudar e não quero que as pessoas mudem também -ela respirou e continuou- isso tudo é tão...frustante. Colégio, faculdade, emprego. Quanto mais o tempo passa, mais as pessoas mudam e isso faz você perde-las! Eu tenho medo de eu perder as pessoas com quem eu me importo por conta do tempo, por conta do futuro. Steve, me prometa uma coisa?

-Qualquer coisa.

-Nunca mude. Por favor.

-Eu prometo, Nic.

Nós terminamos os cachorros quentes e caminhamos sobre o parque.

-Quer apostar uma corrida? -ela perguntou.

-Você deve ser muito lenta -disse e comecei a correr.

Em disparada ela já havia me alcançado. O sol refletia em seus cabelos escuros e tudo que eu pude fazer foi admirar, correndo para o futuro.

______________________________________

Duas semanas depois

Eu e Nic tínhamos nos tornado grandes amigos. Qualquer coisa era motivo de risada e eu amava ter sua companhia.

Era dia do meu aniversário e estava tomando banho quando recebi uma mensagem dela:

"PARABÉNS S ! Espero que receba isso logo, tenho uma surpresa pra você no parque"

O que raios ela estava fazendo?

Minha animação transbordava o suficiente para me fazer colocar uma blusa que não era preta, correndo para o mesmo parque de sempre.

Talvez fosse idiotice o que eu sentia por ela. Sei que eu era apenas um amigo para ela, um amigo que ela realmente precisava. Mas não conseguia afastar o que eu sentia quando estava perto dela. Ela era tão.. incrível.

Cheguei lá e encontrei Nicole na beira do lago, como sempre. A lua refletia seus cabelos. Ela tinha um presente ao seu lado.

-Advinha quem é? -coloquei as mãos tampando seus olhos.

-Hum...Brad Pitt?

-Pode ter certeza -rimos e ela me deu parabéns de novo.

-Então, o que é isso atrás de você?-perguntei para ela.

-Descubra você mesmo -ela me entregou o presente, embrulhado cuidadosamente.

Quando abri, encontrei um álbum de fotos de todos os nossos momentos nas últimas semanas..

-Isso é incrível! Obrigado, Nic.

Nós nos deitamos na grama apenas em silêncio. Faziamos isso as vezes. Me virei para ela. Seus olhos verdes me hipnotizavam. Tudo que eu queria era que o tempo parasse.


Notas Finais


Favoritem e comentem ❤ ajuda bastante


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...