História New student new love - Park Jimin - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Bts, Hoseok, Imagine, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Namjoon, Rap Moster, Seokjin, Suga, Taehyung, Você, Yoongi
Visualizações 21
Palavras 1.936
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Famí­lia, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Eai amoras tudo bem?
Bom, eu não posto episódio faz um bom tempo.
Acontece é que eu, como vocês, também leio fanfics.
Eu to sem criatividade, mais eu fiquei pensando em criar outro casal pra fic.
Espero que gostem! ❤❤❤

♣BOA LEITURA♠

Capítulo 9 - Episódio 8 "Um novo amor?"


Fanfic / Fanfiction New student new love - Park Jimin - Capítulo 9 - Episódio 8 "Um novo amor?"

Jimin on

Eu acordei com o barulho infernal do despertador, o som mais irritante que pode existir, da vontade de quebrar! Ele não parava, tocava, tocava, vibrava, tocava...

Eu - JÁ CHEGA!!!

Levantei da cama, peguei o despertador e abri a janela

Eu - VAI PRO INFERNO OBJETO DEMONÍACO!!!

Joguei o despertador do prédio com toda minha força. Não demorou nem quinze segundos e o objeto caiu, e se quebrou em dezenas de pedaços. Só ai reparei na cagada que eu fiz, eu ganhei ele de presente da minha mãe. Ah que se foda!

Fechei a janela e a cortina. Pulei na minha cama, me cobri com o cobertor e fiquei em uma posição confortável. Finalmente paz! Estou tão confortável finalmente. espera e a escola? Ah hoje é domingo posso dormir o dia inteiro! 

Estava no meu sono profundo, até que sou interrompido pela porta sendo, praticamente arrombada.

Kook - ACORDAAAAA!! HORA DO SHOW PORRA!! TU FICO EM CASA DORMIU PRA CARALHO!!

meu coração estava a mil. Esse retardado é pior que o despertador!

Eu - VOCÊ QUE ME MATAR DESGRAÇA?!!

Kook - SE É PRECISO TE MATAR PRA TU LEVANTAR DESSA SUA CAMA, SIM!!!

Eu - filha da puta.

Kook - oxii ta chamando nossa mãe de puta?

Eu - nossa esqueci kkkkkk!     

Kook - agora levanta!!! Cadê o despertador que a mamãe te deu?

Eu - abre a janela e olha lá em baixo.

Ele me olhou confuso e caminhou até a janela, puxou a cortina e depois abriu a janela. Ele olhou lá embaixo e arregalou os olhos.

Kook - puta merda Jimin!! Precisava jogar do prédio? 

Eu - agora tô livre desse despertador.

Kook - esqueceu de mim, Jimin?

Eu - agora é você que eu tenho que jogar lá em baixo?

Kook - WHAT?!!!

Eu caio na gargalhada

Eu - tinha que ver sua cara kkkk 

Ele sorri sarcástico

Kook - hahaha muito engraçado. Ele diz sarcástico

Eu fecho os olhos pronto pra dormir de novo

Kook - tu não vai dormir nem fodendo!

Ele segura meu cobertor, mais antes dele puxar eu seguro

Kook - sério que vai ser isso todo dia?!

Ele puxa com mais força e me empurra pra trás com o pé

Eu - ei!! Isso não vale porra!!!

Kook - fazer oque? Tirar você dessa cama é um sacrifício!

Eu - eu não saio daqui!

Eu viro pro canto

Kook - ah vai sim!

Ele agarra meu pé e me puxa pra fora da cama, eu caio de cara do chão. ele cai na gargalhada

Eu - filho da puta!!!   

Eu levanto e ele me olha com medo

Eu - agora você vai ver

Ele arregala os olhos e sai correndo do quarto. eu corro atrás dele, e ele corre pelo apartamento gritando, as vezes agudo, oque me faz rir. Eu agarro ele e o jogo no chão da sala.

Kook - FILHA DUMA PUTA!!  Ele fala rindo

Eu - você grita que nem uma garotinha!   Eu falo rindo do mesmo

Ele fecha a cara e se levanta

Kook - ah vai a merda!   Ele me enche de tapas no braço

Eu - ai, ai, ai, pra que tanta agressividade meu filho?!!

Ele para e olha pro relógio e arregala os olhos

Kook - PUTA MERDA!!

Eu - o que foi criatura?!

Kook - agente ta atrasado pra caralho!

Eu - hoje não é domingo?

Kook - o filhão, você dormiu dois dias seguidos!

Eu - dormi?

Kook - não to surpreso, agora se arruma antes que nois se fode mais!

Eu corri pro banheiro tomei um banho rápido e escovei os dentes, logo depois de mim, o Kook entrou no banheiro pra tomar banho. Fui para meu quarto e escolhi uma calça jeans preta, uma regata preta, um blazer também preto e um all star cinza. Arrumei o cabelo e o deixei meio bagunçado de propósito. Desci e vi o Kook me esperando na porta. Ele usava uma calça jeans preta, uma blusa azul escura de manga longa e um all star vermelho. Descemos e fomos em um mercadinho comprar uns bolinhos, porque esquecemos de tomar café em casa. Chegamos na escola e avistei a (S/n), ela estava linda, trajava uma blusa branca, que mostrava a sua barriga, um blazer preto, uma mini saia preta, botas de cano longo e uma meia calça preta ate suas cochas (não sei o nome, me desculpem). Ela estava perfeita. Ela conversava com o Suga e a Mei. Ela logo me viu, e acenou. Fui até ela, deixando o Kookie Sozinho.


Jungkook on

O Jimin foi em direção a (S/n) pra, provavelmente, beija-la. Entramos para a sala de aula, já que eu sou novo aqui nesse colégio, nunca estudei em Tokyo.

Professor - turma, hoje temos um novo aluno, se apresente.

Eu vou para frente da sala e me apresento

Eu - meu nome é Jeon Jungkook, tenho 16 anos, e espero me dar bem com vocês.  Falei meio nervoso.

Professor - Ok, sente-se.

Eu caminhei até lá atrás da sala, e me sentei. Estáva copiando, até que ouvi batidas na porta.

Professor - entre!

A porta foi aberta lentamente, revelando um garoto de cabelo castanho, pele branca clara. Ele trajava uma calça jeans branca, uma blusa azul escura, uma blusa xadrez preta e branca de manga longa amarrada na cintura e um all star vermelho. Ele está ofegante, parece que correu até aqui.

Professor - atrasado de novo Seokjin!

Seokjin - desculpe professor!

Ele se curva e vem na minha direção. Ele se senta do meu lado, e eu fico o encarando. Passa alguns minutos e ele me encara, pude perceber que ele estava corado. Ele é tão lindo, esses olhos essa pele, esse lábios rosados que eu queria tanto beijar...Foco Jungkook! Ele desvia o olhar. Logo senti minhas bochechas queimarem. Como pode existir uma criatura tão divina? Decido puxar assunto.

Eu - oi

Ele me olha, ainda corado

Seokjin - oi...

Eu - prazer, meu nome é Jeon Jungkook, mas pode me chamar de Kookie.

Seokjin - prazer, meu nome é Kim Seokjin, mas pode me chamar de Jin.

Eu - posso te fazer companhia no intervalo?

Ele cora mais ainda

Jin - tudo bem.

Eu - ok então.

Sorrio e volto a copiar. o tempo passa rápido e o sinal do eintervalo toca. Eu pego meu lanche na mochila e vou para o campo da escola. Lá eu encontro o Jin deitado no chão chorando, e garotos batendo nele. Eles davam socos e chutes no mesmo. Eu corro até eles e dou um soco em cada um, e eles caem no chão.

??1 - vai mesmo defender a bixinha?!

??2 - esse viado tem que aprender!!

??3 - o viadinho de merda tem que ser espancado!!!

Eu - SE VOCÊS CHEGAREM PERTO DELE, OU OLHAREM TORTO PRA ELE, SE CONSIDEREM MORTOS!! EU FUI CLARO?!

Os três - s-sim...

Eu - agora, sumam da minha vista!

Eles saíram correndo, sem ao menos olharem para trás. Eu fui até o Jin, e me agachei perto do mesmo.

Eu - me perdoe Jin, não devia ter demorado.

Abaixo a cabeça triste e decepcionado comigo mesmo.

Jin - o-obriga-do Koo-kie.     Ele diz chorando

Eu o abraço, e ele sede de imediato. Eu afago seus fios de cabelo. Logo nos separamos do abraço, e eu fito o mesmo. Ele estava com vários machucados pelo corpo. O peguei no colo 'estilo noiva' e caminhei até a saída da escola.

Jin - o-oque esta fa-fazendo Kookie?  Ele fala corado

Eu - vou te levar para meu apartamento cuidar de você.   Falei simples

Jin cora violentamente com meu comentário

Jin - é só ir na enfermaria...

Eu - eu disse que EU vou cuidar de você, não a enfermeira.

O mesmo cora, e da um leve sorriso

Eu - porque está sorrindo?

Jin - porque ninguém nunca cuidou de mim...

Ele fala com uma feição triste

Eu - seus pais não cuidam de você?   Falo enquanto o ajudo a entrar no passageiro do meu carro (sim, ele tem o próprio carro, e o Jimin também)

Entro no carro, e dou a partida

Jin - meus pais me odeiam, pelo fato de eu ser gay.   Ele fala triste

Meu coração doeu ao ouvir tal confissão do mesmo

Jin - meus pais e amigos sempre me amavam e cuidavam de mim. Até que um dia contei a eles que sou gay. Depois de confessar a eles, eles sempre me olharam com nojo, me xingaram, me bateram, tentaram me matar...

Eu arregalei os olhos

Eu - seus pais tentaram te matar?!!

Jin - sim, disseram que não queriam um filho gay na família.   Ele começa a chorar

Eu - e o que fizeram?

Jin - me expulsaram de casa, e agora vivo em um quartinho barato, me sustentando trabalhando como striper.

Senti pena do mesmo, ele sofre tanto, ele não merece sofrer desse jeito!

Eu - Jin...

Jin - o que?   Ele fala enxugando as lagrimas

Eu - você pode morar comigo e meu irmão, se quiser.

Ele me olhou espantado. Mais logo esse espanto se tornou um grande sorriso do mesmo. Ao ve-lo ssorrir, sorrio junto.

Jin - sério?   Pergunta animado

Eu - sim, você quer?   Pergunto olhando o mesmo

Jin - adoraria!   Ele fala corado e animado (rimou kkkkk)

Chegamos ao prédio e saímos do carro, o peguei no colo, porque o mesmo estava com dor e não conseguia andar.

Seus olhos brilharam ao ver o prédio, e eu sorri ao ver sua expressão surpresa. Fomos ate o elevador e subimos para o ultimo andar. Entrei com um pouco de dificuldade por ele estar no meu colo, e o coloquei no sofá da sala. Ele ficava admirando a casa de boca aberta, estava em um perfeito "O" seus olhos brilhavam e ele sorria.

Eu - gostou?

Jin - se eu gostei? Eu amei!   Ele fala ainda sorridente

Eu - bem vindo a sua nova casa!  Falo sorridente, por ele estar feliz

Jin - muito obrigado Kookie!

Eu - então, quer tomar um banho?

Jin - sim, onde é o banheiro?

Eu - eu te levo, vou pegar uma roupa minha pra você tabom?

Jin - sim, obrigado.

Eu - vem.

O pego no colo, e o mesmo cora. O levo até o banheiro e o sento no vaso.

Eu - agora pode tomar banho, vou pegar um toalha e uma roupa pra você, Ok?

Jin - Ok.

Vou até o meu quarto e pego uma toalha, um moletom branco e uma bermuda preta. Ouço o barulho do chuveiro sendo ligado então espero. 

Jin - Kookie, pode me entregar a toalha por favor.

Eu vou até o banheiro e abro a porta lentamente, já que ela não estava trancada.

Ao entrar pude ver sua silhueta através do vidro transparente. Ele estava completamente nu, ele é tão lindo. Ele se vira e me vê. O mesmo fica corado, e eu também.

Eu - me, me de-desculpe.

Ele desliga o chuveiro e sai do box e o entrego a toalha. Ele começa a se enxugar, e olha pra meu...membro?

Jin cora violentamente

Jin - Kookie, vo-você e-esta, é...   

Ele aponta para meu membro, e eu olho. Puta merda!! Eu to duro!!! Eu o cubro com minha mão, e entrego as roupas ao mesmo.

Eu - perdão!

Saio dali o mais rápido possível. Ouço risadas do mesmo, e acabo rindo também. Vou até o banheiro do meu quarto abaixo minhas calças e começo a me masturbar. Depois eu lavo minha mão e vou até a sala. Vi Jin assistindo (vocês escolhem o que) na TV, e me sentei do seu lado.

Jin - Já cuidou daquela ereção?   Ele fala segurando pra não rir

Eu - sim.   

Ambos nos olhamos e caimos na gargalhada. Ficamos assistindo _____ enquanto cuidava das feridas do Jin. Até que eu ouvi o estômago do Jin roncar, ele estava corado.

Eu - vou pedir uma pizza, já que meu irmão não vai dormir aqui, e eu não sei cozinhar.

Jin - eu sei.  

Eu - sabe?  O olhei surpreso

Jin - uhum.

Ele se levantou e foi para cozinha. Estava esperando ele, até que ele volta.

Jin - está pronto.

Fui ate a cozinha, e senti um cheiro muito bom. Uau ele sabe mesmo cozinhar. Depois de comermos aquela comida divina! Muito melhor que a do meu irmão, fomos para a sala assistir um filme de terror. Ele ficou me abraçando o tempo todo, até que...


Continua...


Notas Finais


Eai amoras! Trouxe um novo casal para a história!
Espero que tenham gostado!
Vou tentar trazer episódio novo hoje!
Comentem ai o que acharam!
Bjs, abraços e byee!! ♥♥♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...