História New student new love - Park Jimin - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Bts, Hoseok, Imagine, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Namjoon, Rap Moster, Seokjin, Suga, Taehyung, Você, Yoongi
Visualizações 15
Palavras 1.257
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Famí­lia, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Eai amoras tudo blz?
Então, hoje eu trouxe mais um capitulo dessa história, que eu acho que vocês não gostam! ;--;
Eu tive um certo bloqueio de criatividade;--;
Mas eu tô me esforçando pra não ficar tão bosta assim!
Espero que gostem desse capitulo!

LEIAM AS NOTAS FINAIS!!!!!!!!!!!! <----------


♣B.O.A.L.E.I.T.U.R.A♠

Capítulo 10 - Capitulo 9 "Jinkook"


Fanfic / Fanfiction New student new love - Park Jimin - Capítulo 10 - Capitulo 9 "Jinkook"

Até que tudo ficou escuro. O Jin pulou no meu colo, e me abraçou muito forte. Ele deu um grito, na verdade um berro, que eu não contive a gargalhada.

Jin - ei! Não ri de mim!    Ele fala dando tapas no meu braço

Eu - ai, ai, ai, pra que agredir?! Não tem necessidade isso!

Jin - tem sim!    Ele para de me bater, e continua me abraçando

Eu - eu vou lá pegar uma lanterna, ja volto.

Jin agarra minha mão e me puxa para perto dele, eu acabo caindo em seu colo. Eu sinto minhas bochechas arderem.

Jin - de-desculpa e...e...e que, eu tenho me-medo do escuro.

Eu seguro sua mão e me levanto com o mesmo

Eu - então vem comigo, Ok? Não precisa ficar com medo, eu to aqui.   Sussurro no ouvido do mesmo, e sinto o mesmo se arrepiar.

Jin - o-ok!

Sem soltar sua mão, o levo comigo. Subo as escadas com um pouco de dificuldade, ando pelos corredores, até chegar no quarto. Entro no mesmo, junto com Jin, e vou até as gavetas debaixo da minha cama. Procuro na primeira e não acho nada, procuro na segunda e também não acho nada, procuro na ultima e não acho nada, então procuro mais para o fundo e acho uma lanterna.

Eu - ACHEI!!!

Jin se assusta com meu grito

Jin - AI! PRECISA GRITAR?!! DESGRAÇA!!

Eu - nossa!!

Jin - foda-se!

Eu - pra que essa agressão verbal?!

Jin - desculpa, mas você tem que aprender a não gritar né criatura?!

Eu ligo  lanterna, e posso ver seu rosto corado, provavelmente de raiva. Nos observamos por alguns segundos. Resolvo chegar mas perto de seu rosto, nossas respirações se misturam, e ele me olha com desejo. Seu olha percorre por minha face, ate parar na minha.....boca? Será que devo beija-lo? 

Eu - Jin...

Jin - o que?   Ele fala parando de olhar meus lábios e se sentando em minha cama, eu me junto a ele, e o olho nos olhos.

Eu - você poderia me contar mais sobre você?

Jin - primeiro me conte sobre você, eu não sei quase nada.

Eu - esta bem...

Jin - pode começar!

Eu - bom, eu tenho 16 anos, sou novo no seu colégio, e sou irmão do Park Jimin, um aluno que também é do seu colégio. Eu vivia com meus pais na Coréia, mais nos mudamos para Tokyo, eu e meu irmão morávamos com meus pais, mais eu tinha um segredo, eu nunca contei a eles que era gay. Então um dia eu contei a eles. Nesse mesmo dia meu pai ficou com nojo de mim e disse que não queria um filho gay em casa. Mais minha mãe odiou a ideia de me expulsar, então ela o expulsou de casa, porque ela não jogaria o próprio filho para fora de casa. Mas eu e meu irmão estávamos decididos, queríamos ir embora daquela casa, não queríamos depender de ninguém, queríamos ter nossa própria vida. Então eu achei um trabalho de garçom em um restaurante famoso, e meu irmão trabalha em uma boate muito dahora como barman. Nos recebemos muito bem, e nos sustentamos assim. Eu tinha um namorado chamado Mark, mas ele me largou em pleno dia dos namorados. Meu irmão comprou esse apartamento, e des de sempre moramos aqui. 

Jin - entendi...

Eu - e você?

Jin - eu já contei pra você esqueceu?

Eu - só isso?

Jin - minha vida não é um conto de fadas!!

Eu - desculpa, desculpa, perdão, perdão!    Levantei as mãos em sinal de rendição

Eu me aproximei de Jin e olhei em seus olhos. Ele cora com o meu olhar sobre o mesmo. Seu olhar desce até meus lábios.

Eu - eu sei que te conheci hoje, mas oque eu sinto por você é mais que uma grande amizade.

Jin cora violentamente com tal confissão vindo de mim. eu chego perto do mesmo e ele olha meus lábios novamente.

Jin - eu...eu te amo Kookie.    Ele fala, ainda muito corado

Eu sorrio, e o beijo. Ele sede de imediato. O beijo é calmo e apaixonado. Eu começo a aprofundar o beijo, o puxando para mais perto de mim. Ele me deitou na cama e subiu em sima de mim. Ele começa a rebolar em meu membro, me fazendo arfar. Fomos interrompidos pela luz que acabou de voltar.

Eu - finalmente...quer continuar onde paramos?

Jin - quero.

Sorrio com sua resposta, e ele volta a me beijar e a rebolar em meu membro. Eu, em um ato rápido, troco nossas posições ficando por cima. Começo a dar beijos e chupões(não sei escrever ;--;) em seu pescoço, ele começa a arfar e soltar pequenos gemidos abafados. Tiro o moletom que o emprestei, de seu corpo, e o jogo longe. Começo a dar beijos pelo seu abdômen. Passo a lingua em um de seus mamilos (tô rindo muito escrevendo isso kkkk😂😂😂) enquando belisco e massageio o outro, ele geme manhoso e as vezes abafado. Desso meus beijos ate a barra da bermuda que o mesmo esta usando, e a tiro, o deixando só de box. Fito seu membro ja ereto por baixo do fino tecido de sua box. Começo a massagear seu membro por sima da box, o mesmo geme manhoso, me deixando louco. Tiro sua box, fazendo o membro do mesmo saltar para fora. Toco com o polegar em sua glande o fazendo arfar. Começo lamber a sua glande, e o mesmo geme manhoso. Em um ato rápido abocanho o seu membro, fazendo movimentos lentos, de sima e baixo.

Jin - Aah Ko-Kookie aawnn ma-mais ra-rapido aahnn!

Eu - é Daddy, Babyboy.

Continuo com os movimentos

Jin - aahnn ma-mais...aah ra-rapido Da-Daddy... Aawnn...po-por favor...aah.

Eu - claro Babyboy.

Começo a ir mais rápido, o fazendo gemer alto. No quarto só se ouvia os gemidos de Jin, e os sons eróticos que fazia enquando o chupava. 

Jin - Da-Daddy...eu...eu vo-vou...aahnn.   

Ates de ele terminar de falar, ele goza em minha boca. Eu engulo todo o líquido em minha boca.

Eu - seu gosto é maravilhoso Babyboy.

Ele cora com meu comentário.

Jin - minha vez, Daddy.

Ele troca as posições, ficando por cima. Ele tira a minha blusa, e depois tira minha bermuda. Ele observa a minha ereção sorrindo malicioso. Posso ver desejo e luxuria em seus olhos. Ele tira a minha box, e começa a chupar meu membro (cara tô rindo muito escrevendo essa porra kkk). Eu começo a gemer alto, quando o mesmo acelera os movimentos. 

Eu - Jin..e-eu...aah...vo-vou.

Jin - goza pra mim Daddy.

O mesmo fala, e continua me chupando. Logo eu gozo em sua boca, e o mesmo engole tudo. Troco as posições, ficando por cima.

Jin - Kookie...e-eu sou...

Eu - eu sei amor, eu não vou te machucar, não se preocupe.

Jin - tudo bem.

Eu me posiciono em sua entrada, e logo o penetro, fazendo o mesmo gemer de dor. Quando penetrou meu membro por inteiro, espero o mesmo se "acostumar". Ele rebola avisando que já posso começar. Começo a dar estocadas lentas, e o mesmo começa a gemer alto.

Jin - AAHH DADDY....aahnn.

Eu acertei o ponto de prazer do mesmo (não sei como vocês chamam essa porra). Comecei a estocar forte e só naquele ponto, fazendo o mesmo gemer alto e manhoso.

Jin - ma-mais...ra-rapido... Daddy.

Eu - como quiser Babyboy.

Começo a o estocar forte. 7 estocadas, 12 estocadas, 20 estocadas, 32 estocadas, e o mesmo goza. Eu dou mas 30 estocada, e o preencho com meu líquido. Deitamos, já ofegantes.

Eu - melhor agente tomar banho uh?

Jin - tem razão.

Nos fomos tomar banho, não rolou nada alem de beijos. Vesti um moletom branco e uma bermuda cinza. Eu emprestei para o Jin uma blusa branca, e uma bermuda vermelha.

Nos fomos para meu quarto, deitamos em minha cama, nos cobrimos como os lençóis, e dormimos.


Continua...


Notas Finais


VOCÊS QUEREM?
Vocês gostariam de uma fanfic de Jinkook?
Então foi isso, desculpem se demorei a postar kkkk, eu ia postar a horas atrás, mais eu to assistindo Netflix enquanto escrevo kkkk

Obrigada a quem favoritou!!!
Bjs, abraços e byee ❤♥❤♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...