História Never let me go - Capítulo 20


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hora de Aventura
Personagens Cake, CMO, Fionna, Guntelina, Marshall Lee, O Lich, Principe Chiclete, Príncipe de Fogo, Rainha Gelada
Tags Escolar, Gumlee, Hora De Aventura, Lemon, Yaoi
Exibições 327
Palavras 771
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Hentai, Lemon, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiii ^^ eu sei q eu demorei pra cacete pra postar, mas já fazia tanto tempo desde meu último lemon (q eu li ou escrevi) q eu tive um pouco de dificuldade ._. desculpa, de verdade!
Mas, para agradecer os 100 favoritos, aqui ven um lemon💜 e OBGGGG Ana-chan, te adoro💜✌

Capítulo 20 - Meu corpo no seu


Fanfic / Fanfiction Never let me go - Capítulo 20 - Meu corpo no seu

{Gumball}
Mais um dia se passava, e após conseguir o pedido de namoro do Marshool, devo admitir que nunca fiquei tão feliz.
Mas isso não significou um completo mar de rosas.
Parece que as aulas foram canceladas porque a diretora passava mal no hospital e tava sem vontade alguma de voltar para a escola e mandar nos professores.
E, além de não ter aula, eu ainda recebi uma caralhada de ligações por parte da família na manhã.
-Gumball, eu preciso que você venha morar comigo- Falou o pai em mais tom de autoridade do que súplica- Sei que você mora só e... - Mesmo sendo um ato de rebeldia, deixei o celular em cima da escrivaninha para ele falar com sí mesmo até cansar.
Depois dessa ligação, houve várias outras dos meus tios implorando para visitar a bunny, e como eu não podia já que eu morava em outra cidade e estava sem carona, tive de recusar as propostas.
E quando os minhas veias praticamente saiam da minha cabeça de tanta raiva, a campainha tocou.
Eu abri resmungando, mas precisei sorrir amarelo pra fingir que tava bem pra visita.
-Oi, Gumball- Cumprimentou Marshool com um olhar e sorriso malicioso- Você mora só, né?
Eu fiquei meio confuso no início, mas logo depois percebi sua intenção.
-Marshool, agora não dá. - Expliquei, mesmo com o desejo dele não cessando- Eu tive alguns problemas e a tensão do meu corpo está muito grande e...
-Cala a boca um segundo- Pediu Marshool impaciente lambendo os lábios- Eu posso muito bem aliviar essa tensão. - Com as últimas palavras, ele adentrou na casa e fechou a porta com um chute, já me empurrando em direção ao quarto.
-Marshool... - Tentei pedir para não faze-lo.
Mas eu já comentei que ele é a pessoa mais teimosa que já conheci?
Marshool me empurrou com força pra cama, tão sedento que parecia uma fera mal alimentada, bem diante de uma presa saborosa.
Ele se aproximou mais de mim, com um olhar excitante e sexy, um olhar que nunca tinha visto tomar conta dele. Ele estava tão submisso aos seus pensamentos sujos... Quem sou eu para nega-los?
Ele baba observando todas as partes do meu corpo com um almejo praticamente incontrolável, olhando com bastante atenção e parando em apenas um lugar, mas engole em seco e desvia o olhar, um tanto ruborizado.
-Gumball... Você tem certeza que quer fazer isso comigo?- Perguntou ainda olhando para a parede mais próxima.
Um sorriso malicioso surgiu no meu rosto, mas eu fingi estar zangado.
-Se você não fizer, eu faço- Mal ele pode perceber a malícia da frase, e eu já o havia jogado para debaixo de mim. - Preparado?
Ele assentiu com a cabeça, ainda um pouco nervoso.
Lambi os meus lábios com prazer, finalmente ele era meu. Só MEU.
Seu corpo... Seus lábios... Tudo me pertencia agora.
Sorri mais uma vez maliciosamente para ele, mas mal ele pode perceber, e sua camisa já saiu com um toque sexy, vulgar e rápido.
-Não mova um músculo- Alertei antes mesmo de ele tentar fugir.
Ele assentiu, embora seu nervosismo fosse notável.
-I-isso... Vai doer?- Perguntou ele observando-me lamber os dedos.
-Vai, mas eu vou cuidar de você- Assegurei-o pondo a mão dentro de sua cueca, procurando com cuidado seu íntimo.
Ao achar, comecei colocando meus dedos devagar, fazendo-o soltar alguns gemidos; alguns de dor, outros de prazer.
Tirei o restante de sua roupa enquanto beijava-o, fazendo seus gemidos cessarem por alguns minutos.
Ao ter tirado por completo, comecei a masturba-lo um pouco devagar, mas acelerando assim que consegui acostuma-lo.
Quando chegou perto de seu ápice, parei de fazer o movimento, e ouvi uma leve reclamação vindo dele.
-Não me provoque assim...- Pediu manhoso.
Lambi sua glande, o deixando mais duro do que já estava, se isso era possível.
Ele liberou seu sêmen, e eu engoli tudo, lambendo os lábios.
-Seu gosto é tão bom- Comentei pondo suas pernas em meus ombros.
-O que você...Ah!- Ele tentou começar a falar, mas eu o interrompi com uma estocada em seu íntimo, fazendo-o gritar de prazer- Mais...mais...- Pediu cada vez mais insistente, até ambos chegarem ao ápice. Seu sêmen sujou um pouco meu abdômen, mas com ajuda do meu dedo, consegui limpa-lo rapidamente.
Deitei ao seu lado, arfando e cansado igualmente a ele, que deu-me um sorriso.
Devolvi o ato e selei novamente nossos lábios. Nosso beijo não durou muito por conta da maldita falta de ar, mas eu tinha certeza que ambos estamos felizes com as testas encostadas depois de tudo aquilo.
-Eu te amo, Gumball- Falou ele com carinho.
-Eu te amo, Marshool.


Notas Finais


Entãoooo, espero que tenham gostado ^^
Eu queria agradecer de novo aos 100 favoritos, me deixou mtttt feliz! Eu juro q irei postar os caps regulamente como eu fazia, é só esse que demorou, juro :p
Amanhã começa o ritmo, então se preparem ^^/
Kissus com paçoca😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...