História New Directions - Destiel AU - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Supernatural
Personagens Balthazar, Bobby Singer, Castiel, Charlene "Charlie" Bradbury, Chuck Shurley, Crowley, Dean Winchester, Ellen Harvelle, Gabriel, Hannah, Jo Harvelle, Jody Mills, Lúcifer, Meg Masters, Ruby, Sam Winchester, Samandriel
Tags Destiel, Romance, Universo Alternativo, Yaoi
Exibições 44
Palavras 1.885
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Fantasia, Ficção, Fluffy, Hentai, Lemon, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Sobrenatural, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oiii amorzinhos da Tia Vicky ❤
Depois de todo esse tempo gostaria imensamente de agradecer todos os novos favoritos, vocês estão no meu coraçãozinho para sempre.
Sobre o capítulo de hoje só tenho a acrescentar que pode estar um pouco pombo, que provavelmente terá erros de português e que eu o dividi em duas partes.
Não esqueçam de comentar o que vocês não estão gostando/ não entendo.
Bjs e até as notas finais.

Capítulo 4 - Smile 1.0


Setembro, quinta-feira - 15:23
- Dean Winchester, pode vir.
 O professor Chuck Shurley, diretor do coral, chama mais um nome no cansativo teste para o musical.
  Apavorado, Dean sobe ao palco do auditório criando coragem e repetindo aquele mesmo mantra - Eu sei a letra da música. Eu sei a letra da música. Eu sei a letra da música. - As esmeraldas estavam completamente abertas dando ao garoto um ar de pânico.
- Oi Dean - O Sr. Shurley estava sentado descansadamente na cadeira da direção com um olhar incentivador. - Não esperava te ver aqui, qual papael você vai querer?
- Ahhhh... Oi professor - Dean parou de falar para dar um sorriso falso - Eu vim me apresentar para o papel de Eddie, eu vou cantar... - Abrindo um papel tirado do bolso - 
Whatever happened to Saturday night?
- Tudo bem Dean, vamos ver o que você tem, a Brendha vai te acompanhar no piano.
 Ele fecha os olhos por um instante e pensa nos verdadeiros motivos de estar aqui. Seus amigos precisam ser salvos da prisão de Metatron. Respirando fundo começa timidamente a canção escolhida, ele olha pra plateia e a princípio não vê ninguém, até que encontra dois pares de olhos no fundo da sala desconhecida. Sam e Castiel o fitam sorrindo e acenando, a música ficando intensa e animada e Dean consegue sentir no ar a presença silenciosa do seu irmão e do seu melhor amigo, começando a ficar empolgado o suficiente para sorrir e não desafinar no refrão.
  
"A saxophone was blowing on a Rock and Roll show
We climbed in the back seat, really had a good time
Hot patootie, bless my soul
Really love that Rock and Roll"

As três pessoas que estavam no local ficaram impressionadas com o talento escondido do moço marrento, Dean terminou de cantar arrancando palmas e suspiros da garota ao piano, ele jogou uma piscadinha e um tiro com a mão a pianista e saiu do auditório, sendo recepcionado pelo abraço de seu irmão. 
 Atrás de Sam, Castiel repousava uma perna na parede e a outra no chão, apenas assistindo a cena de família e sorrindo timidamente para os dois enquanto trocam amabilidades. O Winchester mais novo é chamado por uma moça loira de cabelos cacheados e deixa os dois amigos sozinhos em um silêncio contrangedor.
- E ai Cass
- Oi Dean
- Que ta fazendo parado ai me olhando?
- To tentando criar coragem pra falar com você. - O moreno fala em tom de ironia e Dean entra na brincadeira indo até a parede e ficando na mesma posição estranha com as pernas. - Até por que agora você é o grande Dean Winchester ator do musical da escola.
- Mas Cas, o resultado dos testes ainda não saiu.
- Eu sei Dean, mas você vai conseguir o papael, eu conheço meu pai.
- O Sr. Shurley? Eu Deveria ter imaginado, haha. Eu realmente vou esperar pra ver o resultado por que não tenho essa mesma confiança em mim.
 Os dois escorados na parede trocam olhares envergonhados, com o rosto vermelho Dean quebra o contato visual saindo daquele transe onde os meninos se encontravam e começa a caminhar.
- Hey Dean! 
- Sim.
- Te vejo amanhã no almoço. 
- Ta bom. - abrindo um grande sorriso - a gente se vê, e obrigado por ir me assistir, obrigado mesmo.
- De nada Dean, foi um prazer. - corando novamente - Você foi muito bem.

                  ***
 Sexta-feira, 05:47
  Nada mudou naquela semana para Dean. Todos os dias ele acordava cedo e ia direto pro chuveiro, porque ficar na cama não melhorava sua vida em nada. Não que ele tivesse uma vida ruim, apesar das circunstâncias ele agradecia por não estar em uma situação pior, mas a saudade de ser caçador estava o deixando revoltado. Rezar pra Metatron não adiantava mais, e o garoto sabia que cantar no musical da escola seria só o começo de coisas piores que viriam pela frente.
  Depois do encontro com Jo eles meio que viraram namorados. Meio porque Dean nunca pediu ela em namoro, e a moça começou a visitar o seu quarto todos os dias depois das seis da tarde, eles namoravam e as sete em ponto ela voltava ao seu quarto e isso definitivamente não era ruim.
  - E se eu não passar no teste hoje? - Falou a si mesmo no box.
 A questão toda é que o menino estava nervoso e tudo parecia ruim. Ele saiu do banheiro ja vestido e arrumado, pegou a mochila que estava na cadeira da escrivaninha e saiu do prédio dos dormitórios. Não tinha ninguém no pátio do campus essa hora, a não ser um casal se beijando ferozmente em um banco mais escondido. 
 O tempo estava ameno e o pequeno Sam estava sentado nas distantes arquibancadas da pista de corrida, o relacionamento com o seu irmão não estava dos melhores, pensou Dean, subindo as escadas que davam acesso aos bancos numerados onde o irmão estava.
- Oi. - o mais velho causou um pequeno susto em Sam.
- Oi Dean. - disse sorrindo pequeno - Caiu da cama hoje? Não são nem sete horas.
- Eu ando acordando cedo esses dias. - Dean estava sorrindo visívelmente preocupado, uma grande pausa se fez presente - Você não está bem, não é? 
- Como você percebeu?
- Eu te conheço desde que você tinha 0 anos, esqueceu? Eu te criei sozinho depois que o pai começou a caçar.
- Caçar? Dean, olha pra mim. - Sammy não estava acreditando no que estava ouvindo - Nosso pai morreu com a mãe já faz uns dez anos em um acidente de carro.
 Os olhos verdes assustados deixaram escapar uma lágrima. Então foi assim que meus pais morreram nesse mundo, pensou o loiro. 
- Dean...eu pensei que você tinha superado isso, meu irmão.
 O mais velho se sentou do lado do garotinho, as lágrimas brotavam com facilidade e o caçula abraçou como pode a sua única família, e aquela conceção antiga que os irmãos Winchesters tinham se instaurou no ar, tirando aos poucos o topor da mente de Sam.
- DEAN QUE PORRA É ESSA!!! 
Saindo do seu estado choroso, ele olhou para o irmão furioso.
- Que foi? Não estou entendendo Sammy
- EU VOU MATAR AQUELE ANJO DESGRAÇADO! 15 anos Dean? Que merda é essa que esta acontecendo aqui? Que lugar é esse? 
 Do choro a alegria, e que alegria. Sem entender nada o caçula fica sem reação enquanto o mais velho começa a examina-lo estranhamente, com uma cara babaca no rosto. - Dean, da pra você me falar alguma coisa, por que não sei se você notou, EU AINDA TENHO QUINZE ANOS E SOU UM NANICO!
- Calma cara, relaxa.
- Como é que eu vou relaxar? Eu quero meu corpo de volta!
- O Metatron nos trouxe pra cá pra ele poder escrever um livro idiota, e está me lançando desafios pra que eu tente tirar a gente daqui. Satisfeito? - Sam ficou em silencio, olhou pra baixo e o encarou mais uma vez, estava ventando muito e ele fechou o ziper do casaco escuro. - E agora você sabe de tudo, todos os nossos amigos, e também os inimigos, estão aqui com as mesmas espinhas na cara que nós. Eu estou tentando todos os dias arrumar uma solução pro nosso problema, mas agora você vai pegar a sua mochila e ir pra aula, nós estamos aqui a quase uma hora.
- Tudo bem. 
- Tudo bem mesmo Sammy? Porque você ainda está chateado. - Deano fala com toda a calma que pode - Olha só mano, aqui os demônios estão humanos, não adianta ir na capela pegar água benta e jogar neles. Quando você sair para o intervalo me encontre pra eu te contar os detalhes.
- Ta. - O garotinho pega sua mochila e sai andando, o outro tenta segui-lo mas o mesmo rebate. - Não precisa me seguir, eu sei me virar.
                       *** 
                    POV Dean
 Estavamos na aula de filosofia do professor Uriel, Benny e eu jogavamos bolinhas de papel toda a vez que o professor se virava para escrever no quadro branco quando a Diretora Mills apareceu na porta da sala.
- Professor, com licença.
- Sim, Srt. Mills, em que posso ser util? - A cara de desprezo do homem dava pra ver de longe. 
- Eu gostaria de levar o Sr. Winchester comigo.
Pode vir querido. - apontando pra mim - Vamos?
 Uriel revirou os olhos e continuou sua aula e eu acompanhei a diretora até o corredor principal da escola, ela me mostra um mural e me deixa sozinho.
       Supernatural Rocky Horror Show
Frank N Furter: Lucífer
Riff Riff:  Balthazar
Magenta: Meg 
Janet: Joanna
Bread: Gabriel
Eddie: Dean
Dr. Scot: Benny
Criminologista: Crowley
Betty: Charlie
Rocky: Castiel

Parabéns por ter passado no teste Deano, de presente liberei seu irmão das minhas garras. #Dramático
O seu segundo desafio será muito mais dificil: Eu quero que você comece a lidar com a sua bissexualidade, por que o B em "LGBT" não é bolacha querido, e se você acha que me engana com essa sua pose de macho você está muito enganado. Entre no clube glee e cante sobre isso, você nem precisa se assumir #Bonzinho, apenas reflita.
Beijos do seu Deus grandioso e magnífico.

- Fudeu! - olhei novamente para ver se o que estava lendo era real, passei a mão sobre o papel e fechei os olhos pra poder me concentrar melhor, o recado já não estava lá, apenas um aviso sobre os horários dos ensaios. Balancei a minha cabeça e me tranquilizei, por que afinal aquilo tudo só podia ser uma ilusão da minha mente. - Isso não está acontecendo, isso não está acontecendo.
  Caminhei o mais rápido que pude pela escola, eu só tinha de que dar uma volta e esfriar a cabeça, ir pro meu quarto dormir, qualquer coisa que eu pudesse esquecer toda essa merda, quando aconteceu tudo o que eu temia. 
 Os cartazes de torcida da escola me diziam para "sair do armário" , as listas de recrutamento dos clubes tinham um grande "É só uma musica, Dean", e foi ai que eu percebi que não tinha saída, tudo começou a girar ao meu redor e meus passos foram ficando cada vez mais lentos.
 Uma linda melodia começou a ressonar nos meus ouvidos, uma melancólica música com incríveis vozes cantando, e eu seguindo o rastro musical acabei sendo levado a sala que seria a minha perdição por um bom tempo. Sam, Gabriel, Balthazar, Lucífer e Benny estavam na primeira fila do palco imprivisado acompanhados por Charlie, Jo, Ruby e Hanna que estavam na parte mais alta, Meg dedilhava o violão suavemente quando eu vi aquele rosto do sorriso mais sincero e bonito que eu poderia ver hoje, Castiel ao piano fechava os olhos e se entregava de coração e alma ao que tocava e aqueles sentimentos da minha vida adulta começaram a me torturar novamente.

 That's the time you must keep on trying
Smile, what's the use of crying?
You'll find that life is still worthwhile
If you'll just smile.

 
 E começo a sentir de novo essa "coisa" pelo Castiel, e juro que se eu pudesse arrancar do meu peito eu o faria.
 

 

 


Notas Finais


Não matem o Dean gentemmm 😂😂
Sobre vocês não saberem quem é quem no musical: no próximo capítulo vai ter foto explicativa.
Músicas do Capítulo de hoje:
1. https://youtu.be/qX_nx-AOQaM
2. https://youtu.be/NasGQ85RB0k

Não posso deixar de agradecer o povo do grupo mais cheiroso do mundo: Destiel Heaven ❤ Clica aqui em baixo para entrar e bater um papinho esperto conosco
https://chat.whatsapp.com/6MqLvERFgUD6Dpk2f3HSRd

Curta a página Destiel Heaven e nos ajude a chegar a 50 likes, vamos mostrar pro mundo que o nosso ship tem força 💪
https://m.facebook.com/DestielHeaven

Bjos e até a próxima 😍


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...