História New Perspective ( Hiatus ) - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Romance, Suspense, Taekook, Terror, Vkook
Visualizações 170
Palavras 1.610
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Lemon, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpe pelos erros e boa leitura!
💚

Capítulo 14 - What I'm doing?



-- M-Me desculpa ... Eu ... eu não sabia que voc ...  -Tentou argumentar mas o cortei.

-- Tudo bem, por que está tão nervoso? Nunca viu um cara se trocar no vestiário da escola? Questionei rindo,o nervosismo do mesmo era hilário.

-- Não! Não! Eu juro que não,nunca fiz isso não. Respondeu desesperado o que me foi meio suspeito. Coloquei a camiseta enquanto o mesmo se virava para eu poder me trocar.

-- Você estuda há anos e nunca foi em um vestiário? Questionei ao terminar de colocar uma calça preta. As vestimentas desse local são estranhas até agora só vi pessoas de preto,bizarro.

-- Na verdade eu ... só estudo em uma escola normal há um ano. Respondeu-me enquanto sentava-se em "sua" cama,logo pegando um travesseiro e o  colocando no colo.

-- Como assim há um ano? Questionei já  sentando-me em "minha" cama de frente ao avermelhado. Pelo jeito teria que conviver com ele, era melhor que fôssemos pelo menos conhecidos. Pra isso teria que  saber algumas coisas sobre ele.

-- Eu estudava em casa até meus quinze anos,fiz uma prova para entrar no nosso colégio,porém como estava quase no final do ano acharam melhor eu só começar a estudar no segundo ano e diante. Explicou, ele parecia nervoso, suas bochechas estavam um pouco coradas,realmente hilário. Agora eu sei por que ele não falava com ninguém além de Jimin, ele é extremamente tímido.- E-E você?- Questionou-me com um olhar curioso.

-- Eu morava em outra cidade,mas ... coisas aconteceram e tive que mudar. Moro lá desde meus doze anos. Comentei desconfortável,não iria contar toda a verdade pra ele.

-- Ah, e ... - Ele pareceu pensar um pouco mais- E por que você não ... não fala com ninguém? - Questionou, ele ficou pensando se deveria ou não me perguntar por que eu só falo  com o Jimin?- Mas só se quiser falar. Completou,acabei de perceber que Kim Taehyung é uma pessoa extremamente estranha.

-- Eu não gosto de fazer muitas amizades e ninguém me pareceu interessante o suficiente pra puxar papo. - Okay, isso não era mentira,mas também não era toda a verdade.

-- Ah ... entendi. O mesmo comentou com desânimo,acabei de notar que talvez eu tenha sido um pouco mal educado. Mas o que é que eu posso fazer,nem a amizade de Jimin eu queria.

-- E você,por que é sempre tão na sua? - Questionei o avermelhado que apareceu refletir um pouco.

-- Eu não sei, só ... só gosto de ficar quieto em um canto e as pessoas daquela escola parecem ter discriminação com pessoas que nascem com uma cor de cabelo diferente.

-- Taehyung ... não é por nada não,mas seu cabelo é vermelho. Tipo vermelho, cor de sangue, um vermelho bem vivo. Algumas pessoas acham estranho até quando pintam,mas o seu é natural. Então ... -Fui interrompido pelo mesmo.

-- Você tá querendo dizer que eu sou anormal? - Ele perguntou com um tom de decepção.

-- Sim. Você é extremamente anormal,ninguém tem um cabelo que nem o seu- Disse e ele ficou com uma expressão magoada.- Mas, pense pelo lado bom. Você é praticamente único,não tem ninguém que nem você. - Argumentei lhe lançando meu melhor sorriso que foi recompensado por um do avermelhado. Era meio quadrado,ele realmente era uma pessoa fora do comum. Parecia realmente fofo, com uma aparência acima das demais e com um sorriso quadrado que lhe dava um ar inocente. - E pra falar a verdade vermelho é minha cor favorita. -Disse por fim, aquela última frase parece que foi uma frase motivacional já que Taehyung pareceu se animar com isso.

-- Jeo ... - Foi interrompido pelo barulho da porta do quarto sendo aberta nos dando a visão de Yoongi acompanhado de uma garota que sorriu para o Kim, tal sorriso que logo se alargou ao ter um sorriso tímido em resposta vindo de  Taehyung.

-- Vejo que já se acomodaram,não é mesmo? - Comentou Yoongi enquanto dava espaço para a tal garota entrar no quarto.

-- Olá, Jeon - Ela disse direcionando-me um sorriso que retribui na má vontade. Ela não me parecia confiável. - Taehy - Cumprimentou a garota abrindo outro sorriso para o avermelhado.

--Ayumi. Disse o Kim.


-- Bom,eu trouxe a Ayumi  aqui por que ela precisa do colar,Jeon. Comentou Yoongi escorando-se no batente da porta.

-- Ah, tome. Disse lhe entregando, logo o Kim desapareceu. Era realmente estranho ver isso acontecendo.

-- Taehy, estarei te levando para minha sala,precisarei fazer uma conjuração para te ajudar a fortalecer seu espírito. Ela disse como se o mesmo pudesse escutá-la. Ela saiu rapidamente do recinto á passos largos.

-- Jeon, eu terei que te explicar algumas coisas ainda. Comentou Yoongi sentando-se no lugar onde minutos atrás se encontrava o ruivo.

-- Ah, de novo não. Não vou a lugar nenhum com você,eu quase morri. - Já avisei o descolorido que fez uma careta.

-- Você quase morreu por não aguentar correr. -Argumentou, eu não vou cair nessa,não mesmo.

--Yoongi, fala logo o que você quer.- Disse já impaciente.

-- Amanhã nós vamos te mandar de volta. Só que sem o Taehyung. Lá você irá encontrar um pessoal da nossa sede no seu plano ou seja pessoas vivas. Ayumi irá fazer um feitiço para firmar a alma dele aqui para poder treiná-lo,mas não tire o colar em hipótese alguma. Você irá conhecer outros Gillnesh's que treinaram o seu físico.- Explicou o descolorido.

-- Ahm,tudo bem ... eu acho. - Seria estranho, não ver o avermelhado me seguindo ele passou quase um mês fazendo tal ato,acho que já me acostumei.

-- Ótimo! Quero te apresentar ao pessoal. - Disse com mais um dos seus típicos  sorrisos gengivais. Eu o conheço faz pouco tempo,mas já deu pra notar que ele não perde a oportunidade de sorrir,as vezes sorrisos aterrorizantes,outras dóceis,coisa que ele não é, já que quase me deixou pra morrer por criaturas que se alimentam de medo.

《°○°☆°○°》

Havia se passado um bom tempo, conheci o "pessoal" que Yoongi mencionará,eles são pessoas realmente legais.

Apesar de que todos parecem assassinos profissionais que arremessam facas de um lado pro outro da mesa em que estávamos comendo apenas para cortar uma maçã,eles são pessoas engraçadas.

Vi mais uma das brincadeiras de Nam que descobri ser um apelido de Namjoon fez com o descolorido que todos chamam de Suga devido á sua pele branca e sorriso doce,mas de doce ele não tem nada. Disso eu tenho certeza. Ele é um sádico.

Conversei com algumas pessoas que  puxaram assunto comigo,nada além de respostas curtas.

O avermelhado apareceu quase no final da refeição e se sentou ao lado da garota que o levou do "nosso" quarto. Ele não me olhou em nenhum momento, é realmente estranho conversar e vê-lo desta maneira fora de seu transe. Namjoon me explicou que Taehyung estava sendo controlado para que me perseguisse e me protegesse. Não entendi muito bem,mas concordei com a cabeça enquanto ele explicava.

《°○°☆°○°》

Estava sentado em minha cama, comendo algo que não sabia o nome,mas que era realmente bom,tinha sobrado um pouco e eu não hesitei em assaltar a geladeira da cozinha,que por sinal foi um dos únicos lugares que decorei onde fica. Estava tudo indo tranquilamente bem.

--Jungkook?- Ouvi sua voz rouca pelo sono me chamar.

-- Sim? -Questionei enquanto colocava mais um pedaço em minha boca logo começando a mastigar.

-- O que você tá fazendo?- Questionou já sentando em sua cama. Taehyung estava com a cara um pouco inchada, com os cabelos desgrenhados o que lhe  dava uma aparência bem bonita para falar a verdade, usava vestimentas pretas assim como as minhas,porém as dele ficaram alguns números acima lhe dando uma aparecia fofa ao meu ver.

-- Comendo. - Lhe respondi, no mesmo momento os olhos do ruivo pareciam ter arregalado, ele olhou para o prato em meu colo e ficou encarando-o fixamente.

-- Quer um pouco?-Questionei enquanto pegava mais um pouquinho do alimento.

-- Quero, parece ser delicioso. -Comentou enquanto tirava os cobertores de cima de seu corpo,logo caminhando em minha direção. 


-- Eu não sei o que é,mas tem um gosto muito bom. Comentei enquanto lhe entregava o prato, ele sentou ao meu lado na cama comendo juntamente a mim uma comida desconhecida. Okay, se tivesse veneno naquilo os dois  morreriam com sorriso no rosto por que aquilo tinha um gosto espetacular.

Ficamos comendo até sobrar um pequeno pedaço. Eu tentei pegar mais o Kim estava com o prato e esticou o braço, comecei a tentei pegar mesmo assim. Aquilo era viciante,realmente bom.  Após algumas brigas e uma batida na mão que dei no avermelhado o prato caiu no chão fazendo um enorme estrondo pelo quarto. Cai em cima do mesmo que já se encontrava deitado em minha cama.

Para não machucá-lo apoiei meus cotovelos na cama me sustentando. O olhei fixamente suas orbes antes negras pela hipnose não estavam mais presentes, seus olhos escuros estavam olhando fixamente para mim. Passei meu olhar pela sua face simétrica admirando cada mínimo detalhe. Ele era realmente bonito e sua cor de cabelo lhe caia bem. Voltei minha atenção para seus olhos que estavam fixos em minha boca,mordi meu lábio inferior para confirmar se estava certo. Logo tendo a certeza pelo reflexo do mesmo que inconscientemente mordeu os seus também.

-- Taehyung. - Tentei chamar sua atenção, tentativa falha já que o mesmo ainda encarava minha boca tendo apenas um aceno em resposta ao meu chamado.

-- Você já beijou alguém?- Tive um aceno em negativa vindo do ruivo,logo suas bochechas ganharam um tom avermelhado,ele estava com vergonha. -- E ... - Talvez eu me arrepende-se do que iria perguntar,mas ... - E ... gostaria de beijar? - Perguntei por fim logo tendo seus olhos fixos ao meu novamente. 


Notas Finais


Comentem o que acharam desse capítulo!

Amo todos vocês!
Beijos ^3^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...