História Nightmares and Consequences - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Suga, Tae, Taegi, Taehung, Yoongi
Exibições 17
Palavras 479
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


OI!, espero que (leiam e) gostem...

Aviso: Lágrimas vão rolar.

Sem mais, boa leitura.

Capítulo 1 - Capítulo Único - "Nigthmares or consequences"



(Narrado em primeira pessoa - Min Yoongi)

 

Eu olho fixamente em seus olhos. Em meio a toda dor e medo, não posso acreditar que isso está acontecendo. Minhas mãos, que  seguravam a sua, estavam cheias de sangue, do seu sangue que manchou toda sua roupa e que formou uma poça embaixo do seu corpo. Vê-lo morrer diante dos meus olhos e não poder fazer nada é realmente perturbador. Mesmo assim não me afastei, sim, permaneci estático, imóvel, lhe olhando pelos últimos instantes que ainda lhe restam, pelos últimos minutos que podemos permanecer juntos. 

A dor em meu coração é indescritível e olhá-lo dessa forma não está ajudando em nada, mas não quero nem pensar em como seria pior se eu não estivesse aqui, me culparia pelo resto da minha vida, que não será muito longa. Lágrimas rolam intensamente por minhas bochechas e por mais que eu quisesse secá-las não tenho forças para tal, toda energia já deixou meu corpo. 

Seus olhos começam a se fechar e eu me desespero, grito para que eu não os feche, no entanto, de nada adianta. Escuto ao fundo o som da sirene de uma ambulância, porém é tarde demais. Deito sobre seu peito e continuo a chorar.  Ao fundo há apenas a melodia da sirene porém escuto algo que chama minha atenção, me conforta e ao mesmo tempo que estilhaça.

— Eu... t-te amo... - Tae sussura, quase inaudível. 

— Eu também te amo – eu respondi, entre soluços, ainda deitado sobre ele. Eu não consigo que esse era seu fim, pelo menos ele estaria em paz. 

Os enfermeiros me afastam de seu corpo e começam a lhe examinar. Minha visão escurece então de repente sinto alguém chacoalhar meus ombros.

— Yoongi! Yoongi! – ouço a voz que eu tanto conhecia me chamar, abafada, sussurrando um grito – Yoongi acorda! – desta vez sua voz está mais firme. 

Eu abro os olhos lentamente, percebendo que eu estou em minha cama, sentado, com as mãos de Taehyung em meus ombros. Ele está limpo, sem nenhuma marca de sangue e veste um de seus pijamas habituais, já eu estou suado e com dificuldades para respirar. Nos olhamos por alguns segundos. 

— Você estava tendo outro pesadelo? – pergunta me abraçando.

— É... acho que sim – permanecemos abraçados por alguns minutos.

— Quer me contar? – disse, libertando-me de seus braços. 

— V-você... tinha m-morrido – respondo olhando fixamente em seus olhos. 

— Eu estou aqui e sempre vou estar, okay?! – ele diz suavemente, com um sorriso tímido nos lábios, eu balanço a cabeça concordando com o que ele disse – Vamos voltar a dormir agora. 

Eu me deito de lado e ele faz o mesmo, ficando de frente para mim. Começa a acariciar meus cabelos, olhando em meus olhos e repetindo, diversas vezes, "eu vou estar sempre aqui". Em alguns minutos meus olhos começam a pesar, então o ouço sussurrar:

— Eu te amo... – sorrio e o sono me toma por completo.


Notas Finais


Espero que tenham gostado.
Caso ainda esteja vivo/a (o que não aconteceu comigo, que morri a cada vez que revisei - que se não me foram duas ou três) comente e se gostou favorite, pois me ajuda a saber ^^.

Beijinhos...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...