História Never Say Never - Capítulo 31


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ashley Benson, Chaz Somers, Christian Beadles, Justin Bieber, Khalil Sharieff, Lucy Hale, Ryan Butler, Selena Gomez
Personagens Ashley Benson, Chaz Somers, Christian Beadles, Justin Bieber, Khalil Sharief, Lucy Hale, Ryan Butler, Selena Gomez
Tags Alegria, Brigas, Romance, Tristeza
Exibições 110
Palavras 1.690
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Famí­lia, Festa, Ficção, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


°NOTAS FINAIS AMORES°







Boa Leitura ❣🙈

Capítulo 31 - :Indecisões:


Fanfic / Fanfiction Never Say Never - Capítulo 31 - :Indecisões:

P.O.V's Lucy Hale

Depois que henrique me fez aquela pequena ameaça eu sai de seu quarto pra ajudar minha mae no almoço. E assim que arrumamos as mesa estavamos agora sentados comendo.

– Então meus amores como foi o dia de vocês? – perguntou minha mae, Julie.

– Ótimo, não é maninho? – perguntei irônica.

– Claro.– disse ele me mandando um sorrisinho irônico.

– Fico feliz que estejam se dando bem meus filhos. – disse nosso pai, Preston.

– Aliás quando que você vai trazer a Ashley aqui filha estamos com saudades.– disse minha mãe.

– Também quero conhecer o  namorado dela, ela pode não ser nossa filha de sangue mais a consideramos como uma e desde de que ela veio pra cá com você me sinto responsável. – disse meu pai

– Ah ele não é grande coisa não vale a pena conhece-lo vão se descepcionar. – disse Henrique não deixando eu falar.

– Nossa ele é tão ruim assim? – perguntou minha mãe.

– Não mãe é que o Henrique e o Justin, esse é o nome dele, não se dão bem por que o Henrique gosta da Ashley e ela não e ele não aceita isso e fica com frescura no rabo.– disse.

– Cala boca garota, você é insuportável.!– disse Henrique.

– Eu calo a boca quando eu quiser quem é você pra manda em mim seu...! 

– Heeey ! – gritou meu pai me interrompendo. – Chega vocês, podemos almoçar civilizadamente por favor e conversar normalmente?.

– Desculpa. Eu posso ir pro meu quarto? – pediu Henrique ainda me encrando

– Claro meu filho. – disse meu pai.

 Ele pegou seu prato e o copo de suco ainda me encarando, indo em direção ao seu quarto e ouvi a porta bater forte.

Depois de uns minutos terminei de almoçar e como todos os dias tenho que tirar a mesa do almoço.

Passei em frente ao quarto do Henrique pensei em bater e conversar, afinal quem gosta de ficar brigado com o irmão? Mais quando já estava com as mãos na maçaneta pra gira-la e abrir, desisti. Ah ele que se foda, passei reto indo pro meu.

P.O.V's Ashley Benson

Ainda no meu quarto quando entrei e bati a porta me jogando de brusso na cama com a cara infiada no travesseiro.

Idadaí que eu tenho 18 anos? Já sou maior de idade e tenho muita responsabilidade.

Meu celular vibrou no meu bolso, virei de lado o peguei fiz minha senha e abri o Whatsapp revelando a mensagem de Lucy.

Whatsapp ON

L: – Meus país estão com saudades, topa da um pulo aqui em casa?

A: – Seu irmão vai está aí e não acho que seja uma boa ideia. Não estamos nos falando.

L: – Você nem vai reparar nele esta de birra até comigo. Ta um clima chato entre irmãos.

A: – O clima aqui também não esta nada bom ao meu ver, preciso sair um pouco mesmo.

L: – Será que o Justin vai deixar?

A: – Não preciso da permissão dele pra nada se eu quiser sair eu saio ele não pode me impedir.

L:– É isso aí gostei de ver migaah. Até então.

 Whatsapp OFF

Levantei da cama indo direto pro banheiro fazendo minhas higienes e em seguida tomar um banho rápido. Sai do mesmo indo até o closet vestindo um shorts jeans preto e um top cropped de manga longa e uma bota curta preta. Os cabelos soltos mesmo, sem maquiagem. Peguei minha jaqueta colocando no meu braço caso eu sentir frio, minha bolsa transversal com tachas douradas na lapela e alça de corrente, também dourada, colocando meu celular dentro.

Me admirava no espelho quando um ser entra pela porta e me viro pra olha-lo ele me olhava de cima a baixo com os olhos arregalados.

– Aonde você vai assim? – perguntou.

– Por que ta feito? – perguntei

– Não, ta linda mais ta curto.– disse ele.

– Obrigada.– fui em sua direção e o selei. – E eu vou sair.– disse.

– Pra onde você vai? – perguntou ele.

– Vou...– respirei bem fundo.– Na casa da Lucy, beijo Tchau amor. – O selei denovo indo em direção a porta pra sair do quarto mais Justin puxou meu braço me fazendo eu andar pra trás e olha-lo.

– Não vai não. – disse ele.

– Por que eu não posso ir? Você não manda em mim. – disse 

– Você esqueceu que ela tem um irmão que provavelmente vai estar lá e sabe que eu não gosto dele perto de você? – perguntou óbvio.

– Sim mais Justin, olha eu nem vou conversar com ele, nós não estamos nos falando e aliás eu vou ver a Lucy e os pais dela que faz tempo que não os vejo, confia em mim tá? – disse, ele me olhava nos olhos parecendo pensar.

– Okey mais eu vou te levar lá.– disse ele.

– Vai se arrumar então eu te espero, vai que você fica por lá.– disse.

– Ótimo assim vou poder vigiar tudo. – diz ele

– Pêra me você vai ficar me vigiando? – perguntei.

– Não você ele.– disse Justin

– Para com isso e vai logo.– disse ele assentiu e entrou no banheiro.

sentando na beira da cama abro o Whatsapp meu celular e mando uma mensagem pra Lucy.

Whatsapp ON

A: – Lucy, Justin vai comigo aí tem algum problema?

L: – Nenhum meus pais estavam querendo conhecer ele mesmo, citaram ele hoje no almoço.

A: – Menos mal. Migaah eu preciso que você me compre aquelas pilulas que previne gravidez.

L: – O que? Aí sei lá minha mãe diz que esse troço é perigoso.

A: – Se Justin vai me levar aí eu não vou pedir pra parar na farmácia por que na hora de comprar eu vou desistir.

L: – Tem certeza?

A: – Não, mais por favor faz isso pra mim Lucy.

L: – Okey tô indo lá.

Whatsapp OFF

 

 

P.O.V's Justin Bieber

Assim que saí do banheiro com a toalha na cintura fui em direção ao closet escolhendo uma roupa mais senti um olhar sobre mim me virei e Ashley me olhava de cima a baixo.

– Tira uma foto que dura mais baby.– disse  risonho vendo ela desviar seu olhar de mim.

– Ridículo. –  disse ela se levantando colocando o seu celular na bolsa de costas pra mim.

Me aproximei e a abraçei por trás afastando seu cabelo e depositando vários beijinhos em sua nuca sentindo ela se arrepiar por inteira.

– Você ainda ta brava comigo? – perguntei

– Tô.– disse ela – Saí Justin vai se arrumar logo.– tentava tirar meus braços em volta dela mais não conseguia até que desistiu pois eu sou mais forte que ela, claro. Se virou pra me olhar ainda estava abraçado com ela, colocou a sua mão esquerda na meu pescoço e depois acariciou meu rosto. – Vai logo colocar uma roupa por favor.– diz ela calma e lentamente.

– Agora eu vou, e quando chegarmos vamos ter uma conversa muito séria sobre isso.– disse a soltando e indo me vestir.

– Eu já entendi o que você quis dizer não se preocupe com isso.– disse ela.

– Não você não entendeu nada. – disse já no arrumado agora me olhando no espelho arrumando cabelo.– Vamos? – ela assentiu e assim saímos do quarto, saindo da mansão e agora dentro do carro.

– Sério nada de briga na casa dos pais da Lucy, por favor Justin.– disse ela.

– Prometo, to de boa hoje.– disse

– Ótimo. – sorriu ela.

Minutos depois já estamos na porta da casa da Lucy então descemos do carro.

 

 

P.O.V's Ashley Benson

Descemos do carro e fomos até a porta apertando a campahinha logo revelando Lucy.

– Migaah quanto tempo ! – disse ela e nos abraçamos.

– Lucy a gente se viu esses dias. – disse risonha.

– Tá não estraga entra logo vai. – disse Lucy e assim entrei admirando a casa é muito bonita. – Justin seu gostoso ! – ouvi Lucy gritar do lado de fora abraçando Justin que ria.

– Pelomenos alguém me acha gostoso.– disse Justin entrando com a Lucy.

– E quando foi que eu disse que você não era Bieber? – perguntei cruzando os braços 

– Você me chamou de Ridículo podia falar que eu tava gostoso naquela hora. – disse Justin, Lucy riu com os braços apoiados nos ombros de Justin. Revirei os olhos sentando no sofá.

– Quem é gostoso? – perguntou Chris saindo do Além.

– Chris ! – levantei do sofá rapidamente o abraçando forte.– Não sabia que viria.

– Também te adoro loira, mais pode me soltar. – disse Chris e eu ri.

– Desculpa. – disse o soltando.

– Menos demonstração de carinho por favor? Obrigada. – disse Justin. Rimos

– Então esse é o famoso Justin Bieber? – disse o pai de Lucy acompanhado de sua mãe. 

O Sr.Preston estendeu sua mão para Justin o mesmo apertou sua mão e ambos sorriram.

A mãe de Lucy o comprimentou e logo em seguida eu, estava com saudade deles.

– Então Justin que tal uma servejinha? – disse o pai da Lucy.

– Pai ! – disse Lucy chamando a atenção de seu pai.

– Deixa eles filha eu vou ficar de olho. – a mãe de Lucy piscou pra gente e rimos despreocupadas e foram pra cozinha, também o Chris.

Lucy me levou até seu quarto e sentamos na cama e começamos a conversar.

– Então eu comprei o que você pediu.– ela se levantou tirando uma sacola branca dentro da gaveta se sentando novamente a minha frente. 

– Ótimo. – disse. 

Olhei dentro da sacola cheio de comprimidos anticoncepcional e tals.

– Ashley tem certeza? – perguntou Lucy

– Nossa você fala isso como se isso fosse me matar. – disse

– E vai se você não consultar um médico antes isso pode te fazer mal.– disse Lucy.

– Amiga relaxa ta legal? Eu vou tomar como Justin quer, eu não vou engravidar e vai ficar tudo bem.– disse tentando cconvence-la.

– Okey, vai tomar agora? – perguntou ela

– Sim, quanto mais cedo melhor. – disse

– Tá eu vou buscar um copo d'agua pra você.– disse Lucy saindo do quarto e eu levantei da cama andando de um lado pro outro, pensando no que realmente eu deveria fazer. – Aqui toma.– Lucy entra e me entrega o copo de agua, logo tira da sacola uma cartela de comprimido e eu abro a mão e Lucy deposita um na palma da minha mão. – Vai em frente, mais eu ainda acho que é um erro ainda da tempo de ir ao medico e fazer tudo direito.

– Não se... Preocupe.– disse fechando a mão pensando se isso era a coisa certa a fazer.

 

 

 

°Notinhas finais° 


Notas Finais


Eai me digam o que ela deve fazer.
Ela não toma e deixa rolar? Ou ela toma e acaba com isso de uma vez? 🍃
Me dêem idéias 😉👌



Espero que tenham gostado amores. 😊
Não esqueçam de favoritar e deixar seu comentário, ajuda muito. 😃
Sua opinião é muito importante pra mim.
Bjs.😙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...