História Nightmare Gods - Capítulo 3


Escrita por: ~

Exibições 14
Palavras 878
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Fantasia, Lemon, Magia, Mistério, Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Canibalismo, Linguagem Imprópria, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Notas da Autora


Eu acho que esse cap tá meio grande!!!
kkkkk
demorei uns...2 dias pra escrever, e o cap todo no caderno deu umas...vou contar aq...4 páginas, muito pouco né non?
quando estava escrevendo, eu tipo que tive uma leve amnésia e esqueci o nome dos personagens kkkk nossa

Capítulo 3 - The White hair: new student


Fanfic / Fanfiction Nightmare Gods - Capítulo 3 - The White hair: new student

​Andei até a ilha da cozinha me sentando nela e olhando fixamente para a panela no fogão que cozinhava os ovos de Shinji, a água que de tão quente que borbulhava e respingava para fora da panela. Keiko se direcionou a um dos armários da cozinha pegando uma caixa daqueles cereais coloridinhos com suas caixas enfeitadas de personagens infantis, unicórnios e pandinhas.

​-​ Você quer cereal como café da manhã?​- ela disse sacodindo a caixa na minha cara e indo pegar a minha tijela predileta em outro armário da cozinha, ela tinha desenhos de um urso pardo e um urso polar, eu acho... (rillakkuma)

-Pode ser​- sai de cima da ilha, colocando os meus pés no chão gelado da cozinha- Vou tomar banho!​- caminhei calmamente para fora da cozinha e sem perceber esbarrei em um corpo que cheirava um forte perfume masculino...cheiro familiar! Há, quem poderia ser? HaHa, o ser-humano chamado Shinji. Levantei minha cabeça olhando para sua face (sim, ele é maior que a avaron), sua cabeleira grisalha bagunçada e sua cara que demonstrava sono

​-P-perdão Shinji!!!!​- disse assustada, o mesmo poderia me responder arrogantemente, pois havia acabado de acordar, mais, felizmente ele só me ignorou e adentrou a cozinha cambaleando, ri pelo nariz e caminhei até o banheiro.

{=Banheiro=}

Coloquei minha toalha na pia, abri a torneira da banheira, coloquei um pouco de sabonete na água. Meu cabelo negro estava preso, a água que cobria o meu corpo até o meu pescoço,

o vapor que borrava o espelho e o barulho dos movimentos que a água quente da banheira fazia ecoava pelo banheiro, era impossível não se acalmar com aquilo tudo?!

-​Avaron, ande logo quero tomar o meu banho- assustei com as batidas de shinji na porta.

-​Okay, já estou acabando!​- disse logo pegando o sabonete, shampoo e condicionador e fazendo as minhas higienes. O banho foi tão rápido que quando me toquei já estava no meu quarto vestida o uniforme típico negro japonês e os meus longos cabelos negros já penteados, coloquei minha mochila azul marinho em meu ombro direito e fui correndo escada a baixo ao encontro de Keiko e Shinji.

​-Tchau, espero que tenham um ótimo dia!!​- passei correndo pelos dois que estavam na sala, Keiko vendo o jornal e Shinji comendo os ovos cozidos, desejei um ótimo dia aos dois pois não iria velos cedo por conta da escola e o tabralho.

​{=Na Rua=}

​O céu estava nublado, a rua bem silenciosa com poucas pessoas, um vento forte que fazia as folhas das árvores dançarem, a brisa que fazia a minha franja cair sobre os meus olhos e que assobiava em meus ouvidos. No meio daqueles minutos de calma que tive na rua, senti uma atmosfera diferente preencher, passos surgiram atrás de mim, pareciam estar a poucos metros de distância e se aproximavam bem rápido, na hora congelei e fiquei ali parada no meio da calçada olhando fixamente para os meus tenis vermelho sangue,

​Senti um perfume, era bom mais não me sentia muito confortável, de repente um garoto com uniforme colegial negro e cabelos brancos um pouco bagunçados passou ao meu lado, suas mãos nos bolsos da calça social.

​Ele continuou a caminhar com passos calmos e aquela estranha energia que sentia o acompanhava, observei ele se afastar e desaparecer entre as poucas pessoas que haviam na rua.

​Voltei a caminhar, estava a alguns minutos de distância do colégio, enquanto caminhava entre alguns trabalhadores e colegiais mais jovens senti um tapa no meu ombro.

-Avaron!!​- escutei um gritinho do meu lado, quando vi era Kumi, minha melhor amiga desde...desde que entrei naquele colégio, é ótimo ter alguém como ela como companhia quando todos da escola não gostam de você!

​No caminho inteiro até a escola ficamos conversando sobre como foi as nossas férias de verão. Senti que deveria contar sobre o pesadelo que tive essa noite mais deixei para depois...

{=Na escola=}

​Tentei me enfiar na multidão de alunos que se espremiam na escada para que pudessem subir e chegar ao andar onde suas salas ficavam, fui cuspida pela multidão no terceiro onde haviam as salas do nono e primeiro ano.

-Arrgh​- resmunguei baixinho, aquele não era o meu andar e todos os alunos que estavam ali me encaravam, comportando e se sentindo os mais velhos e donos do pedaço, como odeio isso é tão clichê!

​Me enfiei novamente na multidão chegando graças aos alunos que me empurravam e graças a deus no andar da minha sala (quarto andar segundo e terceiro ano).

-Uffa​- suspirei de alivio e um pouco ofegante.

​BAAM!!

​Escutei um barulho que me assustou logo ao meu lado, afastei rapidamente e enxerguei um objeto não identificado no chão, a Kumi.

-​Meu deus, o que aconteceu?​- perguntei para ela arrumando a minha mochila nas costas-​ Vamos logo se não nos atrasaremos e não conseguiremos achar um bom lugar no mapeamento!​- disse correndo para a sala de aula e logo atrás Kumi se levantou e me seguiu parecendo um morto-vivo.

​Entramos na sala e os alunos já estavam sentados em suas carteiras, eu e Kumi sentamos nas que estavam livres, o professor entrou colocando cuidadosamente seus materiais na sua mesa, ele olhou para os alunos e falou de um jeito calmo.

​-Deem boas vindas ao novo colega de vocês...

 


Notas Finais


escrevi com pressa então me perdoem se tiver algum erro ortográfico na historia!
espero que tenham gostado ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...