História Night of Sex (Jelena) - ADAPTADA - Capítulo 14


Escrita por: ~

Exibições 242
Palavras 3.336
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Luta, Mistério, Poesias, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


hello

Capítulo 14 - Capítulo Treze


CONTRATO

No dia __ de _______ de 2016. ("data de início")

ENTRE

O Sr. Justin Drew Bieber, com domicílio no Sky House Condominium , ("o dominante")

E a Srta. Selena Marie Gomez, com domicílio no Urban Living, ("a submissa")

- Conheço isso de algum lugar... – Demi disse.

AS PARTES ACORDAM O SEGUINTE

1- A seguir estão os termos de um contrato vinculativo entre o Dominante e a Submissa.

TERMOS FUNDAMENTAIS

2- O propósito fundamental deste contrato é permitir que a Submissa explore sua sensualidade e seus limites de forma segura com o devido respeito, e cuidar de suas necessidades, limites e seu bem-estar.

3- O Dominante e a Submissa acordam e admitem que tudo o que acontecera sob os termos desde contrato sera consensual e confidencial.

- Demi! – Me chamei sua atenção. – Confidencial?

Demetria assentiu.

- Sim. Tudo o que o dominante faz com a sub... – Ela arregalou os olhos finalmente se tocando. – Cristo!

- Ele quer manter segredo. Ele pensa que você não sabe de nada. – Eu disse andando de um lado para o outro, nervosa.

- Mas ele não lhe disse que a submissa pode aceitar ou negar qualquer coisa antes de assinar o contrato? Você pode ter uma lista de objeções, Selena. – Virei minha mirada rapidamente para ela.

- Ele disse algo sobre, não estava prestando atenção.

- Depois faremos sua lista de objeções, okay?

Assenti com a cabeça. Ficamos em silêncio.

- Eu ainda não acredito que eu estou vivendo Kate e você Anastásia. – Soltei um riso baixinho. – Você não está mais atormentada, está? – Neguei. – Pois vamos continuar com isso então.

Assenti com a cabeça e entreguei novamente o contrato em suas mãos.

3- O Dominante e a Submissa acordam e admitem que tudo o que acontece sob os termos deste contrato será consensual e confidencial, e estará sujeito aos limites acordados e aos procedimentos de segurança que se contemplam neste contrato. Podem acrescentar-se e remover-se limites e procedimentos de segurança adicionas.

Demi olhou para mim e sorriu. Respirei fundo e sorri.

4- O Dominante e a Submissa garantem que não padecem infecções sexuais nem enfermidades graves, incluindo HIV, herpes e hepatite, entre outras. Se durante a vigência do contrato (como se define abaixo) ou de qualquer ampliação do mesmo, uma das partes for diagnosticada ou river conhecimento de padecer de alguma destas de alguma destas enfermidades, comprometesse a informar à outra imediatamente e em todo caso, antes que se produza qualquer tipo de contrato entre as partes.

- Acho que vou ter que marcar ginecologista. – Brinquei para deconstrair.

5- É preciso cumprir as garantias e os acordos anteriormente mencionados (e todo limite de segurança adicional na cláusula 3). Toda infração invalidará este contrato com caráter imediato e ambas as partes aceitam assumir totalmente ante a outra as consequências da infração.

6- Todos os pontos deste contrato devem ler-se e interpretar-se à luz do propósito e os términos fundamentais estabelecidos nas cláusulas 2-5.

FUNÇÕES

7- O dominante será responsável pelo bem-estar e pelo treinamento, a orientação e a disciplina da Submissa. Decidirá o tipo de treinamento, a orientação e a disciplina e o momento e o lugar de administrá-los, atendendo aos termos acordados, os limites e os procedimentos de segurança estabelecidos neste contrato ou acordado ainda nos termos da cláusula 3 acima.

Fiz careta.

8- Se em algum momento o Dominante não mantiver os termos acordados, os limites e os procedimentos de segurança estabelecidos neste contrato ou acordados na cláusula 3, a Submissa tem direito a finalizar este contrato imediatamente e a abandonar seu serviço ao dominante sem prévio aviso.

9- Atendendo a esta condição e às cláusulas 2-5, a Submissa tem que obedecer em tudo ao Dominante. Atendendo aos termos acordados, os limites e os procedimentos de segurança estabelecidos neste contrato ou acordados na cláusula 3, deve oferecer ao Dominante, sem perguntar, nem duvidar, o treinamento, a orientação e a disciplina em todas as suas formas.

INÍCIO E VIGÊNCIA

10- O Dominante e a Submissa assinam este contrato na data de inicio, conscientes de sua natureza e comprometendo-se a acatar suas condições se exceção.

11- Este contrato terá efeito durante um período de três meses a partir da data de inicio ("vigência do contrato"). Ao expirar a vigência, as partes comentarão se este contrato e o disposto por eles no mesmo, são satisfatórios e se estiverem satisfeitas as necessidades de cada parte. Ambas as partes podem propor ampliar o contrato e ajustar os termos ou os acordos que nele se estabelecem. Se não se chegar a um acordo para ampliá-lo, este contrato concluirá e ambas as partes serão livres para seguir sua vida separados.

- Livres para seguir sua vida separados... – Eu repeti olhando para minhas mãos nervosas.

- Você vai conseguir!

- É quase impossível.

- Quase. Não impossível.

Antes que eu pudesse revidar ela voltou a ler o contrato.

DISPONIBILIDADE

12- A Submissa estará disponível para o Dominante desde sexta-feira à noite até o domingo pela tarde, todas as semanas durante a vigência do contrato, com as horas a especificar pelo Dominante ("horas atribuídas"). Podem acordar mutuamente por mais horas, atribuídas como adicionais.

- E eu serei uma espécie de escrava, é isso? – Levantei uma sobrancelha.

- Isso. Uma escrava do sexo. – Demi disse seriamente, corei.

13- O Dominante se reserva o direito a rechaçar o serviço da Submissa em qualquer momento e pelas razões que sejam. A Submissa pode solicitar sua liberação em qualquer momento, liberação que ficará a critério do Dominante e estará exclusivamente sujeito als direitos da Submissa contemplados nas cláusulas 2-5 e 8.

LOCALIZAÇÃO

14- A submissa estará disponível às horas atribuídas e às horas adicionais, nos lugares que determine o Dominante. O Dominante concorrerá com rodos os custos de viagem que incorre a Submissa com este fim.

PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

15- As duas partes discutem e acordam as seguintes prestações de serviços, e ambas deverão cumprir durante a vigência do contrato. Ambas as partes aceitam que podem surgir questões não contempladas nos termos deste contrato de prestação de serviços, e que determinadas questões poderão renegociar-se. Nestas circunstancias, poderão propor-se cláusulas adicionais a modo de emenda. Ambas as partes deverão acordar, redigir e assinar toda cláusula adicional ou emenda, que estará sujeira aos termos fundamentais estabelecidos nas cláusulas 2-5.

- Acho que tenho que te avisar que estamos chegando nas partes fortes e... Injustas para você.

- Injustas? Se são injustas por que estão no contrato?

- Selena. Há pouco tempo você era totalmente contra isso. – Meu rosto queimou. – Não me leve a mal mas, muitas cláusulas não são para você. Não sei se você vai conseguir ser uma passiva.

Eu respirei fundo.

DOMINANTE 

15.1- O Dominante deve priorizar em todo momento a saúde e a segurança da Submissa. O Dominante em nenhum momento exigirá, solicitará, permitirá nem pedirá à Submissa que participe das atividades detalhadas no Apêndice 2 ou em toda atividade que qualquer das duas partes considere insegura. O Dominante não levará a cabo, nem permitirá que se leve a cabo, nenhuma atividade que possa ferir gravemente à Submissa ou pôr em perigo sua vida. As restantes sub-partes desta cláusula 15 devem ler-se atendendo a esta condição e aos acordos fundamentais das cláusulas 2-5. 

15.2- O Dominante aceita o controle, o domínio e a disciplina da Submissa durante a vigência do contrato. O Dominante pode utilizar o corpo da Submissa em qualquer momento durante as horas atribuídas, ou em horas adicionais acordadas, da maneira que considere oportuno, no sexo ou em qualquer outro âmbito.

15.3- O Dominante oferecerá a Submissa o treinamento e a orientação necessários para servir adequadamente ao Dominante.

15.4- O Dominante manterá um entorno estável e seguro para que a Submissa possa levar a cabo suas obrigações para servir ao Dominante.

15.5- O Dominante pode disciplinar à Submissa quanto seja necessário para assegurar-se de que a Submissa entenda totalmente seu papel de submissão ao Dominante e para desalentar condutas inaceitáveis. O Dominante pode açoitar, surrar, dar chicotadas e castigar fisicamente à Submissa se o considerar oportuno por motivos de disciplina, por prazer ou por qualquer outra razão, que não está obrigado a expor.

15.6- No treinamento e na administração de disciplina, o Dominante garantirá que não fiquem marcas no corpo da Submissa, nem feridas que exijam atenção médica.

15.7- No treinamento e na administração de disciplina, o Dominante garantirá que a disciplina e os instrumentos utilizados para administrá-la, sejam seguros, não os utilizará de maneira que provoquem danos sérios e em nenhum caso poderá transpassar os limites estabelecidos e detalhados neste contrato.

15.8- Em caso de enfermidade ou ferida, o Dominante cuidará da Submissa, vigiará sua saúde e sua segurança, e solicitará atenção médica quando o considerar necessário.

15.9- O Dominante cuidará de sua própria saúde e procurará atenção médica quando for necessário para evitar riscos.

15.10- O Dominante não emprestará sua Submissa a outro Dominante.

15.11- O Dominante poderá sujeitar, algemar ou atar a Submissa em todo momento durante as horas atribuídas ou em qualquer hora adicional por qualquer razão e por compridos períodos de tempo, emprestando a devida atenção à saúde e a segurança da Submissa.

15.12- O Dominante garantirá que todo o equipamento utilizado para o treinamento e a disciplina se mantenha limpo, higiênico e seguro em todo momento.

SUBMISSA

15.13- A Submissa aceita o Dominante como seu dono e entende que agora é de sua propriedade e que está ao seu dispor quando o Dominante lhe agrade durante a vigência do contrato em geral, mas especialmente nas horas atribuídas e nas horas adicionais acordadas.

15.14- A Submissa obedecerá às normas estabelecidas no Apêndice 1 deste contrato.

15.15- A Submissa servirá ao Dominante em tudo aquilo que o Dominante considere oportuno e deve fazer todo o possível por agradar ao Dominante em todo momento.

15.16- A Submissa tomará medidas necessárias para cuidar de sua saúde, solicitará ou procurará atenção médica quando a necessitar, e em todo momento manterá informado o Dominante de qualquer problema de saúde que possa surgir.

15.17- A Submissa garantirá que toma anticoncepcionais orais, e que toma como e quando é devido para evitar ficar grávida.

15.18- A Submissa aceitará sem questionar todas e cada uma das ações disciplinadoras que o Dominante considere necessárias, e em todo momento recordará seu papel e sua função ante o Dominante.

15.19- A Submissa não se tocará nem se proporcionará prazer sexual sem a permissão do Dominante.

15.20- A Submissa se submeterá a toda atividade sexual que exija o Dominante, sem duvidar e sem discutir.

15.21- A Submissa aceitará açoites, surras, pauladas, chicotadas ou qualquer outra disciplina que o Dominante administrar, sem duvidar, perguntar nem queixar-se.

15.22- A Submissa não olhará diretamente nos olhos ao Dominante exceto quando lhe ordenar. A Submissa deve abaixar os olhos, guardar silêncio e mostrar-se respeitosa em presença do Dominante.

15.23- A Submissa se comportará sempre com respeito para o Dominante e só se dirigirá a ele como senhor, senhor Bieber ou qualquer outro apelativo que lhe ordene o Dominante.

15.24- A Submissa não tocará no Dominante sem seu rápido consentimento.

ATIVIDADES

16- A Submissa não participará de atividades ou atos sexuais que qualquer das duas partes considere inseguras nem nas atividades detalhadas no Apêndice 2.

17- O Dominante e a Submissa comentaram as atividades estabelecidas no Apêndice 3 e fazem constar por escrito no Apêndice 3 seu acordo a respeito.

PALAVRAS DE SEGURANÇA

18- O Dominante e a Submissa admitem que o Dominante pode solicitar à Submissa ações que não possam levar-se a cabo sem incorrer em danos físicos, mentais, emocionais, espirituais ou de outro tipo no momento em que lhe solicitam. Neste tipo de circunstâncias, a Submissa pode utilizar uma palavra de segurança. Serão incluídas duas palavras de segurança em função da intensidade das demandas.

19- Será utilizada a palavra de segurança "Amarelo" para indicar ao Dominante que a Submissa está chegando ao limite da resistência.

20- Será utilizada a palavra de segurança "Vermelho" para indicar ao Dominante que a Submissa já não pode tolerar mais exigências. Quando se disser esta palavra, a ação do Dominante cessará totalmente, com efeito imediato.

CONCLUSÃO

21- Os abaixo assinantes têm lido e entendido totalmente o que estipula este contrato. Aceitamos livremente os termos deste contrato e com nossa assinatura damos nossa conformidade.

___________________________________________

Dominante: Justin Bieber

Data:

___________________________________________ 

Submissa: Selena Marie Gomez

Data:  

- Onde está o envelope? – Demi perguntou assim que terminou de ler o contrato.

- O que?

- O envelope onde estava o contrato. Tem mais coisa para ler. – Balancei a cabeça – Não me diga que ele só enviou isso, por favor.

A campainha tocou. Olhei para ela e nós duas fomos na direção da porta.

Abri a porta e me deparei com um garoto de não mais que 12 anos. Ele olhou para mim depois para Demi e corou.

- Selena Gomez? – Ele perguntou olhando de mim para Demi.

- Sou eu. – Eu disse sorrindo, Demi segurou o riso e se virou de costas. O garoto me entregou um envelope e eu entrei para dentro.

Demi deu um beijinho na testa dele, agradecendo. O garoto quase caiu. Fechamos a porta e rimos como loucas.

- Deus do céu, Demetria! – Reclamei com pontadas na barriga, sem parar de rir. – Você enlouqueceu o garoto!

- Acho que ele está "apaixonado" por mim. Ouça. – Parei com o barulho.

- Estou falando sério, Charles. – A voz do garoto soou no corredor. – Ela era muito gata. De olhos azuis, corpão e rosto bonito! Acha que eu teria chances com ela?

- Para de viajar, Lucas. – Uma nova voz disse. – A garota já deve ser casada, deve estar namorando e é séculos mais velha que você. Melhor volta a pensar na Mellissa!

- Você é louca! – Eu disse subindo para meu quarto. – O envelope é de Justin, talvez seja o resto do contrato ou o que seja.

Entreguei o envelope na mão de Demi e sentei na cama. Ela tirou folhas de dentro do mesmo e iniciou a leitura.

 APÊNDICE 1

NORMAS 

Obediência:

A Submissa obedecerá imediatamente todas as instruções do Dominante, sem duvidar, sem reservas e de forma expedita. A Submissa aceitará toda atividade sexual que o Dominante considere oportuna e prazerosa, exceto as atividades contempladas nos limites infranqueáveis (Apêndice 2). O fará com entusiasmo e sem duvidar.

Sono:

A Submissa garantirá que dorme no mínimo oito horas diárias quando não estiver com o Dominante.

Comida:

Para cuidar de sua saúde e seu bem-estar, a Submissa comerá frequentemente os mantimentos incluídos em uma lista (Apêndice 4). A Submissa não comerá entre horas, à exceção de fruta.

Roupa:

Durante a vigência do contrato, a Submissa só vestirá roupa que o Dominante tenha aprovado. O Dominante oferecerá à Submissa um orçamento para roupas, que a Submissa deve utilizar. O Dominante acompanhará à Submissa às compras de roupas quando for necessário. Se o Dominante assim o exigir, enquanto o contrato esteja vigente, a Submissa ficará com os adornos que lhe exija o Dominante, em sua presença ou em qualquer outro momento que o Dominante considere oportuno.

Exercício:

O Dominante proporcionará à Submissa um treinador pessoal quatro vezes por semana, em sessões de uma hora, a horas convencionadas pelo treinador pessoal e a Submissa. O treinador pessoal informará ao Dominante dos avanços da Submissa.

Higiene pessoal e beleza:

A Submissa estará limpa e depilada em todo momento. A Submissa irá a um salão de beleza eleita pelo Dominante quando este o ditar e se submeterá a qualquer tratamento que o Dominante considere oportuno. O Dominante concorrerá com todos os gastos.

Segurança pessoal:

A Submissa não beberá em excesso, não fumará, não tomará substâncias psicotrópicas, nem correrá riscos desnecessários.

Qualidades pessoais:

A Submissa só manterá relações sexuais com o Dominante. A Submissa se comportará em todo momento com respeito e humildade. Deve compreender que sua conduta influi diretamente na do Dominante.

Será responsabilizada por eventuais delitos, desmandos e os excessos cometidos quando não na presença do Dominante.

Ao descumprimento de qualquer das normas anteriores será imediatamente castigada, e o Dominante determinará a natureza do castigo.

APÊNDICE 2

Limites Rígidos

 

Sem atos com fogo.

Sem atos com urina, ou defecção e seus produtos. Sem atos com agulhas, facas, perfurações e sangue.

Sem atos envolvendo instrumentos médico ginecológico.

 Sem atos com crianças ou animais.

Sem atos que deixem marcas permanentes na pele. Sem atos relativos ao controle da respiração.

Sem atividade que implique contato direto com corrente elétrica (tanto alternada como contínua), fogo ou chamas no corpo.

APÊNDICE 3

Limites Suaves

A discutir e acordar por ambas as partes:

Qual dos seguintes atos sexuais são aceitáveis para a Submissa?

Masturbação

Felacão

Cunnilingus

Penetração vaginal

Fisting vaginal

Penetração anal

Fisting anal

A ingestão de sêmen é aceitável para a Submissa?

O uso de brinquedos sexuais é aceitável para a Submissa?

Vibradores

Consoladores

Plugues anais

Outros brinquedos vaginais/anais

A Submissa aceita o uso de Bondage?

Mãos na frente

Mãos atrásTornozelos

Joelhos

Cotovelos

Pulsos aos tornozelos

Barras de amarração

Amarrada ao mobiliário

Vendar

Colocação de mordaça

Bondage com cordas

Bondage com fita adesiva

Bondage com algemas de couro

Suspensão

Bondage com algemas de metal/restrições

Quanto de dor a Submissa está disposta a experimentar?

Onde 1 equivale a que gosta muito e 5, a que lhe desgosta muito:

1 – 2 – 3 – 4 – 5

Aceita a Submissa as seguintes forma de dor/castigo/disciplina? Onde 1 é para nenhum e 5 é para grave: 1 – 2 – 3 – 4 – 5

Açoites

Açoites com pá

Chicotadas

Açoites com vara

Mordidas

Pinças para mamilos

Pinças genitais

Gelo

Cera quente

Outros tipos/métodos de dor

Estremeci e olhei fixamente para Demetria, os olhos arregalados de medo.

- Vou te dar 24 horas para fazer sua lista de objeções, Selena. Quero que pense bem em tudo o que lemos. Qualquer coisa consulte o contrato ou até mesmo eu, okay?

- Por que você está sendo tão formal, Demi?

- Selena, esse é um assunto sério. A gente tem que conversar seriamente.

- Batman.

- Você tem o e-mail dele?

- Sim. 

Peguei o notebook e já logo enviei um email para Justin.

 

De: Selena Gomez

Para: Justin Bieber

Assunto: Hey

Acabo de ler seu contrato, você é louco. Nós somos loucos.

Sel *-*

 

- Conversa com ele, faz charminho e o enlouqueça. Deixe esse homem na palma da sua mão. Tchau.

Antes que eu pudesse responder, ela saiu do quarto. Educação ao extremo!

 

De: Justin Bieber

Para: Selena Gomez

Assunto: Obedecer é essencial

Não mandei você se deitar assim que chegasse em casa? Você deveria estar DESCANSANDO, Selena. Vá dormir.

Bieber, CEO

 

Pensei em mandar: DESCANSANDO? Não há motivos para descansar. Vai mandar em mim agora? Mas me lembrei que iria encontrá-lo amanhã em seu escritório e ão queria correr riscos.

 

De: Selena Gomez

Para: Justin Bieber

Assunto: Obedecer é uma opção

Não tive nem um pouco de sono, e eu não sou obrigada a nada. Você ainda não manda em mim, baby.

Sel *-*

 

Ele vai PIRAR.

 

De: Justin Bieber

Para: Selena Gomez

Assunto: Garota abusada

Ainda não, Selena Marie.

Agora vá dormir, preciso tirar você da minha mente. Está me deixando duro.

Bieber, CEO

 

EPA! Duro? Com emails? Acho que tenho um poder grande sobre alguém.

 

De: Selena Gomez

Para: Justin Bieber

Assunto: Pensamentos insanos

Está tendo pensamentos pervertidos comigo, Bieber? Temo dizer que estou lembrando da sensação de ter você no meu interior, me fazendo sentir prazer...

Preciso de você.

Boa noite.

Sel *-*

 

Esse email me excitou.

 

De: Justin Bieber

Para: Selena Gomez

Assunto:  Eu e você

"Temo" lhe dizer que também estou pensando nisso e que preciso de você. Acha teria como me colocar para dentro de seu apartamento durante a noite? Seria ótimo, para nós dois.

Bieber, CEO

Oh meu Deus!

Essa é a melhor proposta que já tive em minha vida.

 

De: Selena Gomez

Para: Justin Bieber

Assunto: Perfeito

Tome cuidado com nossa vizinha da frente, ela é fofoqueira.

Me envie um email quando estiver saindo de casa, vou destrancar a porta e te esperar na minha cama. Boa noite.

Sel *-*

Desliguei o note e me joguei na cama. Fechei os olhos e dormi sem nem perceber.


Notas Finais


HOY ES NOCHE DE SEXO
VOY A DEVORARTE NENA LINDA


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...